BrasileirasPeloMundo.com
Polônia

Uma vida tranquila em Sandomierz na Polônia

Quando saí do Brasil, não tinha ainda um endereço certo aqui na Polônia, mas como a maioria das pessoas, eu tinha em mente as cidades de Varsóvia e Cracóvia por motivos óbvios como facilidade para encontrar emprego, estudar e etc. Porém, a vida é uma caixinha de surpresas, e cá estou eu vivendo em Sandomierz, que até um certo tempo atrás era uma cidade desconhecida para mim.

Um pequeno resumo de sua história

 Sandomierz não é nem de longe a cidade mais badalada da Polônia, mas nem por isso deixa de ser linda e cheia de histórias. Com pouco mais de 25 mil habitantes, está localizada no sul da Polônia, na província de Swietokrzyskie e é uma das mais antigas do país, a cidade surgiu na Idade Média, devido a sua ótima localização no encontro dos rios Vistula e San e também pelo fato de ser trajeto de importantes rotas de comércio. Durante o século XII, Sandomierz sofreu saques e devastações com as invasões mongóis, que destruíram os antigos prédios. Em 1286 a cidade foi refundada por Leszek Czarny e sofreu sérios danos novamente durante a Primeira Guerra Mundial.
Hoje a cidade é considerada um museu histórico e arquitetônico ao ar livre com seus mais de 120 edifícios antigos, e a beleza da arquitetura do local juntamente com a bela paisagem, fazem da cidade uma atração turística que vale muito a pena conhecer.
DSC01345
Foto: Valéria Oliveira Szewczyk
Por que gosto de Sandomierz?

Tranquilidade: Umas das coisas que mais me deixa feliz em viver aqui é a tranquilidade desse lugar, quando digo tranquilidade quero dizer não só da calmaria  (que por sinal é muito boa, o “barulho” que mais escuto por aqui é o canto dos pássaros), mas também a organização do transporte público eficiente que não me deixa no ponto esperando por horas, a falta de trânsito caótico que  me permite sair de casa sem acrescentar mais tempo no trajeto, e a segurança de sair na rua sem medo da violência.

Paisagem: Outra coisa que me chamou muito a atenção foi a paisagem, como já mencionei anteriormente, a beleza natural daqui também é encantadora. Me lembro bem de ver a cidade totalmente “sem cor”, as árvores totalmente sem vida por conta do frio e tudo branco coberto pela neve, que mesmo assim é muito bonito, porém agora com a chegada da primavera, a cidade está ainda mais bonita, e enfeitada cheia de árvores com flores de cores variadas. E não só isso, para completar, tem a presença dos animais que andam livremente como se não houvessem pessoas por perto. Já me deparei com dois patos passeando em frente a minha casa, vira e mexe encontro com esquilos no caminho para o trabalho, e encontrei um lagarto pegando sol no meu jardim.

Custo de vida: Além de beleza e da tranquilidade que Sandomierz oferece, posso citar como vantagem também o custo de vida que aqui é bem menor se comparado com outras cidades.

Localização: Sandomierz é bem localizada pois está a 2 horas de Cracóvia e 1h30 de Rzeszów, sendo assim, quando é preciso comprar algo que  não encontro por aqui, ou até mesmo ir ao médico (algum especialista), não tenho problema algum.

Pessoas receptivas: Eu fui muito bem recebida pelos meu vizinhos, mesmo não falando polonês e tendo uma enorme dificuldade de comunicação, eles sempre querem conversar comigo, saber de onde sou, e os que já sabem sempre me perguntam sobre o Brasil e como me sinto por aqui. Claro que na maioria das vezes as conversas são curtas porque meu nível de polonês é muito básico, e isso tem sido minha maior  dificuldade até agora, pois  algumas pessoas que trabalham nos mercados, no posto de saúde e a maioria dos motoristas de ônibus não falam inglês, e na cidade não tem escola de idioma para estrangeiros para me ajudar. Por outro lado,  também não faça muito sentido ter, porque talvez eu seja a única estrangeira nas redondezas. Mesmo assim, tenho conseguido me virar , nada que muita mímica e o dedo-que-tudo-aponta não me ajude no dia a dia. O fato da cidade ser pequena, faz com que eu já esteja bem conhecida, então as pessoas sempre tentam me ajudar de alguma forma, seja me ensinando uma palavra nova ou anotando o valor que eu preciso pagar (isso acontece nas lojinhas que não têm monitor).

IMGP8279
Foto: Valéria Oliveira Szewczyk

Quais as desvantagens de morar em Sandomierz?

Como nem tudo são flores, Sandomierz também tem suas desvantagens, como por exemplo, a falta de oportunidade de emprego que obriga muitos jovens (e não só eles) a deixarem a cidade em busca de uma melhor oferta de trabalho em cidades maiores (ou indo para outros países,por exemplo, Inglaterra e Alemanha), a cidade não tem um shopping center e/ou um grande centro comercial, existe apenas uma galeria com poucas lojas e um Carrefour e algumas lojinhas no centro da cidade, e fora alguns pontos turísticos, a cidade tem pouquíssimas opções para se divertir.

IMGP8233
Foto: Valéria Oliveira Szewczyk

Para quem busca uma vida tranquila, Sandomierz com certeza é um bom lugar. Muitas outras cidades pequenas da Polônia também são encantadoras e oferecem uma qualidade de vida incrível para qualquer pessoa. No começo, pensei que minha adaptação seria difícil, mas o tempo foi passando e agora posso dizer que encontrei meu lugar, eu gosto daqui, sou feliz e não penso em sair tão cedo, mesmo não tendo uma variedade de lojas, mercados e barzinhos,  tem tudo o que eu preciso, estou satisfeita.

 Finalizando, se  ficou curioso (a) e quer saber mais sobre a cidade de Sandomierz, clique aqui, você consegue alterar o idioma da página para o inglês, e ver um pouco mais sobre a história local, os pontos turísticos e entretenimento. E se por acaso você conhece Sandomierz, deixe o seu comentário dizendo o que mais gostou na cidade.
Abraço!
Até a próxima.

Related posts

Os duendes de Wroclaw

Danielle Smagasz

Conhecendo Wroclaw na Polônia

Vivian Oliveira

Dicas para fazer Mestrado em inglês na Polônia

Isadora Mendes

4 comentários

Stela Maris de Oliveira Rubinstein Junho 18, 2016 at 9:13 pm

Ótima reportagem! Obrigada pelas informações!

Resposta
Valéria Oliveira Szewczyk Junho 28, 2016 at 3:07 pm

Que bom que gostou, obrigada por me acompanhar no blog. Abraço!

Resposta
Renata Miriuk Junho 25, 2016 at 1:27 pm

Valéria tudo bom?

Tenho sonho de morar na Polônia, culpa das historias que a minha mãe contava sobre o meu avô polonês, mas eu gostaria de saber como é as pessoas? Existe algum tipo de preconceito com brasileiros/estrangeiros? Eu apenas com inglês e português conseguiria viver por um tempo até aprender polonês? E questão de emprego, você sabe se alguém sem ensino superior consegue algum emprego que de pra se sustentar?

Obrigada 🙂

Resposta
Valéria Oliveira Szewczyk Junho 28, 2016 at 3:05 pm

Olá Renata, tudo ótimo e você?
Obrigada por acompanhar o blog 🙂
Então, eles sempre recebem os brasileiros com festa, na maioria das vezes vão lembrar do carnaval, futebol e Rio de Janeiro rs, porém existe sim casos isolados de preconceito, principalmente com homens e que tenham traços parecidos com mulçumanos, porém é algo bem raro mesmo.
Em relação ao idioma, no meu dia-a-dia eu uso somente o inglês, e as vezes me arrisco no polonês por ainda estou aprendendo, porém se você morar em cidades grandes com certeza vai ser bem mais fácil para usar o inglês e encontrar uma escola de idiomas para aprender o polonês. Agora sobre emprego, não posso te afirmar que você vai conseguir porque isso depende de cada empresa, porém algumas vagas exigem apenas conhecimento em idiomas. Eu já escrevi sobre emprego aqui no blog, dá uma olhadinha, talvez te ajude.
Abraço!

Resposta

Deixe um comentário

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.

Este site ou suas ferramentas de terceiros usam cookies Aceitar Consulte Mais Informação