BrasileirasPeloMundo.com
EUA Nova Orleans

Nova Orleans é mais linda na primavera

Nova Orleans é mais linda na primavera. Eu sei que o mesmo pode ser dito sobre vários outros cantos do mundo, porém dentro desta charmosa estação do ano, há um período mágico quando a cidade do Jazz atinge o ápice de sua beleza. Ele acontece quando a loucura do Mardi Gras passa, ali por meados de março e se estende até o final de maio, antes do inicio da temporada de furacões. Durante este curto espaço de tempo, as flores (Crape Myrtle de diversos tons de rosa e lilás) e samambaias começam a enfeitar as sacadas do French Quarter (bairro francês), parques e quintais. Os dias de céu azulzinho realçam o colorido das casas e a temperatura deliciosa permite que as pessoas desfrutem da cidade sem derreter.

É nesta temporada que os principais festivais de música e gastronomia acontecem e é quando famílias e amigos se reúnem para os típicos Crawfish Boils. Crawfish é um crustáceo da família do lagostim e Boil é o modo de prepará-lo.  Eles são cozidos em caldeirões com milho verde, batatas, linguiça e, às vezes, camarões, bem apimentados. Os anfitriões forram uma mesa grande com jornal no quintal de casa, despejam quilos de crawfish nela e a turma fica de pé ao redor desta mesa descascando os bichinhos. É uma trabalheira para quantidade de carne que produz, mas o objetivo é interagir com os amigos, bater um papo e aproveitar os escassos dias de temperatura agradável ao ar livre.

Leia também: Cinco festivais em Ohio para curtir a primavera

Caso vocês sejam convidados para um destes eventos, o que é possível já que o povo local é bem “dado”, deixo aqui uma dica preciosa: a maneira mais fácil de descascar o crawfish é quebrando sua calda e puxando a carne com cuidado. As mãos vão ficar sujinhas. Não tem talher, nem guardanapo, só rolos de papel toalha, bem no estilo prático americano.

Eu não vou mentir, eu sou uma gaúcha de meia tigela. Só aprendi a preparar um chimarrão decentemente há alguns anos. Mas se tem uma época do ano em que eu posso tentar recriar uma roda de “chimas” com os amigos é na primavera. Nosso outono é meio esporádico e pode durar umas semaninhas ou nem dar o ar de sua graça. Durante o resto do ano é muito quente ou chove.

Nestes dois meses também podemos curtir os bares nos terraços dos hotéis, comer um brunch nas mesas do lado de fora dos restaurantes sem ter a preocupação com mosquitos e baratas voadoras (elas existem, história verídica).

O que eu estou dividindo com vocês não é uma novidade para quem visita Nova Orleans com frequência. Portanto, o fluxo de turistas na primavera é intenso e o planejamento da viagem antecipado é recomendado para garantir boas tarifas de hotéis e de passagens.

Os festivais mais famosos de Nova Orleans são os seguintes:

Wednesday at the Square (20 de março a 22 de maio)

Todas as quartas-feiras depois do trabalho, os profissionais da cidade, famílias e cachorros se encontram na Lafayette Square para curtir uma série de shows gratuitos e barraquinhas de comida típica da cidade e cervejas.

French Quarter Fest (11 a 14 de abril)

É um festival gratuito com palcos espalhados pelas ruas do French Quarter e pelas margens do Rio Mississippi. O festival apresenta músicas de Nova Orleans, como jazz, blues e zydeco, de centenas de bandas locais, além de dezenas de restaurantes famosos da cidade.

New Orleans Jazz and Heritage Festival (25 de abril a 5 de maio)

Este ano o maior e mais famoso festival de música e cultura da cidade celebra sua 50º edição. O evento teria a apresentação ilustre dos Rolling Stones, que tiveram que cancelar a sua participação por motivos de saúde. Fleetwood Mac substituirá a banda inglesa.

Quem participar da festa, faça questão de visitar os diversos palcos e barraquinhas de artesanato e arte de artistas locais.

Também não deixem de provar os pratos tradicionais do festival. Os que precisam ser degustados são: Crawfish Monica (massa parafuso com molho cremoso de lagostim), Crawfish bread (pão prensado recheado com lagostim e queijo), Softshell Po-Boy (sanduíche de caranguejo) e Cochon de Lait Po-Boy (sanduíche de carne de porco com saladinha de repolho). E para beber, eu sou fã da limonada fresquinha de morango.

Imagens: Cristina Wollenberg e Lyssa Barros.

Leia também: Tudo o que você precisa saber para morar nos EUA

Mid-City Bayou Boogaloo (17 a 19 de maio)

Este festival acontece às margens do Bayou St. John, no bairro Mid-City, área central da cidade e fora da zona turística. As pessoas podem apreciar pratos típicos, uma bebidinha gelada e música das principais bandas da cidade de suas canoas, caiaques, stand up paddle e infláveis. Ou curtir a cena sentados às margens da água.

New Orleans Greek Festival (23 a 26 de maio)

O New Orleans Greek Fest celebra a herança cultural e histórica dos imigrantes gregos na cidade. Acontece todos os anos durante o Memorial Day Weekend na Holy Trinity Greek Orthodox Cathedral.  O festival é um dos mais divertidos e baratos. As garrafas de vinho custam em torno US$ 20 dólares e a comida tradicional grega caseira e sobremesas são excelentes. Ao anoitecer, quando o pessoal está para lá de alegrinho, muitos se arriscam a dançar ao som da banda grega com ajuda de quem sabe os passinhos.  É possível fazer uma visita ao interior da catedral e passear pela feirinha de especiarias com queijos, molhos e temperos gregos.

Pronto! Aí estão as principais razões que fazem da primavera a época perfeita para visitar Nova Orleans. Agora já sabem para quando marcarem a viagem.

Related posts

Curiosidades sobre o Alasca

Dora Miller

Diferenças sobre a infância no Brasil e nos Estados Unidos

Gabriela Albuquerque

Enfermeira faz Doutorado?

Carleara Weiss

Deixe um comentário

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.

Este site ou suas ferramentas de terceiros usam cookies Aceitar Consulte Mais Informação