Clube do Bolinha – Rodrigo Militão do 193 Países

0
281
Advertisement

Hoje, na coluna do Clube do Bolinha o BPM entrevista o Rodrigo Militão, do site 193 Países, viajante inveterado, que já visitou mais de 154 países. 154? Isso mesmo, você leu bem. Um Brasileiro Pelo Mundo!

BPM –  Fale sobre a sua trajetória de Brasileiro Pelo Mundo.

Rodrigo – Sou Rodrigo Militão graduado em Comércio Exterior, natural de Panambi cidade situada no Noroeste do Rio Grande Do Sul, comecei a viajar com frequência a trabalho e hoje sou completamente apaixonado pela arte de viajar.  A primeira experiência internacional foi em 2005, para um lugar que fica bem pertinho: Montevidéu, no Uruguai. Atualmente já passei por 135 países membros da ONU e mais 19 territórios, totalizando 154 países e territórios e criei o Projeto 193Países, cuja meta é conhecer os 193 países membros da ONU até o fim da década. 

BPM – Como compara as suas viagens hoje em dia com o começo?

Rodrigo – No começo comparando a hoje eu não tinha experiência, muito pouco conhecimento cultural e era bastante impaciente, agitado, melhorei muito neste aspecto comparando com minha primeira viagem, hoje não me estresso com praticamente nada nas minhas viagens, mesmo que as coisas pareçam fugir de controle ainda que momentaneamente.

BPM – Qual a sensação de ter conhecido mais de 130 países?

Rodrigo – É um sentimento único, passa um verdadeiro filme na cabeça, por mais “clichê” que possa parecer, o pensamento voa por todos os destinos que passei e imediatamente me transporto para cada lugar resgatando tudo aquilo que vivi lá, sejam elas experiências boas ou nem tão boas assim.

BPM –  Se você pudesse escolher 10 países para as pessoas incluírem nos seus roteiros quais seriam e porquê?

Rodrigo –  É uma questão bastante complexa escolher apenas 10 entre tantos destinos, tenho certo receio de deixar alguns lugares maravilhosos fora, mas se pudesse escolher apenas 10 eu relacionaria estes, em ordem aleatória: Eslovênia, México, Turquia, Brasil, Peru, Espanha, Israel, Armênia, Austrália e Hungria. Para relacionar estes 10 países eu levei em conta belezas naturais, hospitalidade do povo, história, cultura, gastronomia e segurança, pesei todos os pontos positivos e negativos de cada um até chegar nestas 10.

BPM –  Você roda o mundo, mas mora no Brasil. Se tivesse que escolher um dos países que ja visitou para morar, qual seria e porquê?

Rodrigo –  Agora ficou mais difícil ainda de responder, mas se tivesse que escolher um para morar a Austrália seria uma ótima opção, é um país completo em todos os sentidos, segurança, estabilidade econômica, limpeza nas ruas, educação exemplar, infinitas belezas naturais, uma biodiversidade que poucos países tem no planeta, além de ter um povo bastante simpático.

BPM –  Você, quando viaja, prova a culinária local? Se sim, liste pelo menos 5 pratos típicos que mais gostou e diga de país são.

Rodrigo – Sim eu sempre provo, para mim é meio que uma obrigação experimentar um prato local e prazeroso ao mesmo tempo, claro que as vezes digamos que nosso paladar não aceita muito bem aos novos sabores (risos), mas no meu caso eu geralmente gosto.

1)Bósnia –  Tarte Zeljanica

2)Geórgia – khachapuri

3)Alemanha – Käsekuchen

4)Portugal – Patéis de Belém (Lisboa)

5)Espanha – Paella Marinera (Arroz com açafrão espanhol, camarão, anéis de lula, tentáculos de polvo, mexilhão, vôngole, vagem, tomate, e pimentão vermelho)

6)México – Chalupas Poblanas ( as feitas na região de Puebla no México, são simplesmente maravilhosas), não tem como descrever apenas provando!

BPM –  Além das belezas naturais de cada país, qual você foi mais bem tratado? Que nacionalidade lhe pareceu mais simpática?

Rodrigo – Eu geralmente não tenho problemas relacionado ao convívio mas eu poderia destacar a hospitalidade do povo do México, da Colômbia, da Eslovênia, Região do Curdistão ( este país não tem reconhecimento da ONU), Irã, Lituânia, Espanha, são alguns que me vem a memória, tive experiências fantásticas nestes locais todos, momentos inesquecíveis.

BPM –  Quando você escolhe um país para visitar, como decide o que vai conhecer e quanto tempo passa em cada um?

Rodrigo –  Nas últimas duas aventuras que eu fiz (Europa) e (Américas) eu fiz deslocamentos por terra e mar, ou seja, sem o uso de avião, eu passei 100% de todos os países. O tempo de permanência é muito relativo, depende da quantidade de atrações e tamanho dos países, no México por exemplo eu passei quase 30 dias, na Colômbia 15, já em Belize apenas 5 dias, normalmente planejo os deslocamentos e a ordem que vou passar por cada um, mas eu não estipulo o tempo de permanência não. Na época que eu trabalhava em uma empresa as viagens eram todas corridas e muitas atrações eu acabava não vendo, então agora, eu passo novamente em países que eu já conhecia e aproveito para ver tudo aquilo que eu não tinha visto, não tenho pressa de visitar todos, o que importa é viver o momento e aproveitar ao máximo o que cada lugar tem para oferecer.

BPM – Que dicas você, com a sua experiência com turismo e o verdadeiro Brasileiro Pelo Mundo, daria para quem pretende conhecer vários países?

Rodrigo – Primeira dica é ter muita força de vontade, determinação e muito entusiasmo para interagir com as novas culturas, tentando aprender ao máximo com aquelas situações que está vivenciando. Viajar é a arte de saber lidar com o desconhecido, você nunca sabe o que vai encontrar no caminho e estou seguro de que o segredo é saber encarar tudo sempre com naturalidade e não perder a paciência, principalmente nos processos burocráticos de imigração, mesmo você tendo um visto emitido e não tendo nada errado, eles podem a qualquer momento negar sua entrada no território sem qualquer aviso ou explicação, aprendi muito com isto neste anos todos, tenho certeza que estou bem melhor desde a primeira viagem.

Agradeço muito a oportunidade de falar com vocês sobre este tema tão apaixonante que é viajar, abração e sucesso sempre!

Para conhecer mais sobre as viagens do Rodrigo, visite o site dele, 193 países, onde ele divide todas as aventuras e viagens pelo mundo.

Obrigada Rodrigo, o BPM agradece a sua participação no Clube do Bolinha e te deseja muito sucesso na próximas aventuras pelo mundo!

Deixe um comentário

Por favor inclua o seu comentário
Por favor escreve o seu nome aqui