BrasileirasPeloMundo.com
Áustria

Dicas para alugar imóvel em Viena

dicas para alugar imóvel em Viena

Dicas para alugar imóvel em Viena

O processo de locação de uma casa ou de um apartamento em Viena, na Áustria, é um pouco diferente do que os brasileiros estão acostumados. Esse post tem como intuito ajudar futuros expatriados que se mudarão para Viena, esclarecer as principais dúvidas e compartilhar algumas dicas de quem já passou recentemente por todo o processo.

Corretor x Proprietário

Em Viena existem duas formas de alugar um imóvel: através de um corretor ou diretamente com o proprietário. Toda locação feita através de uma imobiliária gera ao locatário um custo chamado provision, que é uma taxa normalmente de duas a três vezes o valor do aluguel paga ao corretor. Já os imóveis alugados diretamente com o proprietário, chamados de provisionsfrei, não apresentam esta taxa.

Valor de Caução

Todo imóvel exige um valor de caução que varia entre duas e cinco vezes o valor do aluguel, dependendo das características do mesmo. Se está completamente mobiliado, por exemplo, o valor de caução certamente será maior. O valor de caução é devolvido integralmente ao final do contrato, caso o imóvel esteja em perfeito estado. Se houver necessidade de fazer algum reparo, o tipo de serviço e seu respectivo valor serão acordados entre imobiliária/proprietário e locatário.

Comprovante de Rendimento

Também para todo tipo de imóvel é exigido um comprovante de rendimento que mostre que o locatário terá condições de arcar com o custo da locação. Quando a administração é feita por uma imobiliária, normalmente o processo é mais rígido e o locatário é obrigado a apresentar os três últimos holerites de trabalho em Viena. Importante salientar que comprovantes de trabalho anteriores, de outro país, não valem.

Leia também: Tudo que você precisa saber para morar na Áustria

Se o locatário se mudou recentemente para Viena e ainda não possui trabalho, será necessário apresentar uma fonte de rendimento de um terceiro – fiador – que resida na Áustria. Fiadores de fora do país não são aceitos, independente da renda ou da quantidade de bens. Extrato bancário do locatário normalmente não é aceito pelas imobiliárias, pois justificam que a poupança pode ser esvaziada a qualquer momento, enquanto um trabalho garante a entrada de dinheiro mensalmente.

Quando a locação é feita diretamente com o proprietário, essas exigências muitas vezes são negociáveis. Alguns até aceitam extrato bancário onde mostre uma boa quantia em dinheiro, caso compreenda, por exemplo, que o locatário acabou de chegar à cidade.

Imóvel Mobiliado

Um outro termo muito comum no mercado de locação de imóvel é a chamada ablose. O proprietário que vai deixar seu imóvel mobiliado estipula quanto valem todos os seus móveis, eletrônicos e eletrodomésticos e repassa esse custo ao locatário. Isso acontece quando o proprietário irá se mudar de sua casa ou apartamento e não tem interesse em seu mobiliário, porém, deseja vendê-lo a quem irá ocupar o imóvel. Ou seja, quando o locatário sair do imóvel, ele poderá levar consigo tudo que comprou.

Contrato de Locação

O contrato mínimo de locação em Viena é de um ano. Se o locatário decide sair do imóvel antes disso, terá que pagar a quantia restante até completar os doze meses. O aviso de saída de um imóvel deve ser feito com três meses de antecedência. Os contratos podem ter data de término ou não e, se não tiver, isso quer dizer que o proprietário não poderá nunca solicitar a saída do locatário de seu imóvel. Ele só sairá se for de vontade própria.

Valor do Aluguel

Por fim, o valor que normalmente é exibido em uma proposta de locação é “frio” (“kalt”), ou seja, não estão inclusas taxas extras, como eletricidade, aquecimento, água, gás etc. É importante solicitar à imobiliária ou ao proprietário a estimativa de custo extra para não haver surpresas no final do mês, já que muitos imóveis em Viena são antigos e nem todos possuem sistemas de aquecimento modernos e mais econômicos.

Leia também: Como abrir conta bancária na Áustria

Curiosidades

  • Quando estiver buscando por uma casa ou um apartamento em Viena, o número de quartos mostrado na pesquisa não corresponde ao número de quartos de dormir, e sim ao número de cômodos que o imóvel possui. Por exemplo, um apartamento que informa que tem dois quartos possui, na verdade, um quarto de dormir e uma sala, fora o banheiro e a cozinha.
  • A maioria dos imóveis em Viena possui apenas um banheiro, mesmo aqueles com plantas maiores. A possibilidade de encontrar um imóvel com mais de um banheiro é maior em prédios mais novos ou bairros mais modernos.
  • É comum que a privada seja separada do chuveiro/banheira. Em Viena – e na Áustria, de modo geral – a privada fica em um pequeno cômodo com porta, enquanto a pia, chuveiro/banheira e armário ficam em outro cômodo.
  • Quase todos os prédios possuem porões no subsolo, onde cada morador pode guardar as coisas que não usa com frequência, móveis antigos etc. Antigamente, em tempos de guerra, as pessoas utilizavam esses porões para que pudessem se esconder e se proteger dos bombardeios. Nos prédios próximos ao rio Danúbio, alguns porões inclusive tinham ligação com o rio, para que as pessoas pudessem fugir por ele.

Related posts

Natal na Áustria

Mariana Gonçalves

Inverno na Áustria: um enorme aprendizado

Ana Dietmüller

Falar é fácil, difícil é falar alemão!

Ana Luíza Aranha

Deixe um comentário

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.

Este site ou suas ferramentas de terceiros usam cookies Aceitar Consulte Mais Informação