Dicas para encontrar emprego em Barcelona

2
161
Foto de Rawpixel
Advertisement

Dicas para encontrar emprego em Barcelona.

Barcelona é uma cidade com uma arquitetura de deixar qualquer um de boca aberta além das praias maravilhosas, dias ensolarados a maior parte do ano e uma variedade de coisas para fazer durante as quatro estações. Muitas cidades na Europa não têm a mesma vida dinâmica como à capital da Catalunha. Por essa razão, muita gente tem interesse em se mudar para Barcelona para trabalhar ou estagiar.

Barcelona é a segunda maior cidade da Espanha e uma das cidades mais visitadas na Europa. Por causa dos seus principais pontos turísticos como: Sagrada Família, Parque Guell, La Rambla, La Barceloneta e Museo Picasso, o mercado turístico é aquecido todo ano. De acordo com os dados Turisme de Barcelona de 2014, cerca de 80% dos visitantes de Barcelona são estrangeiros.

Idioma e os maiores setores empregadores

Por causa do grande número de visitantes, se você não está completamente familiarizado com a língua espanhola, o setor mais fácil de encontrar emprego é na área de hospitalidade, por exemplo, hotéis, bares e restaurantes. Porém, com português e inglês, você pode enviar currículos para vagas como call center, professora ou au pair.

Contudo, é importante estar ciente de que em Barcelona também se fala Catalão e uma grande parte dos empregos exige que o candidato fale a língua fluentemente. Mas não se preocupe com isso, pois você pode fazer aulas. Se você tem noções de francês, melhor ainda, porque vai facilitar muito no aprendizado da língua da Catalunha.

Brasileiros sem ascendência europeia precisam do visto (NIE, uma identidade de estrangeiros), permissão de trabalho e também o Seguro Social. Porém, quem vem como estudante de curso de espanhol, pode trabalhar por até 20h semanais e quem vem como estudante de pós graduação, pode fazer estágio remunerado ou não remunerado. Entretanto, os brasileiros que têm o passaporte europeu, estão permitidos a trabalhar na Espanha sem pedir a permissão de trabalho.

Foto de Rawpixel

Só é possível solicitar a Seguridade Social depois que se consegue um trabalho. Uma vez que você tem o contrato de trabalho ou contrato de estágio e o NIE, você vai a um escritório da Seguridade Social (para ver os endereços clique no link), que fica pronto no mesmo dia, é muito fácil.

Existem mais vagas em Barcelona nos setores de Tecnologia da Informação, Serviços, Software, Digital Marketing, Engenharia Mecânica ou Industrial, Indústria Automotiva e Manufatura de eletroeletrônicos. Porém, é importante dizer que os salários na Espanha não são altos como em outros países da Europa, por exemplo: Alemanha, França, Inglaterra ou Irlanda. Uma pessoa formada na Espanha pode ganhar  €1.800 (mil e oitocentos euros) mensais, mas para vagas de estágios pode encontrar salários entre €500 e €800 (quinhentos e oitocentos euros). Mesmo assim, com essa renda é possível ter uma vida confortável e dá para se manter.

Sites importantes para buscar empregos

Se você quer saber quais são os sites mais importantes para você procurar emprego e estágio em Barcelona, veja a lista abaixo:

Studentjob
Biocat
Jobatus
Turijobs
Dimajobs
Infojobs
Monster e Indeed
ETT
Linkedin
Barcelona Xpat Jobs
Infoempleo
Hacesfalta
Superprof
Tuclasesparticulares

De acordo com a brasileira Stephanie Blazoudakis Cavalcante (que mora há dois anos em Barcelona e trabalha com Planejamento de Suprimento da União Européia na Danone), o mercado de trabalho espanhol é muito diferente do brasileiro. “Aqui eles valorizam a sua experiência, pois você ganha responsabilidade muito mais rápido”. Stephanie relata que ter estudos é importante, mas eles querem mesmo saber se você sabe fazer o trabalho do cargo oferecido.

Dicas

Um bom currículo para procurar emprego em Barcelona tem que ter no máximo duas folhas, ter foto e apresentar experiências antes dos estudos. Para quem está buscando estágio e já tem experiências relevantes no Brasil, o ideal é “reduzir suas experiências, pois se o recrutador ver que você é super qualificado para vaga, ele nem te chama para a entrevista”, sugere Helga Fernandes estagiária em Logística na DHL. “É importante o candidato ir bem vestido para as entrevistas, pois a aparência conta na hora do recrutador fazer a sua escolha”, orienta a estudante.

Segundo a Stephanie e a Helga, as perguntas típicas que os recrutadores fazem nas entrevistas são:

  1. Onde você se vê em cinco anos?
  2. O que você pode somar para empresa?
  3. O que você leu sobre a empresa?
  4. Quais são seus defeitos e suas qualidades?

O mercado de trabalho em Barcelona é competitivo e há muita mão-de-obra qualificada. Os espanhóis gostam de pessoas diretas, porque eles são diretos. Por exemplo, se você está doente e dar excesso de explicações do porquê não vai trabalhar, é uma característica negativa. “Para eles, isso é perda de tempo. Só dizer que não vai e ponto”. O segredo para ter sucesso numa entrevista é ser “sincero, falar o que sabe e o que não sabe. E o que você não souber, não encarar como um defeito, mas sim como uma oportunidade de aprendizado”, sugere Stephanie. A busca por emprego na capital Catalã pode não ser fácil, mas com um bom currículo, paciência e determinação você poderá encontrar um emprego do jeito que deseja e com boas condições de trabalho.

2 Comentários

  1. Olá Mariana.
    Espero que possa me orientar.
    Sou brasileira com nacionalidade portuguesa casada com cidadão português e residindo em Lisboa há 13 anos. Sou percussionista free-lancer profissional com toda documentação legal na área da música para além de professora primaria(com reconhecimento também em Portugal) mas só dou aulas de música nas atividades extra curriculares, quando tem vaga. Meu marido trabalha há 12 anos numa multinacional de cargas e pretende pedir demissão daqui um ano pois queremos mudar de vez para Espanha e gostava de saber de si quais sãos os trâmites que devemos fazer, pois queremos ter a mesma segurança que temos em Portugal (conta em banco, segurança social etc) Necessito também de orientação para o meu caso de free-lancer pois ele na área dele arruma emprego fácil e minha filha também maior é legalizada em Portugal já até trabalha para uma marca de beleza espanhola. Pode me orientar por favor sobre onde devemos ir, com que documentos etc…..
    Um forte abraço que Deus a ilumine,
    Yza

Deixe um comentário

Por favor inclua o seu comentário
Por favor escreve o seu nome aqui