BrasileirasPeloMundo.com
Bolsas de Estudo Pelo Mundo Holanda

Cinco dicas para estudar com bolsa de estudo na Holanda

Você já pensou em morar fora, conhecer novas culturas, experimentar novos sabores, se apaixonar por novas paisagens e ampliar seu leque de amizades?  Isso é possível e o melhor, sem gastar nada ou quase nada. Confira 5 dicas para você estudar na Holanda e ampliar suas experiências.

1) Por que estudar na Holanda?

Porque a Holanda, além de ser a terra das tulipas, moinhos, queijos e tamancos possui 4 das 100 melhores universidades do mundo. O país é o 7º no mundo que mais gasta com educação e tecnologia.

Fique tranquilo, os cursos voltados para estrangeiros são todos ministrados em inglês e as salas de aula contam, em sua maioria, com pessoas estrangeiras. São poucos os holandeses que escolhem fazer sua graduação ou mestrado na língua inglesa.

2) Benefícios para os estudantes

Quando você pensa em estudar no exterior a primeira ideia que surge é se inscrever para o Ciência Sem Fronteiras. Se sua área é uma das contempladas pelo programa, inscreva-se e venha estudar na Holanda. Caso sua área não se encaixe, não se preocupe: a Nuffic Neso Brazil, escritório de representação oficial do ensino holandês no Brasil, ajuda você a realizar o sonho de estudar fora. A instituição administra o Orange Tulip Scholarship Brasil. O programa é oferecido somente para brasileiros; sendo assim, a chance de o candidato ser selecionado é grande e eles financiam 100% do valor do curso de bacharelado, MBA e mestrado.

 

3) Requisitos para candidatura da bolsa Orange Tulip Scholarship Brazil

O primeiro passo é encontrar uma instituição holandesa de ensino superior que ofereça o curso que você deseja cursar, e depois você terá que observar e atender aos requisitos solicitados, lembrando-se de que para cada instituição há um requisito diferente ou mesmo a necessidade de se apresentar documentos adicionais. como GMAT ou GRE.

Para todas as universidades é necessário apresentar um certificado de proficiência em inglês e para esse fim, só valem o TOEFL e o IELTS.

Para lhe ajudar, aqui vai o link com todas as instituições participantes do programa da Orange Tulip.

O segundo passo consiste em enviar os documentos necessários para se candidatar à bolsa. Vale ressaltar que para se candidatar ao programa é necessário ter recebido um e-mail ou carta da universidade em que você se inscreveu, confirmando sua admissão.

Quer saber quais documentos você precisa enviar para ganhar a bolsa? Clique aqui.

unnamed (1)

4) Comece agora mesmo

Se você se interessou pela oportunidade apresentada, inscreva-se já. O período geral de inscrição da bolsa Orange Tulip Scholarship Brazil para o próximo ano letivo vai de 15 de setembro de 2015 a 1º de abril de 2016. O prazo é relativamente grande para que o candidato possa se preparar de maneira eficaz.

Ser admitido por uma universidade estrangeira não é a tarefa mais difícil do mundo – falo por experiência própria -, mas exige comprometimento e dedicação do candidato.

5) Perspectivas de futuro

Estudar no exterior não é mais um privilégio e sim, uma forma de se destacar no mercado de trabalho. Se seu objetivo é voltar para o Brasil, tenha certeza que com um diploma internacional muitas portas vão se abrir.

Agora, se você gostou da Holanda e quer morar aqui, o fato de você ter estudado numa instituição holandesa poderá lhe proporcionar a chance de encontrar um emprego e, assim, ter seu visto estendido.

Se seu foco não é conseguir um emprego, estudar fora também poderá lhe beneficiar. Ao conhecer pessoas da sua área por meio de troca de informações, a sua rede de contatos poderá crescer, possibilitando o surgimento de oportunidades futuras mundo afora.

6) Dica extra

Mantenha o foco e escolha instituições de ensino onde você realmente deseja estudar. Isso significa que sair atirando para todos os lados pode não ser uma boa estratégia.

Tenha iniciativa! As instituições holandesas apreciam o aluno que manda e-mail, telefona, aquele que mostra seu interesse. Seja você mesmo na hora de preencher os documentos necessários. Mentir no currículo certamente irá lhe prejudicar. Na Holanda o sistema de busca avançada permite que os recrutadores confrontem dados.

Finalmente, tenho que dizer que estudar na Holanda é uma experiência incrível que vivencio a cada dia. Recomendo a todos que estejam dispostos a conhecer uma nova cultura, fazer novos amigos e vencer no âmbito profissional.

Related posts

Envelhecer na Holanda

Fernanda Campestrini

O tempo e o vento na Holanda

Júlia Abreu de Souza

As pequenas cidades holandesas de Blaricum, Laren e Huizen

Melissa Alfeu

4 comentários

Lorena Novembro 1, 2015 at 9:47 pm

AAAAAAHHHH nao acredito que vc ta fazendo mestrado em direito internacional! Esse ano é meu ano de vestibular e eu estou cogitando a hipótese em fazer direito para me especializar no mesmo tópico! Vc fez direito por aqui? Qual universidade vc estuda na Holanda?
Mil beijos,
Lo.

Resposta
Renata Salas Collazo Novembro 2, 2015 at 2:51 am

Muito interessante Giovanna. Eu tambem adoro a Holanda e com as suas dicas tenho certeza que meio caminho ja esta andando para quem pensa em estudar no exterior!!!Otimas dicas

Resposta
giovanna adam Novembro 2, 2015 at 4:31 pm

fico feliz em ajudar ! bjs

Resposta
Isabela Novembro 3, 2015 at 2:23 pm

Boa tarde, Giovanna !! Muito legal o texto !!
Você poderia me informar, a universidade que você entrou aceitava IELTS ou TOEFL ?? Abs, tudo de bom. 🙂

Resposta

Deixe um comentário

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.

Este site ou suas ferramentas de terceiros usam cookies Aceitar Consulte Mais Informação