Canadá – Ser mãe de cachorro no Canadá

1
855
Advertisement

Com o advento dos “tempos modernos”, muitas famílias têm optado pelos animais de estimação ao invés de filhos. As razões para essa troca são várias, mas esse post não é para discuti-las. Dia após dia aqui no Canadá as pessoas têm mais bichinhos dentro de casa, e como tudo aqui é bem organizado, a compra, venda e até a posse e propriedade de animais domésticos é bem regulamentada.

Recentemente eu e meu noivo compramos um filhote de cachorro da raça Schnauzer, o nome dela é Maggie e hoje ela tem 4 meses de idade. Essa decisão foi muito pensada, esperada e planejada, afinal, estávamos escolhendo a nossa melhor amiga e companheira para os próximos anos.

IMG_3502
Maggie em nossa viagem a Banff, em frente ao Lake Louise

No Canadá é muito comum que raças de cachorro sejam misturadas, como schnoodle (schnauzer + poodle), morkie (maltês + yorkie), e  muitas outras misturas malucas que eu não gosto tanto. Achar um cão purebreed – de raça pura – é uma tarefa e tanto, e pode sair bem mais caro.

Compramos nossa Maggie através do site kijiji.ca, nele é possível comprar, vender e alugar de quase tudo, desde casas e apartamentos, móveis, eletrodomésticos, carros, ingressos de show a animais de estimação. Ainda é possível comprar várias espécies de animais como cães, gatos, coelhos, cobras, lagartos, aves e até peixes em lojas especializadas. Cada cidade também conta com um abrigo de onde é possível adotar animais abandonados ou perdidos.

Depois da escolha e compra do animal, existem muitos outros detalhes para os quais deve ser dada a devida atenção. Na cidade onde moro, Edmonton, capital de província de Alberta, existe uma espécie de manual para donos de animais. Nele, encontramos tudo o que é preciso saber e fazer após comprar ou adotar um bichinho como, por exemplo, regras para controle e treinamento: os donos são responsáveis por mantê-los em coleiras ou, quando soltos, devem ser mantidos em sua propriedade ou nas áreas designadas para isso, chamadas de off-leash (sem coleira), evitar latido excessivo, limpar os dejetos do animal, protege-los de animais selvagens e castrá-los.

Licenças

Todo animal a partir de 6 meses de idade deve ser licenciado junto à prefeitura da cidade. Aqui em Edmonton é possível fazer o registro online nesse site ou pessoalmente no Animal Care & Control Centre, que fica na 13550 163 Street. O registro é bem baratinho e deve ser renovado anualmente.

Os valores dependem da espécie do animal, se é cão ou gato e se é castrado ou não. A multa por não registrar um animal é bem alta, no valor de $250. A licença é muito importante porque ajuda o animal a ser devolvido aos donos caso ele se perca. O valor arrecadado é usado para prover animais abandonados em abrigos com comida, remédios e auxílio veterinário, e ainda incentivar programas de adoção e muito mais.

Off Leash Areas

Como é mandatório que todos os animais estejam usando coleira ao passear por lugares públicos, é muito comum que as cidades tenham as off leash areas, locais em que a coleira é opcional.

IMG_4958
foto: acervo pessoal

Só na cidade de Edmonton são mais de 40 parques com áreas off leash, para ver o mapa com todas as localidades, clique aqui. Mesmo nesses locais, existem várias regras como, por exemplo, um animal só pode frequentar um parque off leash caso ele seja licenciado. E todos os animais devem ser mantidos sob controle e supervisão dos donos em todos os momentos.

Multas

Como por aqui toda desobediência à regra resulta em multa ou punição mais grave, com donos de animais não seria diferente. Como citado anteriormente, a multa por não registrar um animal de 6 meses de idade ou mais é de $250, mas existem várias outras multas para outras transgressões como, por exemplo, multa de $100 por não recolher dejetos de animais, não usar coleira e não usar a plaquinha com o número da licença de animais registrados. Ainda existem outras multas mais caras, que podem chegar a $500, caso um animal ataque outro e cause qualquer tipo de dano. Para saber todas as multas aplicáveis e seus respectivos valores, clique aqui.

Vacinas

Todos os donos de animais devem manter o cartão de vacinação de seus animais em dia e, para isso, é preciso leva-los com uma certa frequência ao veterinário.

Uma das vacinas mais importantes é a contra raiva, por aqui conhecida por rabies. Ela deve ser dada aos filhotes a partir dos 4 meses de idade e deve ser repetida anualmente. Todos os animais vacinados contra raiva devem usar um pingente na coleira (fornecido pelo próprio veterinário) com o código da vacina.

Outra vacina super importante é a de kennel cough, ou tosse dos canis. Essa doença é comum em cães que passam algum tempo em canis, seja para treinamento ou até de “férias”, quando os seus donos viajam. Em geral, todos os canis e hotéis de cachorro do Canadá só aceitam animais que tenham sido vacinados contra essa doença.

Get Me Home e Microship

Get me home é um site canadense muito interessante em que você cadastra o seu animal e coloca todos os dados dele online: nome, cor, idade, vacinas e até fotos. Também é importante colocar alguns de seus dados como nome, telefone e endereço.

Os animais cadastrados nesse site recebem pelo correio um pingente com o código de registro para ser pendurado na coleira, então, caso ele se perca e seja encontrado, é só entrar no site, digitar o código e ter acesso aos donos do animal. Dessa forma, fica bem fácil devolver o bichinho ao lar.

Outra forma de recuperar animais perdidos é implantar neles um microship. O microship é inserido dentro da pele do animal e contém um código. A inserção geralmente é feita atrás do joelho dianteiro do animal e o procedimento é feito no próprio ambulatório da clínica veterinária. O código precisa de uma máquina especial para leitura e ele contém dados e informações dos donos para facilitar o reencontro destes com o animalzinho perdido.

IMG_4570
Foto: acervo pessoal

Tallenna

1 COMMENT

  1. Que bom que a coisa funciona por aí.
    Aqui no Brasil, muitos não aceitam nem multa de trânsito com fotografia. O sujeito é fotografado cruzando sinal vermelho e acusa a Prefeitura de incentivar “indústria de multas”!!
    Imagina se houvesse multa de $100 por não recolher dejetos que seu cachorro soltou na calçada?!
    Infelizmente, ainda temos muito a evoluir em termos de civilidade.

Deixe um comentário

Por favor inclua o seu comentário
Por favor escreve o seu nome aqui