Inglaterra – Como abrir conta bancária na Inglaterra

0
623
Advertisement

Este mês falaremos de um assunto super importante para quem muda de país e não importa muito que tipo de visto você tem: abrir uma conta bancária. Parece simples, fazem parecer simples, mas consigo ver em muitas comunidades de brasileiros (Facebook) que moram por esta ilha que este é um problema bem grande para recém chegados à Terra da Rainha.

Abrir uma conta bancária não é nenhum bicho de sete cabeças e nem deveria ser, né, você precisa apenas de um comprovante de endereço e de um comprovante de identidade, abrindo a conta online ou em uma agência. O Reino Unido tem alguns documentos que são aceitos como prova de identidade e de residência, o que deixa aberto uma gama bem diversa de opções para aqueles que enviam seus documentos para vistos, cartões de residência, etc.

Uma coisa que tenho percebido quando falo com amigos que se mudaram recentemente, é que as filiais também tem procedimentos diferentes mesmo sendo do mesmo banco e dependendo do passaporte que você porte. Então, se você recebeu o não em uma agência vale tentar outra para ver se muda a sorte. Outra coisa bem importante de ter em mente ao abrir uma conta bancária em um novo país é tentar se manter cliente de grandes bancos que tem o hábito de lidar com estrangeiros e já tem um procedimento estipulado para estas ocasiões (Os maiores bancos do Reino Unido são: HSBC, Lloyds, Barclays, Hallifax, Natwest, Santander).

Quais documentos são aceitos como prova de identidade?

  • Passaporte europeu;
  • Passaporte britânico;
  • Carteira de motorista de um país membro do Espaço Econômico Europeu;
  • Cartão de identidade (apenas se você for cidadão da União Europeia).
  • Se você não for cidadão britânico ou europeu também é necessário apresentar o seu cartão residência, visto, carta de permanência, ou qualquer documento que o governo tenha produzido para provar que você tem o direito de estar no Reino Unido. No meu caso, eu tive que apresentar o meu Family Permit que foi meu visto de entrada na ilha.

    E como provar meu endereço?

Essa é a parte mais difícil quando se acabou de mudar para o país, sendo que muitas pessoas ficam em hotéis, albergueres, airbnb, e não tem seus nomes em contas para provar que habitam o endereço citado. Sendo assim, vamos ver a lista de alguns documentos aceitáveis como prova, mas gostaria de ressaltar que cada banco tem a sua regra e que ela vai ser seguida a risca por eles.

  • Contrato de aluguel (Tenancy agreement);
  • Contrato do financiamento de um imóvel (Mortgage statement);
  • Conta de gás (de até três meses anteriores);
  • Conta de eletricidade (de até três meses anteriores);
  • Conta de água (de até três meses anteriores);
  • Extrato bancário (Precisa ter sido emitido pelo banco, se for o impresso na internet precisa ser validado pelo seu banco);
  • Council tax (Tipo de IPTU que pagamos para a prefeitura pela manutenção das ruas e estradas, coletas de lixo, etc)

Dica: Se você é residente de algum outro país da União Europeia, pode mudar seu endereço para o Reino Unido e pedir para enviarem um extrato bancário para o seu endereço inglês e este pode vir a ser aceito como comprovante de residência.

Mas eu sou estudante na Inglaterra e moro no alojamento da faculdade. E agora? Gente, felizmente o mundo está evoluindo (em alguns aspectos) e os bancos também estão começando a flexibilizar o que aceitam como prova de endereço. Por isso, se você é estudante por terras britânicas é possível que aceitem uma carta do departamento de admissão de sua universidade confirmando o seu endereço.

E se eu alugar um quarto e não tiver contas no meu nome? Então, o Jobcentre Plus pode fazer uma carta confirmando o seu National Insurance Number e esta carta também terá o seu endereço. Ou até mesmo o seu empregador pode fazer uma carta confirmando onde você reside, portanto, estas cartas citadas acima tenham menos de 3 meses de escritas.

Fonte Pixabay.com

Abrindo uma conta online

Não falei que o mundo está mudando? Hoje é possível iniciar o processo e ser aceito pelo banco do conforto do seu lar, usando seu computador e acessando o website do banco escolhido. Sim, é possível abrir a sua conta bancária online e já tê-la pré-aprovada sem ir a uma agência física.

Assim que receber o seu email com a pré-aprovação da conta, com o número e sort code estabelecidos, é necessário levar estes dados e os documentos para serem verificados em uma agência física.

ATM (Caixa eletrônico)

A maioria das contas já vem com um cartão de débito que possibilita pagar suas contas em estabelecimentos e sacar dinheiro nos caixas automáticos encontrados em qualquer canto da cidade.

É importante lembrar que a maioria dos bancos autoriza o saque gratuito mesmo você não sendo cliente, mas fique sempre atento para não ter uma cobrança alta e desnecessária caso aquele caixa eletrônico não autorize a utilização de cartões de outros bancos. Os que autorizam, normalmente, tem escrito saque livre (Free withdraw).

Se você for viajar para outros países é necessário também ter em mente que o Reino Unido, por mais que faça parte da União Europeia, não possui a moeda comum ao mercado – o Euro -, sendo assim, qualquer saque feito fora do Reino Unido será cobrado, além de também pagar pela conversão de moedas.

Existem algumas contas bancárias oferecidas que são em Euro que podem ser usadas nestas ocasiões, mas é necessário conversar com o banco se esta for uma necessidade sua.

Boa sorte e que você faça uma boa escolha bancária.

Até mês que vem!

Deixe um comentário

Por favor inclua o seu comentário
Por favor escreve o seu nome aqui