10 Coisas que não se deve fazer na Alemanha

0
893
Foto: Pixabay.com
Advertisement

10 Coisas que não se deve fazer na Alemanha.

Você que está chegando na Alemanha, seja a passeio ou para viver aqui, deveria saber que algumas atitudes não são tão bem vistas pelos alemães. A seguir listarei dez delas para que você possa passar pelo país sem apuros.

1. Dar parabéns antes da data

É costume do brasileiro desejar parabéns pelo aniversário ou casamento antes da data, caso não encontremos novamente a pessoa na ocasião. Se você fizer isso, provavelmente nem receberá um agradecimento. É porque desejar antes da hora traz azar segundo a cultura local. Os votos também costumam ser simples e um “Feliz aniversário! Aproveite o seu dia” é mais do que suficiente. Aqueles muitos votos de saúde, paz, amor, amizade, felicidade, alegria etc não são tão comuns de uso.

2. Atravessar fora da faixa de pedestre e em sinal vermelho

Aqui é proibido, mas muitos imigrantes e turistas não sabem. Se vier a atravessar em sinal de pedestre vermelho, é possível que algum alemão reclame prontamente. É um péssimo exemplo para crianças que podem estar vendo a atitude. Se um policial o vir durante a ação, poderá lhe aplicar uma multa. Atravessar o sinal vermelho custa EUR 5,00, mesmo valor para atravessar fora da faixa de pedestre (nesse segundo caso, se houver um acidente por sua culpa como pedestre, o valor passa a ser EUR 10,00). Se tiver interesse em saber sobre outras multas para pedestre, pode consultar esta lista aqui. Os alemães costumam esperar o sinal verde até quando não há carros trafegando ou mesmo durante a madrugada.

3. Fazer saudação nazista ou divulgar a suástica

Esse caso é bem sério. Simplesmente, não faça. Respeite a história e os mortos durante o holocausto. Dois turistas chineses fizeram em 2017 a saudação na frente do parlamento alemão em Berlim e receberam a multa de EUR 500. A consciência alemã sobre o assunto é bem grande. Reflita também se você vai tirar fotos sorrindo em locais ou museus sobre o holocausto. É muito mal vista essa atitude.

Leia também: tudo que você precisa saber para morar na Alemanha

4. Falta de compromisso e pontualidade

Muitos já conhecem essa característica da personalidade alemã: pontualidade. Sim, são pontuais em sua maioria. Se marcar um encontro com algum alemão, chegue no horário. Se for atrasar, deve avisar a tempo. Outra atitude importante é não se comprometer se não for cumprir. Aquele nosso vago “eu te ligo” não é comum por aqui. Se você fala que vai ligar, a pessoa vai esperar receber seu telefonema.

5. Usar roupa de ginástica ou moletom na rua

Eu estava acostumada a colocar a roupa da minha academia e ir caminhando até lá, quando morava no Rio de Janeiro. Na Alemanha, as pessoas não fazem isso (exceção para aquelas que praticam atividade física na rua). Elas levam uma mala grande com a roupa da academia, toalha e produtos para o banho. Os armários dos vestiários têm chaves, que cada membro da academia recebe na sua entrada. Muitos tomam banho por lá depois do exercício. Mas mesmo aqueles que preferem tomar banho em casa, voltam a colocar a roupa para sair na rua. E moletom é peça para se usar em casa, se atirando no sofá ou na cama depois do dia de trabalho.

Leia também: O que não fazer na Polônia

6. Fazer barulho no domingo e feriado

Isso é algo que precisamos nos acostumar no início da vida na Alemanha. Aquele que faz barulho de faxina no apartamento todo domingo, por exemplo, pode arrumar confusão com os vizinhos. Em pior dos casos, a polícia pode até ser chamada. Esses são dias de descanso, de religiosidade e de família.

7. Matar vespas por motivo fútil

Comentei no meu texto anterior (clique aqui) sobre esse assunto. Elas são protegidas pela lei mesmo. Dependendo da espécie, a multa pode ir de 5 a 50 mil euros, variando de estado para estado. A exceção é se a pessoa for alérgica.

8. Falar com crianças estranhas e/ou dar dicas de educação aos pais desconhecidos

Os alemães são fechados e não gostam de pessoas desconhecidas dando pitacos sobre a sua vida. Ouvi a história de um conhecido que viajou para os Estados Unidos e seu filho fez birra em um shopping center. Esse pai falou que deixaria o filho para trás, apenas para dar uma lição. Quando começou a caminhar, fingindo que iria embora, um americano pegou seu filho e saiu correndo o chamando. “O senhor se esqueceu o seu filho, aqui está”, disse o americano, carregando o menino no colo.
Falar com crianças estranhas também deve ser evitado, para que os familiares não pensem que se trata de um caso de sequestro ou assédio.

9. Fotografar pessoas sem permissão

Aquela sensação que conhecemos nas nossas redes sociais, de alguém que fotografou outra pessoa e por algum motivo espalhou a foto pela internet. Isso é caso de processo na Alemanha. Não se deve tirar foto de alguém sem permissão. Se for aceita tirar a fotografia, não se deve publicá-la ou divulgá-la sem permissão. Publicação de fotos de pessoas indefesas, como sob influência de álcool, também é ilegal. É bom que os fotógrafos em viagem prestem atenção nesse ponto. Não é permitido tirar foto de uma pessoa na rua sem permissão por ferir a privacidade. O ideal é pedir uma aceitação assinada, caso realmente haja o interesse na arte da foto.

10. Andar nos espaços reservados para ciclovia

Normalmente, as ruas têm um espaço na lateral de fora da calçada para os ciclistas. Mesmo que não haja nenhuma bicicleta passando no momento, os pedestres devem andar na sua área, parte de dentro da calçada. Caso seja uma calçada em que pedestres e ciclistas a dividam por inteiro, o pedestre deve manter esse pensamento, de que o ciclista pode circular na parte de fora. Caso seja uma rua apenas para pedestres, os ciclistas devem circular no asfalto próximo à calçada. É importante observar o sinal de trânsito para ciclistas e pedestres. Os ciclistas devem ser seguir o sentido dos carros, seja trafegando no asfalto ou nas ciclovias das calçadas.

Deixe um comentário

Por favor inclua o seu comentário
Por favor escreve o seu nome aqui

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.