10 motivos para conhecer o Michigan – Parte 1

2
171
Acervo pessoal
Advertisement

Certamente quando a maioria das pessoas pensa em Estados Unidos, logo surgem imagens de belas praias da Florida ou Califórnia, ou então cidades impactantes como New York ou Boston. Quem pensaria em vir conhecer o estado do Michigan, no interior nortenho americano? Literalmente no fim do país, nosso estado faz divisa com o Canadá e é ao mesmo tempo isolado e cheio de encantos. É um lugar que chegamos (devido ao trabalho do meu marido) de mala, cuia e filhos, sem eu nunca ter visitado antes e agora já completo 3 anos vivendo nessa terra do norte que chamo de casa.
Listo abaixo 10 atrativos para trocar (ou incluir) na tradicional viagem americana um estado cheio de atividades diferentes e bonitos visuais aqui no fim da América. Como as informações sobre o Michigan são muitas, a coluna deste mês será dividida em duas partes: a primeira logo abaixo, com 5 das razões para visitar o MI, e os 5 itens restantes ficarão para a próxima coluna, que será publicada em seguida.

1- Detroit
A principal cidade do estado do Michigan é Detroit, famosa por ser um dos maiores pó,los automobilísticos do mundo (GM, Ford e Chrysler tem suas sedes aqui) e por possuir uma longa história sucesso e fracasso automotivo e financeiro nas ultimas décadas. Mas é conhecida também por seus belos parques, pelo entusiasmo esportivo e ambiente cosmopolita. Não, Detroit não é a capital do estado (Lansing, sim) mas ela se comporta como tal. Metro Detroit (como é chamada a área metropolitana) conta com mais de 4 milhões de habitantes. É banhada pelo Detroit River e é palco de grandes shows e musicais, por isso ao vir para cá confira se sua banda predileta estará na cidade. Os jogos nas grandes arenas esportivas são parte da alma da cidade, e a vida cultural inclui visitas a museus como o mundialmente famoso Henry Ford Museum, espetáculos de jazz, e baladas techno também (a cidade é conhecida como berço desse estilo musical no início dos anos 80).
O enorme crescimento econômico no século XIX também deixou como herança belos monumentos e locais históricos que valem a pena ser visitados. Não é a toa que Detroit foi a primeira cidade do mundo a receber a nomeação de “City of Design” pela Unesco em 2015.

2 – Esportes Americanos
Torcer ao vivo num estádio é um programa emocionante para homens e também mulheres (mesmo quem não é fã de esportes em geral fica encantado com a vibe que se tem aqui). Assistir futebol americano (torcendo pelo Detroit Lions), baseball (Detroit Tigers), Hockey no gelo (Red Wings) ou basquete (Detroit Pistons) é parte da cultura da região. Os times acima fazem parte das grandes ligas americanas como NBA e NFL, sempre jogando contra outros importantes times do pais. E mais do que jogos, as partidas incluem narração, shows, games, apresentações musicais e a deliciosa (mas não muito saudável) junk food tipicamente americana servida nos estádios.

3 – Inverno – Ski, Snowboard e outras atividades
Se a sua visita ao Michigan for entre os meses de dezembro a março, se prepare para incluir a neve no roteiro. Nosso estado fica coberto de gelo e muito branco, e todas estações de ski abrem para receber esportistas e visitantes. São mais de 20 opções de resorts, com atividades para adultos e crianças, além de aulas e campeonatos, piscinas aquecidas (ao ar livre!), passeios de sleddogs (trenós com cães), ziplining (tirolesas), e até ski noturno. Aqui se começa a esquiar desde cedo, e não é raro avistar pequenos esquiadores de não mais de 2 ou 3 anos deslizando pista abaixo. Também se brinca muito com tubing (bóias infláveis que descem em alta velocidade por enormes bowls de gelo) e a tradicional patinação no gelo, em lagos ao ar livre ou mesmo em estádios indoor onde se pratica hockey. Emoções e diversão não faltam nessa época do ano por aqui.

4 – Verão – Colheita de Berries e Great Lakes
Se seus planos incluem visitar o Michigan entre maio e setembro, o panorama é convidativo: muito calor, noites agradáveis e um dia que dura até às 9 ou 10pm. Nosso estado conta com 4 dos maiores lagos do mundo, que mais parecem um oceano à primeira vista. As praias têm areia branquinha e oferecem um verão a ser intensamente desfrutado. Os lagos Erie, Huron, Michigan e Superior rodeiam nossas cidades e fornecem peixes de água doce e outras delícias típicas da culinária local. Alugar um barco é muito fácil (aqui não necessita habilitação especial pra dirigir lanchas ou jet skis, apenas a carteira de motorista normal) e passar o dia navegando por águas cristalinas e conhecendo dunas é um programa imperdível.
As frutas silvestres do Michigan são outro ponto alto do verão. Aqui você pode ir a uma fazenda e colher seus próprios berries. São blueberries, blackberries, strawberries, raspberries e cherries, entre outros, que além de muito saudáveis e fonte de antioxidantes e vitaminas, são deliciosos como em nenhuma outra parte do mundo. Na colheita você já pode comer o quanto conseguir, e no final pesa o seu balde, paga e leva para casa o que colheu. Normalmente a colheita é tamanha que se pode congelar parte dela. É uma sobremesa garantida por meses que faz a alegria das crianças.

5 – Preços mais acessíveis
Compras fazem parte de quase qualquer roteiro de viajantes que vem aos EUA. Por aqui não poderia ser diferente. Temos shoppings de alto padrão, com as maiores grifes e marcas, e contamos também com muitos outlets no mesmo estilo da Flórida, com preços inacreditáveis. Por ser uma área interiorana, as marcas acabam recebendo itens com valores reduzidos. Um mesmo produto na Target de Miami pode custar até 10% mais que o mesmo aqui, e na GAP por exemplo, num dia de sorte e de promoções, se encontram camisetas infantis e blusa de adulto a menos de 1 dólar. Já recebi em casa amigos e família que vieram fazer enxoval de bebê aqui, em alternativa a Miami ou Orlando, justamente por essa diferença de preços. Muitas vezes as passagens aéreas (temos vôos diretos de SP a Detroit) também são mais baratas, por ser um destino menos procurado. Aluguel de carro e até alimentação são bem mais em conta que nas capitais famosas, o que torna Michigan um destino de compras muito econômico e que permanece ainda inexplorado, já que a maioria dos turistas acredita que a Flórida ainda é o lugar mais barato para se comprar.

Aguardem a coluna seguinte e os próximos 5 motivos para visitar o nosso Mitten State, como é conhecido o Michigan por aqui, por ter no mapa um formato territorial igual a uma luva de inverno, alegremente acenando.

2 Comentários

  1. Olá Jenny! Legal ler sobre Michigan! Aumentou um pouco mais meus pocos conhecimentos sobre os USA! Sempre bom ler à maneira livre e estimulante que voce escreve, quero ler mais e mais! Sabe Jenny, pelo meu jeito de ver, entendo que voce curti muito à vida ai em Michigan. No inicio, quando soube que iriam mudar para o USA, pensei comigo mesma, ” à Jenny nunca vai ficar lá morando, depois de uns 3 meses quererá voltar para o Brasil “! Me enganei, e fico feliz por voce e tua familia, seria horrivel caso voce quisesse ir embora. Se voce te sentisse infeliz más tivesse que fazer sacrificio pelo trabalho do seu marido. Legal saber que voce realmente se sente bem, curti e até gosta dá vida que tem ai! Parabéns e continue à escrever, estou esperando o terceiro livro, quando sai? Beijao, obrigado mesmo pelo bom resumê de Michigan! Beijos

  2. Excelente post, Jenny! Conheci meu namorado no Rio e ele é Michigander. Confesso que quando ele me convidou para visitar a família no Michigan eu não dava nada por esse estado, mas estava muito enganada! Visitei lugares incríveis e que me deixaram de queixo caído, como o Meijer Gardens em Grand Rapids, Holland, Ludington… e um dia ainda visitarei as Pictured Rocks ao norte do pure Michigan! Acho válido falar também que Detroit é uma ótima cidade para turistar, porém é muito perigosa e existem áreas extremamente pobres, abandonadas e que foram devastadas pelo incêndio de 1967. Por isso, é bom tomar cuidado quando for lá. Em relação aos preços, compensa bem mais mesmo!!!! Ansiosa pelo próximo post! 😀

Deixe um comentário

Por favor inclua o seu comentário
Por favor escreve o seu nome aqui