BrasileirasPeloMundo.com
Bélgica Curiosidades Pelo Mundo

Porque tudo é belga: parte 4

A minha lista disparou! Descobri um site que compilou as maiores invenções/pessoas importantes, mas que você não sabia que eram belgas. Pequeno país, grandes personagens. Não canso de me surpreender. Por que será que os belgas são tão engenhosos? Será a dieta de batata frita, waffle e cerveja? Será o clima úmido e chuvoso? Ou será um cérebro bilíngue? Façam as suas apostas.

Esse post, caros leitores, é para uma satisfação pessoal. Para mim mesma. Adoro listas. Acho que é por causa do meu signo, virginianos aí espalhados pelo mundo entenderão o prazer supremo em fazer listas. Dizem que Umberto Eco era também fanático por listas, inclusive sou louca para ler o livro “A vertigem das listas” desse mesmo autor.

Voltando, desde que cheguei em Bruxelas tenho uma lista, escrita a mão, em um caderno – com a Frida na capa – de coisas sobre a Bélgica. Por que, Brasil? Porque cheguei aqui sem saber nada desse país. E comecei a ficar chocada com a quantidade de estórias, coisas, eventos e particularidades dessa terra. Se você é daqueles que adora a sessão de curiosidades das revistas e jornais, ou a parte do “Você sabia?” dos programas de televisão ou mesmo da internet, senta que esse post é para você, também.

O pessoal do exílio: Gentes maravilhosas que se exilaram aqui e fizeram coisas maravilhosas

Durante o século XIX, a Bélgica, que tinha recentemente se tornado independente, recepcionou grandes pensadores da época. Para citar dois monstros. Primeiro, Viktor Hugo, um dos mais importantes escritores da língua francesa. Depois do golpe de estado do Bonaparte em 1851, na França, Viktor correu pra cá. E foi aqui, que ele escreveu nada mais nada menos que uma das novelas mais famosas e fantásticas da humanidade: “Les Misérables”. Já achou massa? Espera que o melhor está por vir. Karl Marx escreveu o Manifesto Comunista enquanto estava aqui! Rá! Logo após ser expulso da Alemanha por suas ideias consideradas revolucionárias, a Bélgica aceitou seu exílio com uma única condição: que ele não escrevesse sobre política. Só que não né, Karl? Escolhi o lugar certo para fazer meu doutorado, vai que bebendo da mesma água que bebeu esses gênios não sai alguma coisa digna? É, não, acho que não. (suspiros).

Ciências- realmente os belgas contribuíram para a humanidade

Desde a Teoria do Big Bang até a criação da Internet, quase tudo tem dedo belga na história. Foi um padre belga, meio astrônomo, meio físico, professor da Universidade Católica de Leuven que levantou essa hipótese pela primeira vez na história da ciência. Sim, você leu bem, foi um padre da igreja Católica que falou que o universo está em expansão. Um dos autores do projeto sobre a rede “WWW-World Wide Web” foi Robert Caillau, outro belga.

Além disso, foi aqui que descobriram os micróbios responsáveis pela difteria e coqueluche, o senhor Nobel de Medicina, Jules Bordet. Por falar em saúde, o Índice de massa corporal (IMC) foi criado por um matemático belga, Lambert Adolphe Quetelet. Renatinha minha amiga e personal trainer lá do Brasil, quem, aliás, me deu de presente o caderninho da Frida, adora esse índice. Eu odeio. O IMC é uma forma de medir o risco de excesso de peso usando o peso e a altura. Entenderam? Só me resta te perguntar: e a dieta como vai?

“Ser humaninhos” importantes (por algum motivo) que nasceram aqui

Carlos Magno. Sabe quem é não? Aposto que você dormiu nessa aula, né? Imperador de Roma famosão.

Haudrey Hepburn. Atriz do clássico “Breakfast at Tiffany’s”.

Jean Claude Van Damme.

Smurfalicious_16
Fonte: smurfs.wikia.com

Julio Cortázar (um dos escritores argentinos mais importantes da literatura daquele país. Nunca leu? Recomendo muito).

-Smurfette. Sim! Os Smurfs foram criados aqui por Peyo e ilustrado por Yvan Delporte. Tudo por aqui tem referência aos Smurfs. Mas eu queria falar da Smurfette. Vocês sabem a história dela? Ela foi criada pelo mago malvado Gargamel com o único motivo de semear a discórdia na vilinha dos Smurfs. Como? Pensando que todos iam se apaixonar por ela e que por tanto, brigariam entre si pelo amor da única donzela. Porém, ela era muito feia e desajeitada, logo o plano não funcionou. Porém, o Papai Smurf vendo que ela estava sofrendo bullying do pessoal, fez um “extreme makeover” e ela ficou gatinha. Mas nem tudo eram flores na vila dos cogumelos vermelhos, ao descobrirem sua origem e ser considerada uma espiã, ela sai da vila e vai viver em uma localização desconhecida. Ela fica assim durante 15 álbuns. Mas, no final ela acaba sendo aceita de volta na vila e todos finalmente se apaixonam por ela. De todas formas parece que ainda é solteira…

Objetos inventados aqui- Se fosse aquela brincadeira do Gugu na sua casa os belgas ganhariam.

– Plástico

– Patins

– Asfalto

– Interfone eletrônico

– Pintura a óleo

– Impressora. Que foi chamada “Bíblia poliglota” (risos)

– Saxofone, Batata frita e Waffle

Vamos interromper a lista para um destaque: Repelente de mosquito. Sim, foi inventado por um belga. Só tenho uma coisa a dizer, Alfons Vandoninck, muso, não te conheço, mas já te considero pacas. Obrigada.

E pra fechar, apesar de tudo isso, ainda assim quem zerou o joguinho dos descobrimentos fomos nós brasileiros. Porque quem inventou o avião foi um brasileiro! E mineiro! Muito melhor né? É por você Dumont que tem tantas Brasileiras Pelo Mundo.

Até!

Ah! A lista continuará… Ainda não acabou.

Related posts

Conhecendo uma rave silenciosa

Fabi Mesquita

Recordes mundiais croatas

Debora Pedroni

Dez curiosidades sobre a Romênia

Bruna Roland

3 comentários

Marcella Setembro 23, 2016 at 5:04 am

Adoro a Bélgica e amei o post!!!! 🙂
Sem contar em todas as maravilhosas e famosas cervejas belgas!

Resposta
Marcela Vitarelli Setembro 23, 2016 at 12:23 pm

😀 😀

Resposta
Juan Setembro 23, 2016 at 10:39 pm

Muito bom Marcela!!!! Adoro saber mais e mais da Belgica. E por favor: para de falar de cerveja e batatas fritas que logo de ler tenho que sair correndo por um chopp e umas batatas!

Resposta

Deixe um comentário

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.

Este site ou suas ferramentas de terceiros usam cookies Aceitar Consulte Mais Informação