BrasileirasPeloMundo.com
Espanha

Rota pelos mercados municipais de Valência: entre cores e sabores

Mercados de Valência

Rota pelos mercados municipais de Valência: entre cores e sabores.

Me lembro de pequena, em Americana, interior de São Paulo, ir comumente ao Mercado Municipal junto com meus pais para comprar flores, comida para os pets, ervas medicinais e me saciar na banca de guloseimas. Era quase um ritual da minha infância.

Quando cresci e voltava à minha cidade, o Mercado era apenas a referência da melhor pastelaria da cidade, mas continuava a frequenta-lo.

Na capital paulista o “Mercadão” é tradicional, muito pelos deliciosamente colossais sanduíches de mortadela, mas também pela imensidão de cores, odores e sabores.

Rota pelos mercados municipais de Valência

Apesar das experiências e lembranças, vejo os mercados brasileiros mais como ponto turístico do que como um local para a compra semanal. Ao menos é o que sinto nos locais onde vivi.

Em Valência – Espanha, onde resido, os mercados municipais são parte importante da vida social local. Lugares onde os vendedores te abordam com um “bonico/a” (guap@) e que além de comprar, se vá para conversar.

Entre todos os que existem por aqui, a referência turística (e visita obrigatória) é o Mercado Central, porém há muitos outros mercados dignos de menção e passeio.

Listei os seis melhores mercados de Valência para comprar e visitar.

interior Mercado Central – unsplash.com

Mercado de Russafa

Valência é uma cidade de bairros e seus mercados seguem a marca de sua localização.

Russafa é hoje a zona de moda de Valência e lá esta seu renovado e colorido mercado.

É um lugar onde os vizinhos que cresceram no bairro convivem com os recém chegados, com toda a jovialidade e arte.

O Mercado de Russafa, inaugurado em 1957, possui em seu interior mais de 160 lojas onde encontramos uma infinidade de aromas, produtos e história. Seu enclave é também ideal para comer ou tomar algo, pois está rodeado de bares e restaurantes trendy.

Localização: Plaça del Baró de Cortés, 9.

Mercado de Jesús

Este mercado, localizado em um dos bairros com mais personalidade – Patraix e de arquitetura vanguardista, se converte em um ponto imprescindível de visita.

O mercado possui 70 pontos de venda com referência de qualidade e bons produtos. Como complemento, conta com uma feira extra que é montada nas ruas ao entorno, todos os sábados pela manhã.

EndereçoPlaça de Jesús, s/n. Fácil acesso desde o centro antigo – 15 minutos de caminhada.

Mercado de El Cabanyal

Sua localização por si já o torna um lugar emblemático. El Cabanyal é um dos novos bairros trendy de Valência por sua mistura de arte, cultura e gastronomia.

O mercado leva mais de 50 anos aberto ao público e é autogestionado por seus comerciantes. Por ser perto de casa e na rota da escola do meu filho, frequento bastante e afirmo que caminhar por seus corredores é uma viagem por todo tipo de aromas e texturas, rodeado sempre de intensa atividade.

Agora o que o torna ainda mais especial, é seu programa de vendas direta entre agricultores e consumidores. Um privilégio!

Localização: Carrer de Martí Grajales, 4.

Mercado de Colón – arquivo pessoal

Mercado de Colón

De mercado, atualmente apenas conserva a estrutura e o nome. Foi renovado para oferecer outros tipos de serviços, como bares, restaurantes e lojas de moda e venda de produtos gourmet, dando-o assim um toque super chique.

Construído em 1914, é um exemplo da arquitetura modernista do principio do século XX. Trata-se de edifício com uma grande ornamentação em sua fachada colorida, com detalhes de cerâmica, a “la Gaudí”, além de uma cerca artística de ferro forjado. A altura do seu teto e os seus numerosos acessos, fazem deste mercado um espaço aberto e luminoso.

Eventualmente também se organizam concertos, mostra de artes, feira de artesanatos, entre outros eventos.

Como está localizado em pleno coração de Valência, no bairro mais suntuoso da cidade, é quase certo que cruzará o local.

Eu o considero um dos lugares mais lindos e agradáveis da cidade. Ademais, foi declarado como Monumento Nacional.

Endereço: Carrer de Jorge Juan, 19.

Mercado de Algirós

Embora as cores sejam diferentes, seu design exterior lembra o Mercado de Russafa.

Não é um dos maiores, mas o intenso vaivém de clientes o torna um local especial. Tem aquela essência de um mercado de bairro, longe dos turistas que frequentam os Mercados Central e Colón.

Os produtos frescos e locais que oferece têm, em alguns postos, entrega a domicílio. Ao contrário de outros mercados, este está aberto ao público nas tardes de sexta-feira. Uma vantagem para comprar no último minuto antes do fim de semana.

Localização: Plaça de San Felipe Neri, s/n.

Mercado Central

É considerado o maior mercado de produtos frescos da Espanha e um dos maiores da Europa, se destaca pela rica e variada oferta alimentícia e esta localizado em um dos edifícios modernistas mais simbólicos da cidade.

Possui cerca de 300 lojas, entre frutas, legumes, hortaliças, carnes, queijos e peixes. Caso a sua intenção não seja comprar, há bares e empórios para degustar um saboroso jamón.

O Mercado Central de Valência é um paraíso que você não pode perder. Ah! Tem uma barraquinha de garapa para matar a saudade do Brasil!

Endereço: Plaça de la Ciutat de Bruges, s/n.

Deu água na boca?

Quer saber mais sobre o BPM? Siga-nos também no Instagram e no Facebook

Related posts

Mobilidade em Valência

Thais Maciel Gomes

Características culturais dos espanhóis

Lisa Marie Afonso

A adaptação para viver no exterior

Lisa Marie Afonso

Deixe um comentário

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.

Este site ou suas ferramentas de terceiros usam cookies Aceitar Consulte Mais Informação