BrasileirasPeloMundo.com
Transporte Público Pelo Mundo Turquia

Transporte público na Turquia

Transporte público na Turquia.

Quando mudamos ou visitamos outro país, seja por motivo de turismo, trabalho ou outros, nada no início é tão prioritário como conhecer e compreender o transporte público local.

Quando me mudei para a Turquia, há pouco mais de um ano, olhava para os ônibus e estações de metrô e me perguntava: quando vou aprender o que esses nomes significam? Quando vou saber andar aqui sozinha? Quando vou saber para onde vou e como voltar? Quando…? Quando…? Eram tantas questões que me envolviam! Eu vim de mudança e precisava mais que depressa aprender a usar o transporte público para me sentir adulta novamente e independente, porque sem saber usá-los nos sentimos como crianças que precisam sempre de um adulto para guiá-las e cuidá-las, pelo menos era esse meu sentimento.

Observei que o transporte público em Izmir, cidade onde moro, é bem inteligente, rápido e eficiente. Os nomes são bem estranhos e difíceis de gravar e pronunciar, pelo menos para mim. Mas todos os ônibus têm nomes e números, ahhhh!!! Números!!! Minha salvação!! Era mais fácil mostrar com os dedos os números ao pedir uma informação do que tentar pronunciar palavras num alfabeto totalmente novo para mim. E assim foi: passei a observar os nomes e anotar os números. Com a tecnologia nas mãos, tirava fotos (risos), assim já não me perderia.

Em Izmir, contamos com vários tipos diferentes de transporte público: o ônibus, metrô, Izban, Tramvay, feribot, trem e dolmuş.

Os ônibus contemplam todos os bairros, circulam pontualmente e possui sistema eletrônico de cobrança feito através de um cartão. Não é possível o pagamento em dinheiro ao motorista. O que já vi acontecer e aconteceu comigo (risos) é alguém embarcar sem crédito no cartão e alguém dentro do ônibus se prontificou a pagar e receber ou não o valor da passagem (no meu caso, a pessoa não quis receber). A passagem custa, hoje, 3 Liras turcas, cerca de R$ 2,10.

O metrô contempla todas as regiões da cidade, norte, sul, leste e oeste, com estações nos maiores bairros e com extensões através do Izban, que é um tipo de metrô mais lento. A passagem também custa 3 Liras turcas. É sempre o meio de transporte mais rápido e mais utilizado, com uma estação dentro do aeroporto, o que torna mais fácil para quem chega ou sai de Izmir através da via aérea. O sistema de pagamento também é eletrônico.

Leia também: Como é morar na Turquia, um país muçulmano

O Izban é um sistema de transporte bem parecido com o metrô, apenas um pouco mais lento. É um auxílio nas extensões do metrô e nas vias principais porque contempla bairros que o metrô não contempla. No Izban o pagamento também é eletrônico e o valor pode variar de acordo com a distância. O valor mínimo é de 3 TL e o máximo de 11,84 TL, porém, é necessário haver no cartão o mínimo de 8 TL para o pagamento. Se o passageiro for a uma distância que custe 3 Liras, ao término da viagem, dentro da estação, há máquinas que em contato com o cartão do usuário realizam a devolução da quantia não utilizada. E para se chegar ao destino mais distante onde o valor é mais caro, há uma estação onde todos precisam descer e novamente validar o cartão porque acontece a troca de linha. Nesse caso, quem entrou com o mínimo valor necessário e vai ao destino mais longo precisará carregar o cartão com créditos.

Tramvay é um novo modelo de transporte adotado recentemente. É um trem elétrico que circula pelo centro de Izmir, fazendo ligações com linhas de ônibus, estações de metrô e Izban. A passagem custa 3 TL e o pagamento também é feito eletronicamente, nas catracas de entrada dos pontos.

Dolmuş são vans que circulam por todos os bairros, legalizados pela Belediye (prefeitura) e tem seus valores cobrados de acordo com a distância que o passageiro vai percorrer. O valor mínimo custa 2,75 TL e o máximo 4 TL. Os valores são pagos em dinheiro, direto ao motorista. Falamos onde vamos descer e ele faz a cobrança.

Feribot são barcas que transportam passageiros, automóveis e motocicletas de um bairro para outro por via marítima, tornando a viagem, além de rápida, um passeio turístico. Como Izmir é toda banhada pelo mar Egeu existem bairros bem distantes um do outro. Neste caso, tornando o feribot um dos meios mais fáceis e rápidos de locomoção para veículos e motos. Os valores cobrados são tabelados. Por pessoa, o valor é de 3 TL. Para veículos e motos os valores variam.

O Trem é o transporte mais utilizado para ir de um ponto a outro muito distante. Um distrito, por exemplo. E os valores variam de acordo com o ponto inicial e final.

Leia também: Custo de vida em Istambul

Em todos os transportes públicos, com exceção do dolmuş, o cartão eletrônico de cobrança é o mesmo, custam 6 TL. Qualquer pessoa pode adquirir e inserir a quantidade de créditos que desejar. Há cabines com atendentes nas estações e máquinas de autoatendimento. Também são vendidos em pequenos mercados e bancas, podendo ser carregado com créditos no mesmo local. O que há de comum nesses transportes pagos com o cartão é que quando há a necessidade de se utilizar dois deles, por exemplo, ônibus e metrô, metrô e izban, izban e ônibus, ônibus e tramvay, metrô e feribot, enfim, seja qual for a combinação dos dois transportes, com exceção do dolmuş, após 5 minutos do embarque, durante os próximos 90 minutos não há pagamento da segunda passagem. Quando passamos o cartão dentro desse período no segundo transporte, o valor é 0 TL.

Alunos da rede pública e privada e professores pagam somente 50% do valor.  Pessoas acima de 60 anos e policiais não pagam. Funcionários da Belediye (prefeitura) que trabalham nos meios de transporte não pagam, mas têm um limite de passagens diárias.

Related posts

Como se locomover em Barcelona

Carolina Lauzen

Transporte Público em Boston

Mariana Carvalho

Vandré Souza – empreendedor na Turquia

Cristhiane Mutlu

6 comentários

Bruno Backes Dezembro 21, 2018 at 2:59 pm

Eu tenho uma curiosidade, o pessoal ai da Turquia não te fala muito que você não se parece brasileira por causa da sua aparência? Eu não sei pq mas tem uns gringos que acham que no Brasil td mundo é negro kkk

Resposta
Cristhiane Mutlu Dezembro 26, 2018 at 1:51 pm

Bruno eu nunca ouvi isso, mas sempre ouço que não pareço brasileira porque sou magrinha. Acreditam que todas brasileiras tem o mesmo biotipo.

Resposta
Nayara Moreira Soylu Janeiro 16, 2019 at 1:01 am

Olá Bruno, eu já ouvi isso mesmo, e do meu marido que por sinal é turco. Quando nos conhecemos ele me falou que achava que no Brasil só tinha negros. Me lembro que Mostrei pra ele foto de uma amiga que é bem branquinha e loira e ele ficou chocado..hahaha ai expliquei pra ele toda nossa historia e origem..

Resposta
Bruno Backes Janeiro 24, 2019 at 3:43 pm

Nayara, mas isso ai aconteceu só uma vez ou acontece muito frequentemente com você

Resposta
Nayara Moreira Soylu Janeiro 16, 2019 at 1:13 am

Cristhiane são muitas opcçoes de transporte publico hem! Muito bom. Achei em conta se comparado com brasil e pela qualidade que parece ter.
Estou de mudança para a Turquia nos próximos meses. Creio que ficarei chocada com a diferença entre Brasil/Turquia nessa questão, e em muitas outras também.
Abraço.
Bju

Resposta
Cristhiane Mutlu Janeiro 21, 2019 at 6:28 pm

Com certeza verá muita diferença, mas gostará! Já me adaptei bem ao uso e dependendo da cidade que visitará, o transporte público pode ser a melhor opção devido ao grande número de veículos que congestionam o trânsito, caso de Istambul.

Resposta

Deixe um comentário

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.

Este site ou suas ferramentas de terceiros usam cookies Aceitar Consulte Mais Informação