BrasileirasPeloMundo.com
Eslovênia

Eslovênia…Dober Tek!

Eslovênia: Gastronomia e culinária

Em meu post do mês passado falei sobre os vinhos eslovenos, aí deu água na boca e algo ficou faltando. Na Eslovênia: natureza, celebrações, família, amigos, vinho e gastronomia aparecerão sempre juntos cada vez que forem mencionados.

A rica gastronomia eslovena está dividida entre pratos tradicionais e os de influência mediterrânea. Entre pratos tradicionais há 170 registrados. A alta gastronomia eslovena também é muito apreciada e oferece opções para gourmands e gourmets de qualquer origem. As trufas da região da Ístria, muito apreciadas são um bom exemplo.

O que comem os eslovenos?

Eslovenos comem muito do que eles mesmos plantam. A agricultura orgânica aqui é bastante comum, mesmo na capital, Liubliana, onde quem tem casa invariavelmente tem uma horta. Quem não tem espaço para ter uma, muitas vezes tem um terreno em outro local, que é usado especialmente para plantar. Ou uma vó, uma tia que te abastece com vegetais e frutas frescos.

O que se planta? Planta-se muito: abobrinha, pimentões verdes, amarelos e vermelhos. Couve flor, repolho, alho-poró, tomate, batata e todos os temperos: manjericão, sálvia, cebolinha, salsa, orégano e tomilho entre outros. Agora deixa eu listar os componentes do mais essencial para qualquer esloveno: a salada. Eslovenos detêm o título de maiores comedores de salada da Europa, o que eu até duvidaria se todo dia meu marido esloveno não desmatasse a horta e comesse o equivalente a três pés de alface mais outras hortaliças típicas das salada aqui: rúcula, acelga, chicória e diversos tipos de alface. Frutas também há muitas, normalmente nas casas com jardim, você encontra cerejeiras, pereiras, macieiras, damasqueiros e as frutas vermelhas: framboesa, amora preta, groselha e mirtilo. Dá pra viver só do canteiro da vovó!

 

Marta

Eslovenos apreciam carne, mas comem pouco. A carne aqui, como em toda a Europa, é cara. O churrasco aqui é muito popular na primavera e no verão, mas esqueça a picanha, a costela e a maminha. Aqui não tem. O churrasco aqui é o famoso cevapcici, espetinho de carne de vaca ou misto com carne de porco, similar a ele também é a pleskavica, um espécie de bife de hambúrguer, feita da mesma forma do cevapcici. Costeletas de porco e asinhas de frango você encontra também.

No dia a dia, comem-se muitos legumes, verduras e feijões. Os pratos variam claro, de acordo com as estações, pratos mais pesados no inverno de -10 graus e mais leves num verão de 30 graus.

As surpresas

Eu gosto de feijão e gosto de salada, mas feijão na salada achei…exótico. Na primeira vez que vi aqueles feijõezinhos sobre a salada achei que, sem querer, a sogra os tinha derrubado ali… sem querer. Ainda bem que deixei-os lá, quietinhos, e não tirei…mas quase. Outra surpresa foram os “dumplings”, que são bolinhos de massa de batata com sal manteiga e ovos que depois são recheados com ameixas pretas e passados em farinha de rosca com açúcar. Massa de batata e açúcar também achei exótico.

Queijos românticos, presuntos e muito mais

Os “tapas” eslovenos, petiscos, a comidinha de bar, pra acompanhar a cerveja, na verdade mais o vinho que a cerveja é daquelas pra sentar e não levantar mais da mesa.

Tem queijos…muitos queijos, de todos os tipos. Os queijos têm uma longa tradição aqui. Primeiro foram produzidos nos alpes e, mais tarde, nos vales. As áreas de produção mais conhecidas são: Bovec, Tolmin, Bohinj e Velika Planina.

Flores? Anel de brilhantes? Que nada!

Aceita um Trnič?

Trnič é um queijo produzido na regiões de Velika, Mala e Gojska Planina nos alpes de Kamnik e Savinja e tem sua origem geográfica protegida (IGP). O queijo tipo Cottage é dado de presente, no outono, pelos pastores às suas amadas como símbolo de fidelidade ou promessa de casamento. Ele tem a forma de um seio e vem em pares, ambos com o mesmo desenho. Caso a moça aceite o queijo, aceita também o cortejo do pastor.

Voltemos à mesa de bar, de gostilna (cantina, tratoria, gasthaus), de casa mesmo.

Vamos começar os trabalhos com o Presunto Kraški , degustado com pedaços de queijo Tolminc devidamente mergulhados no azeite de oliva extra virgem da região de Istra. Respira. Experimenta agora o Belokrajnska Pogača (pãozinho de massa leve, tipo sírio, salpicado de sementes de cominho). Não preciso falar do vinho, né? Fica firme, que eslovenos quando sentam para comer e bater papo esquecem do tempo. Adoro. Tem mais: Tem o queijo Bovec, e muitos frios feitos de porco: kraški zasinek (frio feito com o ombro do porco), a kraška panceta (bacon), sebreliske zelodci, zgornjesavinski zelodec e pães, muitos pães de todas as farinhas de que você possa imaginar, mais azeitonas, e a kranjska klobasa (linguiça típica) Esquece a dieta, o colesterol e fica firme porque você tá na Eslovênia, e a essa hora você já deve estar dançando polka e gritando “juhuhu” com sotaque e tudo.

 

Variety of meat products and cheese

E os cogumelos? Tem também! E a grande curtição é sair com a família e as crianças pela floresta para colhê-los. Depois a vovó faz uma sopa de cogumelos de alucinar, no bom sentido é claro, ou uma das inúmeras receitas maravilhosas que incluem esta maravilha dos bosques.

Vamos adoçar um pouco o momento: a Eslovênia produz um mel que está entre os melhores do mundo e tem sua origem controlada (IGP). A apicultura é uma atividade agrícola tradicional aqui. Um dos famosos doces feito com ele é o pão de mel: drašgoški medeni kruh.

Entre os doces mais apreciados estão: a gibanica, torta da região de Prekmurje que leva, nozes, maçãs, queijo Cottage e sementes de papoula. Tem também a kremšnita (típica de Bled, uma espécie de mil folhas com creme de baunilha), a palačinke, que é nada mais nada menos que uma panqueca doce com ricota, mas muito mais elaborada que uma simples panqueca tá?  Tem a potica, que é um bolo de rolo tradicional que pode ser recheado de nozes, estragão (pehtran) e uva passa.

 

GIBANICA

Aqui por toda parte você encontra as “gostilnas”, que oferecem comida típica no estilo caseiro de excelente qualidade e por  bom preços . Se você desejar há também os restaurantes que oferecem menu internacional e alta gastronomia eslovena.No centro histórico pode experimentar a excelente cozinha do Grand Hotel Union ( http://www.union-hotels.eu/sl/union-hoteli/ ) por exemplo. Bem, faltou citar ainda muito mais desta excelente gastronomia: Os pratos feitos com frutos do mar, os peixes do mar Adriático, com sabor suave e delicioso, lulas  e muito mais, portanto poderia continuar, mas o texto precisa terminar. Você pode continuar imaginando que tá tudo certo… tem mais um monte de comida boa pra comer sim.

E se estiver pensando no depois… relaxe, pois ao terminar vão te chamar para subir um monte, montanha… melhor subir montanha que subir a taxa do colesterol em você depois de comer isso tudo.

Eslovenos não são bobos não, sabem muito de vida saudável.

Related posts

Mulheres que migram

Marta Berglez

Vinhos eslovenos

Marta Berglez

O Brasil na Eslovênia

Marta Berglez

Deixe um comentário

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.

Este site ou suas ferramentas de terceiros usam cookies Aceitar Consulte Mais Informação