BrasileirasPeloMundo.com
Custo de Vida Pelo Mundo Lituânia

Como é o custo de vida na Lituânia?

Como é o custo de vida na Lituânia?

Um dos fatores que definitivamente chamou a nossa atenção ao mudar para a Lituânia foi o custo de vida. Diferentemente de outros países europeus, como Alemanha, França e Inglaterra, os itens básicos, como alimentação, internet, aluguel e custo de serviços são bem menores.

A Lituânia é, atualmente, um dos países europeus com o menor salário mínimo, ficando à frente somente da Romênia,  algo em torno de 400 €, e o salário médio pago pelas empresa é de 885 €. Portanto, apesar de tudo ser um pouco mais barato, ganha-se menos também.

Aluguel

Esse é, provavelmente, o item com maior valor no seu orçamento. Na Lituânia é bastante comum o aluguel dos chamados studios (ou as famosas kitnets). São apartamentos pequenos, com apenas um cômodo em que sala, quarto e cozinha ficam praticamente em um único ambiente.

Para alugar um local assim, você gastará cerca de 300 € em edifícios mais novos. Claro que é possível alugar lugares por menos, como cerca de 200 €, mas, em geral, os prédios são mais antigos. O lado bom é que quase 100% dos apartamentos já são mobiliados, então, não há necessidade de se preocupar com quase nada.

Só é preciso ficar atento a uma “pegadinha” com quem não está acostumado a utilizar aquecimento durante o inverno. Os lugares mais baratos, geralmente, possuem aquecimento central, portanto, não há a possibilidade de regulagem da temperatura dentro do apartamento. Além disso, o isolamento térmico também não é dos melhores. O resultado disso é que, durante os meses de inverno, quando a temperatura pode ficar abaixo de -20ºC, a conta do aquecimento pode ser bem salgada e chegar (ou mesmo ultrapassar) os 150 € mensais.

Nos apartamento mais modernos, construídos após os anos 2000, os aquecimentos e isolamentos são melhores, e esse gasto com aquecimento é facilmente reduzido, ficando em torno de 15 €, ou até menos.

Foto: Pixabay

Transporte Público

Na Lituânia não há metrô, então, toda a locomoção pela cidade é feita com ônibus e trólebus. A passagem única, comprada diretamente com o motorista, custa 1 €. Mas, para quem está morando, ou vai ficar mais tempo na cidade, há os cartões de transporte, que além de fáceis de usar, ainda ajudam a economizar um dinheirinho.

Os cartões podem ser adquiridos em quiosques de rua (Kiosk) e custam 1,50 €. Então, é possível carregar o cartão com os valores que você for utilizar. Por exemplo, a passagem de 1 hora custa 0,90 €, e é possível pegar quantos ônibus forem necessários durante esse período. O de 30 minutos custa 0,65 €. Três dias (ou 72 horas) saem por 8 €. Há a opção de tickets mensais, que custam 29 €, e, assim como os outros, você pode utilizar o transporte livremente enquanto o cartão  estiver válido.

Aqui, vale colocar uma informação importante com relação à validação do cartão e do bilhete comprado com o motorista: eles precisam ser validados ao entrar no ônibus! Os que possuem validade maior, como 72 horas, precisam ser validados apenas uma vez. As fiscalizações são frequentes e se você for pego andando de ônibus sem pagar, vai ter que pagar multa.

Leia também: Transporte público na Lituânia

Alimentação

As redes de mercado são diversas (ki, Rimi, Maxima e LIDL), portanto, vale a pena pesquisar e aproveitar as promoções. Outra dica importante é que todos eles oferecem a possibilidade de adquirir os cartões de fidelidade. Quem possui o cartão pode aproveitar ofertas exclusivas.

O que pode deixar as suas compras mais caras são as carnes e bebidas, principalmente alcoólicas. O quilo do peito de frango custa em torno de 4,00 €, e de carne bovina algo por volta dos 7,00 €. Por outro lado, a carne de porco é a mais barata entre elas, e o valor do quilo sai em torno de 3,00 €. Com relação às bebidas, uma lata de cerveja de 500 ml custa em torno de 1 €, e as garrafas de vinho podem variar entre 4 e 8 €, e nunca há promoção.

Na Lituânia não é possível esperar frutas baratas e com a mesma diversidade que há no Brasil. Então a dica é aproveitar o que a estação tem a oferecer, além de mais baratas, elas são mais saborosas. Durante os meses de primavera e verão, aproveite para comprar berries e congelar para as próximas estações.

Veja o valor de alguns básicos:

  • Leite: 1,06 € / litro
  • Arroz parboilizado: 1,78 € / quilo
  • Feijão em lata: 0,70 € / 200g
  • Tomate: 0,70 € / quilo
  • Alface americana: 1,00 € o pé
  • Ovos grandes: 0,90 € / dúzia
  • Coxa e sobrecoxa de frango: 1,90 € / quilo
  • Queijo muçarela: 4,00 € / quilo

Educação

Na Lituânia, também há a possibilidade de se estudar tanto em escolas públicas, quanto em privadas e desde o jardim de infância até a universidade. Sendo que, mesmo nas instituições públicas, é necessário pagar um pequeno valor por mês.

  • Jardim de infância: nas instituições públicas se paga em torno de 60 € / mês, enquanto que nas privadas esse valor pode variar entre 100 e 500 € / mês;
  • Pré-escola: o valor pago para as instituições públicas é de 50 € / mês, e entre 100 e 500 € mensais;
  • Ensino primário e secundário: totalmente gratuito nas escolas municipais, e entre 58 e 1200 € / mês para as instituições privadas;
  • Ensino superior: é dividido em duas partes. A primeira delas é o curso que dá o título de bacharel e custa entre 1200 a 12000 € anuais. Caso o aluno opte por fazer o mestrado, o custo será de 2200 a 13000 € por ano.

Há diversos programas de bolsas de estudos das universidades, tanto para alunos lituanos, quando para estrangeiros. Então, vale a pena pesquisar e entrar em contato com as instituições para tentar diminuir esses valores.

Leia também: Como tirar visto para morar na Lituânia

Saúde

Ao ser contratado por uma empresa Lituana, todo o mês será efetuado um desconto em folha de pagamento que lhe permitirá utilizar os serviços de saúde no país. Para isto, basta apenas se registrar em uma unidade de saúde próxima a sua residência.

Os médicos de família são muito comuns no país e eles serão o primeiro atendimento que você receberá. Dependendo do caso é que você será encaminhado para um médico especialista.

Os exames e atendimentos são, em sua grande maioria, gratuitos, mas em alguns casos talvez seja necessário pagar alguma parte do tratamento ou exame diagnóstico.

Vale ressaltar que muitos profissionais não falam inglês. Muitos estrangeiros acabam optando pelas clínicas particulares e o valor da consulta fica em média entre 45 a 50 €.

Telefonia móvel

Os valores praticados pelas operadoras de celulares no país são bem baixos em comparação com o Brasil. Os chips pré-pagos podem ser adquiridos por apenas 5 € e com isso você já terá direito a SMS e minutos em ligação.

Nas próximas recargas você pode optar por pagar 4 € por mês e ter direito a 500 minutos em ligações, 500 SMS e 1 GB de Internet. Se preferir, ainda pode pagar 15 € mensais e ter direito a internet ilimitada durante o mês.

Gostou dessas dicas? Deixei seu comentário se quiser saber mais sobre o custo de vida na Lituânia.

Related posts

Custo de Vida em Cambridge

Amanda Meneguetti

Custo de vida em Atenas, na Grécia

Marina Lemgruber

Custo de vida no sul da França

Ana Guida

Deixe um comentário

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.

Este site ou suas ferramentas de terceiros usam cookies Aceitar Consulte Mais Informação