Casamento civil em Alberta, no Canadá

1
464
Advertisement

O Canadá é um país democrático dividido em 10 províncias e três territórios. Cada unidade federativa tem as suas próprias leis e regulamentos, por isso é difícil falar do Canadá em um modo geral. Com relação ao casamento civil, cada província tem as suas próprias regras e procedimentos.

Mas uma coisa é comum no país: o casamento entre pessoas do mesmo sexo é permitido e super normal. No texto deste mês explicarei o passo a passo para realizar um casamento civil em Alberta.

Marriage license 

O primeiro passo é comprar uma “licença para casar” em algum cartório (registry). Para isso é preciso que ambos estejam presentes com um documento oficial com foto (carteira de motorista, passaporte ou outro equivalente). Caso um dos dois seja divorciado(a) ou viúvo(a) é preciso apresentar certidão de divórcio/óbito.

A licença contém dados básicos como nome, endereço, telefone, religião (para fatos exclusivamente estatísticos), data e local de nascimento; assim como os nomes dos pais de ambos. Uma taxa é paga ao cartório (cerca de $100) e depois de assinar e jurar que todas as informações são verdadeiras, já se sai de lá com a licença em mãos. A licença tem validade de 90 dias.

Commissioner 

O segundo passo é arranjar um commissioner, que é a pessoa qualificada para celebrar casamentos. Qualquer pessoa pode se tornar um commissioner, basta fazer os cursos específicos para tal.

A lista dos commissioners de Alberta é bem grande e é dividida por cidades. Eu mandei emails para 11 pessoas diferentes mais por curiosidade e para fazer uma pesquisa de preços. Apenas 8 me responderam. Alguns foram mais gentis e prestativos que os outros. A média de preço varia entre $175 e $300, sendo que a grande maioria cobra $200.

Outros detalhes 

Para celebrar o casamento é necessária a presença de duas testemunhas com mais de 18 anos de idade. As testemunhas podem ser qualquer pessoa. Depois disso é só escolher a data (dentro dos 90 dias) e o local (que pode ser qualquer lugar, desde uma igreja, parque ou até a própria residência).

Casamento celebrado, papéis assinados e, finalmente, declarados “marido ou mulher”, o commissioner é responsável por encaminhar os documentos para os lugares certos (não tenho a menor ideia de quais sejam, desculpem-me, risos). Reforço aqui o fato de que o casamento entre pessoas do mesmo sexo é legal, permitido, bem visto e lindo, lembrando também que toda forma de amor é linda! Feio é não amar.

O primeiro documento emitido é o atestado de casamento (statement of marriage) que é a primeira prova do matrimônio. Ele pode ser usado para mudança de sobrenomes e para a carteira de motorista.

Depois de 10 dias úteis é possível requerer a certidão de casamento oficial em algum cartório de Alberta. Ela é a prova legal do casamento e pode ser usada para mudança de nomes em passaportes e outros documentos federais.

Eu e meu noivo, agora marido, nos casamos no mês de dezembro de 2016 em Alberta. A cerimônia do casamento civil foi extremamente simples: compareceram apenas as testemunhas e o commissioner e foi super rápida, em menos de 15 minutos já havia acabado. Papéis assinados e fomos comemorar nosso casamento em um restaurante local, um tradição dos casamentos civis daqui.

img_2099
Foto: arquivo pessoal

Wedding Reception

As festas de casamento daqui são bem mais simples do que as festas do Brasil. Eu ainda não tive a oportunidade de ir em nenhuma, mas estava conversando com uma amiga, a Priscila Carda, que também é colunista  no BPM, e ela me contou várias curiosidades interessantes.

Presentes

As pessoas não fazem listas extensas de presente, o mais comum é presentear os noivos com um cartão de felicitações pelo casamento e com uma quantia em dinheiro. Não existem regras para o valor, cada um presenteia com quanto pode.

Garter Belt wedding e Bouquet

As noivas usam uma cinta liga na perna e durante a festa o noivo deve tirá-la com a boca e jogar para os convidados homens solteiros. Segundo a tradição, quem pegar a cinta liga será o próximo a se casar.

A tradição da noiva jogar o bouquet para as convidadas solteiras também se repete por aqui.

Padrinhos e Madrinhas

No Canadá, as figuras dos padrinhos e madrinhas não são tão tradicionais, apesar de existirem as figuras de bridesmaid  e groomsmen . O mais comum e que não pode faltar são as figuras da maid of honor e do best man.

Maid of honor, que em português é “dama de honra” geralmente é a melhor amiga da noiva e é responsável por ajudá-la na preparação e organização do casamento. No dia da festa ela é responsável por ajudar a noiva e se manter calma e a se vestir.

Best man é o melhor amigo do noivo e é responsável por ajudar na organização da festa de casamento e da despedida de solteiro.

Discursos

A parte mais tradicional da festa é, sem dúvida, a dos discursos, por aqui chamados de speeches. Antes do jantar, a maid of honor, o best man e os pais do noivo e da noiva fazem um brinde pelo casal e apresentam um breve discurso com os melhores momentos e memórias dos recém-casados.

Sem dúvidas, as tradições das festas de casamento aqui no Canadá são bem diferentes das do Brasil. Acho que por aqui são bem mais simples, mas não menos bonitas.

1 COMMENT

Deixe um comentário

Por favor inclua o seu comentário
Por favor escreve o seu nome aqui