BrasileirasPeloMundo.com
Entrevistas EUA

EUA – Entrevista com a chef Denise Browning

Conversei com a chef Denise Browning que mora nos EUA. Como chef, além de criar receitas, ela também ministrou aulas de culinária no Central Market Cooking School e foi convidada para representar o Brasil em um festival de culinária internacional, em San Antonio, Texas.

Empadinhas de Camarão (Shrimp Mini Pot Pies)Fale um pouco sobre você e sua trajetória.

Nasci e cresci no maravilhoso e cultural estado de Pernambuco, Brasil. Embora eu sempre tenha adorado comer bem e cozinhar, escolhi a advocacia como profissão a qual exerci, com sucesso, por vários anos antes de me casar com um médico americano e me mudar para o norte da Califórnia em 2002.

Na Califórnia, decidi me dedicar à minha outra paixão que é a gastronomia. Lá, tive a oportunidade de me formar no Le Cordon Bleu Culinary Arts e trabalhar em uma das melhores catering companies do Silicon Valley, Elegant Events. Um pouco antes de ter a minha primeira filha, saí da empresa para me dedicar à minha família.

Em fevereiro de 2012, já residindo em San Antonio, Texas, fundei meu blog From Brazil To You como uma maneira de educar o público americano sobre a culinária e cultura brasileiras. Deu tão certo, que hoje temos visitantes de 211 países. Tenho orgulho ao dizer que From Brazil To You é o blog de culinária brasileira em língua inglesa com maior número de visitantes e também presença em mídia social. Ele serviu também como uma janela para que marcas pudessem ver meu trabalho e me contratar para desenvolver receitas. Entre as marcas mais conhecidas para as quais trabalhei desenvolvendo receitas estão Arla Foods USA, Prosciutto di Parma, Rioja Wine from Spain, Safest Choice Eggs, Kikkoman e até o menu de um restaurante de Tapas Espanholas. Meu blog também é meu legado para as minhas duas filhas, Hannah e Chantal, nascidas aqui nos EUA. Através dele, poderão expandir seus conhecimentos sobre a culinária e outros aspectos culturais do Brasil, a segunda pátria delas.

Como é ser chef aqui?

Embora tenha sido educada acerca de vários tipos de cuisine, a culinária brasileira é mesmo a minha favorita e na qual optei em trabalhar. Por não ser popular nesse país, como a mexicana e a italiana, percebo que há menos oportunidades disponíveis. Assim sendo, tento criar minhas próprias oportunidades ensinando em aulas de culinárias, escrevendo para publicações americanas como Honest Cooking Magazine, Epicurious e The Latin Kitchen, e claro, educando o público através do meu blog. Também estou no processo de escrever meu primeiro livro de culinária.

O que te inspira na criação dos pratos e drinks?

Além do aspecto cultural e histórico de cada prato e drink, eu também me inspiro em contrastes de sabores, temperaturas e cores. Amo contrastes e como encontrar aquele ponto de equilíbrio, levo em consideração não somente o sabor mas também o aspecto visual. Afinal também comemos com os olhos, não é?

 

BrigadeirosComo é a aceitação da culinária brasileira entre os americanos?

Desde que fundei meu blog, eu percebi que para chegar até eles há que ser muito persistente. Há pessoas que adoram algo novo e há outras que preferem o que é familiar a elas. Os pratos da culinária brasileira exigem tempo para o preparo enquanto que aqui eles preferem preparar algo mais rápido. Por isso, em cada prato e drink, tento destacar um aspecto novo e outro que já é familiar, além de publicar de vez em quando algo simples e rápido.

Um dos meus pratos brasileiros mais populares é a costela de porco assada (Brazilian pork ribs), a qual eles associam ao BBQ (barbecue) e cuja preparação é simples. O forno fica com quase todo o trabalho! O outro é a nossa macarronada com requeijão, a qual chamei de Brazilian Mac and Cheese (prato comum para os americanos). O título desse último prato já foi suficiente para deixar muitos curiosos (o que há de diferente neste mac and cheese brasileiro?) e outras querendo saborear esse prato tão simples mas que pra eles é familiar e popular. Minha tarefa, às vezes, pode ser bastante árdua tentando encontrar pontes, definições apropriadas e títulos de efeito para chamar a atenção dos americanos e fazer com que queiram experimentar algo que nunca comeram antes. Uma excelente fotografia também tem um papel importante em tudo isso.

Sugestões para quem quer se tornar chef?

Para aqueles que pretendem se dedicar a esta profissão, aconselho a se desfazerem de qualquer noção pré-concebida através do cinema e da TV. Não há nada de glamuroso neste ramo. Este é um trabalho árduo, que exige muita dedicação, longas horas de trabalho e através do qual a maioria não ficará rica não. Para durar neste ramo, há realmente que amar cozinhar, ser persistente e estar disposto a aprender algo novo a cada dia.

Denise's cropped studio pictureDeixe uma mensagem às leitoras.

Convido todas vocês para visitarem o From Brazil To You. Embora o site seja escrito em inglês, a maioria das receitas estão em português e são confiáveis, apresentando as medidas corretas e também instruções detalhadas no preparo de cada prato. Essas são coisas que percebo faltar em muitas receitas escritas em português em livros e na internet e que , por sentir dificuldade em seguí-las, me esmero para dar ao meu público algo que possam fazer em casa e obter excelente resultado, mesmo que fazendo pela primeira vez. Minhas receitas são todas testadas e das quais me orgulho muito.

Obrigada por ler esta entrevista e pelo seu valioso tempo!

Related posts

Diferenças entre Estados Unidos e Holanda

Paula Dalcin Martins

A crise dos desabrigados em Portland

Lorena Nascimento

Entrevista com Cláudia Schmidek, designer de joias em Londres

Ann Moeller

9 comentários

Denise [email protected] Brazil To You Novembro 3, 2014 at 8:25 pm

Cleo: Obrigada pelo seu interesse no meu trabalho e pela entrevista. Desejo um sucesso cada vez maior a este site, ao qual visito sempre que posso. Está recheado de matérias interessantes e que também fazem parte do cotidiano de muitos brasileiros que vivem no exterior. Um abraço grande para todos vocês!

Resposta
Cleo Vassiliou Novembro 3, 2014 at 8:45 pm

Denise, eu que tenho que agradecê-la por ter aceito ser entrevistada para o blog. Obrigada também por estar engajada em mostrar aos americanos, além da nossa cultura, o lado gostoso do Brasil 😉

Mwah!

Resposta
Alex Polikowsky Novembro 3, 2014 at 8:54 pm

Eu dei muita sorte de achar o blog da Denise. Morando aqui nos Estados Unidos estava sempre procurando receitas e agora e o meu site favorito de receitas!
Nao existem receitas tao boas!

Resposta
Cleo Vassiliou Novembro 10, 2014 at 2:48 pm

Oi Alex, concord contigo. Temos mesmo muita sorte em termos a chef Denise morando nos EUA e ainda mais porque as receitas dela são uma delícia 😉

XOXO

Resposta
Denise [email protected] Brazil To You Novembro 4, 2014 at 1:53 am

Alex, querida, muitíssimo obrigada! Me sinto honrada e feliz com a suas palavras. XOXO

Resposta
sallybr Novembro 5, 2014 at 3:29 am

Adorei a entrevista, sou seguidora do blog da Denise ha’ muito tempo, e como brasileira tambem morando nos Estados Unidos ha’ tantos anos, e’ uma delicia ver uma conterranea fazendo tanto sucesso!

Resposta
Denise [email protected] Brazil To You Novembro 16, 2014 at 8:34 pm

Sally, querida, muito obrigada!!! Você também faz um excelente trabalho no seu blog. Está recheado de delícias.

Resposta
Cristina M.F.Matos Novembro 5, 2014 at 5:05 pm

Denise, Parabéns pela carreira de sucesso e pelo blog!
Estou morando há dois meses em Murphy – TX e estou adaptando a culinária brasileira com os produtos que encontro aqui.
O prato que gosto muito de fazer é talharine ao molho 4 queijos com costelinha de porco assada. Deve ser parecido com o que você mencionou na entrevista ( Brazilian porks ribs and Brazilian mac and cheese).

Abraço
Cristina Maria

Resposta
Denise [email protected] Brazil To You Novembro 16, 2014 at 8:37 pm

Obrigada, Cristina! Sim, os pratos que citei guardam uma certa similaridade com os que você mencionou.
Um abraço pra você… Espero que você se adapte rápido e aproveite bastante as coisas boas que Texas tem a oferecer.

Resposta

Deixe um comentário

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.

Este site ou suas ferramentas de terceiros usam cookies Aceitar Consulte Mais Informação