BrasileirasPeloMundo.com
10 Motivos Austrália

Dez motivos para morar na Austrália

Dez motivos para morar na Austrália.

Esse post foi escrito por Mariana*, que mora em Sidney, e Aline, que mora em Perth. Concordamos em 80%, mas a primeira foi o grande diferencial.

1. (Aline) Todas as profissões são valorizadas da mesma forma.  Aqui não importa se você é médico ou pedreiro, sera respeitado igual.

1 – (Mariana) Qualidade de vida. Esse item na verdade é uma combinação dos itens abaixo. Morar na Austrália é ter segurança, aproveitar a vida ao ar livre, praias lindas, e um nível de estresse mais baixo que no Brasil.

2 – Vida ao ar livre

O clima (na maior parte) da Austrália é de temperatura amena, com invernos curtos e bastante sol. Sydney, por exemplo, possui em média 300 dias de sol por ano, Perth 330. O clima, junto aos parques e praias, faz com que a população aproveite ao máximo a vida outdoors.  Aqui comemoram-se aniversários e até casamentos com piquenique no parque, faz-se churrasco nas churrasqueiras públicas das praias (juro que não tem bagunça), pratica-se exercício ao ar livre.

Picnic no Kings Park em Perth
Picnic no Kings Park em Perth

3 – Você fará amigos do mundo inteiro e será super bem recebido

Sim, porque a Austrália é um país jovem e formado por imigrantes.  No trabalho, na escola, no bairro, até mesmo no pub!, você vai conviver e fazer amigos dos mais diversos países e culturas. E você ainda vai se surpreender em descobrir o quanto tem em comum com eles. A Austrália é um país multicultural. Tem muito estrangeiro morando por aqui. Os australianos nos recebem muito bem. “No meu trabalho tem meninas australianas, das Filipinas, Maleasia, Bangladesh” (Aline)

4 – Segurança

Esse talvez seja o número 1 da lista de qualquer brasileiro, e o mais forte motivador para tantos jovens quererem emigrar do Brasil. Nada de condomínios fechados, olhar para trás enquanto anda-se na rua, ou não sair de casa a pé sozinho. A segurança dá uma sensação de liberdade maravilhosa.

praia

5 – Salário digno

Discordo de muitos blogs e grupos nas redes sociais que fazem uma verdadeira propaganda dos salários “fantásticos” da Austrália. Se você pesquisar com mais detalhe vai descobrir que o custo de vida é altíssimo; manter casa e geladeira cheia é um desafio para a maioria das famílias australianas. A realidade é que todos os tipos de trabalho, sejam qualificados ou não, possibilitarão uma vida digna. Mas não espere ficar milionário…

6 – Jornada de trabalho (Work life balance)

Muitos trabalhos serão remunerados por hora (e não por mês). Isso, juntamente com a cultura do trabalho part-time , dá uma flexibilidade no mercado de trabalho. A maioria dos escritórios seguem o modelo 9 da manhã – 5 da tarde. Mas dependendo da indústria (por exemplo, o mundo jurídico e financeiro), esse horário é mera sugestão! Trabalha-se longas e muitas horas a mais. A diferença principal em relação ao Brasil: quando você estiver fora do horário de trabalho, você dificilmente será procurado por clientes ou chefe. Existe um respeito maior com a vida pessoal do empregado/profissional.

Muitas mães sonham em trabalhar meio período para passar mais tempo com seus filhos. Aqui é super comum trabalhar três dias por semana, e passar os outros dois com os filhos, estudando, ou fazendo nada. “Uma educadora que trabalha comigo trabalha terça a quinta e fica segunda e sexta com seu filho de 4 anos. Outra folga na quarta porque ela quer um dia para ficar em casa sem fazer nada.” (Aline)

7 – Educação e saúde de qualidade

O sistema de educação pública de primeiro e segundo graus (equivalente) é em geral muito bom. O ensino superior ou técnico é pago, mas os australianos possuem linha de crédito (no estilo do crédito educativo brasileiro) bastante eficiente. Você não precisa fazer universidade para ser aceito profissionalmente. Existem muitos cursos técnicos chamados de TAIFE que, dependendo da profissão, são suficientes para ter uma vida profissional promissora. A saúde pública não é totalmente gratuita, mas é de excelente qualidade (especialmente se compararmos com o SUS em alguns lugares do Brasil).

8 – Transporte público

Limpo, pontual, seguro e, dependendo da linha de trem ou ônibus, até com wi-fi. Dependendo onde você more, você não precisará de carro. O centro financeiro de Sydney (CBD), por exemplo, vê todos funcionários e clientes chegarem usando transporte público. Isso inclui grandes CEOS e políticos. Em Perth a situação é um pouco diferente. Limpo e seguro sim, pontual nem sempre. Para o centro da cidade é mais fácil, mas se você quer ir de um subúrbio para outro pode demorar 2 horas o que de carro demoraria 30 minutos. Isso se for dia de semana, final de semana os horários são mais esparços ainda.

Pessoa lendo no kindle, no trem, em Perth
Pessoa lendo no kindle, no trem, em Perth

9 – Clima de férias

Nos finais-de-semana e dias de folga, você se sentirá de férias! Com lugares lindos para explorar, e sendo tudo tão novo para nós, a sensação é que você realmente está de férias. Se você estiver perto da costa, vai sentir que o clima é bem descontraído e casual. Aliás, os australianos se orgulham do estilo bem relax do seu povo e cidades.

Piscina pública Andrew Boy. Parte central de Sydney
Piscina pública Andrew Boy. Parte central de Sydney

10 – Vida mais saudável

Um dos efeitos diretos da vida com segurança (e sem o medo constante da violência), aliado a uma vida mais voltada a atividades ao ar livre, é que você vai se sentir mais saudável. Explorar parques, surfar, fazer trilhas, ir nadar na praia, mergulhar talvez, jogar bola, correr, pedalar: são verbos praticados no dia a dia da vida na Austrália. Usar transporte público significa também caminhar mais e adquirir um estilo de vida mais ativo. Deixe o salto alto em casa e se incluir bicicleta, ainda melhor!

E ainda, assim como na Europa, você vai cuidar e limpar da própria casa, o que também trará um senso de satisfação grande e manterá você ativo até nos dias de folga.

* Mariana é advogada e mora em Sydney, Austrália, com o marido.

Related posts

O Brasil fora do Brasil em Sydney

Letícia Hughes

Dez motivos para morar no Uruguai

Adriana Molha

10 motivos para dar a volta ao mundo com os filhos

Jéssica Trindade

52 comentários

franciane Outubro 28, 2014 at 3:46 pm

Muito bom aline, obrigada voce tem me esclarecido muito

Resposta
Antonio Novembro 14, 2014 at 1:18 pm

Olá Aline!
Sou advogado formado a dois anos e gostaria de ir viajar pelo mundo no inicio do próximo ano, um dos países que mais me agrada seria justamente a Austrália.

Como funciona para um brasileiro começar a vida por ai? o visto é muito complicado? mesmo com visto de turista é possível arrumar algum tipo de trabalho? sou advogado mas não tenho problemas de trabalhar como pedreiro por exemplo …

Resposta
Aline Arruda Novembro 23, 2014 at 11:54 am

Ola Antonio, tudo bem?
Acho que para começar a vida, vc precisa pensar o que quer fazer aqui. Visto de tursimo não dá direito a trabalhar. Se vem como estudante, pode trabalhar 20 hs por semana. Eu não sei da dificuldade do visto porque vim com meu marido, ele com visto de estudante, eu partner. Sobre opções de visto, melhor você procurar uma agência.
Sobre trabalho, acabei de escrever sobre sub emprego: http://www.brasileiraspelomundo.com/trabalhar-na-australia-sub-emprego-490810665.
Se você planeja ser advogado aqui o processo é um tanto mais longo e caro.
Abraços

Resposta
filipe Maio 26, 2015 at 11:38 am

Bom dia Aline, eu sou tatuador e estou pensando em ir para Australia com minha namorada, você sabe alguma coisa sobre esse mercado?

Resposta
Aline Arruda Maio 26, 2015 at 12:22 pm

Ola Filipe, tudo bem?
Olha, eu não sei, sorry. E nem conheço nenhum tatuador para perguntar….
Tem um grupo no facebook chamado “Brasileiros em Perth”. Talvez lá você encontre alguém que possa te ajudar 🙂
Abracos

Resposta
Veronica Fevereiro 12, 2016 at 10:10 pm

Oi Filipe

Meu namorado tbm é tatuador e tbm estamos pensando em ir pra Austrália. Poderíamos trocar uma ideia?
Meu e-mail é [email protected]

Resposta
Aline Arruda Fevereiro 13, 2016 at 1:00 am

Oi Veronica, não sou tatuadora, sou educadora infantil.
Não sei como é o mercado para tatuadores aqui, sorry.
Boa sorte,
Aline

Resposta
biaganem Junho 1, 2015 at 7:06 pm

Olá, Aline, tudo bom?
Eu estou no início da graduação de Relações Públicas e gostaria de ficar um tempo na Austrália
Gostaria de saber se o recomendado é ir por agências ou por conta própria?

A pretensão é não ter data, a principio, para voltar. Apenas alguém que direcione como conseguir um emprego e cursos de inglês de boa qualidade, e que a hospedagem não seja casa de família.

O que você me indicaria?

Resposta
Aline Arruda Junho 1, 2015 at 10:23 pm

Ola Bia, tudo bem?
Se você achar alguém que não seja de agência e consiga te ajudar com o que precisa, vem por conta.
Eu vim por agência, e recomendo. Quem trabalha em agência sabe exatamente o que fazer, sabe e é pago para responder todas as dúvidas e conseguir corresponder as suas expectativas. Porém tem gente que vem por conta e consegue se virar. É uma escolha pessoal :-).

Boa sorte, abraços

Resposta
Nath Absalão Julho 17, 2015 at 5:51 pm

Bia, eu sugiro ainda que vc faça inglês aqui, existem cursos preparatórios para isso, não sei qual seu Estado, mas em Recife a Cultura Inglesa oferece cursos para brasileiros que pretendem morar fora. Meu cunhado fez e adorou, ele tá se preparando pra morar na Austrália e eu e meu marido tb, logo logo!..

Aline, adorei sua postagem!.. Um sonho morar aí, contando os minutos!!!!

Resposta
Aline Arruda Julho 18, 2015 at 5:41 am

Obrigada Nathalia, fico feliz em ajudar.

Resposta
Gabriel Bianco Junho 8, 2015 at 12:49 pm

Bom dia Aline, como vai?

Eu e minha prima estamos pensando em ir morar na Australia. Meu primo, irmão dela, mora em Perth. Casado e tem uma filha. Ambos brasileiros. A principio ficariamos na casa deles, mas depois seguiremos por conta própria.

Minha prima já ficou um ano estudando na Australia, se tornou personal trainer. Gostaria de saber se é dificil conseguir um trabalho por aí? Tenho formação em Administração de empresas e inglês intermediário. Devemos planejar antes de se jogar?

Acha que se for vender brigadeiros, será sucesso? rs

Obrigado por este blog incrível, irei devorá-lo com toda certeza.

Beijos.

Resposta
Aline Arruda Junho 8, 2015 at 10:39 pm

Ola Gabriel, tudo bem?
Obrigada pelo carinho, e espero que os posts possam ajudá-los :-).
Sobre conseguir emprego, dá uma olhada nos meus outros posts, tem um sobre emprego na área e um em subemprego. Se tiver mais dúvida, me manda :-).
Planejar ou se jogar? Eu sou da turma do planejar. Tem gente que vem e depois vê o que rola, mas o que normalmente acontece é que se você quer trabalhar na sua área, demora. Se programando, você tem um prazo para o subemprego acabar, Conheço gente que vem sem plano e demora 3, 4 anos para conseguir ou trabalhar em uma área nova.
Meu humilde conselho? Se programe, planeje, e guarde muito dinheiro porque é caro pacas!
Aqui tudo, TUDO precisa de licença e certificado. Até para vender brigadeiro rsrs.
Precisando, estou por aqui.
Abraços e boa sorte no planejamento.
Aline

Resposta
Alana Outubro 13, 2016 at 6:05 am

Oi Aline, tudo bem? Eu e meu marido chegamos em Perth no final do mês passado 😉 Estamos adorando, mas como nosso inglês ainda está bem ruim, fica difícil arrumar emprego. Estava pensando em vender doces, mas não achei qual a licença ou certificação que tem que tirar… Vc tem alguma ideia do nome dessa licença?
Bjs,

Resposta
Aline Arruda Outubro 13, 2016 at 8:04 am

Oi Alana, tudo bem e você?
Bem-vindos. Tempo melhorando, finalmente. Logo mais estamos reclamando do calor haha.
Puxa, Não sei. Você pode ir sub-prefeitura do seu bairro e perguntar. Eles são ótimos.
Boa sorte,
Bjs
Aline

Resposta
Vinicius Tarrão Junho 18, 2015 at 10:54 pm

Meu nome é Vinicius,
tive procurando na net como morar na Austrália e não achei bons resultados. Eu gostaria de saber como eu faço pra trabalhar sendo médico e morar em Perth. Obrigado! gostei demais do seu Blog

Resposta
Aline Arruda Junho 20, 2015 at 7:10 am

Ola Vinicius, tudo bem?
Para ser médico na Australia, como em qualquer outra profissão, você precisa validar o seu diploma. Eu Não sei detalhes do que você precisa fazer, mas tenho uma amiga enfermeira e meu marido tem um colega que a esposa validou o diploma e é médica aqui. O caminho é caro e bem longo. Tem umas provas para fazer, tirar uma nota alta no IELTS, e você precisa ser GP por algum tempo antes de ir para sua área de expertise.
Talvez fazer uma pós ou Mestrado aqui ajude, aconselho você a pesquisar mais, tenta descobrir qual o orgão responsável pelos médicos na Austrália, eles vão te dar o caminho das pedras paravalidar seu Diploma :-).
Boa sorte,
Abraços

Resposta
Aline Arruda Junho 20, 2015 at 7:15 am

Dei uma gogglada rápida. Dá uma olhadinha nesse site: http://www.medicalboard.gov.au/
Boa sorte,

Resposta
Fernanda Julho 8, 2015 at 1:36 am

Oi Aline. Estou pensando seriamente em mudar com marido e filho. Sou professora de português e inglês. Não sei se consigo emprego na área de educação. Você tem alguma informação a respeito? Obrigada.

Resposta
Aline Arruda Julho 8, 2015 at 4:48 am

Oi Fernanda,
Da uma olhada no seek.com.au, veja se tem demanda pela sua profissao.
Não sei ao certo, não sou agente, sou só uma pessoa que mora aqui, escrevendo sobre a vida em Perth :-).
Sei que na área de educação tem demanda, mas os detalhes, só com uma agência :-). E tambémsei que para dar aula você precisa reconhecer seu diploma e ter um inglês fluente.
Boa sorte,
Abraços.

Resposta
Sandro Julho 8, 2015 at 4:17 pm

Boa tarde,

Sempre tive e tenho vontade de morar fora do Brasil, pelo que pesquisei, a Austrália é um pais tropical assim como o Brasil e acredito que iria me adaptar muito fácil. Sou formado em Contabilidade com especialização na área tributária (TAX), meu inglês é intermediário e tenho 35 anos. O que você me diz a repeito inclusive sobre a idade? Att, Sandro

Resposta
Aline Arruda Julho 9, 2015 at 4:51 am

Oi Sandro, tudo bem?
O clima da Austrália é parecido sim com o do Brasil, mas não é o país inteiro que é tropical,só o norte. Onde moro, em Perth é perto do deserto, é quente de doer no verão e muito seco, e frio pacas no inverno e úmido.
Da idade? Eu tenho 34 e meu marido 35 anos ecá estamos, recomeçamos nossa vida do zero. Aqui não tem essa de idade não.
Boa sorte,
Abraços
Aline

Resposta
Renata Caliman Julho 11, 2015 at 11:10 pm

Oi Aline boa noite.
Meu nome é Renata sou professora Pedagoga trabalho com Educação infantil, gostaria de saber se é possível fazer uma pos graduação ai na Austrália , e se morasse por aí , eu conseguiria trabalhar como professora na educação infantil. Tenho inglês fluente .
Abraços ….

Resposta
Aline Arruda Julho 12, 2015 at 12:29 am

Oi Renata, tudo bem?
Educação infantil é uma área de grande demanda aqui na Austrália. Sim, você consegue fazer uma pós, porém para trabalhar com criança você tem dois caminhos: reconhecer a sua formação aqui (não é super complexo, tenho uma amiga que fez letras e deu tudo certo. Você precisa ter no seu diploma que você é livre docente) ou fazer os cursos aqui mesmo. Se quiser dar aula para pequenos de 0-6 em early leanring centre, dá uma olhada no meu post que explica tudo que precisa ser feito http://www.brasileiraspelomundo.com/australia-trabalhar-com-crianca-210915440, ou se quiser dar aula em escola, precisa ter seu diploma reconhecido mesmo.
O inglês fluente ajuda muito :-).
Boa sorte,
Abraços

Resposta
Giovanni Agosto 6, 2015 at 2:10 am

Olá, sou casado e temos dois filhos um de 3 e outro de seis anos! Eu tenho dupla nacionalidade Italiana e minha esposa Portuguesa! Gostaríamos muito de sair do Brasil especialmente pelo futuro de nossos filhos! Vale a pena? Eu conseguiria manter minha família com subempregos? Conseguiria abrir um bar ou café aí? Pois tenho uma certa reserva? No aguardo de seu retorno?
Giovanni de Porto Alegre

Resposta
Aline Arruda Agosto 6, 2015 at 4:59 am

Oi Giovanni, obrigada pela sua mensagem.
Você leu meus outros posts sobre moradia, custo de vida, subemprego e childcare? Acho que irá te ajudar bastante para fazer umas contas e ter ideia do custo de vida que terão aqui.
Tudo é relativo, depende de onde você mora, de quantas horas pode trabalhar, de quanto gasta de mercado, escola para seus filhos. Ser estrangeiro aqui é MUITO caro. Seu filho de 6 anos vai para escola, que custa uns $7mil por semestre. O de 3 anos para childcare, que custa $90 por dia. Eu trabalhando em subemprego sustentei a minha familia, que somos eu e meu marido, mas parapagar o MBA dele, tinhamos que trazer do Brasil. Moravamos em um studio, não tinhamos carro e quase nunca saiamos para jantar.
Quanto a valer a pena? Puxa, para mim valeu. Depois de 3 anos, a vida que tenho aqui e que vou proporcionar aos meus filhos, quando eles vierem, valeu cada milhares, cada calo no pé e lágrimas no banheiro.
Sobre abrir um negócio, sim consegue. Os detalhes eu não sei, aconselho você a procurar um agente de imigração. Eles tem maiores detalhes.

Boa sorte,
Abraços
Aline

Resposta
Bruno Setembro 21, 2015 at 12:35 am

Olá, gostaria de saber como é o mercado de trabalho na área da informatica, como programação, redes, entre outros.

obrigado.

Resposta
Aline Arruda Setembro 21, 2015 at 5:14 am

Oi Bruno, eu não sei, trabalho com Educação Infantil.
Você pode dar uma olhada no http://www.seek.com.au e ver as vagas de emprego na sua área ou procurar uma agência especializada:-)

Boa sorte,

Resposta
Julio Marinho de Assis Outubro 10, 2015 at 3:18 am

Olá, que bom ter alguém dai pra nos tirar as dúvidas, então, sou pedagogo e trabalho como professor de educação infantil e professor de música e banda marcial, sou casado e tenho uma filha de um ano, como faço pra conseguir trabalho e moradia sendo brasileiro nato??!!

Resposta
Aline Arruda Outubro 10, 2015 at 7:28 am

Julio,
Já escrevi sobre emprego e moradia aqui no Blog.
http://www.brasileiraspelomundo.com/?s=Australia
Dá uma olhadinha lá.
Boa sorte

Resposta
Ande Outubro 25, 2015 at 11:43 am

Olá Aline! Meu nome é Andréia, estou indo no ano que vem para Brisbane.
Sou educadora física e trabalho com dança. Vou falando muito pouco inglês e vou ter que aprender na raça! Gostaria se hoje o mercado de trabalho ainda é bom? E se conseguimos trabalhar e se manter mesmo no começo? Obrigada

Resposta
Aline Arruda Outubro 26, 2015 at 4:27 am

Oi Andreia,
Para ter uma ideia do mercado de trabalho, dda uma olhada nos sites que indico no posts sobre trabalho (seek.com.au e gumtree.com.au).
Boa sorte,
Aline

Resposta
renata Outubro 26, 2015 at 3:51 pm

ola me chamo renata e gostaria de saber como faço para tirar um visto para trabalhar na australia e como e o custo de vida ?

Resposta
Aline Arruda Outubro 27, 2015 at 6:38 am

Oi Renata,
Para informação sobre vistos, entre em contato com uma agência, tem mil opções.
Quanto ao custo de vida, já escrevi um post sobre isso, dá uma olahada nos meus outros posts no blog.

Aline

Resposta
Carla Dezembro 2, 2015 at 11:22 am

Ola ! Gostaria de saber quais são as dificuldade em conseguir um visto de permanência ai e se as exigências são compatíveis com as dos EUA, Gostaria de ir com minha família da melhor maneira possível. queria saber também o valor médio de um aluguel para classe media media ai.
Obrigada!

Resposta
Aline Arruda Dezembro 3, 2015 at 4:16 am

Oi Carla, tudo bem?
Existem mil variáveis para o PR (Residencia Permanete). Não é fácil, mas não é impossível. Aconselho você a procurar uma agência de imigração para te ajudar com essas dúvidas. Não sei das exigências dos EUA, eu Não trabalho com isso, sou educadora. Uma agência consegue te ajudar ais :-).
Sobre preço de aluguel, dá uma olhada no meu post sobre moradia: http://www.brasileiraspelomundo.com/australia-a-luta-pela-casa-quase-perfeita-25198909.

Boa sorte,
Abraços

Resposta
Douglas Dezembro 29, 2015 at 7:59 pm

Ola! Sou engenheiro eletricista e estou em busca de novos desafios na carreira…Vc acha que a Australia absorve bem profissionais da minha profissao? O que preciso fazer pra trabalhar legalmente?

Obrigado

Douglas-Petropolis-Rj

Resposta
Aline Arruda Dezembro 30, 2015 at 11:25 am

Oi Douglas. D’a uma olhada no meu post sobre trabalhar na sua area de atuacao que tem dicas bacanas.
Sobre a demanda na sua area, eu honestamente, nao sei. Entra no site de busca de empregos (seek.com.au) e procure por empregos que voce aplicaria para ter uma ideia.
Para trabalhar legalmente, acredito que o essencial seja o visto que lhe permita. Sobre outros requerimentos, acredito que uma agencia possa te ajudar mais :-).
Boa sorte,
Abracos

Resposta
Edson Junior Janeiro 15, 2016 at 1:14 pm

Ola Aline, muito bom essa matéria, eu e minha esposa estamos planejando morar fora do Brasil, estamos cursando Direito e pretendemos após o término do curso. Gostaríamos de saber como é a área jurídica na Austrália? Nao só na área da advocacia, mas a jurídica em geral.
A Austrália é um país laico também?

Obrigado.

Resposta
Aline Arruda Janeiro 16, 2016 at 5:34 am

Oi Edson, tudo bem?
Obrigada :-).

Sobre sua área de atuação, eu não sei especificamente, sorry. Dá uma olhada no meu post sobre trabalhar na área para ver os sites de busca de emprego. Pesquisa as agas e você tem ideia de salário, requisitos, etc. Eu sei que a área jurídica, para reconhecer é um processo bem complicado e por razões óbvias, o sistema deles é completamente diferente do nosso. Nós somos baseados no Direito Romano e eles Common Law (lembra do primeiro ano, IED?). A Mariana era nossa correspondente de Sidney e ela escreveu sobre todo perrengue que passou para ser advogada aqui. Da uma olhada só para você ter uma ideia: http://www.brasileiraspelomundo.com/australia-trabalhando-parte-2-33196320 e http://www.brasileiraspelomundo.com/australia-trabalhando-36184435.

Sobre a australia ser um país Laico, eu acredito que sim, não vejo influencia de religião, é um país bem livre. Multiculutural, tem pessoas de várias nacionalidades.

Boa sorte,
Abraços

Resposta
karoline menezes fagundes Fevereiro 17, 2016 at 11:45 pm

Gostaria de tirar uma dúvida, sou casada e tenho uma filha, meu marido recebeu uma proposta de trabalhar na austrália ele é formado na área de instrumentação de industrias, só que tem um problema nós dois não somos fluentes em inglês, gostaria de saber se isso é um grande empecilho (sei que saber pelo menos o intermediário já ajuda), e minha filha também será que ela se adaptaria referente a escola pois ela só tem 4 anos de idade ?!

Muito obrigada, Beijos

Resposta
Aline Arruda Fevereiro 18, 2016 at 1:31 am

Oi Karoline, tudo bem?
Não ter inglês é, certamente um empecilho levando em consideração que o inglês é o idioma oficial na Australia e a maioria dos australianos só falam inglês.
Crianças pegam bem rápido o idioma, acho que se preocupe menos com ela. Com 4 anos, ela pode ir para childcare que é antes da escola, e pega um pouco o idioma :-).
Depende do que vc quiser trabalhar, precisa sim do inglês.
Boa sorte 🙂
Beijos

Resposta
Bruno Fevereiro 18, 2016 at 3:02 am

Olá Aline,

Parabéns pelo blog ele é muito esclarecedor e foi possível tirar varias duvidas. Estou pensando em ir a Austrália para fazer o curso de inglês e tenho algumas dúvidas e ficaria agradecido se você pudesse esclarece-las.
Estou no 3 ano de Direito, li em um post de uma outra colaboradora do Blog que é advogada, que os advogado formados no Brasil terão que fazer um curso para revalidar o titulo na Austrália. Minha dúvida, você sabe se é possivel eu continuar minha carreira em Direito no país e qual o procedimento para tal proceso. Na realidade estou cursando a carreira em Buenos Aires, mas segue o mesmo sistema de ensino que o Brasil que é o Civil Law e acredito que seguiriam a mesma regra. Meu interesse é o curso de inglês, mas caso possa cursar a faculdade apôs realizar o curso seria perfeito.
Minha outra dúvida é, temos uma cadelinha que é nossa paixão e gostaríamos de levar ela conosco mas não sei qual a receptividade dos moradores, nosso interesse é alugar um Share acommodation, pois pelo que li alugar um imóvel somente pra nós ficaria um pouco caro, e como são apartamentos divididos fico com medo de não permitirem que ela fique conosco.
Muito obrigado.

Resposta
Aline Arruda Fevereiro 18, 2016 at 3:47 am

Oi Bruno:
Se você validar seu diploma de advogado aqui, e passar por todos requerimentos para se tornar advogado poderá advogar aqui sim. Acho que você ainda tem que tirar a OAB deles (BAR), mas quem pode te ajudar 100% é uma agência. Eles são especilizados. Dá uma pesquisada porque talvez você possa terminar a faculdade aqui. Não sei como fica validação, créditos, etc. Talvez até a universidade consiga responder para ti.

Sobre a cachorrinha, é sempre um risco. Você precisa pagar um valor por ter o cachorro contigo e terá que arrumar flatmates que gostam de cachorro. Mas antes disso, se informe no processo paratraze-la contigo. Eu pensei em trazer a minha: a Australia é um país livre de raiva. Pelo que eu lembre, você precisa manda-la para passar 6 meses em um país livre de raiva (se esta na Argentina, otimo, pq eles são) e ai ela vem. Custa caro e quando ela chega aqui na AUS tem que ficar na quarentena para garantir que não tem nenhuma doença. E tudo você paga. Confirma o processo só, ok?

Boa sorte,
Abraços

Resposta
Bruno Fevereiro 18, 2016 at 4:00 am

Muito obrigado Aline 😉
Um abraço

Resposta
Antonio Março 21, 2016 at 6:32 pm

Olá Aline
Eu me formei em agronomia neste ano e tenho interesse em ir para a Austrália como estudante para adiqueir fluência na língua inglesa e tentar conseguir algum emprego na minha área desde jardinagem até agricultura intensiva e extensiva.
Parabéns pelo blog muito bacana

Resposta
Aline Arruda Março 22, 2016 at 9:10 am

Oi Antonio, obrigada por ler o blog.
Boa sorte na sua busca.
Abra’cos

Resposta
Anna Fevereiro 9, 2017 at 1:44 am

Olá Aline, tudo bem?
Gostaria de saber como funciona os sub-empregos. se é possivel viver bem e se é facil encontrar.

Obrigada

Resposta
Aline Arruda Fevereiro 9, 2017 at 4:00 am Resposta
Ludimila Abril 25, 2017 at 7:20 pm

Olá Aline! Você sabe como é o mercado de design de sobrancelhas e micropigmentação?

Resposta
Bruno Enzzo Julho 20, 2018 at 2:23 pm

Oi Aline,

Muitas duvidas eu acabei tirando aqui nos comentários, por isso gosto le passear pelos blog,
eu estou indo nos próximos meses pra Austrália para fazer um intercâmbio de 3 meses e gostaria de saber como está o mercado de trabalho. Sou formado em teatro sou ator e diretor dei aulas por mais de 6 anos e sou guia de turismo pedagógico. Pensei na possíbilidade de fazer uma pós graduação pra poder atuar em ambas as áreas, isso é possível. E como funciona os vistos pra estudante e com quanto tempodemos obter um visto de residência e cidadania. Inclisive eu encontrei uma página de um evento online que eles estão oferecendo bolsas de estudos grátis. https://www.estudarfora.org.br/evento-sorteia-cursos-de-ingles/ pra aqueles que sonham em estudar fora..

Resposta
Liliane Oliveira Julho 21, 2018 at 3:31 pm

Olá Bruno,
A Aline Arruda parou de colaborar conosco, mas temos outras colunistas na Austrália que talvez possam te avisar.
Você pode entrar em contato com elas deixando um comentário em um dos textos publicados mais recentemente no site.
Obrigada,
Edição BPM

Resposta

Deixe um comentário

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.

Este site ou suas ferramentas de terceiros usam cookies Aceitar Consulte Mais Informação