BrasileirasPeloMundo.com
Espanha Natal Pelo Mundo Turismo Pelo Mundo

Roteiro de inverno pela Comunidade Valenciana

Chegou o mês de dezembro e com ele as decorações de Natal, o friozinho (ou melhor, friozão) do inverno aqui no hemisfério norte e a sensação de que mais um ano passou muito rápido.

Confesso que nunca liguei muito para o Natal, sempre fiquei mais ansiosa pela chegada de meu aniversário, mas gosto muito de apreciar as ruas decoradas, o clima de festa, a reunião com os amigos e familiares. Antes de me mudar para cá eu nunca havia passado um Natal durante o inverno, como vemos nos filmes que passam na televisão nesta época. Este será meu segundo Natal aqui no hemisfério norte e, por isso, reuni algumas dicas do que fazer nessa época fria aqui em Valência.

Por aqui não neva como em alguns locais da Europa. Desde que me mudei para cá só vi notícia de neve na cidade uma vez e não era grande quantidade. Mas não pense que não faz frio! Muito pelo contrário, a cidade fica bem gelada durante o inverno, com aquele ventinho de doer o rosto.

Muita gente gosta de ficar em casa durante este período, mas para não bater a depressão de inverno com o clima frio e os dias mais curtos, vale a pena sair pela cidade e aproveitar o que ela tem a oferecer. É muito bom sentar em algum bar e pedir umas tapas acompanhadas de um bom vinho. Para os que preferem acompanhar o vinho de um bom jantar, Valência tem muitos bons restaurantes. Se você estiver pela cidade não deixe de experimentar a Paella Valenciana (minha preferida) ou a Fideuà (que é feita como a paella, mas com um  macarrãozinho chamado fideos). Considero estes pratos ideais para se degustar durante o inverno.

Fideuà - acervo pessoal
Fideuà – acervo pessoal

Esta não é uma região especialmente conhecida por seus vinhos, como Ribera del Duero ou La Rioja. No entanto, temos produções de vinhos e é possível realizar visitas à bodegas nas cidades de Requena ou Utiel, que são bem próximas. Nelas é possível conhecer o vinhedo, a sala de produção dos vinhos, o local onde eles ficam armazenados e finalizar com uma degustação da produção local. O valor dessas visitas não é alto, algo em torno de 8 ou 9 euros.

Vinho e tapas - acervo pessoal
Vinho e tapas – acervo pessoal

Para os que quiserem fazer um passeio diferente, desta época até o mês de maio pode ser feita a Rota da Laranja, em Carcaixent. A cidade fica há 46km de Valência e durante o passeio é possível apreciar os laranjais, visitar os armazéns e até degustar a fruta diretamente do pé. A prefeitura local conta com uma rota turística programada. A Comunidade Valenciana é reconhecida por sua produção de frutas cítricas, como a laranja, mandarina e limões.

No entanto, se a intenção for passar um Natal como nos filmes, com muita neve e aproveitando para praticar (ou tentar, como no meu caso) esqui, na província de Teruel, cerca de uma hora e meia de Valência, há duas estações para a prática deste esporte: Javalambre e Valdelinares. Nelas é possível contratar aulas para principiantes e ambas contam com pistas para famílias, crianças e para aqueles que já estão mais familiarizados com o esporte.

É possível alojar-se nas proximidades das estações, mas para os que preferem aproveitar somente um dia para esquiar, é perfeitamente possível sair de Valência pela manhã e voltar quando as pistas fecham. A viagem é tranquila e curta. Como não sou muito boa em esportes de inverno, posso dizer que recomendo experimentar o chocolate quente vendido por lá (talvez tenha passado mais tempo aproveitando o chocolate do que as pistas).

Paisagem na estação de esqui de Valdelinares - acervo pessoal
Paisagem na estação de esqui de Valdelinares – acervo pessoal

Por fim, para os que gostam de caminhar e de montanhismo, a região conta com diversos parques onde é possível visitar e praticar estes esportes. Ainda não tive a oportunidade de conhecer todos eles, mas recomendo o Parque Natural de Peñón de Ifach, em Alicante e perto de Valência. O local é muito bonito e há uma trilha onde é possível subir até o topo da montanha (na realidade é uma pedra) e apreciar uma vista maravilhosa de toda a cidade e da praia, banhada pelo Mediterrâneo.

Para quem tiver interesse em fazer a trilha e subir até a pedra, recomendo que se use roupas adequadas e calçados confortáveis, de preferência que tenham boa aderência e não deslizem muito. Uma parte dela tem o caminho todo de pedras e como muitas pessoas já passaram pelo local, elas estão escorregadias e meio soltas. Em um determinado momento há cordas para se apoiar e não cair, mas elas não estão por toda a trilha.

É importantíssimo verificar as condições meteorológicas do local antes de ir, pois dependendo do tempo que faz, eles podem autorizar ou não a subida. Após a caminhada vale a pena comer algo em algum dos restaurantes que estão à beira da praia da cidade de Calpe, onde está localizado o Peñón de Ifach.

Espero que tenham gostado das dicas para aproveitar um pouco o inverno espanhol, em especial aqui na Comunidade Valenciana e proximidades. Espero colocar em prática alguma destas minhas dicas este inverno também. Feliz Natal a todos e que tenham um ótimo Ano Novo.

Related posts

Vida de pueblo na Catalunha

Clara Nascimento Silva

Joshua Tree National Park na Califórnia

Natália Baldochi

Dez atrações em Niágara Falls

Vanessa Murcilio

2 comentários

Angela Dezembro 31, 2015 at 12:35 am

Verão eu adorei… Espero passar o inverno aí e fazer um desses passeios! Bjos

Resposta
Thais Maciel Gomes Dezembro 31, 2015 at 2:14 pm

Esse ano o inverno não está tão rigoroso por aqui, desses passeios ainda não dá para fazer o da estação de esqui, mas vale a pena pelos outros indicados.

Resposta

Deixe um comentário

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.

Este site ou suas ferramentas de terceiros usam cookies Aceitar Consulte Mais Informação