BrasileirasPeloMundo.com
Polônia

Cracóvia Encantadora

Desde fevereiro meu novo endereço é em Cracóvia. E eu tenho tentado descobrir os encantos que esta cidade oferece para seus moradores. A visão inicial que eu tinha era de uma turista e nada mais. Não imaginava viver aqui em momento algum. Mas como a vida nos faz surpresas, o que me restou foi a “Missão Polyana” e buscar coisas boas entre as não tão boas assim.

No embalo de um eterno recomeçar, comecei a observar tudo ao meu redor, e agora não mais como uma pessoa que tira uns dias para explorar os pontos turísticos daquela cidade. Descobri arquiteturas lindíssimas que me enchem os olhos. Presenciei finais de tardes iluminados. Cada dia um pôr do sol diferente, com o céu colorido em tons alternados…

Um ritmo de vida mais tranquilo, pessoas mais solícitas, que te cumprimentam mesmo sem te conhecer. Que se esforçam em te ajudar, em te entender. Aqui tudo é mais perto, mesmo não sendo! A percepção de distância é tão incrível que não consigo reclamar, realmente não me parece ruim dispôr todos os dias, por exemplo, 40 minutos para chegar ao trabalho.

Moro em uma cidade que tem um castelo no centro dela. Não é incrível pensar em algo assim? E a quantidade de história e bagagem de acontecimentos que estes lugares guardam? O nome deste castelo é Wawel, e dentro das muralhas dele é possivel visitar uma igreja que tem no seu subterrâneo catacumbas dos reis, rainhas, princesas e cardeais que viveram ali.

1972411_751975078147275_465858667_n

Eu que venho de uma família muito humilde, nascida em uma cidadezinha do interior paulista, só posso me sentir privilegiada por viver aqui. Pela oportunidade que muitos gostariam de ter e que não tiveram, mas eu tive!

1979481_755023461175770_187693149_n

Ontem entrei pela primeira vez na igreja da praça principal da cidade velha. Fiquei lá por uns vinte minutos só contemplando os detalhes. A beleza e claro a riqueza são estonteantes. Eu poderia passar muito tempo lá só observando. Imagine o trabalho para construir tudo aquilo? Haviam muitos turistas, um verdadeiro entra e sai de pessoas que visitam o dia todo. E reparei que muitos não prestam tanta atenção assim… sinto muito por isso, porque eu já estive no lugar deles, e hoje posso ver tudo de um ângulo muito mais proveitoso.

 

A  vida aqui segue melhor do que em uma cidade grande como Varsóvia! Os poloneses costumam me perguntar qual cidade eu prefiro, e logo no início eu dizia sem pestanejar que era Varsóvia pela vida agitada, pelos amigos que lá fiz… mas hoje, depois de descobrir uma nova cidade, na real dela, e um jeito de viver mais tranquilo, saudável e feliz, digo “Crácóvia sem dúvidas!”

Regiane mora em Cracóvia,  Polônia, é massoterapeuta e esteticista e trabalha para uma empresa de importação e exportação onde é responsável pelas entregas dos produtos comercializados em Portugal e Brasil. Tem também um canal no youtube falando sobre a vida por lá.

Leia mais sobre a Polônia!

Related posts

Páscoa na Polônia

Regiane Iwanowicz

Dicas para fazer Mestrado em inglês na Polônia

Isadora Mendes

Alugar imóvel em Varsóvia

Gizelli Gliwic

23 comentários

Tati Sato Maio 17, 2014 at 1:22 am

Só conheci a Polônia (Krakow e Zakopane) como turista, mas fiquei de queixo caído. Fui no inverno, quase tive os pulmões congelados em Zakopane, mas a beleza de Krakow é impressionante! Não quis ir ao campo de concentração e, por isso, no único dia que tínhamos na cidade, decidi conhecer o centro histórico.

Kazimierz é bem legal e sua história é incrível, afinal é o antigo bairro judeu da cidade! Aliás, Regiane, você já foi a um restaurante chamado Once Upon a Time in Kazimierz? É bem turístico, mas ele é um encanto!!!

Escreva mais!!! Quem sabe os ventos do mundo não me empurram de volta para a Polônia e acabamos comendo pieroguis na praça principal algum dia? Tudo nessa vida é possível!

Beijos

Resposta
Regiane Iwanowicz Maio 18, 2014 at 10:05 pm

Tati, obrigada pelo comentário!
Sim concordo com você que Zakopane é bem legal. O bairro Kazimierz é show para quem quer passear por um lugar histórico e romantico! Ainda não estive neste restaurante, mas em breve vou conhecer com certeza!
Eu estou com um projeto de visitar e registrar todos os pontos turisticos de Cracóvia, portanto a lista tem crescido bastante… porque há uns lugares que não são tão populares.
Quando quiser e puder venha me visitar, vai ser um prazer te acompanhar com pierogues, bigus e quam sabe uma zurek! =) Beijokas

Resposta
Juliana Maio 17, 2014 at 7:56 pm

Muito bom! Tenho muita vontade de conhecer a Polônia e lendo esse post fiquei mais empolgada. Bj.

Resposta
Regiane Iwanowicz Maio 18, 2014 at 10:06 pm

Juliana, tenho certeza que você vai adorar o dia que aparecer por aqui! Quando quiser, está convidada! beijo

Resposta
Cristiane leme Maio 19, 2014 at 3:11 pm

Tem vaga pra gente surfar aí no seu sofá via Couchsurfing, Rê? Hahaha 🙂
Também quero ir à Polônia e mesmo sem falar uma palavra sequer em polonês, bateu uma curiosidade e vontade enorme de conhecer essa cidade mágica e histórica que é Cracóvia.
Esperando os próximos textos,
Beijos

Resposta
Rê Iwanowicz Junho 9, 2014 at 5:01 pm

Cristiane, claro que tem amiga! Venha surfar em aguas polacas quando quiser! Será bem vinda! =)

Resposta
Monica Bateman Maio 19, 2014 at 6:24 pm

Regiane, nossa, devo imaginar a grande mudança do interior paulista para a Polonia! Mas eh isso mesmo, como vc mencionou, a missão Polyana – temos que pensar nas coisas boas, senão não há lugar bom no mundo! Bjs

Resposta
Rê Iwanowicz Junho 9, 2014 at 5:03 pm

Monica, depois de 2 anos a fase adaptação já deu lugar a contemplação! Amo a Polônia demais! Sou mesmo muito feliz aqui e diria até que voltar um dia para o Brasil não esta nem nos nossos sonhos. Salvo todo amor que tenho pela minha terra natal… =) bjo

Resposta
Joy Matta Maio 19, 2014 at 7:52 pm

Que lindoooo…. e que linda essa postura de “missão Pollyana”, acho que todas nós que moramos longe de casa temos que passar a pensar assim em algum momento, senão enlouquecemos de saudosismo.

Resposta
Rê Iwanowicz Junho 9, 2014 at 5:06 pm

Joy querida não é incrível pensar em achar pontos positivos em tudo que nos acontece? Este é um ensinamento que aprendi com a minha mestra amada, minha avózinha. Que por sinal era filha de um polaco muito do bravo! =) bjo

Resposta
Rose Santana Maio 19, 2014 at 9:43 pm

Olá Regiane td bem? espero que sim, então eu gostaria de saber se você pode me passar algum email seu, gostaria muito de conversar com você sobre morar na Polônia, se não for incômodo para você. …aguardo resposta. ..bjo.
[email protected]

Resposta
Rê Iwanowicz Junho 9, 2014 at 5:08 pm

Rose, me perdoe a demora em te responder… Mas aqui estou ao seu dispor! Vou enviar um email para você agora mesmo! um Beijo grande e obrigada por estar aqui conosco! =)

Resposta
Cleo Maio 20, 2014 at 8:51 pm

Oi Regiane,
Tive o prazer de visitar a Polônia algumas vezes e confesso que fiquei encantada. Uma das vezes escolhi passar uns dias em Cracóvia e apesar de ter olhado tudo com olhos de turista, fiquei encantadíssima com a arquitetura e a beleza da cidade. Inclusive, visitei a Mina de Sal a qual amei. Incrível tudo aquilo, uma escultura mais linda que a outra e posso garantir que foram mesmo esculpidas nas pedras de sal, pois eu lambi… rs…
Beijos,
Cleo

Resposta
Rê Iwanowicz Junho 9, 2014 at 5:12 pm

Ahahaha Cleo estou rindo aqui, porque eu também lambi!!! rs Precisava conferir se eram mesmo de sal, não é mesmo? Cracóvia é mesmo encantadora, eu sou até suspeita para falar daqui… sou apaixonada! beijos querida.

Resposta
Ana Cristina Kolb Maio 26, 2014 at 8:08 pm

HUmmmm Regiane, acabamos de ter nosso encontro continental dos Toastmasters em Krakov, e fiquei super triste de não ter ido, sniff sniff, agora com as suas fotos e texto, viajei!, Cristiane Leme vamos fazer um voo juntas, que tal? ja passei a trabalho na polônia mas não conheci nada. so aeroporto, taxi, hotel e escritório. sniff sniff! Mas como estou na minha segunda adolescência tenho certeza que não ira faltar oportunidade.! Namasté e aproveite Regiane, acho ótimo poder aproveitar da tranquilidade e qualidade de vida que uma cidade menor e com um beleza desta traz! 🙂 Sejam muito felizes ai! Sempre! 🙂

Resposta
Rê Iwanowicz Junho 9, 2014 at 5:14 pm

Ana, voce e a Cristiane estão convidadas! Por sinal, eu e o meu marido adoramos ter visitas! =)
É só vir! beijokas

Resposta
Paulo Fernandes Junho 9, 2014 at 2:42 am

Olá Regiane
Estou planejando uma viagem a Varsóvia, Cracóvia, Gdansk, etc eu minha esposa, moramos em avaré-sp, é possivel visitar os pontos turisiticos mesmo com a neve?, Quero ir aos campos de concentração após ter assistido vários filmes sobre o holocausto em especial O Pianista

Resposta
Rê Iwanowicz Junho 9, 2014 at 5:18 pm

Olá Paulo, obrigada por comentar! Sim é possível fazer visitas na maioria dos pontos turisticos de Cracóvia. Mas eu realmente não aconselho. Devido ao frio intenso não é nada confortável e bate aquele desconforto e vontade de que o passeio termine logo para voltar pra um lugar aquecido. Eu e meu marido estivemos aqui em lua de mel, em 2011. Passamos por Cracóvia, em especial Aushwitz porque era o nosso sonho conhecer… acredite a visita é muito interessante mas não foi possível fazer um bom aproveitamento. Este ano, já com o tempo mais quente, estivemos lá novamente com amigos e foi muito mais proveitoso! Se quiser, acesse meu canal no youtube; Vivendo na Polonia. Tenho vídeos de varios pontos turisticos e inclusive de Auschwitz. Grande Abraço e seja bem vindo a Polonia.

Resposta
Cassia de Melo Julho 9, 2014 at 3:50 pm

Adorei a matéria, sempre tive curiosidade em conhecer a Polônia, e lendo o que você escreveu me deixou mais curiosa ainda. Me identifiquei quando você fala que vem do interior Paulista eu sou do norte do Paraná e moro em uma cidadezinha perto de Milão, chama-se Abbiategrasso, há 3 anos moro aqui e amo a cada dia, todas as vezes que vou ate Milão fazer qualquer coisa, mesmo que tenha chuva ou sol, eu olho pra cima e ao meu redor e me sinto em casa e como amo esta cidade.

Resposta
Priscila Jung Agosto 6, 2015 at 12:35 pm

Olá Regiane!

Gostaria de saber como está atualmente a condição de Brasileiros na Polônia,

Estou em busca de documentos de meus bisavós para conseguir a Cidadania Polonesa, para partir para um novo rumo.
Visto que no Brasil as condições estão cada vez mais complicadas, sem perspectivas de evolução em curto prazo.

Resposta
Vera Junho 25, 2016 at 4:11 pm

Olá, Regiane! Vc é realmente privilegiada por morar em um lugar tão lindo! Eu conheci Varsóvia e passei rapidinho por Cracóvia, q já me encantou pelo pouco que vi. Um dia se Deus quiser tbem terei a sorte de poder ir morar aí.
Q vc e seu marido sejam sempre felizes e desfrutem deste lugar apaixonante.
Vera

Resposta
LUCKMANES jean charles Agosto 22, 2019 at 4:15 am

eu sou LUCKMANES quero saber como conseguir um visto pra visita franca

Resposta
Liliane Oliveira Agosto 23, 2019 at 1:13 pm

Olá Luckmanes,
A Regiane Iwanowicz, infelizmente parou de colaborar conosco.
Obrigada,
Edição BPM

Resposta

Deixe um comentário

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.

Este site ou suas ferramentas de terceiros usam cookies Aceitar Consulte Mais Informação