BrasileirasPeloMundo.com
EUA Texas Vistos & Cidadanias Pelo Mundo

Green Card através de visto de trabalho

Muitos dos nossos leitores têm dúvidas sobre o que de fato é o tão famosoGreen Card” (GC) e, principalmente, sobre como obtê-lo.

Gostaria de sublinhar que não sou advogada. Escreverei aqui sobre minha experiência pessoal, experiência de amigos e pesquisas que fiz nos sites competentes do governo americano.

Para começar, este  documento que se assemelha a um cartão de crédito e, apesar do nome, não é verde, concede ao imigrante o direito de viver e trabalhar legalmente nos Estados Unidos. O imigrante que é portador do GC pode sair e entrar no país sem problemas, pode trabalhar para qualquer empregador, entre outras coisas. A única restrição é não poder se ausentar dos EUA por mais de seis meses consecutivos sem a autorização do serviço de imigração americano, o USCIS.

Ser portador do green card não é ser cidadão americano, você será um residente permanente. Para exemplificar essa diferença em relação aos direitos: o portador do GC não tem o direito de votar. Entretanto, a cidadania pode ser requerida após 5 anos de posse do mesmo.

A validade do green card será de acordo com a categoria em que ele foi obtido. Pode ser de 2 até 10 anos, podendo ser renovado.

fullsizerender
Foto: arquivo pessoal

Sem entrar em muitos detalhes sobre todas as possibilidades para se obter o GC, comentarei a respeito de algumas aqui:

  • Loteria

Esta forma talvez não seja muito conhecida pelos brasileiros, uma vez que o Brasil foi retirado da lista há alguns anos devido ao grande número de imigrantes brasileiros que já vivem por aqui. Porém, se você possui dupla cidadania, pode conferir no site do governo americano se o seu país se qualifica. Eu conheço  três famílias que foram sorteadas nessa loteria, cada membro faz uma inscrição e, sendo contemplado, toda a família se beneficia.

Como o nome mesmo já diz, é uma loteria, um sorteio randômico, você precisará de sorte. Para concorrer à loteria do GC, visite esse site.

  • Investimentos

Através do Programa EB-5, o empreendedor tem que fazer um investimento em um empreendimento comercial nos Estados Unidos e planejar a criação e preservação de empregos. O processo de qualificação do programa EB-5 é complexo e é recomendável que você obtenha ajuda de pessoas especializadas, como um advogado, para fornecer todas as informações necessárias e respaldo jurídico.

  • Casamento

A pessoa que se casa com um cidadão ou cidadã americana tem o direito de obter o GC. Este processo é bem conhecido, infelizmente, por muitas histórias de casamentos arranjados, no qual o cidadão americano aceita se casar por dinheiro. O casamento arranjado para obter o green card é ilegal e pode gerar deportação se descoberto.

  • Patrocínio de parentes

O patrocínio precisa ser de um parente de primeiro grau: pais, filhos ou irmãos.

Se você é cidadão americano com mais de 21 anos e gostaria de solicitar o green card para os seus pais, o processo é bem tranquilo, levará o tempo apenas do processamento do pedido. O mesmo vale para filhos de cidadãos americanos até 21 anos e solteiros.

Os outros casos de: filhos casados, filhos com mais de 21 anos, ou irmãos, o processo pode levar mais tempo.

  • Patrocínio de Empregadores

Este processo começa com um visto de trabalho, os quais incluem :

H-1B – Este é o visto mais comum obtido por brasileiros.

L-1A Para transferências/expatriações dentro de uma empresa em posições de gerência ou de executivos. É importante que haja outros funcionários que respondam a você.

L-1B – Para transferências/expatriações dentro de uma empresa em posições de conhecimento especializado, não é necessário gerenciar nenhum funcionário.

Existem outros tipos de visto, mas esses são os mais comuns e os casos de maiores sucessos de solicitação do green card. Futuramente explicarei mais sobre vistos de trabalho em um outro post.

E como funciona?

Para o empregador solicitar o seu green card precisa provar que não há outros funcionários americanos com a mesma qualificação que a sua. Isso não é uma tarefa difícil, especialmente em áreas de informática, engenharia e ciências médicas; áreas em que um grande número de brasileiros obtêm o green card.

O meu processo levou em torno de 4 meses e meio entre o primeiro envio de documentos até receber o cartão em casa. Confesso que fiquei surpresa com a agilidade do processo. Na verdade, o advogado comentou que o processo poderia levar de 5 meses a 1 ano.

E o que precisamos providenciar?

  1. Procuração para o advogado
  2. O documento I-485, que seria uma adequação do nosso estado imigratório.
  3. O documento I-765, para autorização de trabalho.
  4. O documento I-131 – esse é opcional, pois é uma autorização de viagem durante o processo, mas julgamos importante, porque teríamos a chance de sair do país a qualquer momento, sem nenhum impedimento.
  5. O documento G-325A – que é a solicitação do exame biométrico.

Isso foi apenas a nossa parte, a empresa também precisou assinar e providenciar vários documentos. Depois de reunidos, o advogado pode dar início ao processo propriamente dito. Vale lembrar que não preenchemos nada, só precisamos assinar, pois tudo veio feito pelo escritório contratado para minimizar a chance de erros.

Precisamos também fazer uma visita a um médico cadastrado pela imigração para um atestado geral de boa saúde e também para a atualização das vacinas.

E os passos seguintes, quais seriam?

  1. Aviso de recebimento do seu processo – você recebe em torno de 4 semanas. Nele vem o número de rastreamento do seu processo. Um e-mail também é enviado.
  2. Exame biométrico – você recebe entre 4 semanas a 2 meses após a submissão dos documentos. Esse exame vem com hora e data marcada para o comparecimento e fomos aconselhados a não reagendá-lo, pois isso poderia atrasar o processo.
  3. Advance Parole (AP) e a aprovação da autorização de trabalho (EAD) – você receberá em torno de 4 a 5 meses,  pelo correio.
  4. Green card propriamente dito – o prazo também varia, mas em torno de algumas semanas após o Advance Parole. No meu caso os dois chegaram juntos.

Após ler esse texto até aqui, você pode me perguntar: e se a empresa não quiser/puder solicitar o meu green card, tenho alguma chance?

O que muitos não sabem é que é totalmente possível você obter o seu green card sem a empresa solicitar, porém é um processo caro e trabalhoso. Você gastará em torno de 10 mil dólares, pois são muitas taxas a serem pagas. E também só é possível ser o próprio patrocinador do GC o visto H-1B, L1-A ou com aptidões específicas que justifiquem o país desejar a sua permanência legal. Como você não terá a empresa patrocinando, precisará comprovar através de cartas de recomendação, histórico detalhado, experiência profissional e outros documentos, a sua qualificação e necessidade para o país da sua permanência, além de todos os documentos acima mencionados preenchidos. Pode parecer fácil, mas todo o cuidado na preparação dessa documentação é essencial para o sucesso no requerimento. A contratação de um advogado é indispensável.

Ainda restou alguma dúvida? Deixe seu comentário e eu posso tentar te ajudar.

See you soon!!!!

Leia – Lista de vistos para morar nos Estados Unidos!

Related posts

Como solicitar a carteira de identidade finlandesa

Lili Simmelink

Ser imigrante me fez feminista

Gabriela Albuquerque

5 atrações grátis em Nova Iorque, neste inverno

Debora L. Juneck

33 comentários

Barbara Maio 15, 2017 at 2:33 pm

Olá!
Texto bastante informativo! Qual é o tempo mínimo trabalhando no H1-B para o empregador poder entrar com a papelada do GC?
Obrigada!

Resposta
Renata Salas Collazo Maio 16, 2017 at 4:57 pm

Olá Barbara,
esses processos podem ocorrer simultanemante, porém muitas empresas esperam pelo menos o primeiro ano para fazer a solicitação. Dependendo da áerea em que o H-1 foi solicitado é possível também você mesma entrar com o processo do Green Card. A desvantagem? Desembolsar quase 10 mil dólares? A vantagem? Não depender de nenhum emrpegador.
Obrigada por acompanhar o BPM

Resposta
nilton Julho 11, 2017 at 12:16 am

ola, tenho um grande duvida, nao tenho visto pois estou em processo de asylum, (sem comentario pois sem a possibilidade de ganhar rss)
tem como eu dar entrada pedindo o permite de trabalho em alguma empresa pois seria um processo totalmente diferente do asylum.

Resposta
Renata Salas Collazo Julho 15, 2017 at 4:58 pm

Nilton,
Obrigada pro acompanhar o BPM. Não conheço muito as leis de imigração, não sei afirmar quais são as suas chances, mas se você conseguir um emprego em uma empresa que queria patrocionar o seu visto, você certamente terá mais chences de gannhar o Green Card.

Resposta
Nilmara Chumacero Julho 28, 2017 at 1:04 am

Você pode informar a empresa de advogados que te auxiliou no processo?

Resposta
Renata Salas Collazo Julho 28, 2017 at 3:51 pm

Olá Nilmara,
Obrigada por acompanhar o BPM. A empresa que eu usei foi a Fragomen, eles tem escritórios por várias cidades nos Estados Unidos, além de dois no Brasil: Rio e SP e outros espalhados pelo mundo. Segue o site Boa sorte

Resposta
Leo N Agosto 20, 2017 at 12:10 am

Olá,

atualmente moro nos EUA mas estou aqui como estudante (F1 Visa) E, caso eu consiga uma empresa que me contrate, você sabe me dizer como eu deveria proceder? A empresa aplica primeiro enquanto eu aguardo?

Resposta
Renata Salas Collazo Agosto 20, 2017 at 1:41 pm

Ola Leo,

Voce tendo visto de estudante pode sim encontrar alguma empresa que patrocine o seu visto. Recomendo porem que voce consulte um advogado ou ate mesmo o setor juridico da empresa para saber como proceder, afinal cada caso e um caso. O que posso dizer entretanto, e que voce precisa estar durante todo o periodo ate a saida do novo visto em situacao legal no pais. Espero ter ajudado. Boa sorte e obrigada por acompanhar o BPM

Resposta
Larissa Junho 2, 2018 at 3:31 am

A no caso se a pessoa estiver inlegal ela não tem direito .?

Resposta
Bianca Agosto 23, 2017 at 7:10 pm

Oi, achei bem informativo seu texto! Gostei muito! Iniciei o processo do GC com a empresa que trabalho aqui nos EUA, e estou com um visto J no momento que irá vencer em fevereiro. Estamos achando q terei q finalizar o processo no Brasil, uma vez q qndo meu visto vencer terei q deixar o pais. Queria saber quando foi q vc fez o seu processo? Esse ano? porque pareceu bem rápido e com a mudança da administração governamental americana, os processo de imigração mudaram bastante.

Resposta
Renata Salas Collazo Agosto 25, 2017 at 2:23 am

Olá Bianca,
Meu processo foi feito ano passado em Janeiro e foi a partir do visto L. O visto J e um caso bem particular, alguns exigem a permanência de 2 anos no Brasil outros não. Só mesmo um advogado pode dar maiores detalhes do seu processo e informar se você precisa deixar ou país ou se pode permanecer até a aprovação total do green card. Boa sorte e se precisar, estamos aqui para trocar informaçào. Obrigada por acompanhar o BPM e boa sorte.

Resposta
Paulo Silva Setembro 20, 2017 at 1:45 pm

Não tenho nenhuma maneira de provar que sou o único qualificado para fazer o trabalho que quero. Mas a minha experiência profissional faz meu empregador querer aplicar me para um trabalho essencial e que ele não encontra ninguém confiável e com a experiência que tenho. Você acredita ser possível eu conseguir o visto de trabalho e futuramente o green card através do meu empregador? Meu empregador já deu green card antes para empregados que ele tem hoje e que não tinham qualificacao especifica que os diferenciam de um americano Qualquer, mas isso foi há longos anos atras.

Resposta
Renata Salas Collazo Setembro 27, 2017 at 3:45 pm

Paulo,
Se o seu empregador está disposto a patrocinar o seu visto, as suas chances são enormes de conseguir o visto. O que pode definir a aprovação ou não será como a posição será descrita para publicação. Boa sorte

Resposta
Karina Botelho Outubro 17, 2017 at 3:13 pm

Olá Renata,
Meu esposo tem o visto L1B e queria saber se termos que esperar completar um ano aqui nos EUA para fazer a aplicação do green card .E se tem outra forma de obter o green card através desse visto L1B . E se podermos resolver todo processo aqui sem precisar ir ao Brasil.

Resposta
Renata Salas Collazo Outubro 18, 2017 at 3:36 am

Karina,

Não sei ao certo as condições do visto L1B. Tínhamos o L1A e fizemos a nossa solicitaçào do Green card com apenas 3 meses, mas tínhamos o patrocínio da empresa. O processo sim, pode ser resolvido todos nos EUA, porém durante o processo recomenda-se não sair do pais, a não ser que se tenha autorização para tal, mas observo muitos imigrantes mesmo com a documentação necessária não se ausentando por mede de alguma mudança repentina na lei. Aconselho você a procurar um escritório de advocacia especializado em imigração. Só eles estão a par de todas as mudanças que já ocorreram. Boa sorte e obrigada por acompanhar o BPM.

Resposta
Gisele Outubro 26, 2017 at 12:57 pm

Ola Barbara. Muito explicativo o seu texto. Além dos documentos que vc mencionou, eles pedem quais documentos pessoais do L1 e L2? Ja demos a entrada no documento mais ainda estamos esperando a solicitacao dos documentos. Gostaria de ja me preparar para caso precise de algum doc que esta no Brasil. Obrigada.

Resposta
Renata Salas Collazo Outubro 30, 2017 at 4:07 pm

Gisele,
Os documentos anexados para o visto L geralmente são os mesmos para o GC. Recomendo a consulta com um advogado para verificar alguma outra exigência, afinal, esse texto foi publicado antes de algumas mudanças feitas nas leis imigratórias. Obrigada por acompanhar o BPM.

Resposta
Maikel Novembro 8, 2017 at 3:19 am

Muito bom mesmo o texto, estou a um ano trabalhando em uma empresa aqui nos estados unidos, e agora deram entrada no gc, mas disseram que o tempo de espera para pegar o gc é de aproximadamente 2 anos, é isso mesmo?

Resposta
Renata Salas Collazo Novembro 8, 2017 at 4:15 am

Olá Maikel,
Obrigada por ler e comentar aqui no BPM. O tempo de espera varia muito de um ano para o outro, dependendo também do estado em que seu processo foi iniciado, número de pessoas com o mesmo pedido. Além disso tudo, muitas mudanças ocorreram nas leis imigratórios após a posse do atual presidente Trump. De qualquer forma, acredito que esse dois anos seja o tempo máximo, podendo sair antes. Vamos torcer!!! Boa sorte

Resposta
Renato Março 1, 2018 at 8:46 pm

Muito bom o texto, estou iniciando o processo para retirada de visto L1 pela empresa para trabalhar inicialmente num projeto nos próximos meses nos EUA. A empresa responsável pelo processo inclusive é a Fragomen que você citou. Não sei se o visto será L1-A ou L1-B, mas acredito que seja o B.
Uma vez que o visto sair, eu poderia solicitar o green card? Teria que solicitar pela própria empresa né?

Resposta
Renata Salas Collazo Março 4, 2018 at 4:42 pm

Renato,
O melhor mesmo seria a empresa ser o seu patrocionador. Sendo o visto L1-B é um pouco mais difícil você fazer a solicitação, mas não é impossível.Pergunte ao responsável pelo seu processo, pois ele já pode começar a ajudá-lo com a documentação necessária. O L1-A com certeza você pode iniciar o processo sozinho, mas é um processo que custa em torno de 10 mil dólares. Obrigada por acompanhar o BPM e deixar o seu comentário.

Resposta
Angelina Aguiar Março 28, 2018 at 6:00 pm

Boa tarde! Você poderia me informar se minha irmã ela tem a cidadania americana a quase 30 anos se ela pode pedir o Green card Para EU trabalhar nos Estados Unidos eu estou aqui quase um ano.

Resposta
Renata Salas Collazo Março 29, 2018 at 1:44 pm

Olá Angelina,
Sim é possível sua irmã solicitar o Green card para você. Maiores informações no site do USCIS. É só clicar no link que já está na página com as infos. Obrigada por acompanhar o BPM.

Resposta
Hederson D Abril 1, 2018 at 10:06 pm

Sou F-1, dei entrada no GC por EB-1. Recebi o Advance Parole mas na carta diz que não é uma permissão de trabalho. Ele já me possibilita sair da escola que mantém meu F-1? O que mais o Advance Parole me concede?

Resposta
Renata Salas Collazo Abril 3, 2018 at 11:13 pm

Hederson,
Para uma informação mais precisa sugiro que você consulte o advogado que está fazendo o seu processo ou a página do USCIS que mantém todas as informações atulaizadas. A princípio o ADVANCE PAROLE é apenas uma autorização para você poder viajar e retornar sem a necessidade de visto. Alguns cartões possuem as dois benefícios: a autorização de trabalho e também a possibilidade de viajar. Obrigada por acompanahr o BPM

Resposta
Tessy da Costa Ferreira Pinheiro Abril 21, 2018 at 6:49 pm

Gostei mto do seu texto…
Mas uma pergunta

Trabalho não Disney Cruise Line desde março de 2016, ou seja, tenho dois anos de empresa americana.
Posso requerer o Green Card?

Obrigadaaaa

Resposta
Renata Salas Collazo Abril 23, 2018 at 1:45 pm

Olá Tessy,
Para fazer o requerimento do Green card, a primeira coisa que você deve observar é se seu visto permite essa mudança. A segunda providência é saber se a sua empresa ajudará de alguma forma. A terceira providência recomendo que você busque um advogada de imigração de confiança. Infelizmente algumas categorias de trabalhadores, depois da política do novo presidente, não são mais consideradas aptas para o pedido da residência permamente. Só mesmo alguëm da área poderá sanar todas as suas dúvidas. Boa sorte.

Resposta
Van Maio 4, 2018 at 5:03 am

Olá! Você sabe dizer se quando uma empresa solicita o GC de um funcionário, a família está incluída no processo?

Resposta
Milena Kharina Maio 19, 2018 at 8:37 pm

Olá, gostaria de mais informações.
Poderia entrar em contato comigo.
4199526-2813

Resposta
Renata Salas Collazo Maio 22, 2018 at 2:22 pm

Milena,
Como disse no texto é um relato pessoal, não sou advogada e não estou apta e devidamente autorizada a fazer consultorias nessa área. Aconselho a busca de um advogado de imigração para tirar as suas dúvidas. Obrigada por acompnahar o BPM. Boa sorte.

Resposta
Gilmar Junho 25, 2018 at 2:32 pm

Ola MEU VISTO É B1/B2 JA MORANDO A 2 MESES SERA QUE POSSO CONSEGUIR O GC DE TRABALHO?

Resposta
Ursula Janeiro 23, 2019 at 7:39 am

Você sabe algo sobre o visto EB3 ? Uma empresa deu entrada no processo para meu marido e o advogado disse que não falaria em prazos , fico ansiosa demais por não ter referências

Resposta
Liliane Oliveira Janeiro 24, 2019 at 2:56 am

Olá Ursula,
A Renata Salas Collazo, infelizmente parou de colaborar conosco.
Obrigada,
Edição BPM

Resposta

Deixe um comentário

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.

Este site ou suas ferramentas de terceiros usam cookies Aceitar Consulte Mais Informação