BrasileirasPeloMundo.com
Dubai Emirados Árabes Unidos Quanto custa

O que fazer com mil dólares em Dubai

Neste artigo eu vou tentar mostrar pra você o que dá pra fazer com mil dólares em Dubai.

Se você está pensando em viajar para conhecer Dubai, ou está curioso para saber qual é o custo de vida local, espero poder ajudá-lo.

Todos os países do Golfo Pérsico, menos o Kuwait, possuem a conversão fixa de suas moedas para o dólar americano. No caso dos Emirados, o dirham para o dólar equivale a 1 = 3,67 desde 1997. Dito isto, USD1000 equivalem a AED3673.

Com essa quantia, você consegue:

Viagem
  • Estadia: Duas noites no Armani Hotel, no Burj Khalifa. Precisaria esticar mais USD360 para o mesmo período de estadia no Burj Al Arab, o único hotel 7 estrelas do mundo. Por outro lado, você poderia se hospedar num apart hotel e ficar por 13 noites – e ainda sobrariam uns trocados!
  • Alimentação: Almoçar e jantar durante 50 dias, tendo uma média de AED100 por pessoa. Seria algo em torno de 36 refeições. Daria pra tomar o chá da tarde do Skyview Bar, dentro do Burj Al Arab, pagando AED735 (mesa com vista para a janela), para 5 pessoas. Ou, se você tem um perfil low cost (como eu!) dá pra comer comida árabe gastando menos de AED20 por pessoa.
  • Passeios: Visitar a Dubai Frame (AED50), subir no Burj Khalifa – o prédio mais alto do mundo – com direito a lanchinho e uma taça de bebida da casa (AED600), conhecer o Dubai Miracle Garden (AED50), divertir-se no parque temático Motiongate (AED245).
  • Transporte: Esse quesito é muito variável, pois dependerá de onde estiver hospedado e se prefere movimentar-se através do transporte público ou carro particular. Mas tenha em mente que: a tarifa mínima do táxi é de AED12 – e ainda consegue ser uns 30% mais barato que o Uber.

Leia também: Dez atrações gratuitas em Dubai

Alô, terra chamando! Vamos para a realidade? Quando se mora em Dubai, falamos em dezenas de milhares de dólares no quesito custo de vida. E como geralmente os processos seletivos são negociados tendo como base o dólar, a gente acaba tentando imaginar o que daria pra fazer com aquela grana mensalmente. Principalmente quando se é um casal ou se tem filhos. Vale lembrar que plano de saúde não entra na conta pois, geralmente, é bancado pela empresa empregadora – e você não consegue um visto de trabalho para Dubai caso não tenha plano de saúde. Ah, e não existe saúde pública aqui. Simples assim.

Custo de vida
  • Aluguel de imóvel (casa/apartamento): Seria possível pagar um mês de aluguel de um quarto para dividir com pelo menos mais uma pessoa, num bairro um pouco mais distante e que não é lá tão bem atendido pelo metrô.
  • Supermercado mensal: Com AED3673 é possível fazer compras para duas pessoas, durante quatro meses. Sem nada muito luxuoso ou supérfluo.
  • Itens básicos (água e eletricidade): Vale lembrar que em Dubai nós pagamos a conta de luz + água + eletricidade e uma outra conta separada só para o consumo do ar-condicionado. Tendo um consumo médio de AED700 para água e luz + mais AED 700 para o ar-condicionado, seria possível pagar 2 meses e ainda sobram uns trocados para guardar para o próximo mês.
  • Estética: Um pé e mão custa, em média, AED130. E esse preço é meio que tabelado, então não faz diferença se você vai até o salão ou se você chama a profissional na sua casa – e ainda economiza com o transporte. Se você faz as unhas toda semana, seus mil dólares bancariam 7 idas ao salão.
  • Serviços domésticos: As faxinas costumam ficar em torno de AED30/hora. E aí você escolhe por quantas horas pretende contratar o serviço. As empresas geralmente oferecem a partir de 4, e aí você teria 30 faxinas.
  • Lazer do fim de semana: Isso também varia muito de acordo com o perfil de cada um. Se você é baladeiro, prepare-se para desembolsar uma boa grana. As festas costumam permitir a entrada de mulheres gratuitamente, e algumas até dão uns 3 ou 4 drinks pra ajudar a começar a festa. Mas, se você é um cara, venha com o coração (e o bolso!) aberto para pagar uns AED40 por uma cerveja. Isso garantiria um pouco mais de 90 cervejas. Bebendo umas 5 por noite, só dá pra sair 18 vezes.
Leia também: Como economizar em Dubai

Convenhamos que ninguém vive à base de geladeira e sofá. A gente sai pra jantar, pega um cinema e compra! Aqui em Dubai existe uma grande vantagem nessa questão das compras pois o governo impôs apenas 5% no valor de produtos/serviços. E não temos também imposto de renda. Longe dos quase 40% do Brasil, aqui estamos quase ilesos de impostos!

Isso, claro, reforça uma cultura de consumismo muito grande e ajuda a aumentar o poder de compra. É relativamente fácil ter o celular que acabou de ser lançado, o mais novo computador ou aquela bolsa que você sempre quis. Vou deixar aqui algumas dicas:

Compras
  • Eletrônicos: Em Dubai os preços da Apple são quase idênticos aos preços praticados nos EUA. Sente a tentação: você consegue comprar um iPhone XR de 128GB e ainda te sobram AED284. Daria pra comprar duas GoPro HERO7 e ainda sobram AED375.
  • Moda: As grifes reinam e você sempre encontra alguma promoção se procurar bem. Durante o verão, quando as temperaturas ficam altíssimas, as lojas fazem muitas promoções para atrair clientes. E se você adora uma barganha, as lojas de departamento derrubam os preços de verdade! Eu já comprei uma calça jeans por AED18. Na loja outlet da Adidas, comprei um tênis por AED65.

Espero ter tirado o medo de vir pra Dubai e mostrado que dá pra fazer mil dólares render bem por aqui. Dubai não é só luxo e ostentação. Dá pra ter uma versão de baixo custo, sem abrir mão da qualidade!

Related posts

Quanto custa fazer supermercado em Londres

Luciana Castro

Por que economizar morando no Canadá – Parte 2

Natália das Mercês Clarindo

Maquiadora profissional em Dubai

Thais Cunha

Deixe um comentário

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.

Este site ou suas ferramentas de terceiros usam cookies Aceitar Consulte Mais Informação