BrasileirasPeloMundo.com
França

Minha admiração pelos franceses

Essa é a quinta vez que eu moro na França, o que me faz suspeita para falar dos franceses, mas vamos concordar que a França é um país fascinante, seja pela gastronomia, pela cultura, pela beleza e pelo povo, é claro. E pra falar disso fiz um resumo das cinco coisas que mais admiro nos franceses:

1- Elegância

Quando estou no ônibus gosto de observar as senhoras francesas, sempre tão alinhadas! Mas essa elegância abrange também aos homens e a todas as gerações. A elegância francesa vai além da moda, ela deve ser compreendida como uma atitude, mais para discreta do que para ostensiva, ela é feita de detalhes… Seja o modo de usar um lenço, um cabelo propositalmente bagunçado, uma postura altiva ou um olhar confiante.

2- Hábitos alimentares

A culinária francesa é famosa no mundo inteiro, e um dos aspectos que mais aprecio nela é a disposição dos pratos em ordens: entrada, prato principal e sobremesa, e tudo em pequenas porções.  Não sou especialista, mas penso que isso favoreça a comer uma maior variedade de alimentos, que é mais importante do que quantidade! A entrada normalmente é composta de salada ou sopa, o prato principal, de uma carne mais legumes ou carboidratos, e no dia a dia normalmente a sobremesa é um iogurte ou frutas frescas ou em compota. Comer por etapas também induz a comer mais lentamente, o que facilita a digestão. No final, uma bela fatia de queijo, entre as mais de 400 opções que existem, com aquela baguette crocante, acompanhados de um bom vinho, e tudo isso sem engordar!

A prefeitura de Paris organiza todos os anos o concurso da melhor baguette de Paris; a padaria que vence, entre outros prêmios se torna a fornecedora de pães oficial ao palácio do governo por um ano!

c1107a04-463b-4281-8798-30e738910fb6

3- Os franceses são muito ativos

Nos dias de escola, pelas manhãs, nos deparamos com o mesmo cenário: várias crianças (desde os 2 anos), jovens, adultos (inclusive mulheres de salto e senhores de terno) com seus patinetes, bicicletas e até skate indo pra escola, trabalho, ou então andando muito apressados, ou praticando seu esporte matinal, ufa!

Desde pequenos os franceses são estimulados a ter uma vida ativa. Nas escolas públicas há uma variada opção de esportes, sendo a natação obrigatória. Aliado a esse estímulo precoce tem-se uma infraestrutura adequada; só em Paris são 490 jardins e parques infantis públicos, 39 piscinas públicas e dois grandes bosques, fora os muitos locais para uma boa caminhada ou corrida, as quadras de esporte e as ciclovias.

O serviço de aluguel de bicicletas da prefeitura de Paris, o Vélib, inaugurado em 2007, é um modo prático e eficaz para se deslocar pela cidade e segundo a prefeitura uma bicicleta é alugada a cada segundo!

ffd4fead-c446-4768-8e62-e8db195efdad

bf97a5fe-9c4c-49ac-808f-4bd3b9b9c476

4- Os franceses são bons leitores

Basta andar de metrô em Paris para observamos um grande número de passageiros mergulhados em seus livros ou quando o tempo permite, vemos os leitores sentados na grama dos parques, nos bancos das praças… Podemos dizer que a França é uma nação de leitores. De acordo com o Centre Nacional du Livre (CNL), 85% dos franceses se consideram leitores e reconhecem os benefícios da leitura, e entre as principais motivações citadas para aderir à leitura são o prazer de ler, se evadir, relaxar e aprofundar os conhecimentos. O grande número de bibliotecas também ajuda: somente na região parisiense são 830, segundo o L’institut d’aménagement et d’urbanisme, e para quem prefere comprar existem mil livrarias à disposição. Muitas são especializadas, seja em moda, fotografia, literatura infantil, etc.

Dentre as muitas opções, algumas se destacam como a livraria Shakespeare and Company, que como o nome mesmo sugere é especializada em livros de língua inglesa, frequentada por escritores famosos antigos e atuais (Henry Miller, Zadie Smith) e amantes da literatura. Ela oferece diversos eventos e tem também um típico Café francês em anexo. (Shakespeare and Company – 37 rue de la Bûcherie 75005 Paris).

 

5- Educação

Sei que os franceses têm fama de grosseiros e arrogantes, mas eu diria que são exigentes e polidos. Certo dia eu estava muito apressada e antes de fazer meu pedido, esqueci de dizer Bonjour (bom dia) ao atendente da padaria, então recebi um sermão e uma bela lição de um senhor que estava ali. Para os franceses, não há pressa nem desculpas, o uso do bonjour, bonsoir, etc., além das palavrinhas mágicas s’il vous plaît (por favor), pardon/excuse- moi (desculpe/com licença), merci (obrigado) é obrigatório, e sem esquecer de antes das refeições desejar bon appétit (bom apetite) e de quando se despedir desejar bonne journée (boa jornada) ou bonne soirée (boa tarde / noite). Isso é só um exemplo do quanto os franceses levam a sério a educação. Para os franceses, ser educado é mais do que seguir regras de etiqueta; é também respeitar ao próximo e saber viver em sociedade.

 

Para quem quer aprender mais sobre os hábitos dos franceses, existe também a opção de fazer o curso de língua e civilização francesa, pois além da língua, o curso ensina também sobre os costumes e história da França. Em Paris, dentre os lugares que oferecem esse curso se destacam a Sorbonne e a Aliança Francesa (que também existe no Brasil em diversos estados).

Related posts

Um Passeio Por Paris/Parte 1

Ana Lozon

Inexistente no Brasil, comum na França

Marcella Delfraro

Entrevista com a Chef Alessandra Montagne da França

Ana Lozon

14 comentários

Lara Março 18, 2016 at 9:47 pm

Anna Paula sempre nos surpreendeu com seu intelecto e entusiasmo,suas grandes paixões são sua família e Paris!Pelo texto conseguimos entender o porque.Adoramos seu texto,continue dividindo suas paixões com a gente sempre!

Resposta
Anna Mendonça Março 19, 2016 at 9:56 pm

Obrigada Lá, é importante compartilhar o que gostamos ! bjos

Resposta
Debora Março 18, 2016 at 10:00 pm

Oi Ana, realmente todos os meus contatos com os parisienses (que sao diferentes dos franceses de outras localidaded da França), seja em Paris ou qq lugar do mundo, foram bem longe da educacao descrita por vc hehehe sao grosseiros, mai educados e arrogantes : em especial com quem nao fala a lingua deles… Uma das razoes por eu nao simpatizar com Paris. Seria legal um texto sobre a visao de um parisiense sobre eles mesmos… Abs e boa sorte ai.

Resposta
Anna Mendonça Março 20, 2016 at 8:08 am

Olá Débora, eu escrevi de acordo com a minha experiência, e respeito a sua opinião , realmente os parisienses não tem uma boa fama por aqui, Abraços

Resposta
Renee Março 19, 2016 at 6:11 am

Que legal encontrar a Ana escrevendo por aqui também. Parabéns e boa sorte querida!

Resposta
Anna Mendonça Março 20, 2016 at 8:10 am

Obrigada Renee, conheci o blog graças a você ! Bjoss

Resposta
amelia barbosa mendonça Março 19, 2016 at 9:38 am

Tenho muita admiração por você , pela garra e determinação de escolher o melhor para seus filhos e você .Este pais é encantador , felicidades!

Resposta
Anna Mendonça Março 20, 2016 at 8:14 am

Obrigada tia, também te admiro pela sua força e por sua energia sempre positiva e alegre!
A França não é perfeita, mas realmente é encantadora, e as crianças adoram aqui, principalmente os parques e praças, beijos

Resposta
Yra Madretsma Março 19, 2016 at 10:20 am

Amo de mais a França, minhas férias quase todos os anos vou para o sul da França !! Sempre falo ,que se um dia tiver que mudar da Holanda ,com certeza a França será meu destino ,amo de mais !!!! ????

Resposta
Anna Mendonça Março 20, 2016 at 8:19 am

A França tem lugares incríveis não é? Infelizmente conheço pouco o sul da França, já visitei Biarritz e Saint Jean de Luz perto da fronteira com a Espanha e adorei! Abraços

Resposta
Nubia Mendonça Março 19, 2016 at 7:40 pm

Olá, sobrinha! Tive o privilégio de morar em Paris, entre setembro de 1978 e setembro de 1979 e sou testemunha de tudo que vc escreveu. Acehi o máximo a formalidade dos franceses e trouxe isto para a minha vida (até hoje). Nada de ir na casa de alguém sem avisar, nada de ser convidada de um convidado etc etc
Se formos olhar as belezas da cidade, ficamos tontas! Paris é simplesmente espetacular.
Estou finalizando minha Faculdade de Gastronomia em Aracaju e, apesar de continuar admirando a culinária francesa, confesso que “me passei” para a espanhola, pois a cozinha mediterrânea me tomou o coração,
Aproveite bastante. Ou, como dizem os franceses, “profites bien!

Resposta
Anna Mendonça Março 20, 2016 at 8:30 am

Olá tia Núbia , eu também gosto dessa formalidade, em alguns casos evita mal entendidos, os franceses não são perfeitos ( ninguém é ) mas prefiro também ver o lado bom até porque isso facilita a adaptação por aqui. Nossa incrível que depois de uma bem sucedida carreira como pediatra você se aventurou com entusiasmo numa nova aprendizagem! Eu também adoro a culinária espanhola, apesar de conhecer pouco, beijos pra você e pra tia Carmerinda

Resposta
Luciana Albert Abril 18, 2018 at 10:44 am

Anna, olá!
Estou de mudança e adorando
Seus posts!
Vou chegar com 32 semanas de gravidez… você me recomendaria sua médica ou alguma particular?

Resposta
Liliane Oliveira Abril 18, 2018 at 1:30 pm

Olá Luciana,
A Anna Mendonça parou de colaborar conosco, mas temos outras colunistas na França que talvez possam te ajudar.
Você pode entrar em contato com elas deixando um comentário em um dos textos publicados mais recentemente no site.
Obrigada,
Edição BPM

Resposta

Deixe um comentário

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.

Este site ou suas ferramentas de terceiros usam cookies Aceitar Consulte Mais Informação