BrasileirasPeloMundo.com
Argentina Imigração Vistos & Cidadanias Pelo Mundo

Entrar na Argentina apenas com o RG

Mês passado quando estava voltando de São Paulo para Buenos Aires presenciei uma cena bem desagradável. Vi um casal que estava na minha frente na fila para fazer o check-in ter que voltar para casa porque o marido estava com o RG vencido.

Chato não é?

Para que isso não aconteça contigo (ou com algum conhecido teu) melhor ficar de olho nas dicas:

(1) Documentos

Existe um acordo entre países do Mercosulque permite aos visitantes transitar entre eles apenas com um documento de identificação. Isso significa que qualquer brasileiro pode entrar na Argentina portanto apenas seu RG, mas para isso seu documento deve ser atual (ter menos de 10 anos). Entrar com o passaporte também pode, o que não é aceito é a carteira de habilitação, ok? Ela não é reconhecida internacionalmente como documento de identificação. A carteira de habilitação pode ser usada em outros países (veja lista de países2) na hora de alugar um carro.

(2) Vistos

Brasileiros que querem ir à Argentina por até 90 dias para estudar, passear, comer, comprar etc, podem viajar só com um documento de identificação. Não é necessário requerer visto.

Brasileiros que querem estudar, morar, casar, viver ou trabalhar na Argentina deverão requerer visto. E para isso há duas maneiras:

(2.1) no consulado da Argentina no Brasil:

IMPORTANTE: o agendamento de horário é sempre por email ([email protected]3) e a solicitação sempre pessoalmente. Não precisa contratar nenhuma agência ou despachante para fazer esse serviço.

Para saber mais leia a página do consulado argentino em SP4.

No email você deverá colocar:

– Nome e sobrenome conforme figurado no passaporte;
– Nacionalidade;
– Número do passaporte;
– Tipo de visto solicitado; e
– Número do RG.

Para visto de negócios clique no link 5 ao final deste texto para ver a relação de documentos que você deverá apresentar na sua ida ao consulado.

Para visto de estudante (mais de três meses) clique no link 6 ao final deste texto para ver a relação de documentos que você deverá apresentar na sua ida ao consulado.

E se você está pensando em vir estudar na Argentina porque a universidade é gratuita e não tem vestibular, saiba que existe um portal (link 7) que pode te ajudar. Informe-se muito antes de tomar sua decisão porque já existem “malandros” que vivem de enganar famílias de estudantes brasileiros que sonham em vir fazer medicina em Buenos Aires.

IMPORTANTE

Estrangeiros que vivem no Brasil (e possuem RG e CPF) devem verificar no site do consulado da Argentina se precisam de visto de turista ou não. Isso depende de qual país é o seu passaporte. Para saber quais países NÃO precisam de visto clique no link 8.

Se seu país precisa, para visto de turismo leia aqui a relação de documentos que você deverá apresentar na sua ida ao consulado (link 9).

(2.2) no Ministerio del Interior (Dirección Nacional de Migraciones) aqui em Buenos Aires.

Esta opção só é válida para os brasileiros que querem ficar na Argentina mais de 90 dias para trabalhar ou estudar. O site principal do MI (DNM) está no link 10.

Novamente, o agendamento de horário é pela internet e a entrevista pessoal. Ninguém pode cobrar por esses serviços, ok?

Para saber quais são os documentos a levar no dia da entrevista acesse o link 11:

(3) Cartão de entrada e saída

Chegando na Argentina é também necessário preencher o formulário de imigração (entrada e saída). Ele deve ser preenchido duas vezes; uma cópia fica com o oficial de imigração na entrada e a outra deve ficar com você até ser devolvida na saída. Isso é aplicável às pessoas que levam somente o RG. Para as que levam o passaporte, o carimbo no próprio documento substitui esse formulário.

Você terá que preencher:

1. Apellido (se diz apexido) – sobrenome
2. Nombre – nome
3. Fecha de Nacimiento – Data de Nascimento
4. Nacionalidad – Nacionalidade (Brasil)
5. País de origem, país de residência e endereço de onde você vai estar em Buenos Aires ou outra cidade.

Além disso, agora a Argentina possui um sistema biométrico de identificação de pessoas.
O que significa isso?

Além de verificar seus documentos e formulário, vão te pedir para tirar uma foto (sacar una foto) e coletar a impressão digital do seu polegar direito (pulgar derecho), tanto na entrada como na saída.

Para saber mais sobre este assunto leia no link 12.

Está em espanhol.

Dúvidas? Deixe seu comentário.

Fonte (lista de links)
1. Mercosul / 2. Denatran / 3. Email do consulado Argentino em São Paulo / 4. Consulado Argentino / 5. Vistos de Negócios / 6. Visto de Estudante / 7. Portal Universidades Argentinas / 8. Países que não precisam de visto / 9. Lista de documentos para visto de turista / 10. Ministério del Interior – Dirección Nacional de Migraciones / 11. Documentos para a entrevista / 12. Sistema Biométrico

Related posts

Comida vegetariana e vegana em Buenos Aires

Fabi Lima

Cidadania inglesa

Maria Eduarda Johnston

Estatuto Igualdade de Direitos e Deveres em Portugal

Isadora Lima

19 comentários

Ricardo Silva Junho 15, 2017 at 5:05 am

Precisa comprovar hotel, seguro de vida ou saude, dinheiro disponivel, passagem de volta? após 90 dias, vc fica ilegal no pais?

Resposta
Fabíola Lima Junho 27, 2017 at 8:02 pm

Olá Ricardo, tudo bem?
Quando você entrar na Argentina vai precisar deixar o endereço do seu hotel sim, mas a passagem de volta não é necessário. E sim, se você não der entrada no pedido de residência, depois de 90 dias você ficará de maneira ilegal. Uma ideia é cruzr o rio ir para o Uruguay e voltar, assim você ganha mais 90 dias. Mas se for estudar ou trabalhar por aqui é mais fácil começar o processo de residência. Qualquer brasileiro pode pedir e é bem tranquilo. 😉

Resposta
Nay Setembro 12, 2017 at 10:02 pm

Não é necesario que a identidade tenha menos de 10 anos. Se estiver em boas condições vc entrar de boa

Resposta
Fabíola Lima Setembro 12, 2017 at 10:34 pm

Não é obrigatório, mas é obrigatório que a foto esteja atual e o documento em bom estado. O que quase sempre não é o caso, por isso a forte recomendação de 10 anos. 😉

Resposta
JULIANA ESPINDOLA Fevereiro 27, 2018 at 2:54 pm

ola, vou viajar com minha filha de 14 anos, ela fez a primeira identidade a menos de um ano, mas esse ano cortou e pintou o cabelo, preciso refazer o documento dela? obrgada

Resposta
Marília Abril 3, 2018 at 3:53 pm

Eu quero ir para trabalhar, porém não tenho emprego certo lá, posso pedir o visto de residência sem ter trabalho comprovado ou sem ir para estudar ?

Resposta
Fabíola Lima Abril 3, 2018 at 4:33 pm

O Marília, tudo bem?
Obrigada pela dica, a ideia era tirar dúvidas, mas acabei não deixando muito claro, desculpa.
Você pode sim vir para a Argentina e pedir residência sem ter trabalho ou planos de estudar.
Um acordo bilateral permite aos brasileiros viver na Argentina e aos argentinos viver no Brasil.
😉
Sucesso!

Resposta
Fernanda Castro Abril 25, 2018 at 6:14 pm

Olá, gostei muito da sua publicação, nada melhor escutar de quem já teve a experiência de viagem iternacional 👏.
Minha única dúvida é na parte do “formulário imigratorio”, pois eu planejo fazer uma viagem de duas semanas em Buenos Aires, então ao chegar ao aeroporto da Argentina apresento meu RG, e pegarei este formulário para preencher?!

Resposta
Fabíola Lima Abril 25, 2018 at 6:48 pm

Oi Fernanda, tudo bem? Que bacana que você gostou.
Sobre o Formulário de Entrada e Saída (em castelhano Tarjeta Migratoria) geralmente é distribuido ainda dentro do avião pelas aeromoças ou então ficam disponíveis em balcões ao longo da fila de imigração (assim que sair do avião você vai ser encaminhada para essa fila). Também existe a possiblidade de você preenchê-lo online no link: http://www.migraciones.gov.ar/tarjeta/index2TES.php?idioma=ESPA&tar=TES
Mas isso é tranquilo, é mais para saberem onde você ficará hospedada por aqui.
Qualquer dúvida pode escrever novamente 😉

Resposta
dmik Julho 31, 2018 at 2:48 pm

Fabiola, Ouvi boatos sobre crise financeira e etc, como eu posso saber se é uma mudança segura ou arriscada?

Resposta
Fabiola Lima Julho 31, 2018 at 4:51 pm

Oi Dmik, tudo bem?
Sim, a Argentina não está muito bem ultimamente. Já tem uns dois meses que estamos enfrentando alguns problemas financeiros um pouco desanimadores.
Mas se existe algo que posso te dizer é nunca haverá uma mudança completamente segura. Isso não existe, nem para cá, nem para lugar algum. Você pode ir para um lugar “seguro” e nada dar certo. Ou então ir para um lugar improvável e tudo dar certo. vai depender muito de você e do que está planejando.
Sorte! 😉

Resposta
Débora Vitoria Agosto 20, 2018 at 2:47 pm

Oii adorei sua publicação mas como esta o mercado de trabalho ai?, consigo emprego ainda no Brasil? Tem Alguns sites pra buscar emprego?

Resposta
Fabiola Lima Agosto 27, 2018 at 12:01 am

Oi Débora, tudo bem?
O mercado de trabalho por aqui varia muito de uma profissão para outra. Vai depender da sua formação e CV.
Mês que vem publico um texto exatamente sobre demanda de trabalho, CV, entrevista, etc. Fique de olho e não perca! 😉
E conseguir emprego desde o Brasil é mais difícil, a não ser que na empresa onde você já trabalha te manda para como expatriada.
Sorte!

Resposta
Vânia Outubro 4, 2018 at 3:04 am

Ola! TD bem?
Irei mês que vem pra Buenos Aires e seu blog me ajudou muito.
Uma dúvida: ficarei hospedada na casa de um amigo e estou indo com o RG em dia.
É preciso informar isso no formulário?
Eu não sabendo direito o endereço, há algum problema?
Obrigada

Resposta
Fabiola Lima Outubro 5, 2018 at 11:54 am

Oi Vânia, tudo bem?
Independentemente de qual documento você vai apresentar ao agente de imigração (RG ou Passaporte), dizer seu endereço é obrigatório. Pede pro seu amigo te mandar toda a informação e leva ela anotada num papel. E pede para ele te mandar uma carta convite também, já que você nã vai ficar em hotel. O modelo dessa carta você pode encontrar aqui: https://www.argentina.gob.ar/presentar-invitacion-para-ingresar-la-argentina-como-extranjero
Sorte! 😉

Resposta
Letícia Pimentel Janeiro 21, 2019 at 3:07 am

Oi, Fabi!!!!
Boa noite, tudo bem?
Lendo o seu texto me surgiu uma dúvida: pretendo viajar para Buenos Aires a passeio. O Rg da minha filha de 11 anos tem apenas 6 anos de emissão,está em bom estado, porém a foto é dela com 6 anos de idade. Será que enquadra “na foto tem que estar atual”, que você menciona no texto?

Resposta
Fabi Lima Janeiro 21, 2019 at 11:34 am

Oi Letícia, tudo bem?
Acredito que não vai haver problema. Um RG de até 10 anos está ok. Mas se quiser estar segura dá uma olhada aqui:
http://www.portalconsular.itamaraty.gov.br/tabela-de-vistos-para-cidadaos-brasileiros
Sorte! 😉

Resposta
Cris Fevereiro 10, 2019 at 2:23 am

Oi Fabi, tudo bom? Que bom que achei este site! Meu sonho é morar em Buenos Aires, ja estive ai 7 vezes nos ultimos 10 anos…agora deve fazer uns 3 que nao vou 🙁
Bom, o que eu quero muito saber é como esta o preco dos alugueis e se a poupanca ou investimento bancario é tipo aqui no Brasil. Resumindo, quero saber se tenho como viver com rendimento bancario. Se puder me dar alguma dica, agradeco muito!
Bjs, Cristina

Resposta
Fabi Lima Fevereiro 12, 2019 at 4:56 pm

Oi Cris, tudo bem?
Obrigada por escrever! E desculpa demorar tanto para responder, fiquei uma semana sem internet 😉
Então, nesses últimos anos a Argentina tem mudado e estamos numa situação – mais uma vez – um pouco difícil. Inflação crescendo, preços subindo e salários estagnados. Já foi melhor. Quando cheguei aqui era mais tranquilo, agora tá exigindo mais controle financeiro para chegar no fim do mês.
Aluguel depende do bairro, do tamanho do apartamento e se é novo ou não. Falei mais sobre isso neste post:
https://www.brasileiraspelomundo.com/dicas-para-abrir-conta-bancaria-e-carteira-de-motorista-000981011

Sobre investimento bancário não é igual não, ao contrário, aqui é comum as pessoas comprarem imóveis e viverem de renda de aluguel. Também já falei sobre isso nesse post:
https://www.brasileiraspelomundo.com/da-para-comprar-casa-em-buenos-aires-030298450

Sorte!

Resposta

Deixe um comentário

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.

Este site ou suas ferramentas de terceiros usam cookies Aceitar Consulte Mais Informação