BrasileirasPeloMundo.com
Curiosidades Pelo Mundo Espanha

Cinco curiosidades sobre Valência

Após dois anos morando em Valência, uma coisa que ainda me surpreende é o fato de que poucos brasileiros conhecem a cidade, embora eu tenha visto que cada vez mais pessoas venham para cá no verão.

A verdade é que, muitos brasileiros que vêm para a Espanha, geralmente não saem do eixo Madri – Barcelona, encaixando poucas variações nessas viagens, como as Ilhas Baleares ou Sevilha.

Meu post de hoje foi inspirado depois que um conhecido me perguntou onde eu estava morando e, após ouvir a resposta, me disse que não conhecia a cidade e, na verdade, não sabia nem onde ela ficava na Espanha. Está certo que Madri e Barcelona são os maiores destinos turísticos, e que muitas pessoas que vêm para cá gostam de conhecer as paradisíacas praias das Ilhas Baleares, mas Valência é a terceira maior cidade do país e a Comunidade Valenciana também tem praias lindíssimas.

Por esse motivo, e complementando meus demais posts sobre Valência, decidi contar cinco curiosidades para incentivar que venham conhecer a região.

1 – O símbolo da cidade é um morcego

Você irá encontrar o morceguinho no brasão da cidade e também do time de futebol, o Valência. A lenda conta que antes de entrar na cidade para liberá-la da invasão moura (como contei no meu post sobre o dia da Comunidade Valenciana), Jaime I acampou ao lado do rio Turia e um morcego pousou em sua tenda. Enquanto descansavam, o pelotão foi acordado por ruídos que  vinham da barraca do rei e, graças a esses ruídos que os despertaram, puderam ver que os muçulmanos preparavam um ataque e, assim, os venceram. Posteriormente, quando foram verificar o que era o tal ruído, notaram que era um morcego.

Uma história real, e bem curiosa, sobre o morcego símbolo da cidade, é que a DC Comics, proprietária dos direitos de imagem do Batman, se opôs junto a Oficina de Marca ao pedido do time de futebol para o uso do morcego em uma linha de roupas do clube.

Morcego, símobolo do Valência, no estádio de futebol do clube (foto - acervo pessoal)
Morcego, símbolo do Valência, no estádio de futebol do clube (foto – acervo pessoal)

2 – O famoso pintor, Salvador Dalí, já foi responsável pela criação de uma Falla

Em meu post sobre as Fallas, já expliquei como é a festa e como são feitas as esculturas, que depois são queimadas. Pois bem, em 1954, Salvador Dalí foi encarregado de criar o desenho de uma falla para a festa, desenho este que dizem que foi muito difícil de executar e que custou muito dinheiro para conseguir colocar, na estrutura, aquilo que estava desenhado no papel. A famosa falla de Salvador Dalí chamava “Corrida de toros surrealistas” e é possível encontrar imagens dela na internet.

3 – A lenda das trezentas donzelas

Quando você visitar a Catedral de Valência, poderá notar que na porta do “Palau”, edifício mais antigo da Catedral, estão esculpidas 14 cabeças humanas, que formam 7 casais e contam uma história. Reza a lenda que essas cabeças representam os matrimônios que foram prometidos aos primeiros cristãos que iriam habitar a cidade após sua reconquista. Essa foi uma promessa feita pelo Rei Jaime I, com a finalidade de instituir o Cristianismo como religião na cidade, que antes estava sob o domínio dos muçulmanos. Assim, esses casais seriam os responsáveis por repovoar a cidade.

Assim como toda lenda, há uma segunda versão de quem seriam essas pessoas: seriam apenas doadores que contribuíram com doações para a construção dessa porta.

4 – Torres de Quart

Quando visitamos a cidade, podemos encontrar duas torres, resquícios da época medieval, em que a cidade era amuralhada. Temos as Torres de Serranos e as Torres de Quart. Podemos ver mais turistas visitando as Torres de Serranos, embora elas sejam próximas uma a outra, afinal, ela é aparentemente mais bonita e conservada. O que muitos não sabem é que as Torres de Quart, na verdade, não estão mal conservadas ou deterioradas: as marcas que encontramos são resquícios de balas de canhões da Guerra de Independência Espanhola contra o primeiro Império francês.

5 – Valência tem sua comida típica de verão (e do ano inteiro): a “horchata” e o “fartón”

Caminhando pelas ruas de Valência no verão é muito comum ver as pessoas comendo “fartón” e bebendo “horchata” (ou orxata, em valenciano). A horchata é vendida em todos os lugares da cidade, inclusive há “Horchatarias”, e também pode ser encontrada em supermercados. Os valencianos (e a Tati, colunista aqui do blog) são loucos por horchata, que é uma bebida feita da chufa (que eu não sabia o que era, mas aprendi com a Tati que a chufa é um tubérculo, como a batata) e ela é geladinha e refrescante no verão. A chufa de Valência é, inclusive, uma denominação de origem! Já o “fartón” é um bolinho alargado, parece uma espécie de pão-de-ló, e é servido como acompanhamento da horchata.

Sei que eram apenas cinco curiosidades, mas vou acrescentar mais um fato: Valência foi a capital da república entre novembro de 1936 e outubro de 1937.

A cidade de Valência pode não ser a mais conhecida pelos brasileiros na Europa ou até mesmo fazer, inicialmente, parte de suas rotas turísticas, mas a verdade é que é uma cidade preciosa, cheia de curiosidades e belezas escondidas (ou não tão escondidas assim) e que vale a pena ser conhecida. Este verão, como todos os outros, percebemos que os europeus estão descobrindo cada vez mais a cidade e seu litoral, espero que esse post desperte o desejo dos brasileiros em conhecê-la também.

Related posts

Roteiro de inverno pela Comunidade Valenciana

Thais Maciel Gomes

Mitos e verdades sobre a Rússia – Parte 1

Giulianna Louis

História e mito na Romênia: Drácula

Cristina Hélcias

4 comentários

Angela Maciel Gomes Fevereiro 22, 2017 at 7:25 pm

Valência é realmente uma cidade linda!! Vale a pena conhece-la . Todos deveriam inclui-la em seus roteiros turisticos pela espanha.

Resposta
Thais Maciel Gomes Fevereiro 23, 2017 at 1:39 pm

Deveriam mesmo!!

Resposta
Giovana Abril 5, 2017 at 3:51 am

Sou apaixonada por Valência, meu noivo nasceu lá.
Faltou falar sobre a “água de Valência”, não? Rsrsrsrs
Amei o post!

Resposta
Thais Maciel Gomes Abril 6, 2017 at 12:14 pm

Oi Giovana, obrigada por acompanhar o post. Realmente, não falei sobre a água de valência, mas a cidade tem tantas curiosidades que ela pode aparecer em um outro post =)

Abraços,
Thais

Resposta

Deixe um comentário

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.

Este site ou suas ferramentas de terceiros usam cookies Aceitar Consulte Mais Informação