BrasileirasPeloMundo.com
Lituânia Transporte Público Pelo Mundo

Transporte público na Lituânia

Como vocês já devem saber a essa altura, a Lituânia é um país bem pequeno, quando comparado com a imensidão brasileira. A população do país é de pouco menos de 3 milhões de pessoas e Vilnius, a capital e cidade mais populosa, tem cerca de 540 mil habitantes.

Esse fato se reflete no transporte público do país, composto por ônibus e trólebus apenas, não sistema de metrô, trens ou bonde, como em outras cidades europeias.

A maioria dos ônibus é nova e é possível que a frota tenha sido renovada. Os veículos mais antigos são, sem dúvida, os trólebus, mas eles ainda funcionam e, apesar da idade, você nunca vê veículos quebrados pelas ruas.

Pontualidade e consulta de horários

Todo o sistema funciona de forma bem pontual, o que é excelente, já que com isso é possível se programar para sair de casa e do trabalho, e não perder o último ônibus (ou conseguir pegar o primeiro ônibus da manhã). Essa pontualidade também é ótima durante o inverno porque ficar esperando ônibus no frio de -10°C é bem complicado.

Para saber os horários é possível utilizar um aplicativo chamado Trafi. Disponível para sistemas Android e iOS, além de ter um site também, com esse aplicativo você consulta os horários dos ônibus, rotas, opções de rotas e pontos de ônibus. Cobre as cidades de Vilnius, Kaunas e Klaipeda. É bem fácil de utilizar e circular pela cidade com o transporte público fica bem mais acessível. Principalmente, se for necessário pegar mais de um ônibus para ir até o seu destino.

Outra forma para consultar os horários é através do site oficial das empresas. No caso de Vilnius esse é o vilniustransport.lt, para Kaunas esse é o site, e para Klaipeda é klaipedatransport.lt As consultas que podem ser feitas são as mesmas do Trafi.

Leia também: Como tirar visto para morar na Lituânia

Foto: © DELFI / Tomas Vinickas

Tarifas e como economizar dinheiro?

A tarifa básica do transporte na Lituânia é 1,00 euro. Você paga diretamente para o motorista, de preferência, com dinheiro trocado.

Mas é possível economizar com o cartão do transporte público da cidade. Basta colocar créditos conforme a sua necessidade. O cartão pode ser adquirido nas lojas chamadas “kiosk” ou “narvensen” e custa 1,50 euros. Esteja preparado, pois nem todos os funcionários vão falar inglês.

Em seguida, basta colocar o crédito que você preferir, veja as opções:

  • meia hora: € 0,65
  • 1 hora: € 0,90
  • 1 dia: € 5,00
  • 3 dias (72 horas): € 8,00
  • 5 dias (120 horas): € 12,00
  • 10 dias (240 horas): € 15,00
  • 30 dias: € 29,00
  • 90 dias: € 72,00
  • 120 dias: € 140,00
  • 365 dias: € 310,00

Portanto, se você precisar utilizar muitos transportes públicos durante um determinado período, é melhor verificar se alguns desses tickets não são mais vantajosos. Lembre-se de que é possível utilizar quando ônibus foram necessários, desde que o ticket esteja válido.

Utilizando o transporte público

Pode parecer exagero ter que explicar como utilizar o transporte público, mas quem já viajou para diversas cidades do mundo, sabe o quanto pode ser complicado e o quanto cada sistema é único.

Na Lituânia, não há necessidade de solicitar a parada do ônibus, tanto no ponto, quando dentro do ônibus. Os veículos param em todos os pontos do seu itinerário, havendo passageiros ou não. Com exceção das linhas expressas, que podem pular algumas paradas.

A entrada no ônibus é feita pela porta da trás. Em teoria, para pagar a passagem para o motorista, você deveria entrar pela porta da frente. Apesar disso, nem todos ficam felizes em ter que abrir a porta dianteira, e alguns realmente não abrem. Então é mais fácil entrar pelas portas traseiras e ir até o motorista.

Ao comprar o ticket de 1,00 euro é preciso validá-lo nos equipamentos apropriados. Eles irão imprimir no seu bilhete a data e a hora em que foi validado. Isso evita que você use o mesmo bilhete em outros ônibus.

A validação também serve para os cartões eletrônicos. Ao colocar o crédito (ou entrar no ônibus, depende do tipo de bilhete que você tem) é preciso validá-lo. Um exemplo para ficar mais fácil:

  • crédito de 1 hora: assim que entrar no ônibus, basta validar nas máquinas e você pode andar em quantos veículos quiser enquanto o bilhete estiver válido.
  • crédito de 3 dias: após colocar o crédito é preciso validar o bilhete somente na primeira vez que entrar no ônibus e o seu bilhete terá validade de 72 horas. Nesse período, você pode pegar quantos ônibus quiser e não precisa validar de novo. Apenas fique atento à validade.

Cuidado com a fiscalização!

Na Lituânia, ao entrar no transporte público, você é a pessoa responsável por validar o  cartão e por prestar atenção se ele estará válido durante todo o período da viagem. Mas para garantir que tudo saia conforme a lei, há fiscalizações pela cidade.

Os fiscais ficam em determinados pontos de ônibus e, quando o veículo pára, eles entram para verificar se todo mundo pagou a passagem. Eles checam todas as pessoas que estão descendo naquela parada, para ter certeza de que ninguém vai fugir. Em seguida, os demais passageiros.

Caso você não tenha pagado a passagem, será obrigado a descer do veículo e pagar uma multa que varia de 16 a 30 euros.

Portanto, é melhor ficar atento e pagar corretamente a passagem para evitar maiores problemas.

No geral, o transporte público lituano é bom, pois raramente atrasa e os veículos são limpos. É permitido, até mesmo, transportar bicicletas e animais em alguns veículos. Não há nada melhor do que um transporte público eficiente para se locomover pela cidade.

Related posts

Acessibilidade e transporte em Qingdao

Fernanda Gueiros

Transporte Público em Boston

Mariana Carvalho

Transporte público em Buenos Aires

Sara Martins

Deixe um comentário

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.

Este site ou suas ferramentas de terceiros usam cookies Aceitar Consulte Mais Informação