BrasileirasPeloMundo.com
Alemanha Natal Pelo Mundo

Curiosidades sobre o Natal na Alemanha

Curiosidades sobre o Natal na Alemanha.

Eu afirmo sem medo de ser questionada: o Natal na Alemanha é o mais natalino de todos os Natais do mundo! Tudo começa muito antes dos brasileiros se quer se preocuparem com os presentes e a ceia.

Advento

O advento são os quatros domingos que antecedem o Natal. Nesses domingos as casas ganham uma nova decoração – a guirlanda com quatro velas, uma para cada dia de advento. E as crianças  deixam seus desejos de natal anotados em um papel na coroa de advento.

Mercado de Natal / Weihnachtsmarkt

No primeiro dia de advento, os mercados de Natal começam a funcionar. Essa tradição existe na Alemanha desde o séc. XIV e o mercado mais famoso do mundo acontece em Nürenberg com cerca de 2 milhões de visitantes. Qualquer mercado de Natal que se preze tem: comidas da época, enfeites natalinos artesanais; mini parque de diversões,  corais de natal cantando e bebidas bem quentes. As mais típicas são o Glühwein (o nosso vinho quente) e o Jäger Tee – Chá dos caçadores – uma bebida alcoólica quente (óbvio) e com diversas ervas misturadas. O teor alcoólico é tão alto que no primeiro gole você se sente no paraíso tropical! Sigam minha recomendação, não tomem Jäger Tee de estomago vazio, falo por experiência própria.

Barraca de amendoas - Mercado de Natal - Berlim - Bárbara Poplade Schmalz©

São Nicolau / Helige Nikollaus (6 de dezembro)

Na Alemanha o Papai Noel não tem vez! Ele está nas decorações e nas prateleiras de chocolate, mas o coitado sempre é confundido e até conscientemente trocado pelo santo Nicolau. Nada mais justo, já que São Nicolou exisistiu e foi quem inspirou a lenda do Papai Noel. São Nicolau tem ajudantes que ficam de olho nas crianças que se comportam ou não. Quem é levado, ganha de presente uma varinha de marmelo. As crianças com boas maneiras, se esbaldam em guloseimas típicas: frutas, pão de mel, biscoitinhos, entre outros. Como tradição, na noite do dia 5 de dezembro, as crianças devem limpar as botas; colocar em frente à porta ou próxima da chaminé; deixar água e cenoura para o cavalo de São Nicolau e na manhã seguinte encontrar o presente escondido no calçado.

Leia também: tudo que você precisa saber para morar na Alemanha

Neve

Se ainda não nevou, esse é o assunto no intervalo do café no trabalho, na casa da família e nas escolas. Todo mundo torce por um natal branco. Até a brasileira friorenta que nesse momento escreve, torce por ruas e árvores cobertas de um branco – como via nos filmes de natal tão distantes da realidade dos ventiladores brasileiros.

 

Nova tendência

Não só no dia a dia, mas no Natal também – consumir coisas usadas ganhou valor e consideração, virou cool. Mostrar a preocupação com o meio ambiente e não produzir CO2 desnecessário virou símbolo de pessoas “do bem”. Segundo alguns jornais, os presentes comprados em mercados de pulgas aumentou no últimos anos. Tem gente agora achando um absurdo ganhar um presente usado, que eu sei. Mas existem muitas coisas boas – mas boas mesmo! – nos mercados de pulgas daqui.

Mercado de Natal - Weihnachtsmarkt - Berlim - Bárbara Poplade Schmalz©

24, 25 e 26 de dezembro

Chegou a noite de Natal. A primeira tradição comum é ir na Missa de Natal. Minha cunhada é agnóstica, o meu cunhado ateu, mas ela achou que seria interessante as crianças conhecerem o real significado na igreja e, a tia (eu) e o tio foram juntos por apoio à causa. Percebi que vários outros estavam ali com a mesma tarefa.

Palácio de Charlottenburg - natal em Berlim - Bárbara Poplade Schmalz©

Kaffee-Kuchen

Após a missa, todos se reúnem na casa  de alguém para a primeira sessão de comilança ao som de músicas natalinas. O Kaffee-Kuchen (Café-Bolo) é uma tradição em qualquer evento familiar. Eu e amigas expatriadas nunca rejeitaremos em nossas vidas um pedaço de bolo de queijo ou maçã e as colheradas de chantilly ao lado, mas é muito estranho começar com bolo e café quando no Brasil isso é o sinal de que o jantar acabou!

No Natal, o Kaffee Kuchen ganha um bônus extra – bolos feitos de nozes, Stolen, pão de mel e biscoitos feitos em casa.

Ceia

Se você acha que eu vou falar de peru de natal e arroz com passas, sinto muito. O peru aqui tem menos moral que o Papai Noel. Quem comanda a ceia é o ganso, assado e marinado. Se não é ganso ou um pato disfarçado, que venha então, o maior clichê que existe, mas a pura realidade alemã: salsichão com salada de batata e chucrutes. “Filhos da Alemanha oriental” dirão que o certo é comer Carpa. Natal é assim mesmo, todo mundo tem uma tradição diferente para jogar na cara do cunhado não é mesmo?

Weihnachtsmarkt 2013 - Berlim - Bárbara Poplade Schmalz©

Troca de presentes

E nem assim o bom velhinho tem chance… A entrega dos presentes é responsabilidade do Christkind – uma tradução ao pé da letra seria “criança cristã”. Martin Luther criou e oficializou no século XVI, o Christkind como distribuidor oficial dos presentes, para substituir São Nicolau pois, protestantes não adoram santos. Então, o “Ho Ho Ho” só acontece em pouquíssimas casas, quem desce a chaminé é o São Nicolau ou o Christkind e num horário em que todas as crianças estão acordadas.

Um pouco de conversa aqui e ali, um vinho, agradecimentos e acabou a noite de Natal por volta da hora que estaríamos comendo no Brasil. Dia 25 é feriado, mas dia 26 também. Todo ano eu uso e abuso desse dia livre cheio de potes de comidas e não tinha a mínima idéia do motivo para o feriado. Descobri que é dia de São Estevão. Fiz uma pesquisa básica e o importante na história é que São Estevão foi o primeiro cristão a morrer pela fé, é isso.

Mercado de Natal - enfeites - Berlim - Bárbara Poplade Schmalz©

Pronto, só falta o Reveillon e acaba-se mais um ano com cheiro de pinho das árvores verdadeiras e enfeitadas nas casas alemãs. Me controlei para não escrever sem parar sobre o Natal então, comentários e perguntas são mais que bem vindos!

Leia mais sobre Natal Pelo Mundo

Related posts

Volkshochschule e o curso de integração na Alemanha

Monique Abbehusen

O hábito alemão da leitura

Karina Finke

Da Grécia para Alemanha

Clarissa Gaiarsa

15 comentários

Pricylla Nara Abdalla Dezembro 11, 2013 at 10:58 am

Barbara, que maravilha de texto.
Me fez viajar no tempo, já que estive uma vez em Hannover nesta época e é verdadeiramente fascinante.
Aproveite bastante, pois aqui do outro lado “Marocco” onde estou, tudo passa em branco, sem nenhum significado.
Bjinhos e um Feliz Natal.

Resposta
Barbara Poplade Schmalz Dezembro 13, 2013 at 11:42 am

Oi Pricylla!

Esse ano eu estou aproveitando o calor brasileiro rs. Mas os últimos 3 anos passei na Alemanha e é incrível.
Quem bom que o meu texto te levou para uma viagem pela memória 😀
Fico feliz que tenha gostado e nossa imagino como no Marrocos é difícil de encontrar pessoas que gostam de Natal rs…

Beijo e um feliz Natal para você tbm e que 2014 seja incrível!

Resposta
karla Dezembro 11, 2013 at 11:15 am

Olha adoro as miniaturas de madeiras para fazer presepios dai sao simplismente lindas 😉

Resposta
Barbara Poplade Schmalz Dezembro 13, 2013 at 11:44 am

Oi Karla,

são maravilhosas né? Nossa eu fico impressionada com o bom gosto deles na hora de fazer os presépios.

Um feliz Natal para você e um 2014 maravilhoso!

Bjs

Resposta
Tati Sato Dezembro 11, 2013 at 11:43 am

Haha! Sua louca: “Dia 25 é feriado, mas dia 26 também. Todo ano eu uso e abuso desse dia livre cheio de potes de comidas e não tinha a mínima idéia do motivo para o feriado.” Bom, eu sabia (desde que vivi em Dublin) que dia 26 era St. Stephen’s day, mas saber quem ele era e o que ele fez… Obrigada por esclarecer! 😉

Já disse que tenho tios na Alemanha, Bah? Pois é… E ela sempre faz os biscoitinhos de Natal (dilícia! Yummy!!!). O primeiro White Christmas da minha vida passei em terras alemãs… E os markets com todas aquelas coisinhas para se comprar e comer… Em Nürenberg, provei a batata com molho de maça e tomei o Glühwein em Aalen (fiquei bebinha! Haha!)! Quantas lembranças boas! Afinal, a Alemanha é minha casa também!!! <3

Feliz Natal, minha linda!!! E que 2014 seja um ano cheio de realizações e tranquilidade!!!

Resposta
Barbara Poplade Schmalz Dezembro 13, 2013 at 4:19 pm

Oi Tati!

Não sabia que vc tem familia por lá. Huhuahuahauhau tava sabendo mais sobre os feriados do q eu hein? rs
Nossa nem me fale, biscoitinhos de natal são DEMAIS! e tô te invejando (de jeito bom) por ter ido em Nürenberg, ainda não tive a oportunidade.

Feliz Natal Tati querida e um ótimo 2014 para todas nós! Ebaaaaa 😀

Bjobjo

Resposta
Cristiane Leme Høg Dezembro 11, 2013 at 9:17 pm

Realmente na Alemanha o Natal é bem ‘natalino’, como você disse! Muitas das tradições daí também existem por aqui! A coisa que eu mais gosto no Natal da Alemanha são os lebkuchen, tão natalinos… Na Alemanha também existe uma cidade (que eu visitei) que é famosa pelas decorações de Natal: Rothenburg ob der Tauber, na Baviera. Essa cidadezinha medieval é a sede da loja de decorações natalinas mais famosa da Europa, Käthe Wohlfarht, e que fica aberta o ano inteiro! Além disso, lá também existe o Museu do Natal, um prato cheio pros fãs das festividades natalinas. Ano que vem quero levar minha sogra e a irmã dela pra lá, elas são malucas por Natal…

Frohe Weihnachten! Feliz Natal!

Resposta
Ana Cristina Kolb Dezembro 16, 2013 at 11:25 pm

Nossa Barbara AMEI seu post, como sempre adoro sua retórica, kkkkkk, nossa na minha família reconheCo tudo que vc fala, as compras em mercados de pulgas devido a ser ecologicamente e anti-consumismo, a parte agnóstica, ateu, mas levar as crianças a Igreja pra dar a eles a oportunidade de aprender tradições como crianças e poderem decidir mais tarde o que querem ser ou não ser, o conselho de não beber “Jaeger Tee”de estômago vazio kkkkkkk assino em baixo! Não assassine seu fígado!!!! o calor tropical apos o primeiro gole, pude atë viajar no tempo kkkkkkkk, quanto aos pratos como minha família vem de NordWestfallen, e meu sogro ë caçador por hobby, eram carnes de caVas variadas sempre com molhos surreais, repolho vermelho, knoedel e me lembro também de pêra assada com “Preiselbeeren”, amoras selvagens!!!!! hummmmmm ja to de joelho so de lembrar!!!!!! isto tudo as 18:00 horas depois abrir presentes em frente a fogueira, todo mundo de Pantofel, roupa confortável e aconchegante, nossa família mora todo mundo longe, por isto algumas tradições são vividas em suas residências e viajamos todos pra nos encontrar do dia 24 a 26 na casa do meu sogro, por isto a abertura de presente apos o jantar do dia 24. Bem querida, Feliz Natal no nosso pais tropical, onde também me encontro no momento, mas retorno ainda esta semana, a tempo de passar um natal branquinha, e um 2014 cheio de muitos sucessos e surpresas incríveis!!!!!! Namasté

Resposta
Adriana Julho 27, 2014 at 12:32 pm

Barbara, Bom dia! Estamos pensando em ir neste natal, mas… tem algum restaurante que abra na noite e dia 25 e dia 26 em Frankfurt OU Munique será? Nosso medo e nao ter onde ir nestes dois feriados tao familiares…. chance de uma ceia para turistas em algum restaurante ou hotel nao existe ne?
Grata por sua resposta, parabéns pelo ótimo post!

Resposta
Barbara Poplade Schmalz Agosto 5, 2014 at 6:44 am

Oi Adriana!
Mil perdões pela demora. Faz um tempo que não colaboro para o Brasileiras, mas ainda passo por aqui de vez em quando para ver se tem perguntas 🙂
Como eu estou em Berlim, não posso te dar certeza se em Munique ou Frankfurt funciona da mesma forma, mas por aqui, alguns hotéis e restaurantes funcionam sim na noite de Natal. Como é um momento especial, precisa fazer a reserva o quanto antes porque, eles lotam rápido.

Se você tem reserva em hotel eu recomendaria mandar um e-mail para o hotel pedindo para eles darem dicas de restaurantes na cidade que abrem no natal.

Alguns mecados de natal também tem restaurantes que abrem nesses dias, talvez você possa procurar algum mercado famoso dessas cidades para ver como faz a reserva, mas prepara-se porque, os preços são salgados…

Espero ter ajudado um pouco 🙂

Abraços,

Bárbara

Resposta
Sarita Carmona Bastardas Vallés Novembro 24, 2014 at 4:49 pm

Oi Barbara
Vou passar o Natal em Rothemburg, você tem alguma dica de restaurante para a ceia de Natal?
Estaremos em 2 casais e duas crianças de 5 anos.

Resposta
Adriana Novembro 25, 2014 at 1:44 pm

Olá Barbara, uma graça seu Post; este ano iremos estar por ai, entre Nuremberg e Munique.
Te perguntaria: sera que existe restaurante ou parte da cidade (Munique) que abra no dia 25 para almoço / jantar? Ou fica tudo fechado mesmo? Neste caso passaremos no mercado dia 24 ( imagino que abram dia 24… será? Ai ai…
: )
Dia 26/12 iremos para Heildelberg imagino que esteja tudo deserto também…. ne? OU peolo menos nas estacoes de trem (Munique e ou Heidelberg) teria algo para comer, um café , Lanchonete que seja, que fique aberto nos feriados de 25 e 26?
Voce saberia?

Resposta
Rosinha Aparecida Conte Dorea Março 9, 2015 at 12:02 am

Ola Bárbara, adorei seu Post. Gostaria de saber como faço para conseguir as receitas dos biscoitos alemães. Adoro fazer essas delícias a base de especiarias.

Resposta
Barbara Poplade Schmalz Junho 7, 2015 at 5:55 pm

Oi Rosinha,

só vi seu comentário agora. Entra em contato comigo por e-mail 😀 vou tentar achar umas receitinhas de biscoitos pra vc 😉

Bjs

[email protected]

Resposta
Fernanda Buranelli Dezembro 8, 2015 at 11:28 am

Olá Barbara, adooreei ler seu relato. Minha filha está em intercâmbio, estudando na Alemanha, e vamos passar o Natal distante uma da outra. Pude sentir em suas palavras como ela vai passar o Natal aí do “outro lado” do mundo rsrs

Resposta

Deixe um comentário

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.

Este site ou suas ferramentas de terceiros usam cookies Aceitar Consulte Mais Informação