BrasileirasPeloMundo.com
Natal Pelo Mundo Polônia

Natal na Polônia

Ano passado tivemos nossa primeira experiência de Natal em uma família poloca, e nós adoramos absolutamente tudo. Afinal o Brasil não tem uma forte cultura para esta nesta época, com tanto respeito, tanto carinho, tantos significados.

O Natal na Polônia significa família reunida e fraternidade para com o próximo! Os preparativos começam dias antes, quando as mulheres limpam suas casas, acreditando­-se que um lar sujo na véspera do Natal fará com que no ano seguinte a sujeira permaneça.

Acredita­-se também que somente um Natal branco será um verdadeiro Natal, por isso todos ficam muito felizes quando há neve caindo lá fora! Este ano a neve está demorando a cair mas acredito que o Natal será bem nevado.

Algumas cerimônias acontecem antes da ceia de Natal e por isso nas regiões rurais é comum a benção das terras com água benta ou a colocação de cruzes feitas de palha para proteger e garantir abundância.

Achei muito bonito o fato de ser comum preparar um assento adicional à mesa, esperando que alguém possa aparecer e juntar­-se a família para ceia. A confraternização é de suma importância, portanto ninguém deve ser deixado sozinho na noite de Natal! Estranhos são bem­ vindos para a ceia. Isto é para nos lembrar que Maria e José também estava procurando abrigo.

Natal_na_Polonia

Tradicionalmente, a árvore de Natal é decorada no dia Vigilia, dia 24 ­ um grande evento para as crianças. Mas o dia do Papai Noel (em polonês chamado por Mikolaj), ao contrário do Brasil e em outros países, é comemorado no dia  6 de dezembro, o dia do nome de São Nicolau. A vigilia somente começa quando a primeira estrela no céu é visualizada, e então dá-­se inicio a uma oração e a quebra do Opłatek, uma espécie de cartão de Natal produzido com o mesmo material
das óstias católicas, que é distribuido em pedaços para cada integrante da familia e aos visitantes e estes compartilham entre si um pedaço desejando coisas boas ao outro, como uma vida longa , boa saúde, alegria e felicidade. Trocam-­se os presentes e depois todos sentam-­se ao redor da mesa, e inicia-se a comilança.

Digo comilança porque eu nunca tinha visto um Natal tão farto e sem carnes. O que diferencia bem às ceias brasileiras que estamos acostumados!  Só se come carnes no dia seguinte, dia 25 de dezembro.

São 12 os pratos servidos simbolizando os 12 apóstulos de Jesus. E quando é meia noite, é comum as familias irem para as igrejas e participarem de todo o evento especial programado para este momento. Em geral cantatas de natal, e orações em graças ao menino­ Jesus.

Mas, eu não sou católica, e a familia da qual nos recebeu, são católicos não praticantes, se é que pode­-se falar assim, por esta razão nós não estivemos na igreja para participar. Permanecemos na confraternização na casa por mais duas horas  e depois fomos dormir.

Natal_na_Poloniaa

No dia seguinte, dia de Natal mesmo, então a carne esta liberada, come­-se muito, muito mesmo. E claro, bebe-­se bastante.

Aqui na Polônia as comemorações começam no dia 24, e só terminam no dia 26.  Sim, são 3 dias de comilança e de muita alegria!

Related posts

Natal na Suécia

Vânia Romão

Natal em Macau

Bruna Pickler

Natal no Peru também tem arroz com passas

Viviane Naves de Alencar

4 comentários

Cristiane Leme Høg Dezembro 18, 2013 at 11:09 am

Oi Regiane! Interessante o fato de se comer outras coisas diferentes de carne, na ceia de Natal. As simbologias de cada país são fascinantes pra mim! Obrigada por compartilhar suas experiências, e feliz Natal pra vocês aí na Polônia – bjs

Resposta
Juliana Dezembro 18, 2013 at 1:50 pm

OI, Regiane! Adorei o texto, mas esta sacada das fotos das árvores diurna e noturna foi demais da conta. Bj e feliz Natal!

Resposta
Ana Cristina Kolb Dezembro 19, 2013 at 1:04 pm

Adorei seu texto, achei linda algumas tradições como a cadeira vazia relembrando que Maria e Jose estavam procurando um abrigo, e os cartões feitos e ostia e partilhados e os 12 pratos representando os 12 discípulos! Feliz natal Regiane pra vc e pra família e que 2014 seja repleto de bencaos!

Resposta
Adriana Gomes de Souza Batista Outubro 6, 2014 at 7:48 pm

Oi, Regiane! Moro no Rio de Janeiro e estou iniciando um Curso de Gastronomia. Preciso apresentar um trabalho sobre Ceia de Natal, diferente da do Brasil. Então, escolhi a Polônia. Não é fácil encontrar material. Tentei no Consulado e na Embaixada, mas não consegui. Que bom que encontrei no seu blog. Vou citá-lo. Caso tenha mais alguma informação relevante, publique por favor. Bjs

Resposta

Deixe um comentário

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.

Este site ou suas ferramentas de terceiros usam cookies Aceitar Consulte Mais Informação