10 Atrações turísticas em Calgary, no Canadá

0
162
Advertisement

O Canadá é o segundo maior país do mundo; perdendo apenas para a Rússia, ele possui uma área de 9.976.139 quilômetros quadrados. A maioria dos canadenses (80%) vive em cidades. De acordo com as estimativas de 2002, 34% da população vive nas três maiores cidades: Toronto, Montreal e Vancouver, localizaras nas províncias de Ontario, Quebec e British Columbia, respectivamente. Por esse motivo, as outras províncias Canadenses acabam ficando um pouco esquecidas.

Eu moro em Edmonton, capital da província de Alberta, mas já viajei bastante pelo País. A última cidade que fomos conhecer foi Calgary, localizada a 295 km ao sul de Edmonton. Calgary é a terceira maior cidade do Canadá, maior cidade da província e quinta maior região metropolitana do país. Fundada em 1875, é um enorme centro financeiro e comercial, onde estão localizadas as sedes das maiores empresas de petróleo do país e do mundo.

Calgary está localizada a apenas 80km das montanhas rochosas e a 126km da cidade de Banff. Em alguns pontos mais altos da cidade, é possível ver os picos de algumas montanhas mais próximas.

Calgary tem vários pontos turísticos. O mais famoso deles, e cartão postal da cidade, é a Calgary Tower. A torre fica a 1228m acima do nível do mar e tem 191m de altura (o equivalente a um prédio de 60 andares), um deck panorâmico de 360° e é toda feita de aço e ferro. No topo da torre está localizado um restaurante giratório, Sky 360 Restaurant. O preço para subir na torre é bem salgado, $18 o ingresso adulto, mas se for almoçar – ou quem sabe jantar – no restaurante, não precisa pagar para subir.

Bem próxima à torre fica a Stephen Avenue, que em alguns horários do dia é fechada para carros e se torna um paraíso das compras, cheia de lojas, 9 shoppings, lar dos melhores bares e restaurantes de Calgary e local para se ver muitos artistas de rua. Nos horários de pico, chegam a ter de 5mil a 10mil pedestres passeando por lá.

O centro da cidade é cheio de bares, pubs, restaurantes, centros comerciais, shoppings, praças públicas e esculturas. O rio Bow River corta a cidade em norte e sul. Próximo ao centro da cidade está localizado o Prince Island Park, um parque de aproximadamente 20 hectares, ligado ao bairro Eau Claire por três pontes. A ponte mais famosa e mais recente é a Peace Bridge, construída em 2012 com o objetivo de acomodar o crescente fluxo de pedestres e ciclistas no centro da cidade.

Foto: arquivo pessoal

No geral, o parque é lindo, super arborizado, cheio de trilhas, atividades e festivais o ano todo, os mais famosos são: Festival de Música do Povo de Calgary, Shakespeare in the Park, o Carifest, o Canada Day, Heritage Day, o Afrikaday e o Barbecue on the Bow, assim como outros eventos.

Foto: Peace Bridge, arquivo pessoal

Calgary foi a primeira cidade do Canadá a sediar as Olimpíadas de Inverno, em 1988. Para sediar os jogos, foi construído na época no Canada Olympic Park. Atualmente o local é aberto ao público durante o ano inteiro. No inverno, é possível praticar esportes como Downhill, Snowboard e Cross-Country Skiing e, no verão, ciclismo e tirolesa. Ainda no clima olímpico, na mesma época foi construído no centro da cidade o Olympic Plaza, um enorme parque usado para as premiações e entrega de medalhas. Atualmente o local é super agradável para piqueniques e passeios com a família.

O Olympic Saddledome é o estádio mais famoso da cidade, com capacidade para 20 mil espectadores, e é nele que acontece o famoso Calgary Stampede, considerado o maior rodeio do mundo, que existe desde 1912, realizado na primeira semana de julho. O evento reúne peões de diferentes países em competições de montaria e laço. Eles disputam um prêmio total no valor de 775 mil dólares canadenses. O primeiro lugar, inclusive, já foi conquistado pelo brasileiro Adriano Moraes, em 1994.

Outra atração é o Parque de Exposições de Stampede, que fica aberto para visitação durante o ano inteiro. Mesmo que a visita à cidade seja fora da festa dos cowboys, vale a pena incluir o parque no programa. Lá estão pistas de corridas de cavalo, rinques de hóquei sobre o gelo, instalações para eventos e feiras.

Calgary também é famosa pelos vários museus. O mais famoso e maior museu do lado oeste do Canadá é o Glenbow Museum, localizado no centro da cidade, com mais de 93 mil pés quadrados (8.600 m²) de espaço para exposições, em mais de 20 galerias, expondo uma seleção da coleção do Glenbow de mais de um milhão de objetos.

Outro museu famoso é a Lougheed House, construída em 1891 para ser a moradia da família do Senador Lougheed. A casa hoje é um patrimônio histórico do país. Ao longo da história, a casa já foi residência, centro e treinamento para mulheres, base feminina militar e até uma clínica para doações de sangue. No ano 2000, a casa foi restaurada e transformada em museu.

Foto: Lougheed House, arquivo pessoal

Por fim, mas não menos importante, o Calgary Zoo é o zoológico mais visitado do Canadá e casa de mais de 130 espécies de animais de diferentes locais do globo. São vários tipos de insetos, aves, répteis e mamíferos. A atração mais famosa do local são os cangurus e coalas australianos.

Calgary é uma cidade incrível, com várias atrações para toda a família aproveitar durante o ano todo.

Foto: arquivo pessoal
Compartilhe
Texto anteriorGravidez e parto na Itália
Próximo textoMercado de Dongguan e o “Fede-Fede”

Elisa se formou em Direito pela PUC-Goiás aos 21 anos e se tornou advogada aos 22. Aos 23 se mudou de Goiânia para tentar uma vida nova num país onde qualquer temperatura acima de 0°C já é vantagem. Atualmente mora no Canadá com seu marido. Típica leonina, é apaixonada por viagens, conhecer culturas diferentes, cachorros, bons livros, séries de TV e alimentação natureba. Super conectada, acredita que a internet pode transformar vidas (tanto que até conheceu o seu noivo através de um aplicativo de paquera). É autora do blog Casei e Mudei.

Deixe um comentário

Por favor inclua o seu comentário
Por favor escreve o seu nome aqui