Uruguai – Vivendo em Montevideo

107
2543
Advertisement

O Uruguai é um país vizinho ao Brasil, que faz fronteira com o Rio Grande do Sul, portanto, os costumes aqui são bem parecidos com os do Sul do Brasil, principalmente a culinária. Churrasco é o prato principal do uruguaio, além do mate, que é preparado todos os dias, pela manhã, à tarde ou na hora de se reunir com os amigos para conversar.

Eu cheguei aqui sem saber nada disso. Minha primeira visita foi rápida. Fiquei 3 dias em Abril de 2012. E já me apaixonei. O clima ainda estava bem agradável. Conheci os principais pontos turísticos de Montevideu e Punta del Este. Mas tudo foi tão rápido que decidi que voltaria em breve para conhecer melhor. Naquele mesmo ano, fui mais duas vezes, até me decidir por ficar de vez, em Novembro.

2013-06-08 17.14.32

A chegada

Não tinha emprego e nem sabia falar muito bem espanhol. Aluguei um apartamento lindinho em Malvín, um bairro residencial, afastado do centro, enquanto buscava por alguma oportunidade de trabalho.

Por ter trabalhado com diversas áreas, achei que iria ser fácil encontrar um bom emprego, nas áreas de administração, marketing ou gestão de projetos. Que nada. O mercado aqui é muito pequeno comparado com a oferta que temos em São Paulo. Para se ter uma ideia, Montevideo, a capital do país, tem 1,5 milhões de habitantes, metade da população do Uruguai.

2013-06-08 17.26.11

Enquanto eu procurava emprego, fui vivendo a vida por aqui. Me espantei com o preço das coisas. Tudo muito caro. A comida principalmente. Normalmente se gasta 30 reais para comer um prato simples no restaurante. Há opções mais baratas, claro, mas perto de onde eu vivia, não havia. No supermercado, outro susto. A coca-cola de 2 litros chega a custar quase 10 reais (!!!)

Em compensação, o custo de telefonia e TV à Cabo são bem mais baratos do que eu estava acostumada.

IMG_1996

Aqui todas as casas têm calefação: ou à gás, ou ar condicionado, piso temperado, ou à lenha. Não se pode viver sem calefação por aqui. O frio dói no inverno e as temperaturas chegam a cair para uns 5ºC, de dia!! Além disso, Montevideo, uma cidade à beira mar, é muito úmida e o vento é cortante. Assim, a sensação é de que está mais frio do que realmente está. E Punta del Este sempre está mais frio do que aqui, por ser uma península.

O transporte é o ônibus. Aqui não tem trem nem metrô. As linhas de ônibus te levam para qualquer canto da cidade. E os táxis são bem baratos.

Eu me acostumei rápido com a culinária. Churrasco, purê, batata frita, saladas, massas, pizzas, sorvetes, panquecas… Os sabores não são tão diferentes e poucas coisas são realmente estranhas ao nosso paladar. Como o chinchulin (intestino de boi feito às brasas) e a molleja (glândulas salivares de boi). Esses itens são bastante consumidos por aqui em restaurantes e churrascos familiares. Eu até experimentei, mas não deu.

Após esta fase inicial de adaptação, fui em busca do visto para residência. Aqui, os brasileiros podem ficar até 3 meses sem visto e depois, até 2 anos com a residência provisória, sem ter que provar algum vínculo com o país. O processo é um pouco burocrático e há que esperar algumas horas na fila.

2013-11-22 19.59.25

Em busca de emprego

Alguns poucos meses se passaram, eu já tinha o visto, já estava devidamente instalada no meu apartamento e ainda me faltava o trabalho. Fui em algumas entrevistas. O que mais tem é vaga para atendimento para quem fala português, mas eu queria trabalhar em algo relacionado à minha área.

Não consegui. As empresas de marketing e agências de comunicação ofereciam um salário muito baixo e não possuíam em sua estrutura o cargo que eu pretendia. Eram empresas pequenas, com no máximo 20 funcionários.

Fiquei um pouco frustrada e comecei a ler em alguns blogs que aqui o emprego para estrangeiros é realmente difícil. Os uruguaios são um pouco desconfiados e isso dificulta um pouco a contratação de pessoas de fora do país. Além disso, meu espanhol não estava lá essas coisas. Eu tinha que aprender melhor o idioma. Isso é fundamental.

Após várias tentativas frustradas, eu comecei a avaliar a possibilidade de abrir meu próprio negócio. Eu tinha um dinheiro guardado e resolvi que iria arriscar.

IMG_1992

Abrindo a minha própria empresa

Comecei a pensar em diversas opções. Primeiro, fui avaliar o mercado de gastronomia, já que é uma área que sempre me interessou. Aqui os restaurantes são bem parecidos uns aos outros. Os cardápios variam em poucas coisas e achei que seria interessante criar um restaurante típico de algum país. Mas o investimento era muito alto e seria um grande risco chegar com uma ideia inovadora em um país que eu tinha acabado de chegar e ainda não conhecia os costumes.

Então tive uma ideia. Pensei em fazer um site com informações sobre o Uruguai para os brasileiros. Ora, o Uruguai é o terceiro destino mais visitado pelos brasileiros e não havia informação em português sobre pontos turísticos, serviços, dicas, etc. Me pareceu então uma grande oportunidade.

E comecei. Fui atrás de todos os pontos turísticos do país, entrei em contato com restaurantes, lojas, associações, agências de turismo, imobiliárias e escolas de intercâmbio.

Foi assim que surgiu o Brasileiros no Uruguai, uma empresa serviços nas áreas de turismo, abertura de empresas, intercâmbio e investimentos no Uruguai, exclusivamente para brasileiros.

Inicialmente, seria apenas um portal de informações turísticas com descontos em estabelecimentos comerciais. Porém, muitas empresas começaram a entrar em contato conosco, e também muitos brasileiros, pedindo as mais variadas coisas. Muitas serviços surgiram porque as empresas queriam oferecer e porque os brasileiros queriam comprar.

No começo, tive alguma insegurança. Estava vendendo para pessoas importantes, fazia reuniões, explicava o que era o site. Tudo em espanhol. Foi a partir daí que o idioma começou a fluir e meu vocabulário começou a melhorar. Não há maneira melhor de aprender um idioma do que treinando diariamente nas mais inusitadas situações.

Sobre a parte burocrática para abrir uma empresa, fui atrás de tudo, sozinha, e consegui. Descobri quais eram as exigências, o que eu tinha que fazer e abri a empresa. O processo é bem mais simples do que no Brasil.

IMG_2100

Já adaptada

Hoje já faz um ano e meio que vivo em Montevideo. A saudade aperta de vez em quando, acho que é normal. Os uruguaios são um pouco fechados e não é fácil conseguir amigos por aqui. Encontrei uma turma de brasileiros e saímos juntos. A gente organiza festas e encontros para matar a saudade de estar com gente que fala a mesma língua. Tem samba, futebol, festa junina… Assim fica mais fácil estar em outro país.

O tempo de vôo até São Paulo, minha cidade, é menos de duas horas e às vezes as passagens chegam a custar menos de R$500 ida e volta. Assim, dá para ir visitar a família algumas vezes por ano.

Já falo espanhol, tenho minha própria empresa e consegui me estabelecer no Uruguai. Eu me sinto muito feliz. Aqui não há tanta violência, nem trânsito e a vida segue mais calma. Sem pressa.

Não sinto vontade de voltar ao Brasil para morar. Quero continuar no Uruguai e gerar uma condição financeira que me possibilite visitar com mais frequência o Brasil, para estar com a família e os amigos que deixei por lá.

Mas eles também vêm me visitar. E isso já me deixa muito feliz. Vamos em frente, ou, como se diz por aqui: “Vamo arriba!!!”

 

 

107 Comentários

  1. Ola Adriana, mais uma vez fica patente, para os leitores e para os que jamais duvidam da capacidade da mulher, que o espirito empreendedor e a determinacao, fazem parte da atitude da mulher. Minhas congras pelo seu desbravamento, nao consigo achar outra palavra que se encaixa melhor, considerando todas as circunstancias que fizeram parte da sua proeza empresarial. Muito sucesso para voce! Abracos xxx

    • Olá Juraci, desculpe a demora em responder. Meus posts aqui não estavam sendo publicados, por um probleminha que não conseguimos entender. Obrigada pela sua mensagem de apoio. É muito legal saber que as pessoas admiram o seu trabalho e que torcem pelo seu sucesso!! 🙂 Dá forças para continuar seguindo em frente! Beijos

  2. Oi Adriana, eu conheci o Uruguai a poucos anos atrás e adorei….Parabéns pela sua determinação, que fez com que em “tempo record” digamos assim, se estabelecesse com sua própria empresa em outro país, considerando todas as circunstâncias que voce descreveu.Sucesso !!!. Bj

    • Oi Cintia. Obrigada pelo seu comentário! O caminho foi duro, principalmente porque não sabia falar direito a língua. No começo foi uma loucura… e ainda é! rsrs! Adaptar-se a outra cultura leva um tempinho. Para alguns mais, outros menos. Mas aos pouquinhos vamos nos estabelecendo e tornando-se um pouquinho da cultura do outro também. Beijos!!

  3. A gente sempre tem a impressão de que vamos ser bem acolhidos, afinal, quem não gosta de brasileiros? E é verdade, como turista, somos sempre muito bem aceitos. Mas quando decidimos ficar de vez a coisa muda de figura e a gente começa a perceber aos pouquinhos que nem tudo é assim tão fácil. Mas fiquei maravilhada de saber como você deu a volta por cima. Muito sucesso e espero muitas outras histórias sobre o Uruguay!!!

    • É verdade Joy. O povo brasileiro é excepcional, muito acolhedor e aceita de braços abertos todas as pessoas. Em outros países encontramos um pouquinho mais de dificuldade. Mas aqui encontrei pessoas especiais, tanto uruguaios quanto brasileiros que deram o apoio necessário para eu seguir em frente. Pode deixar que vou continuar escrevendo por aqui as minhas andanças pelo Uruguai. 🙂

  4. Adriana, voce ganhou em mim, uma “fan”de carterinha, adoro pessoas que se arriscam e adoro o espirito empreendedor, voce ja é um exemplo de vitoria e tenho certeza que se tornara uma embaixadora entre as 2 culturas de primeira, Parabens pela seus empresa e pela sua coragem e adorei ler seu texto, ja me alegro desde de ja de ler o proximo e escutar mais sobre suas “aventuras” no Uruguai. Eu moro na Suica, onde também sou empresaria veja minha empresa: http://www.cewmarketing.com, na area de turismo, tenho a http://www.co-com.ch, onde somos empresas operadora na região de Montreux. Vou te incluir no nosso http://www.brazilianinternationalbusinessgroup.com, assim vc segue as noticias de outros brasileiros empresários ao redor do mundo! Parabens querida e “gamo arriba”:) Namasté 🙂

    • Olá!!! A resposta chegou demorada porque meus posts aqui não tinham sido publicados. Devo ter feito alguma coisa errada. hehe. Vi todos os links que me passou e adorei o projeto que você está desenvolvendo na Suíça. É muito bom saber que existem pessoas parecidas com você o redor do mundo.
      Obrigada por compartilhar aqui sua experiência também! Beijos!!!

    • Oi Katia. Puxa, estou com problemas em publicar os comentários aqui e achei que tinha recebido a minha mensagem! Seria demais poder encontrar vocês. As duas têm namorados Uruguaios?? Como assim? rsrs! Onde se conheceram?? Quero saber mais sobre essa história. Ainda estão com eles? Beijos!!

    • Parabéns Adrina!

      Pela sua brilhante ideia em criar um blog que fornece dados importantíssimos para quem tem interesse de ir para o Uruguai, seja para morar ou somente à turismo.

  5. Bom dia Adriana
    Me tira algumas dúvidas, a locação de imóvel residencial é fácil por ai?
    Como é a área de TI (principalmente na parte de manutenção de equipamentos PCs, Notes, etc) existe muitas lojas desse tipo?
    Até 90 dias eu posso ficar sem visto é isso mesmo, não preciso apresentar documentação nenhuma a nenhuma órgão?
    Para ter a residência provisória, qual o órgão devo me dirigir?

    Desde já agradeço sua atenção

    João Batista Leal
    Cascavel – PR

  6. Ola Adriana, estamos pensando em ir embora pra morar ai, sou professora ja há 30 anos aqui no Brasil, e tbem tenho duas fihas ainda pequenas 11 anos, queremos abrie algo pra se trabalhar, pois imaginou que como professora vai ser dificil conseguir algo, acreditamos que a adpatação pra elas e mais facil que a gente pois criança adora a tudo qu é novo , vc sugere algo, e preço de aluguel é muito caro ai?, Já estamos fazendo um curso de espanhol e em dezembro iremos a passeio para conhecer, obrigada pelas dicas.
    Danielli

  7. Ola Adriana, boa tarde.
    Ja faz um tempo que acompanho o seu site ….e hj criei “coragem” para entrar em contato…
    Gostaria mto de conversar com vc, estou decidida em me mudar para o Uruguai. Tenho 30 anos…filha de uruguaio. Sou de Sao Paulo tbm, SBCampo…conhece?? rs
    enfim…assim como vc descreve, a maior preocupacao é em relacao a empregos…gostaria mto de ter a permissao para lhe ‘incomodar’ kkkkkk . Vc, assim como eu, deve ter tido tantas e outras duvidas….e eu, assim como tantos qrendo informacoes rsss
    bom, meu email de contato eh: [email protected]
    Podiamos conversar um pouco??? fico (de verdade) no aguardo =)

  8. Parabéns …..estudei na UDE. Acredite, acordo pensando todos os dias em voltar e morar em MVD. Hoje, pesquisei na net emprego para brasileiros em MVD. Sou formado em comunicação, Marketing e mestre em educação. A vida aqui em Belém do Pará é ótima, mas a qualidade de vida no Uruguai é sem comparação. Fiquei feliz pelo seu empreendimento. Parabéns e sucesso, a qualquer momento devo ir pra MVD. Abraços e sucesso.

    • Oi meu nome é Valéria estou terminando meu mestrado na UDE , em educação tbm. Se eu pudesse ficava por lá tbm , é maravilhoso mesmo. sou apaixonada por MVD.

  9. Adriana, tudo bem?

    Desde 2012 alimento o desejo (inexplicável) de conhecer Montevideo. Devido a problemas pessoais, não pude concretizar este sonho mas em dezembro próximo a teoria sairá do papel. A cada matéria que encontro, mais curioso fico para explorar essa terra que aparenta ser maravilhosa. Se tudo sair conforme o planejado, vou celebrar meu aniversário na capital uruguaia. Sozinho, é verdade. Mas não me importo. O que está incomodando na verdade é a questão da língua. Não falo uma vírgula em espanhol e acho deselegante improvisar no portunhol. Como farei? Será um passeio breve (três dias) porém quero aproveitá-lo da melhor forma possível e pretendo não passar aperto por causa do idioma. Outra coisa: pelo que você narrou, os uruguaios são fechados, reservados. Como eles tratam o turista brasileiro?

    Abraços e parabéns pelo blog.

    Edu Soares
    Rio de Janeiro

  10. Bom dia!!!

    Gostaria de passar uma temporada no Uruguai….queria ver a possibilidade de terminar a faculdade, onde aqui no Brasil eu curso Medicina Veterinária na Universidade Federal da Bahia, ou até mesmo passar um período estudando espanhol. Se tem alguma ajuda de custo, quando a pessoa comprova que não tem condições de se manter….

    Queria saber quais são as minhas possibilidades, ….lendo o site: brasileiro morando no Uruguai, vi alguns tipos de moradia…..as que me interessaram(estão dentro das minhas possibilidades) foram:

    Residência temporária Mercosul (não precisa comprovar vínculo empregatício. Não renovável);
    Residência temporária (deve-se comprovar vínculo com o país: trabalho, estudos, com período superior a 180 dias. Renovável por até 4 anos, de acordo com a categoria).

    Obrigada!!

  11. Olá Adriana, meu nome é Alexander, sou casado e pai de 2 filhos, tenho muita vontade de viver no uruguai mas não conheço bem o país, gostaria de mais informações como escolas para crianças, onde viver, comprar ou alugar etc. Quando puder entre em contato comigo. Obrigado.

    • ola. predento morar no uruguai poi o mesmo voou conhecer em maio de 2016 pois gostaria de ter as mesma informaçoes que voce predente a respeito de como alugar imoveis deste ja agradeço

  12. Adriana, Tenho parentes por parte de pai que são Uruguayos e moram ai, tenho muita vontade de ir mora em Montevideo, porem tenho medo de me arriscar em uma ,mudança com toda a familia, por favor me de conselhos, sujestões, dicas….etc.

  13. Olá Adriana, primeiramente queria te parabenizar pela coragem e determinação e te desejar sucesso na sua empreitada. Agora explico o porque de meu interesse. Sou engenheiro, moro em Brasilia e me aposentei há poucos meses. Este ano estive no Uruguai à passeio e adorei o país, e estou determinado a morar algum tempo por aí, mas pra isso gostaria de ter alguma ajuda de brasileiros ao aluguel de imóvel, pq meu espanhol é nulo. Se puder me ajudar , ficarei eternamente grato.
    Carlos Santiago

  14. Oi Adriana, adorei a sua ideia e acho que posso pedir algumas informações.Tenho 57anos, uma idade difícil para sair do meu país, mas é o que estou pensando seriamente em fazer. Hoje tenho um hostel aqui Florianópolis, mas sinto uma imensa necessidade de sair daqui. Mão sei se por meses, talvez anos….talvez pra sempre. Sou bem articulada e me relaciono facilmente com as pessoas, principalmente ligadas ao trabalho, socialmente sou mais tímida. Você acha que seria difícil arranjar algum trabalho?

  15. Ola, meu nome e Jonas Biruel ou (Jonas Viruel Marcelino) no documento Espanhol. Gostaria de saber se um brasileiro com 60 anos com excelente conhecimento em manutenção montagem e reparos em ar condicionado, também com conhecimento em projetos,montagem e reparos de comandos elétricos, tem melhores chances de viver no Uruguai. Sou brasileiro com cidadania Espanhola, tenho registro de nascimento Espanhol e passaporte Espanhol.Nesse caso eu teria alguma vantagem a mais? Há..também falo Espanhol, não tão fluente mas não tenho nenhum problema na comunicação verbal e escrita.Gostaria de sua opinião, desde já agradeço.

  16. Olá Adriana! Parabéns pela coragem e todo sucesso do mundo a você. Sou corretor de imóveis no Brasil e tenho muito curiosidade em saber como é o mercado fora do Brasil, mas em especial na América do Sul. Você me indica algum algum site em que eu possa obter maiores detalhes?

    Obrigado e sucesso

    Abraço

    Bruno Neves

  17. ola Adriana
    boa noite!!
    estou indo fazer o mesmo caminho quevoce. Sou paulista e de família Uruguaya, em dezembro estarei me mudando para ai! já morei anteriormente por 4 anos em motevideo.
    agora estou indo novamente e em busca de uma casa para alugar e um emprego, então caso você tenha algum tipo de trabalho para um jovem paulista de 31 anos e solteiro com um espanhol perfecto estou a disposição.

    desde já obrigado

    Eduardo

  18. Adriana
    Bom dia
    Por gentileza, você teria como me indicar algumas agências de emprego por ai? Estou querendo residir permanente mas gostaria de ir com alguma coisa já engatilhada, independente se for em níveis inferiores.
    Muito obrigado
    Leonardo

  19. Ola. Adorei este blog. Parabéns pela história de vida: é inspiradora.Eu e meu marido somos professores mestres em enfermagem e biologia e estamos cogitando a ideia de tentarmos a vida por aí. Poderia me dizer alguma coisa sobre o mercado de trabalho para professores universitários? Abraços e agradeço desde já.

  20. Olá, estive conversando com meu pai e decidimos morar ae no Uruguai, temos propriedades aqui no Brasil e iriamos verder tudo e envestir ae, pois a criminalidade aqui é muito grande e então decidimos isso.
    Será que poderia nos ajudar nesse propósito?
    Obrigado, desde já agradeço.

  21. Muito bom ler textos como esses.
    A vontade de ir morar no Uruguay é gigantesca! Mas por enquanto só estudando.
    A não ser que voce queira contratar um editor de video para o seu site!
    hehehehehehe
    Parabéns!

  22. Bom dia Adriana , eu moro não muito longe da fronteira Brasil Uruguay, pretendo conhecer mais o Uruguay, com plano de morar e me estabelecer por aí , trabalho no ramo de imóveis mais precisamente no ramo de intermediação e regularização de documentos de áreas rurais e urbanas talvez me estabelecer aí n o Uruguay com uma imobiliaria em principio , mas par isto teria que fazer uma pesquisa mais abrangente para ver viabilidade do negocio , porém duas coisas me chamou a atenção em seu relatório que aí o trânsito e a vida é mais calma o que já acho bom outro fator é a violência que deve ser bem menor que no Brasil não se falando da corrupção e a roubalheira dos politicos Brasileiros que aqui já não da mais para aguentar , o combustivel aí como é da para andar de carro ? com relação a comida uma costela bovina vai bem até com tomate e pão ou arroz e feijão aí deve ter um bom rebanho bovino pois deve ser tradição dos Uruguaios comer carne enfim se eu for quero tentar um contato com voce no mais desejo secesso e felicidade a você, abraços.

  23. Olá Adriana, que maravilha seu blog,, adorei, 🙂 Gostaria de tirar uma duvida com você. (Mesmo sendo imigrante é fácil abrir uma empresa no Uruguai?). Sei que é preciso juntar uma grana e se preparar. (Você sabe dizer algo sobre o turismo ai? Trabalho com produtos voltado para turistas.) bjus e Ótimo fim de ano!

  24. Olá Adriana.
    Parabéns pelo sucesso e criatividade.A coisa aqui no Brasil ta feia mesmo, a criminalidade esta demais,já começo a pensar em sair daqui.
    Tenho uma pequena empresa de fabricação de lustres de cristal e meu esposo é técnico em eletrônica, você acha que essas àreas tem chance aí??

  25. bom dia Adriana. estamos pensando em morar no Uruguai, e gostaria de saber como é escola para as crainças? tenho 2 filhas uma de 13 e outra de 9? e os custos como aluguel, tv a cabo, luz água telefonia, em comparação ao Brasil. tenho vontade de ter uma pousada na região de Rocha, maisdirecionada aos surfistas brasileiros que vão a la paloma e outras. o que acha? abraços e obrigado!

  26. Olá , fiquei feliz em ler sua história,me inspirei em poder ter oportunidade de ir para Uruguay em 3 entrevistas que assistimos no programa da GNT ficamos bem embalados de poder mudar!!! minha experiência profissional é executiva de vendas,tenho bom relacionamento e facilidade em comunicação.
    Queria poder fazer um intensivo de espanhol e poder viver essa experiência.
    Poderia dar alguma dica pra gente,sou casada temos uma filha de 15 anos e um filho de 8 anos,queria saber sobre boas escolas e como seria o processo de poder alugar uma casa ou apartamento.
    Aguardamos seu contato com boa dicas ok!!!! abraços

  27. Daqui a 2 dias, vou embarcar para o Uruguai em um trabalho de 10 dias. Tenho um certo receio por não falar a linua nativa e nnem5conhecet o local. Rsrs…

  28. Oi Adrana tudo bem?
    Meu nome ė Lilian e eu e meu marido estamos querendo mudar para essa cidade, nossa formação e em marketing e propaganda, você pode nos ajudar?

  29. Oi, adorei seu relato. Fui morar na Espanha mais ou menos como você,acabei fazendo mestrado lá e amando o país, Voltei para o Brasil mas aqui não dá, rsrsrs. Você pode me dizer como é o salário por aí e o preço de aluguel? Como vc não comentou deduzi que não é nada exorbitante. Sou advogada e dou aula em uma faculdade, crê que eu conseguiria algo em minha área? Estou empenhada em ir para o Uruguai, tenho uma bebe de 3 anos mas também tenho outro filho de 21 que vai ficar no Brasil e não quero estar tão distante dele quanto na Europa. Beijos

  30. OLA QUERIDA;
    SOU BARMAN AQUI EM RECIFE E TENHO UM SONHO DE TRABALHAR NO URUGUAI EXERCENDO A MINHA PROFISSÃO,GOSTARIA QUE VC ME DESSE ALGUMAS DICAS!
    GRATO

  31. Olá Adriana. Sou de Curitiba. Primeiramente parabéns pela tua coragem em se fixar no Uruguai. Já estive por cinco vezes aí, a última foi em janeiro dese ano, fui de moto e a cada vez que eu vou a Montevideu me dá mais e mais vontade de morar lá. A cidade me cativa, assim como o povo, que segundo você é meio fechado, mas bastante solícito. Parece que quando estou aí volto no tempo uns cincoenta anos. Em janeiro do ano que vem estarei por aí com certeza, matando a saudade deste velho e aconchegante país. Abraços.

  32. Ola Adriana! Muito bom suas dicas. Estou pensando em fazer o mesmo que vc. Sabe me dizer com funciona para mim importar da China para o Uruguay, preciso de abrir empresa, precisarei de despachante aduaneiro, etc?
    Pelo que vc disse o custo de vida e alto ai, e o aluguel, energia, agua, gaz, carro, como sao os precos?
    Gostaria + das sua informacoes para ver se da para mim minha esposa e minha filha (1,8 meses) mudarmos para ai.
    At Gilberto

  33. Olá Adriana!!
    Desejo morar no Uruguai, após minha aposentadoria. Qual seria a melhor cidade para viver bem com um salário em torno de de R$ 10.000,00 para duas pessoas?

  34. Adriana, parabens por tudo. O Brasil é hoje, sem duvida alguma, um dos piores locais para se morar. Uma pena que um pais tão grande e rico, seja tão pobre, abandonado, corrupto e sem perspectivas de longo prazo.

  35. Oi Adriana muito linda sua determinação.
    eu gostaria muito de trabalhar e morar no Uruguai eu sou cozinheira e tenho muita vontade de sair do Brasil.

  36. Adriana.Morar no Uruguai não sai dos meus pensamentos, seu relato me deixou com os pés no chão, achei que no Uruguai seria tudo melhor que no Brasil mas o nosso país é um país injusto com nos mesmos e aberto aos outros e está cada vez mais difícil.

  37. Oi Adriana, adorei seu relato. Estou de malas prontas para viajar para Punta del Este e provavelmente ficar…. Tenho uma amiga que reside na cidade a muitos anos e convidou-me para passar uma temporada em sua casa, ao menos até que consiga me organizar. Já morei na Europa, falo italiano fluente, acabo de voltar de um longo período em Pittsburgh, USA, (falo inglês razoavelmente bem) e, agora aqui, em minha cidade ao sul do Brasil, sinto uma vontade irresistível de aceitar o convite de minha amiga e tentar a sorte por lá… acho que vivo a síndrome daqueles que viajam e depois que retornam já não conseguem se fixar por muito tempo em um só lugar…. tenho algumas dúvidas, medos e incertezas, mas tudo isso faz parte desse contexto, afinal, mudar é sempre uma grande interrogação. Mas é preciso se arriscar e ir em busca de nossos sonhos não é mesmo? Parabéns pela sua coragem e muito sucesso aí para você! Depois te conto como as coisas vão se encaminhar…

    Abraços,
    Denise – dojeitode.blogspot.com

  38. Bom dia Adriana, estou com pensamento de mudar para ariscar por novas oportunidades como anda o mercado uruguaiano estou com amigos e nossa ideia de inicio seria montar um pub e assim ver quais os caminhos que tomaremos, pelo seu ponto de vista qual aceitação de brasileiros no pais?

  39. Boa tarde Adriana! Parabéns! Adorei ler seu relato. Pretendo empreender no Uruguai assim como você e se minha estrela brilhar, obter prosperidade. Tenho uma filha com um Uruguaio, você acha que ela terá algumas portas abertas por aí? Ela fala bem o espanhol, mas eu ainda não. Somente entendo. Não disponho de muitos recursos. Onde sugere começar para alugar um local para eu e ela nos instalarmos primeiramente? Como funciona o processo de aluguel de imóveis?

  40. Ola Adriana seu post é muito bom e bastante e útil para quem pensa ir morar no uruguai mas eu gostava de saber mais ou menos quanto vale o aluguer de uma casa o apartamento bem simples só para uma pessoa. Muito obrigada e felicidades!!

  41. olá Adriana boa tarde. Como a maioria a cima perguntou, gostaria de informações sobre: aluguel, escola, meu esposo já trabalhou com TI, administração e é mecânico, o que você me diria de tentar algo por ai?
    eu trabalharia de boa com Telemarketing, gostaria muito sair daqui….. por favor me ajude

  42. OLÁ ADRIANA, BOM DIA.
    Parabéns pela coragem, iniciativa, empreendedorismo, etc.
    Sou aposentado desde 2011, viajei muito antes e tenho andado bastante pelo mundo.
    Recentemente estive em Londres e, dali, parti para a Escandinávia, exclusive Noruega.
    Apesar disso, somente domino minha língua, o Português, tenho sérias dificuldades com o inglês (avaliação de 50%), e pretendo estudar o castelhano ( atualmente muito empregado no mundo todo, talvez a terceira língua mais falada).
    Assim, comparei o que já pude ver com as informações passadas por você.
    A realidade de outros locais, comparada ao Brasil, o funcionamento das instituições, prioridades para saúde, educação, e outros mais, encantam e, ao mesmo tempo, decepcionam, na medida em que aqui no Brasil determinados valores, dentre os quais a vida, não são levados em conta.
    Peço, se possível, informações sobre:
    a) aluguel de casa ou apartamento, com 1 ou 2 quartos, bairro/local seguro, aprazível e residencial, não necessariamente em MVD, pelo período de pelo menos 1 ano;
    b) atualização dos custos com alimentação, transporte, energia elétrica, gás, e o mais que puder fornecer;
    c) preços de passagens aéreas (sujeitos a variações para + ou para – ), saindo de MVD, para USA ,Europa (Alemanha, Bélgica, Holanda, Austria, Suíça, Rússia (Moscou), etc), América do Sul e outros destinos interessantes;
    d) informar se existem pacotes de viagens para esses locais (item c) ou outros, inclusive no Brasil;
    e) idem, quais as cidades do Uruguai que poderão ser acessadas com facilidade, por carros, ônibus, etc, para compras tax free, tipo Ciudad del Leste, Salto del Guairá (estas no Paraguai) (
    f) a famigerada inflação, como costumeiramente aqui no Brasil, existe no Uruguai?
    g) se existir, em que proporção/índice/percentual, mensal/anual, ela se encontra?
    h) por enquanto, paro por aqui, ok?
    i) tudo mais que considere importante/interessante/válido para estada mais prolongada no Uruguai e, de MVD, partir para outros destinos;
    j) quais os custos de seus serviços para essas informações, fundamentais para que eu possa definir minha saída do Brasil, em caráter temporário, talvez, definitivo.
    Att.
    Sergio

  43. Adriana, tudo bom?

    Estamos preparando todos os papéis para realizar nossa residência Mercosul, pois ja estamos morando em montevideo. Queriamos saber se voce pode nos indicar alguma imobiliária ou até mesmo um site para alugar / vender casa e apartamentos mais barato.

    desde já obrigada.

      • Mirna, me chamo Débora e estou muito interessada em morar no Uruguai, mas não sei muita coisa dai e também não falo espanhol. Sou formada em Designer de Interiores. Fiquei muito interessada em saber mais sobre a vaga em Punta de Leste.

        Grata

  44. MORO NO ESTADO DO TOCANTINS GOSTO DE LUGAR FRIO E PRETENDO MORAR AÍ QUANDO ME APOSENTAR SOU FUNCIONÁRIO PÚBLICO E SÓ NÃO MUDO AGORA PORQUE SERIA UM RISCO LARGAR MINHA PROFISSÃO QUE AMO DE PROFESSOR DE EDUCAÇÃO FÍSICA, MAS ESTOU REVOLTADO COM A POLÍTICA E COM TUDO QUE PASSAMOS AQUI, PRETENDO CONSEGUIR ME APOSENTAR SEI Q VAI DEMORAR MAIS QUERO VIVER AÍ OU NA ARGENTINA , ESTOU DECIDIDO E PRETENDO DAQUI 4 ANOS APRENDER O ESPANHOL PRA VIVER COM MINHA ESPOSA AÍ, GANHO HOJE UNS 4MIL REAIS DAQUI ATÉ ME APOSENTAR ESPERO ETAR GANHADO UNS 7 MIL CREIO QUE DÁ PRA VIVER TRANQUILO AÍ.

  45. Adriana,tenho uma loja de decoração em Punta de Leste e procuro gente para trabalhar,em administração e vendas!Não tens interesse em aumentar tua renda?Fala comigo,ou se conheces pessoas do Brasil e outros paises que queiram trabalhar!

  46. Oi, estamos pensando em passar um ano ai, e queriamos saber quanto seria o aluguel de um apto de 2 quartos, em qualquer bairro. Adoramos seu relato e parabens pela coragem e determinação. Se puder, me envia um link de imobiliária. Já ajudaria no planejamento. Gratiissima, Ana

  47. Olá Adriana, estou me mudando para Montevideo em novembro, você sabe me dizer onde encontro um local para me hospedar, de preferencia com um preço acessível, pois os que eu tenho observado eswtão em torno de 1200,00R$ e achei muito caro por um mês de hospedagem sem alimentação. Caso possa me ajudar, por favor pode me chamar no endereço de e-mail [email protected]. Grato.

  48. Adriana,já fui várias vezes a Montevidéu e sei realmente o quanto é complicado o “carisma” do povo uruguaio. Em geral são sempre frios e desconfiados,rs… Quero aqui também te conglatular pela suas habilidades,coragem e determinação.Espero poder te ver por aí ou por aqui qualquer dia desses. Um forte abraço e muito mais sucesso!!!

  49. Adriana, tudo bem? sou gaúcha, conheço bem esse vento cortante o minuano .. rsrsrsrs , moro no Rio a 5 anos, sou tua colega de mkt , tenho empresa de consultoria, mas Brasil esta muito difícil , cultura 0 , impostos altos, impossível de trabalhar , mão de obra horrível, criminalidade e etc.. q deve estar sabendo …
    Não conheço Montevideo , somente cidades da fronteira , pretendo ir este ano , estou estudando país como Uruguai que é parecido com minha cultura gaúcha(valores ) , também sou corretora de seguros , me diga , o que você me indicaria profissionalmente?

  50. Parabéns Adriana, pela força e empreendedorismo. Estamos eu e minha família há 20dias no Uruguay, mas de cara já percebi que são bem fechados e desconfiados. Nao sei se são assim com tds ou só conosco brasileiros. Achei mt ruim, pq morei em Lima e lá eles são mt acolhedores, alegres e amam os brasileiros. Outra espanto foi como vc mesma disse, com os preços. Meu Deus como td aqui é carooo!!!! Adoro fazer amizades, mas acho que nao será fácil isso por aqui. Fico até Dezembro deste ano de 2016 aqui, e confesso que no começo achei pouquíssimo tempo,mas depois que cheguei tenho dado graças a Deus. Desejo mt que essa minha primeira má impressão dos Uruguaios mude. Boa sorte e sucesso a todos.

  51. Ola Adriana,que legal ter encontrado esse post e poder ter acesso a tantas informações sobre o Uruguai,tenho pesquisado muito sobre este pais,com o intuito de um dia viver por ai,mas ainda existem muitas duvidas e medos acerca dessa mudança,porem confesso que me senti encorajada ao ler sua postagem.Gostaria que você fizesse indicações de locais com moradias de baixo custo,se possível com imagens. Poderia estabelecer uma especie de intercambio para que os brasileiros que tivessem o desejo de ir morar no Uruguai pudessem chegar no pais e não se sentirem um peixe fora d’água sem nenhuma certeza,e com esse “intercambio” nos sentirmos seguros em saber que poderíamos contar com uma assessoria brasileira para ao menos saber que rumo tomar. Parabéns pela postagem.Abraços!!!

  52. Olá,
    Adriana boa noite, por favor me responda, estou me aposentando, sou servidor público federal e gostaria de saber de você com quanto de salário da para viver uma vida simples em uma cidade média ou pequena. É como seria a minha situação? Eu receberia o meu salário em real e trocaria por peso no banco do Brasil, ou já receberia converido em peso.
    Obs: por favor me respobda, não aguento mais viver no Brasil, me ajude por favor. Grato pela atenção e compreensão. Buenas as noites.

  53. Bom dia. Ao pesquisar sobre compras no Uruguay me deparei com seu blog e confesso que o apreciei muito pela boa e grande idéia de conciliar interesses de ambos os lados comerciais. Assim sendo, desejo muito localizar empresas que tenham equipamentos à venda com fabricação própria ou mesmo distribuição para revenda nas áreas de Soldagem MIG, TIG, MAG, ALUMINIO, ESTANHO, SOLDA ELETRICA, etc…, também tenho interesse em perfumarias, roupas masculinas como ternos, blaizers, calças, camisas, gravatas, calçados solados em couro, chapéus em feltro…etc. Roupas femininas, como peças íntimas, peças avulsas de blusas, saias, vestidos no perfil mais comportado para atender demanda de consumo para famílias evangélicas.
    Também tenho interesse em maquinas de porte para corte, dobra, curvatura, perfuração em metais, pedras, plasticos etc como calandras, dobradeiras de tubos, enfim, maquinas voltadas para produção industrial
    Agradeço desde já a inteireza de vossa atenção certo de seu breve contato para que possamos começar a realização de bons negócios para todos com a vossa clareza e participação na intermediação dos interesses distintos.
    Atenciosamente,
    Oswaldo B. Paccamicio

  54. Boa tarde.
    Estou me aposentando e pretendo morar no Uruguai. Gostaria de saber se alguém me da uma dica para morar em Punta del Leste se uma renda de aproximadamente 12.000,00 daria para 4 pessoas viver razoavelmente.

    Gostaria de receber dicas para aluguel; locais seguro para morar etc……….

    Abraços,

    Jakson

  55. Prezada Adriana Molha (a colunista cuja coluna acabei de ler a cativante coluna “Uruguai – Vivendo em Montevideu)

    Fico em dúvida se devo escrever a você ou ao Blog, mas o seu texto da autora me cativou. Assim, arrisco o espaço disponível, formal, após as precisas palavras de Adriana.
    Sou brasileiro, antropólogo, já morei em muitos lugres do mundo, dos mais tradicionais aos mais modernos. De 1995 a 2003, construí minha vida em NY. Com a queda das torres, voltei para o meu país. Não minha São Paulo, mas para minha cidade adotiva, Brasília. Nesses meios tempos, muita coisa aconteceu, profissional e existencialmente.
    Hoje tenho uma certeza, talvez a maior delas, é chegado o momento de buscar um novo porto seguro. O meu Brasil anda em pedaços cada vez menores. Nem minha antropologia de longa data consegue me ajudar neste momento. Decidi partir para um novo porto seguro. Um sonho, sim um sonho (eu nunca estive em Montevidéu), me apontou a charmosa possibilidade como uma necessária possibilidade de refúgio.
    Sou versado em línguas; sei brincar com o português e com o inglês. Já o espanhol, é um outro caso. Leio perfeitamente bem, entendo razoavelmente, escrevo quase nada, Sou um homem, alguns diriam especial, que nunca deixei de procurar o bem. não tenho filhos. Sou inteligente, bom astral, bem humorado, sentimentalmente e afetivamente desapegado.
    Preciso urgentemente de um refúgio em terras novas. Sou hábil no aprender e no ensinar ; tenho consciência de nossa responsabilidade de fazermos o nosso mundo um lugar melhor.
    Estou decidido a participar dessa missão. Minha curiosidade não guarda limites em conhecer o Uruguay, montevidéu e cercanias.
    Adoraria ter uma resposta de vocês. Minha disponibilidade, para qualquer mudança, é imdediata.
    Um abraço afetuoso, aguardando uma palavra de vocês.

    Selmo Norte
    ([email protected])

  56. BOM DIA ,ADRIANA PRETENDO NOS PROXIMOS ANOS ,CONHECER OU TALVEZ COMO ACONTECEU COM VC MORAR, NO URUGUAI E CONHECEREI ESTA GRANE VENCEDORA,ABRAÇO
    SOU DO RIO DE JANEIRO

  57. Olá Adriana, gostei muito da sua história,parabéns.
    Também tenho muito interesse em ir para o Uruguai porém além de trabalho tenho interesse em transferir meus estudos para lá porque tenho nível técnico mas ainda estou concluindo o meu ensino superior.
    Você tem alguma informação sobre a transferência de estudo para as universidades uruguaias ou pode me dar um norte de onde conseguir essas informações ?

  58. Oi Adriana…achei muito legal sua história! O Uruguai sempre me fascinou…o Mujica tem culpa nisso!!! Kkkkk
    Sou professora e meu marido vendedor…tenho muita vontade de morar no Uruguai…como posso fazer pra começar essa empreitada?

  59. Olá, sou enfermeira, qual o salário médio de uma colega aí no Uruguai? O mercado é atraente para brasileiras?

  60. Bom dia, Adriana!
    Parabéns pela sua luta e dedicação, identifiquei-me com a sua história. Sou dentista e penso em atuar profissionalmente no Uruguai. Li alguns sites dizendo que não há necessidade de revalidação do diploma. Você já teve contato com algum dentista aí em Montevidéu?

    Paz e bem.

  61. Boa noite! Adriana você é uma mulher guerreira.

    Parabéns pelo seu sucesso.

    Eu trabalho no ramo da construção Civil. Fabricação de produtos para construção civil como argamassa colante e etc.

    Você tem informações sobre esse setor ai no Uruguai, se vale apena investir em uma indústria desse seguimento?

    Obs: Falando que um dos principais componentes é a areia e eu não sei como funciona as licenças de exploração junto ao meio ambiente.

    • Juraci, a Adriana parou de colaborar, mas temos colunista nova no país. Por favor acesse os textos publicados recentemente sobre o Uruguai e redirecione a sua pergunta para a nova colunista, se assim preferir.
      Obrigada,
      Edição BPM

  62. Boa noite Adriana ,

    Adorei seu blog ,tenho uma locadora de van ônibus e micro ônibus ,e a trabalho já estive aí no Uruguai nos anos de 2013 e 2015 e agora este mês retorno novamente ,presó serviço a um buffet aqui em São Paulo de renome internacional nao sei se vc conhece ,buffet ,2013 a festa de casamento foi na estância wiki em José Inácio e a de 2015 foi na saída de maldonado para a rota 9 não me lembro o nome do espaço mais foi do lado do hotel fasano e a deste ano será no mesmo local e aí eu te digo que amei este país é a minha vontade e de ir morar aí mesmo q seja pra trabalhar a principio no transporte coletivo ou abrir uma empresa de transportes de turistas,foi um prazer te conhecer e terabenizar pela sua ousadia e vitória ,e isso aí Parabéns .

  63. Bom Dia! Estou me formando em odontologia e já procurei bastante na internet,não encontrei nada sobre o que preciso para trabalhar no Uruguai. Não sei como seria o processo necessário para exercer a profissão no país! Tu tens alguma informação? Poderia me ajudar? Moro em Criciúma/SC apenas 1000km de Montevidéu o que mais me anima ir kkk Obrigado,aguardo.

  64. Olá! Por favor, gostaria de saber informações a respeito de dentista trabalhar no Uruguai. Tenho interesse. Como é a odontologia aí no Uruguai? É pública ou privada?
    Obrigada
    Sonia

  65. Olá Adriana,primeiramente parabéns por tudo que conquistou.Eu e minha esposa fomos para Punta Del Este mais ou menos uns 2 anos,e agora decidimos que entre junho ou julho iremos morar ai,queremos fazer alguma coisa diferente também,vamos vender tudo aqui e com o dinheiro iremos para o uruguay,gostaríamos de saber se você tem alguma dica de algum lugar para ficarmos e qual cidade?essas coisas,ficaremos muito gratos.obrigado

Deixe um comentário

Por favor inclua o seu comentário
Por favor escreve o seu nome aqui