BrasileirasPeloMundo.com
Egito Transporte Público Pelo Mundo

Transportes no Egito

transporte, Egito, Cairo

Transportes no Egito: Por que o trânsito no Egito é tão complicado e perigoso? Conheça como é o transporte neste país.

Na raiz do problema está na superpopulação.

O contador da Agência Nacional de Pesquisa local acusa mais de 101 milhões de pessoas. A região metropolitana do Cairo soma mais de 20 milhões de pessoas.

São em média 4 filhos por casal. O que há 30 anos, o comum era o dobro, 7 filhos por família. A família grande é parte da cultura.

Leia também: Cairo, A maior cidade árabe do mundo

Obviamente, isso causa diversos problemas já que são mais pessoas competindo pelo mesmo espaço, empilhadas em apartamentos.

Muitas partes do Cairo e Giza contam com um tráfego absurdo, principalmente durante o início e final do expediente. O Cairo perde anualmente 8 bilhões de dólares por conta dos congestionamentos.

Vejamos aqui outros problemas.

1. Não existe faixa de pedestre e as que existem não são respeitadas

O mais comum é o pedestre se arriscar no meio da pista com os carros em movimento. Para mim isso é assustador, embora tenha me acostumado.

Não há como ficar esperando os motoristas pararem todos juntos e às vezes ao atravessar, preciso cruzar uma via de 3 pistas, literalmente parando no meio da rua para conseguir a simpatia de algum motorista.

Uma dica é: ao atravessar,  procurar um cidadão local e cruzar atrás dele. E já aviso, alguns vão tentar usar essa oportunidade para te levar na “loja de um amigo” ou dar em cima de você. Seja discreto ao fazer isso!

2. Vans parando o tempo todo

As vans passam nas ruas gritando e tentando sempre manter a lotação completa. Param em qualquer lugar sem sinalizar com a seta, é óbvio.

3. Nenhum respeito por sinalização

Muitos semáforos não funcionam, assim como os radares. Essa parte decorativa da cidade dá lugar aos policiais que coordenam o tráfego.

4. O próprio desenho da cidade é complicado

Como explicado aqui anteriormente, há muitas vielas e ruas sem saídas que obriga aos motoristas a optarem por uma única rota.

5. Acidentes

Como era de se esperar são muitos carros e frequentemente existem acidentes.

Motociclistas não usam capacetes, costuram a pista e ninguém avisa ao freiar ou a virar. Os que avisam o fazem através de buzinas que se confundem, pois aqui a buzina pode significar desde que a sua porta está aberta, como estou fazendo uma curva ou freando, até um simples  “eu tenho uma buzina”.

Transportes no Egito: horários mais complicados

Entre 7h e 9h e de 16h às 19h, começo e fim de aulas e expedientes, tornam o tráfego impossível e a velocidade média pode ser de 6 a 24 km por hora.

Ressalto que a Ponte 6 de Outubro é especialmente lotada nesse horário, assim como os congestionamentos rotineiros nas: avenida Nasr, rua Ramses e na rua 15 de Maio.

A maior parte dos veículos (fica até claro no vídeo abaixo) são carros particulares – 55%, mas o cenário é composto também por muitos táxis – 24% e vans – 14%.

Transportes Particulares

Para quem vai viajar, uma alternativa atraente é o UBER ou o Careem.  O preço costuma ser bem convidativo ao converter para dólar ou até para real. O fator negativo é a tarifa oscilar (para cima) em decorrência do trânsito.

Além disso, chamar um carro através do aplicativo é estressante. Muitos motoristas param onde for mais cômodo para eles e não para o passageiro, que é obrigando a andar bastante.

Alguns motoristas ganham com os cancelamentos adotando a prática de ir na direção oposta propositalmente ou sugerindo que você cancele a viagem, dependendo do seu destino. Outros ainda tomam rotas mais longas para aumentar o valor da tarifa.

Todas essas posturas podem ser reportadas ao aplicativo para reembolso.

Já esperei 1 hora por um Uber, porque ele aparecia como uns 5 minutos de distância, ficava passeando por mais 6 minutos e depois cancelava. Um outro fazia a mesma coisa!

Quando tenho compromissos, sempre saio com uma hora de antecedência e vou até uma via mais fácil para o Uber me buscar.

Quando peço Uber em Ramsis ou na Old Cairo é muito complicado. Não posso me vestir de maneira tão elegante ou mostrando tanto o corpo porque sempre me abordam – curiosos, inconvenientes e taxistas.

Leia também: Dirigir no Egito

Já encontrei duas motoristas de Uber no Cairo e em ambos, recebi um melhor atendimento. Fico feliz em vê-las lá., pois os homens motoristas podem ser perigosos.

O conselho é sentar-se no banco atrás dele e não conversar ou dar informações pessoais, como endereço e telefone. Existem relatos de motoristas que assediaram, tocaram ou até tentaram sequestrar passageiras.

Eu particularmente não recomendo utilizar táxi, pois alguns motoristas agem de muita má fé, fazendo trajetos longos ou sugerindo pagamentos desrespeitosos. As vezes que recorri aos táxis foi por não ter  tempo para esperar o aplicativo encontrar um motorista. Outro empecilho é não ter como reportar os abusos dos taxistas.

Transportes no Egito: Minivan

Você provavelmente vai ser o único estrangeiro dentro da minivan e seguramente eles vão adorar isso.

Você consegue ir para vários lugares de minivan e pode até agendar seu trajeto por meio de aplicativos – o Uber tem uma alternativa em van, por exemplo.

Normalmente as vans tem paradas em vários pontos da cidade e podem te levar à maior parte dos lugares, entrando inclusive nas vielas.

Custam de 1 a 5 libras. Os motoristas pisam forte no acelerador. O costume é ir passando o dinheiro até alguém do primeiro banco que já fica responsável por organizar o troco e entregar para o motorista.

Já andei bastante de van e é realmente prático.

Há alguns problemas como: ter que esperar lotar para a van sair e isso pode demorar, como também há a possibilidade do motorista decidir mudar o destino no meio do trajeto. Todo mundo obviamente briga, mas como não sou fluente em árabe, fico perdida no que aconteceu e acabo chegando em um lugar nada a ver.

Transportes no Egito: Metrô

Como mulher minha alternativa preferida é o metrô. Com dois vagões exclusivos para mulheres,  me sinto muito mais segura.

Ademais, poucas vezes os vagões estão super lotados como costuma acontecer no metrô de São Paulo, e normalmente tem lugar para sentar.

Os ambulantes no metrô também fazem a viagem mais divertida.

Os preços da passagem variam de 5 a 10 libras egípcias dependendo da quantidade de estações que você precisa viajar.

Mapa do metrô no Cairo

Image result for metro cairo

Pontes

O presidente atual está famoso por construir muitos viadutos com a intenção de diminuir o tráfego.

Um deles ficou conhecido por estar no meio de uma área residencial (foto abaixo) e outro por estar sendo construído em cima de uma igreja, o que ofende muitos cristãos.

Cairo, Egito
Ponte no meio dos prédios. Fonte: https://www.middleeastmonitor.com/20200512-egypts-new-bridge-on-collision-course-with-residential-building/

Link complementar: estudo realizado sobre o tráfego no Cairo (em inglês). 

Vídeo complementar (em inglês):  o caos do tráfego no Cairo 

Quer saber mais sobre o BPM? Siga-nos também no Instagram e no Facebook

Related posts

O transporte público em Melbourne

Juliana Letra

Homossexualidade no Egito

Michelle Bastos

Transporte público na Noruega

Michele Silva

Deixe um comentário

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.

Este site ou suas ferramentas de terceiros usam cookies Aceitar Consulte Mais Informação