BrasileirasPeloMundo.com
Curiosidades Pelo Mundo Finlândia

Dez competições finlandesas divertidas

Esse mês escrevo sobre algumas competições finlandesas um tanto excêntricas, diria eu. Segue uma lista com algumas bem divertidas, que você provavelmente você nunca pensou que existiam.

Futebol de pântano

Criada na Finlândia em 1988, a ideia foi inspirada no treinamento de alguns esquiadores profissionais, que para aprimorar suas aptidões físicas durante o verão, treinam em pântanos. Jyrki Väänänen, apelidado de “Barão do Pântano”, foi o idealizador do primeiro campeonato, em Hyrynsalmi, cidade anfitriã do evento anual, localizada na região de Kainuu, mais ao norte do país.

E para quem acha que só os finlandeses curtem esse tipo de loucura, atualmente há cerca de 300 times de futebol de pântano pelo mundo, cerca de 4 mil atletas.

Os times são formados por 5 jogadores de campo e um goleiro, não havendo limite para o número de reservas. A duração de uma partida são dois tempos de 10 minutos.

Ano que vem o campeonato mundial será realizado na cidadezinha nos dias 13 e 14 de julho, junto a um festival chamado Swamp Rock (Rock do Pântano). Mais informações aqui               

Eukokanto (Carregamento de Esposas)

Esse esporte finlandês já saiu em vários jornais pelo mundo e tem até uma categoria no livro Guinness dos recordes. Foi criado em 1992 na cidade de Sonkajärvi, mais ao centro da Finlândia, onde o campeonato mundial é realizado anualmente.

Trata-se de uma competição entre casais, onde o homem deve carregar a mulher por uma trilha de 253,5 metros com 3 obstáculos: dois secos e um em água com 1 metro de profundidade. A mulher é carregada nas costas do homem, de cabeça para baixo, com as pernas sobre seus ombros. Os equipamentos são apenas um capacete para a mulher e um cinto para o homem, para que a parceira possa ficar bem presa a suas costas. As mulheres devem pesar no mínimo 49kg e ter mais de 17 anos de idade. O prêmio para os vencedores da divertida competição não poderia ser mais finlandês: o peso da mulher em cerveja!

O carregamento de esposas também encontrou adeptos em outros lugares do mundo, sendo praticado atualmente na Austrália, nos Estados Unidos, em Hong Kong, na Estônia, na Rússia e no Reino Unido.

Em 2017 o casal campeão foram os finlandeses Taisto Miettinen e Kristiina Haapanen, que conquistaram sua sexta vitória! Em segundo lugar ficaram os americanos Mischa Freystaetter and Rie Takano, e em terceiro os finlandeses Ilpo Hallisto e Jenni Piippo.

Mais sobre o esporte você pode ler aqui      

Campeonato mundial de sauna

A primeira edição desse esporte perigoso e nada recomendável foi em 1999. No entanto, após a trágica morte de um dos competidores durante a edição de 2010, nunca mais foi realizado. O objetivo era ver quem ficava mais tempo ileso em uma sauna aquecida a uma temperatura extrema.

A cidade anfitriã do campeonato era Heinnola, mais ao sul do país, e o esporte atraiu competidores de mais de 20 países, tornando-se tão popular no Japão, que rendeu um documentário cuja audiência, só lá, alcançou 40 milhões de pessoas.

As regras para participar eram simples: a sauna era aquecida a temperatura de 110 graus Célsius e, a cada 30 segundos, meio litro d´água era despejado no forno. Por ser um esporte extremo, os participantes assinavam um termo de responsabilidade eximindo os organizadores de responsabilidade no caso de acidentes. Nesse termo constavam também as regras para a participação, tais como: não consumir álcool e medicamentos específicos nem antes e nem durante a participação, não usar nenhum tipo de resina ou loção no corpo.

Em 2010, o competidor russo Vladimir Ladyzhensky e o penta-campeão finlandês Timo Kaukonen, desmaiaram depois de 6 minutos dentro da sauna. Ladyzhensky morreu no local e a autópsia concluiu que a causa mortis foram queimaduras de terceiro-grau, adicionadas ao uso de medicamentos analgésicos e resina anestésica na pele. Por conta dos medicamentos e da resina serem expressamente proibidos nas regras da competição e pelo fato de o competidor ter esse conhecimento, ninguém foi responsabilizado pela tragédia.

O competidor finlandês teve 70% do corpo queimado, sofreu falência dos rins e teve um dos pulmões também queimado, ficando sob coma induzido por 6 semanas (leia mais aqui)

Air Guitar

A competição em que os participantes devem tocar uma guitarra imaginária, usando técnicas reais do instrumento em forma de mímica, não foi inventada na Finlândia, mas foi o país que a popularizou e criou seu campeonato mundial, em 1996, ajudando a levar a prática da air guitar para mais de 20 países. Hoje em dia há campeonatos por todo o mundo e os melhores de cada país vêm para Oulu para competir no Air Guitar World. A Finlândia presidia e organiza a rede de trabalho oficial mundial de air guitar. O atual campeão é o americano Matt “Aristotle” Burns. Leia mais aqui.

Arremesso de celulares

Foto: http://www.mobilephonethrowing.fi/

O esporte foi inventado na Finlândia, na cidade de Savonlinna, em 2000. Alcançou popularidade mundial por cerca de 14 anos. As regras lembram as do arremesso de dardos e há 4 categorias na competição: tradicional, estilo livre, time e junior. Os telefones usados devem ter peso superior a 220 gramas e cabe ao patrocinador do evento prover os aparelhos aos participantes.

A ideia do campeonato surgiu com o propósito de campanha de reciclagem para baterias e telefones celulares descartados, visto que estes representam lixo tóxico extremamente prejudicial à saúde. Os telefones usados nas competições podem ser doações, por exemplo, e os “restos”, ao fim, são devidamente recolhidos.

O atual campeão mundial é o belga Dries Feremans, que também é o dono do recorde mundial de arremesso (110,42 metros). A última edição foi em 2014, no entanto, na página oficial do esporte, os organizadores deixam claro que isso é só uma pausa e que pretendem voltar a realizar o campeonato. Saiba mais aqui.

 Nakukymppi – corrida/caminhada nudista

Essa é uma competição para os naturistas e pessoas de cabeça aberta. Trata-se de uma corrida, caminhada ou caminhada nórdica, de 10 km, onde os participantes devem estar nus. É permitido que usem tênis, meia, boné ou bandanas para proteger as cabeças e, no caso da mulheres, é permitido o uso de um top protetor para os seios. Trata-se de um evento de confraternização e de celebração da liberdade e da natureza. Realizado desde 2014 em Padasjoki, mais ao sul do país, o percurso da corrida/caminhada passa por uma floresta e demais áreas menos urbanas da pequena cidade. Leia mais aqui.

Campeonato de cavalo de pau

Parece piada, não parece? Mas acredite, não é e só na Finlândia há cerca de 10 mil pessoas praticantes do esporte. Os atletas em questão são, em sua maioria, jovens meninas de 10 a 18 anos de idade. Melhor do que qualquer explicação sobre a prática é deixar um vídeo do campeonato mundial, realizado na cidade de Vantaa no início deste ano, que contou com 200 participantes. Leia mais aqui.   

Campeonato de coleta de arandos vermelhos

Foto: Pixabay

Visto que um passatempo corriqueiro na Finlândia é colher frutinhas (bagas) nas florestas durante o verão, por que não transformar isso numa competição?

Na pequena cidade de Suomussalmi, mais ao norte do país, anualmente realiza-se um campeonato de coleta de arandos vermelhos, onde o time vencedor é o que conseguir colher mais frutinhas em uma hora.

Campeonato para ver quem mata mais mosquitos

O verão finlandês é lindíssimo, já escrevi sobre ele aqui, mas como nada no mundo é perfeito, sofremos muito com os mosquitos durante essa época. Basta ir a uma floresta ou lago que eles estarão lá. No interior então, nem se fala. E tem mais: quanto mais ao norte, pior.

Já que não é possível se livrar do inseto maldito, o melhor a fazer é transformar essa mazela da vida num momento de descontração. Em alguns lugares pelo interior da Finlândia, existe a competição para ver quem mata mais mosquitos em 5 minutos…

Natação sem roupa

Não se trata de uma competição de natação, mas de uma competição para entrar no livro Guinness dos recordes como o país com o maior número de pessoas nadando nuas num mesmo lugar. E quem são os recordistas de 2017 depois de três tentativas? Os finlandeses, claro!

O evento foi realizado durante um festival de música chamado o Ilosaari Rock, em Joensuu, um pouco mais ao norte. 789 peladões levaram à Finlândia ao Guinness. Leia mais aqui.

Related posts

Mitos e verdades sobre morar no Oriente Médio

Isabela Avila

Processo de transferência de veículos na Finlândia

Lili Simmelink

Curiosidades sobre o País de Gales

Daniela Pesconi-Arthur

3 comentários

Sandra Costa da Motta Outubro 5, 2017 at 12:22 pm

Amei a materia. Genial estes sports.

Resposta
Maila-Kaarina Rantanen Janeiro 22, 2018 at 12:01 pm

Obrigada!

Resposta
angela gonçalves Janeiro 19, 2018 at 8:18 am

Achei muito interessante esta matéria, diferentes esportes.

Resposta

Deixe um comentário

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.

Este site ou suas ferramentas de terceiros usam cookies Aceitar Consulte Mais Informação