BrasileirasPeloMundo.com
Alemanha

Transporte público em Stuttgart

Quando me perguntam sobre as coisas que mais gosto na Alemanha as pessoas sempre se surpreendem em não ouvirem “cerveja” ou “linguiça” como resposta, mas sim, “transporte público”. Hoje vou falar sobre oTransporte público em Stuttgart, cidade onde moro.

Eu sou fã de carteirinha do sistema de transporte alemão, tanto dos trens quanto dos metrôs, ônibus e bicicletas. Apesar de ser famosa por suas marcas automotivas, a Alemanha é um país em que dá para se viver tranquilamente sem depender de automóveis. Mas se ainda assim você quiser se aventurar nas Autobahns para uma roadtrip, é possível alugar excelentes carros por ótimos preços nas diversas locadoras que têm por aqui. É isso que sempre faço e recomendo!

Para vocês entenderem melhor como o transporte público realmente funciona, vou contar um pouquinho da minha rotina e algumas curiosidades.

Eu moro no centro de Stuttgart e trabalho em Leinfelden, uma cidade vizinha. São 16 km de distância em um trecho que tem muito trânsito nos horários de rush. De carro, eu levaria uns 40 minutos para chegar no trabalho todos os dias. De trem, demoro menos de 30 e ainda vou tranquila lendo um livro, tirando uma soneca ou jogando Candy Crush! Não troco esse conforto por carro algum! Ok, talvez por um Porsche… 🙂

Na região de Stuttgart as empresas responsáveis pelo transporte público são a VVS Transit and Tariff Association e a Stuttgarter Strassenbahnen AG (SSB). A rede de transporte é muito completa e conta com diversas linhas de U-Bahn, que viaja distâncias mais curtas por toda a cidade, equivalente ao metrô; de S-Bahn, que equivale ao trem e é mais rápido que o U, percorrendo distâncias mais longas e interligando outros distritos; e as linhas de ônibus, que são extremamente pontuais e eficientes.

Para utilizar os transportes você precisa comprar um bilhete nas máquinas disponíveis nas estações (se for ônibus, a compra é feita diretamente com o motorista) e validá-lo logo em seguida. Uma curiosidade que impressiona todos os brasileiros é que aqui na Alemanha não existe catraca ou controle imediato dos bilhetes. Você compra, guarda no bolso e viaja sem problemas. Se o fiscal aparecer, você mostra. Se você estiver “viajando no escuro”, expressão utilizada para quem viaja ilegalmente sem o bilhete, pagará uma multa de 60 euros ou irá para a cadeia na terceira recorrência, fora a vergonha de ser pego! Portanto, compre o bilhete, viaje em paz e contribua com a cultura de um país em que não dá moleza para o tal do “jeitinho” e é por isso que tudo funciona muito bem!

S-Bahn por dentro
S-Bahn por dentro

Estou morando em Stuttgart há 8 meses e só encontrei fiscais 5 vezes. Alguns estavam uniformizados e de crachá; outras vezes, estavam à paisana. Esses são os melhores! Eles entram no trem parecendo passageiros comuns e só se identificam depois que o trem já saiu. Não tem escapatória! Uma vez, foi uma moça super novinha, toda “punk rocker”, de cabelo rosa e vários piercings que checou nossos bilhetes! Não existe estereótipo para fiscais, acho isso sensacional!

As tarifas dependem da quantidade de zonas e tipo de bilhete que você precisará usar. Eu moro no centro (zona 10) e trabalho em Leinfelden (zona 38). Para chegar na 38, só preciso cruzar a 10 e a 20. Então, pago 3 zonas! Para turistas em Stuttgart, 1 zona é mais do que suficiente. Você pode checar as estações no mapa de zonas, que está disponível no site da VVS e também em todas as estações.

VVS - Mapa de zonas tarifárias do transporte de Stuttgart
VVS – Mapa de zonas tarifárias do transporte de Stuttgart (clique na imagem para ampliá-la)

A tarifa individual para adultos em uma zona custa 2,30 euros atualmente. Para 3 zonas, 3,90 euros. Esse é o básico que você deve saber, mas existem várias opções de bilhetes especiais com preços variados. Abaixo, você pode conferir uma tabela com todos os preços de diversos bilhetes para 1 zona. Entre eles, preços especiais para crianças, bilhetes para 4 viagens, bilhetes anuais, mensais, para estudantes, idosos, empresas e por aí vai.

Captura de Tela 2015-09-15 às 22.09.57

Uma dica legal é o Kurzstrecken Ticket (Short Distance Ticket), uma tarifa reduzida a 1,20 euro para quem precisa andar até 3 estações em uma mesma linha. Vale muito a pena se você estiver na estação principal de Stuttgart, por exemplo, e quiser ir ao shopping Milaneo ou à famosa biblioteca de Stuttgart, que ficam na estação seguinte.

Como sou estagiária, tenho direito ao bilhete mensal para estudante. Quando cheguei em Stuttgart, fui à Hauptbahnhof (estação principal) e pedi para fazerem uma carteirinha de estudante para mim no escritório da VVS. Precisei apresentar apenas meu passaporte e meu contrato de estágio e me deram uma carteirinha gratuitamente, que ficou pronta na hora. Todo mês compro um novo “passe”. Para as 3 zonas que utilizo mensalmente, ele custa 76,70 euros e posso utilizar os trens e ônibus à vontade! Portanto, gasto em média 2,55 euros por dia com transporte em Stuttgart e posso explorar a cidade inteirinha.

Minha carteirinha com todas as minhas zonas de acesso
Minha carteirinha com todas as minhas zonas de acesso. Não reparem na foto espanta-mosquito! 😛

Uma das coisas que mais admiro na organização dos transportes daqui são os painéis luminosos nas estações que avisam em quanto tempo o próximo trem chegará. Assim, você não fica esperando à toa e nem fica em dúvida se está na plataforma certa ou não. Além disso, tudo é muito bem sinalizado e com acesso para cadeirantes, uma maravilha!

Se você quiser saber os horários dos trens antes de sair de casa para calcular quanto tempo precisa até o destino final, pode utilizar o site ou o magnífico e “user friendly” aplicativo para celular da VVS. Ele não só mostra a distância entre as estações como você pode colocar qualquer endereço e ele mostrará o melhor caminho, o melhor transporte, o preço com opção de comprar o ticket direto pelo celular e o tempo que demorará para chegar, inclusive os minutos caminhando. O aplicativo também informa quando os trens estão atrasados e se estão em greve – sim, existem greves na Alemanha com bastante frequência, geralmente e somente no S-Bahn, graças ao alto poder do sindicato dos maquinistas.

Origem - DestinoHoráriosQuando está laranja, é porque o trem está atrasado!

Portanto, todos os dias antes de sair de casa, a primeira coisa que faço é checar os horários dos trens da estação mais próxima de mim até Leinfelden, que é onde fica a Bosch. Geralmente, pego o U-Bahn na estação Schloss/Schwabstrasse até a Rotebuhplatz. Lá, troco para o S-Bahn em 2 minutinhos e vou até Leinfelden. Quando estou a fim de andar ou acordo mais cedo, ando 10 minutos até a estação de S-Bahn de Feuersee e de lá vou direto para Leinfelden. Na volta, geralmente pego o U-Bahn de Leinfelden e vou até o centro – Schlossplatz ou Hauptbahnhof – e já aproveito para ir ao mercado e passear um pouquinho. De lá, vou direto para casa.

Nos fins de semana, costumo passear muito de bicicleta. Ganhei uma de um amigo e é meu xodó. Moro perto de um parque e vou pedalando até lá, estico um lençol na grama para deitar e passo a tarde tomando sol, lendo um livro e tirando um cochilo. De vez em quando, levo uns snacks para fazer piquenique. A primeira vez que fiz isso foi quando senti que estava realmente imersa no estilo de vida europeu!

Carro pra quê?

Espero que tenham gostado! Vejo vocês no próximo post!

Related posts

Alemão Wessi ou Ossi?

Karina Finke

O aparato da saúde à disposição da gestante na Alemanha : Parte 2

Bárbara Zimmermann

Batizado na Alemanha

Karina Finke

10 comentários

Jéssica Martins Novembro 29, 2015 at 10:32 am

Vejo que to entendendo muito de Stuttgart quando leio todos esses nomes enormes em alemão e sei do que se trata… acho que é vc com teu Instagram hahahah. Um beijo Bia!

Resposta
Ingrid Miranda Abril 22, 2016 at 11:53 pm

Amei suas postagens!!São bem ricas! Espero um dia poder explorar tudo isso ai na Alemanha. Beijão ;*

Resposta
Beatriz Amorim Agosto 13, 2016 at 1:18 pm

Para passar o dia inteiro vale a pena comprar o passe individual que vale para o dia todo ao inves de ficar comprando passagem sempre que precisar embarcar? Se sim, este tipo de passe tem que ser validado tambem?

Resposta
Katia Dezembro 29, 2017 at 9:51 am

É possível fazer baldeação para o metrô na estação central de trem de Sttugart?

Resposta
Liliane Oliveira Dezembro 29, 2017 at 2:24 pm

Olá Katia,
A Beatriz Morgado parou de colaborar conosco, mas temos outras colunistas na Alemanha.
Você pode entrar em contato com elas deixando um comentário em um dos textos publicados mais recentemente no site.
Obrigada,
Edição BPM

Resposta
Ely Teixeira Pascoal Abril 7, 2018 at 1:03 pm

Amei suas informaçoes. Serao muito uteis visto que em julho e agosto estarei dando um passeio na cidade.
Sou de Ble-me-PA-Brasil e será minha primeira vez na Europa.

Resposta
Branca Novembro 15, 2018 at 2:17 pm

muito bom material. vc ta de Parabens!!

Resposta
Lenon Março 12, 2019 at 4:04 am

Olá, muito interessante a matéria. Estaremos chegando dia 25 em Stuttgart 23:08 vindo de Genebra de trem da DB. Preciso comprar novo bilhete para ir até a casa onde irei me hospedar? Qual tipo de bilhete vale para transporte público?

Resposta
Liliane Oliveira Março 12, 2019 at 1:55 pm

Olá Lenon,
A Beatriz Morgado parou de colaborar conosco, mas temos outras colunistas na Alemanha que talvez possam te ajudar.
Você pode entrar em contato com elas deixando um comentário em um dos textos publicados mais recentemente no site.
Obrigada,
Edição BPM

Resposta
Lenon Abril 4, 2019 at 11:44 pm

Obrigado. Já fui e já voltei hahaha. Estamos simplesmente apaixonados pela cidade. Compramos o Stuttgart card e não nos preocupamos com a questão da passagem. Realmente é tudo bem como ela relata, tudo perfeito!!! Fizemos uma trip pela Europa e de longe foi o melhor lugar que conhecemos! As pessoas são as mais queridas, todo mundo (tipo 85% kkkk) fala em inglês, todos são muito atenciosos e não se contém em dizer por onde, as vezes nos levam até onde se pode ver o caminho, mesmo quando as vezes estavam indo em sentido contrário. Tudo muito limpo, moderno e funcionando perfeitamente! Acesso aos cadeirante e carrinhos de bebê. (Viajamos com nossa bebê de 1 ano e 10 meses). Tínhamos recém chegado de Genebra (e pra quem sabe, lá é tudo muito caro)! Logo de manhã fui ao mercado em Degerloch, onde nos hospedamos, e a minha felicidade era aparentemente correndo pelos corredores do mercado comprando tudo do bom e do melhor com o preço mais justo possível! Hahahaha. Enfim… acho que já escrevi demais, deixo aqui meu testemunho de uma visita muito especial e que com certeza terá retorno a essa cidade que é a mais fofa do mundo!!! “We loved Stuttgart!”

Resposta

Deixe um comentário

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.

Este site ou suas ferramentas de terceiros usam cookies Aceitar Consulte Mais Informação