BrasileirasPeloMundo.com
Casamento Pelo Mundo Finlândia

Meu casamento na Finlândia

Meu casamento na Finlândia.

Casamento na Finlândia normalmente ocorre entre junho e agosto. É verão, o clima é mais agradável e mais propício a festejar. Mas será que custa muito caro?

Sua festa de casamento aqui pode ser da maneira como você quiser. Já fui a festas em que depois da igreja ou cartório os noivos reservaram espaço em algum restaurante ou boate para os amigos e cada um pagou o seu, já fui a festas em lugares chiques e pomposos, mas que passei fome e sede, mas, no normal, os casamentos são simples no que diz respeito a decorações e temas, não se investe em serviços de cerimônias, faz-se muito sozinho e os amigos ajudam durante a festa. Eles tendem a ser mais íntimos, sem muito glamour ou formalidades, exatamente como são os finlandeses. Adoro!

A desglamourização do casamento

Quando falo em desglamourização, não falo de uma maneira pejorativa, pelo contrário, falo sobre um evento que não tem sua importância marcada pelo preço da festa e nem do vestido da noiva, mas pela união do casal.

Aqui é normal que os jovens saiam de casa muito cedo, entre os 16 e os 18 anos, para estudar. É comum que namoradinhos que vão estudar na mesma cidade comecem a dividir moradia cedo assim. Comum também é que ao iniciar um relacionamento, depois de alguns meses, comece-se a morar junto. Morar junto com um parceiro na Finlândia não é visto como casamento, pelo contrário, é algo bem corriqueiro e pode acontecer várias vezes na vida das pessoas, sem julgamentos ou peso social algum.

Leia também: Visto de residência por matrimônio na Finlândia

Por isso é comum que, ao casar, as pessoas já tenham suas casas montadas.  Eu já vivia com meu marido há 3 anos e meio quando nos casamos.

Isso também tira o peso do presente. No Brasil conheço pessoas que deixaram de ir a festas de casamento por não terem dinheiro para alugar a roupa ou para comprar um presente caro. Acho isso triste, sinceramente. Aqui é muito comum que como presente dê-se uma quantia em dinheiro e esta não precisa ser alta. 30€ por pessoa é um valor bem comum.

O vestido de noiva

Eu optei por uma festa simples. Não gastei muito, nem mesmo com o meu vestido, pois queria algo sem firulas, que achei nesta loja virtual por apenas 100 dólares e fiquei muito satisfeita. Antes de me decidir por comprar online, fui a várias lojas de noivas, mas não achei nada confortável como eu queria e tudo era pelo menos 5 X mais caro.

Os convites de casamento

Fiz os convites também numa loja virtural. Adorei a experiência, pois me permitiu personalizá-los e o preço final foi muito barato. Enviei-os 1 ano antes para que meus convidados do Brasil pudessem se planejar e também os finlandeses, pois julho é período de férias e muitas pessoas saem do país.

Leia também: Tudo que você precisa saber para morar na Finlândia

O aluguel do espaço

Esta é a parte que precisamos ter cuidado, pois quando aluga-se um lugar mais pomposo, o preço normalmente só inclui o aluguel do espaço mesmo. Nadinha de decoração ou serviço. Por isso, pesquisar e pensar no que é mais importante para você, a beleza do lugar ou o que você oferecerá a seus convidados, é muito importante se o orçamento tiver limites.

Uma dica

Foto: Nathan Thrall, arquivo pessoal.

Todas as cidades possuem uma seurakuntatalo (pertencente a congregação) ou uma seuratalo (pertencente a alguma associação, normalmente de moradores), que são casas voltadas para a realização de eventos. Os aluguéis destes espaços costumam ser baratos e eles possuem cozinhas completas, louças, mesas, cadeiras, tudo o que você precisa. No meu caso, o uso do espaço foi gratuito porque minha sogra é membro da associação de moradores. Pagamos apenas 100€ para duas senhoras ficarem na festa para limpar algo caso precisasse, trocar o papel higiênico nos banheiros e mantê-los limpos, recolher os pratos, coisas assim.

O local tinha tudo, até mesmo as toalhas de mesa brancas. Recomendo que procure por um local destes, mesmo que seja no interior. As pessoas curtiram bastante a ideia de fazerem uma viagem para irem ao casamento. O local ficava a 1 hora de Helsinque e tinha uma pousadinha próxima. No final você só precisa devolver o local 100% limpo e pode optar em como fazê-lo.

Buffet e bebidas

Contratei um serviço de brasileiros que foi muito em conta, principalmente se comparado a todos os outros buffets que vi. Teve comida a vontade e os finlandeses adoraram. Servimos feijoada normal e vegetariana e bobó de camarão. Além disso havia 3 tipos de saladas, salgadinhos e mini-churros para a hora do café.

A sobremesa foi o bolo, que foi feito pela sogra de uma amiga minha! Não quis bolo de noiva cheio de enfeites e com mil andares. E ficou lindo (decorado com chantily e morangos) e gostoso, o que importa!

Bebida alcoólica na Finlândia custa muito caro, muito mesmo. Comprar as bebidas aqui ou contratar um buffet que as inclua é caríssimo, não recomendo. As pessoas normalmente compram aos poucos, ao longo de um ano, e viajam para a Estônia ou para a Letônia para comprar. É muito mais barato.

Casamento no civil

O casamento no civil é gratuito na Finlândia, paga-se apenas uma taxa referente a documentação e investigação de impedimentos, que custa muito pouco. Não encontrei o valor exato no site, mas me lembro que paguei menos de 10€. Leia mais sobre os procedimentos para se casar na Finlândia aqui.

A cerimônia civil dura 15/30 minutos e é realizada em uma sala bonita onde seus convidados podem participar. Muitas pessoas não se casam na igreja, somente no cartório, por isso você pode ter convidados, usar vestido de noiva e ter música se quiser. Há limite para o número de pessoas de acordo com o local.

Casamento na igreja

Para se casar na igreja pelo menos um dos noivos deve pertencer a uma congregação, o que significa que deve pagar um imposto de mais ou menos 1,25% de sua renda. Este imposto pode ser pago mensalmente, pelo desconto direto no contra-cheque, ou anualmente, pelo imposto de renda. Somente um membro da família precisa pertencer. Como meu marido paga o imposto, toda a cerimônia, inclusive a organista, foram um direito nosso.  Também pudemos optar pelo tempo de duração, que podia ser uma missa completa ou uma bênção de 15 minutos. Optamos por esta última alternativa.

Decoração e tema

Para mim não foi importante investir muito em decoração e tema para a festa. Usei toalhas brancas nas mesas e contratei uma florista para fazer arranjos centrais e o meu buquet.

O local da festa era grande e tinha um geladeira de frigorífico, onde deixei todas as bebidas e as pessoas podiam elas mesmas buscarem o que queriam tomar. Não contratei garçons. As duas senhoras que mencionei mais acima cuidaram de tudo muito bem.

Meu irmão é DJ e cuidou da música, os convidados também puderam ser DJs e criar playlists para a festa, que foi muito animada.

No total, gastei 6 mil euros, que para uma festa para 100 pessoas, é considerado bem barato na Finlândia. Importante mencionar que este dinheiro aqui não representa o mesmo montante que representa para um brasileiro se convertermos o euro. Considerando a época, posso dizer que 6 mil euros correspondem ao que 6 mil reais representam no seu bolso. Até mesmo para os padrões brasileiros, foi bem em conta.

E para mim, toda essa coisa do faça você mesmo fez com que o momento fosse muito mais real. Todo mundo participou e ajudou de alguma forma, o ambiente foi alegre e sem tensão, sem formalidades, da forma como eu gosto.

Acho muito legal que aqui você possa realizar o seu casamento como quiser, sem se preocupar em ostentar, pois as pessoas querem mesmo é se divertir, comer e beber. E tem algo melhor do que fazer isso sem cerimônia? Para mim não…

Related posts

Finlândia – Um Passeio em Porvoo

Lili Simmelink

Casamento e poligamia na República do Congo

Jacira Ferreira Normand

Casamentos e tradições na Indonésia

Mariana Neder Petrini

1 comentário

Lilian Hostyn Riippa Julho 31, 2018 at 10:57 pm

Amei o texto, bem escrito curto objetivo, enfim, ótimo como tudo que Maila-Kaarina escreve.

Resposta

Deixe um comentário

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.

Este site ou suas ferramentas de terceiros usam cookies Aceitar Consulte Mais Informação