EUA – Nova Jersei – The Garden State

0
155
Fonte: Arquivo pessoal - Foto tirada da contra-capa Greetings from Asbury Park - NJ
Advertisement

Quando vim pela primeira vez a Nova Jersei (NJ), me disseram que não havia nada de interessante por aqui. Engana-se quem pensa assim. Nova Jersei é berço de muitos famosos como Frank Sinatra, Shaquille O’Neal, Jack Nicholson, Meryl Streep e claro Bruce Springsteen, conhecido como “The Boss”. Ah, não esquecendo também de Tony Soprano, da famosa série Os Sopranos.

Nova Jersei é o estado com a concentração populacional mais densa nos Estados Unidos, o que não é de se admirar, pois neste lugar, a comunidade chinesa e indiana é considerável. O estado tem um enorme parque industrial conhecido como Crossroads of the East, onde mais de 20 mil itens são produzidos e distribuídos para 100 milhões de pessoas. Além disso, o estado possui um dos maiores centros de pesquisa no mundo.

E com todo esse desenvolvimento e presença de indústrias, por que é conhecido como o estado dos jardins – The Garden State? O apelido originou-se em 1876, quando Abraham Browning, um político, comparou Nova Jersei à um imenso barril aberto dos dois lados, onde o estado da Pensilvânia e o estado de Nova Iorque se beneficiavam com os “frutos colhidos” da agricultura de NJ. Desta forma, o estado ficou conhecido como The Garden State .

Apesar de muitos desaprovarem, o apelido é mais adequado do que se pode parecer. A agricultura é a terceira maior indústria em Nova Jersei, ficando somente atrás da farmacêutica e do turismo. O estado é um dos maiores produtores de blueberry, cranberry, espinafre e pimentões no país, além de também produzir em abundância tomates, milhos, maçãs, morangos, batatas e soja. Mais de 17% do estado são designados para terras agrícolas, vinhedos, fazendas de criação de cavalos e gados.

Uma vez que mencionei sobre a produção de verduras, legumes e frutas ser uma das maiores do país, vale falar também sobre as comidas campeãs de popularidade em Nova Jersei. Não importa se é chamado de Taylor Ham ou Pork Roll mas, esse sanduíche foi criado na cidade de Trenton, capital do estado, há mais de 100 anos e dificilmente você encontrará em outro lugar dos Estados Unidos. Outro prato famoso que você deve experimentar, caso esteja passeando por aqui, é o Jimmy Buff’s um cachorro quente italiano (italian hot dog) que combina pão italiano, salsicha frita, batata frita, pimentão e cebola. Por último, não menos gostoso, a pizza de tomate que você encontra em todo o estado porém, dizem que o Papa’s, na cidade de Robbinsville, faz a pizza campeã das campeãs. Eu experimentei e como filha de pizzeiro, posso dizer que são realmente exóticas. Possuem milhares de opções de toppings – ingredientes, inclusive penne. Já imaginou comer pizza de macarrão?

Como havia dito anteriormente, existe um alto investimento realizado na área de turismo em Nova Jersei. Você tem a opção de visitar vários museus em Newark no inverno ou descer para a praia no verão. As praias abrangem mais de 200km da costa do oceano Atlântico e são as maiores atrações de lazer em NJ. Milhares de turistas que vão à procura de um belo visual, surf e diversão, visitam anualmente as praias de areia branca e fina. Elas são bem parecidas com as nossas, exceto pela temperatura da água, que é congelante. Outra atividade bacana, que particularmente gosto muito, é visitar os parques nacionais e conhecer um pouco mais sobre a história do país. Um dos quais já estive é Morristown National Historical Park e conta sobre a independência dos EUA. E, se ainda existe alguém que ache que NJ não tem nada para se fazer, pasmem, a terra de Bruce Springsteen tem a Atlantic City! Entre muitos arranha-céus, esta cidade é famosa por seu calçadão e inúmeros cassinos, os quais são verdadeiros resorts. Caso você queira badalar a noite, Atlantic City te oferece um leque de opções de baladas e shows.

Bom e já que estamos falando do estado dos jardins, não posso deixar de falar das flores… Na verdade, minha inspiração para este artigo brotou juntinho com as flores das cerejeiras pois, eu achava que o apelido, The Garden State, devia-se aos lindos jardins e parques daqui. São vários tipos diferentes de árvores e flores que eu gostaria muito de compartilhar com vocês, mas escrevendo este texto descobri que não são somente as árvores, vai muito além disto. É um novo mundo, um descobrimento a cada dia, através da economia, da convivência com as pessoas, da cultura e história deste lugar que gostaria de dividir.

Fonte: Arquivo pessoal

E quem disse que aqui não tem nada de interessante? No The Garden State, dos lindos jardins, praias, terras férteis, cassinos e boa comida, me encantei pela primeira vez com a chegada da primavera. Ver as árvores renascerem, para mim foi uma experiência de sentir mais esperança. Esperança de ver pessoas mais felizes e fortes como a própria natureza, a qual transpõe até mesmo, uma rigorosa tempestade de neve. Esperança de um mundo mais singelo como a flor da cerejeira. E é aqui, no The Garden State que estou plantando minhas flores e espero alegrar o mundo com elas de alguma forma.

Deixe um comentário

Por favor inclua o seu comentário
Por favor escreve o seu nome aqui