BrasileirasPeloMundo.com

Related posts

As diferenças entre La Paz e Santa Cruz de la Sierra, na Bolívia

Letícia Protector

Divórcio, visto e guarda dos filhos na Polônia

Raisa Rechter

Primeiros passos da mudança para a Hungria

Mayra Di Domenico

15 comentários

Flavia August 2, 2017 at 7:21 pm

Excelentes dicas!
Estou em Varsóvia há mais de um ano e não consegui o PESEL devido à falta de justificativa. Realmente, não é essencial, mas acredito que deva ajudar muito, principalmente com cadastros aqui que são feitos praticamente todos baseados no PESEL.
Queria ver esse exemplo de formulário preenchido para tentar novamente, mas não consegui abrir o link (na verdade não está aparecendo nenhum link). Será que é pq estou na versão mobile do site? 🙁
Obrigada!!
Flavia

Resposta
Juliana Cavalher August 17, 2017 at 9:51 am

Olá, Flávia. Tivemos um problema com os links, mas agora está tudo certo. O PESEL tem sido uma verdadeira novela para os estrangeiros que estão chegando, inclusive mudaram a lei logo depois que dei entrada no meu, o formulário agora está alterado com essa nova lei. Bjus.

Resposta
Eduardo August 2, 2017 at 10:20 pm

Muito legal o post, mas na parte do modelo preenchido não nenhum link, pode me passar esse modelo, irei precisar dele logo!
Obrigado!

Resposta
Juliana Cavalher August 17, 2017 at 9:39 am

Olá Eduardo, tivemos um problema com os links, mas já está tudo revisado. Espero que ajude!

Resposta
Renata Salas Collazo August 3, 2017 at 1:21 am

Bem vinda ao BPM Juliana!!!
Adorei seu texto e preciso confessar: tenho um carinho muito especial pela Polonia. Morei no pais em 1998, em Wroclaw.Me apaixonei pelo pais e pelo povo, foi uma epoca muito especial, momentos dificeis algumas vezes… Espero que voce seja muito feliz por ai.

Resposta
Juliana Cavalher August 17, 2017 at 9:38 am

Muito obrigada, Renata. A Polônia tem me encantado a cada dia, nem sempre é fácil, mas eu tento pensar que tudo faz parte do processo. Bjus

Resposta
Estela August 4, 2017 at 10:26 am

Parabéns pela coragem e determinação da família toda. Visitamos a Cracóvia ano passado e eu amei. Me senti tão bem ai que quero muito voltar em breve, mesmo não conseguindo pronunciar quase nada de Polones nos viramos bem. Morar sei que é bem diferente de turismo, os desafios são diários, mas com perseverança e garra eles se tornam mais simples. Depois que fui para a Polônia descobri que Alemão é muito fácil de aprender ?

Resposta
Juliana Cavalher August 17, 2017 at 9:33 am

Obrigada, Estela. Cracóvia é incrível e faz valer o sacríficio de aprender essa língua tão díficil. Quanto ao alemão, agora eu também tenho a mesma impressão. Bjus

Resposta
Janaina Tavares August 15, 2017 at 3:22 pm

Excelente post.
Passei minhas férias em 2016 em Cracóvia, o lugar é lindo e as pessoas são maravilhosas.
Boa sorte na sua caminhada Polonesa, em breve estarei por ai também 🙂

Resposta
Juliana Cavalher August 20, 2017 at 9:40 pm

Muito obrigada, Janaina. Cracóvia é realmente encantadora. Boa sorte em seu retorno 😉

Resposta
Tatiane D'Avila December 15, 2017 at 2:16 pm

Nossa Ju, que bacana tua matéria!
Quanta generosidade em compartilhar tua experiência!
Estamos recém iniciando a adaptação por aqui e essas informações estão e irão nos ajudar muito.
Muito obrigada!
Beijos

Resposta
Juliana Cavalher December 29, 2017 at 12:53 pm

Muito obrigada, Tatiane. Fico feliz em ajudar!!! Seja bem-vinda e boa sorte nesta nova jornada.

Resposta
Ana Carolina Cançado July 22, 2018 at 2:23 pm

Oi Juliana!!! Estou me mudando para Cracóvia dia 20/08, tem algum email que posso falar com você? Estou procurando um apto para morar mas tenho dúvidas pq parece que nenhum dos que eu olho tem meio de trasporte por perto, isso tem me preocupado bastante. Precisava de alguma dicas, será que você consegue me ajudar? muito obrigada!
Ana Carolina

Resposta
iza July 8, 2019 at 3:03 am

olá, Juliana. qro visitar Cracóvia em outubro 2019, vc indica agencia e guia de turismo que fale em Português? preciso muito. obg

Resposta
Liliane Oliveira July 8, 2019 at 2:21 pm

Olá Iza,
A Juliana Cavalher parou de colaborar conosco, mas temos outras colunistas na Polônia que talvez possam te ajudar.
Você pode entrar em contato com elas deixando um comentário em um dos textos publicados mais recentemente no site.
Obrigada,
Edição BPM

Resposta

Deixe um comentário

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.

Este site ou suas ferramentas de terceiros usam cookies Aceitar Consulte Mais Informação