BrasileirasPeloMundo.com
Advogadas Pelo Mundo EUA Vistos & Cidadanias Pelo Mundo

Vistos para morar nos EUA

Sempre recebo pedidos para informações sobre vistos para brasileiros. Minha área de atuação não é essa, mas acabo aprendendo uma coisa aqui e ali. Para obter maiores detalhes para escrever esta matéria conversei com uma grande amiga e advogada na área de imigração, Alla Nowowiejski. A Alla é russa e sócia da firma Luggenbuhl. Ela trabalha muito com brasileiros e me ajudou a entender os vistos mais usados pelos brasileiros para entrar nos EUA.

No geral, os vistos de vinda para os EUA são de dois tipos: imigrante e não-imigrante. O visto imigrante é para pessoas que desejam morar permanentemente no país. O visto não-imigrante é para pessoas que desejam morar temporariamente, para turismo, tratamento médico, estudo, ou à trabalho.

Apesar de terem muitos tipos de vistos diferentes, minha matéria vai focar em 5 vistos: o H-1B, L-1B, L-1A, EB-5, e o EB-2.

Visto H-1B

O visto H-1B é um visto não-imigrante para o brasileiro que tem formação de uma instituição educacional de ensino superior (um bacharel, mestrado, ou doutorado), com 5 ou mais anos de experiência, e que trabalha numa profissão especial (eles definem como “especialty occupation”). Esse visto é mais usado por empresas americanas para recrutar e empregar profissionais de outros países por um período.

A tal “profissão especial” requer teoria, aplicação prática, e um conhecimento especializado na área. As profissões que são aceitas incluem engenharia, arquitetura, contabilidade, medicina e saúde, teologia, e artes, entre muitas outras.

O perigo com esse visto é a demissão ou mesmo sair do emprego onde foi patrocinado o visto. Neste caso, o portador do visto teria 3 opções: 1) encontrar outra empresa que patrocine o mesmo visto, 2) aplicar para outro tipo de visto não-imigrante, ou 3) voltar para o Brasil (ou país de origem).

Apesar de ser um visto não-imigrante, em certas situações é possível aplicar para residência permanente (ou para o green card). Geralmente, a duração máxima desse visto é de 6 anos.

Visto L-1B

O visto L-1B também é um visto não-imigrante que permite uma empresa americana com um subsidiária em outro país a transferir para os EUA um funcionário com conhecimento especial relacionado à empresa. O funcionário tem que ter no mínimo 1 ano de trabalho com a empresa. A duração máxima deste visto varia de 1 a 3 anos, mas pode ser extendido. A família do funcionário, incluíndo esposa ou esposo e filhos com menos de 21 anos também terão direito a um visto não-imigrante, geralmente na categoria L-2B.

Visto L-1A

O visto L-1A é bem parecido com o L-1B. Este permite: 1) uma empresa com escritórios nos EUA e em outro país a transferir executivos ou gerentes do outro país para os EUA, ou 2) uma empresa que não tem escritórios nos EUA a mandar um executivo ou gerente para os EUA para montar um escritório novo. A duração máxima deste vária entre 1 e 3 anos, mas também pode ser estendida as vezes até 4 anos a mais.

Visto EB-5

O visto EB-5 é um visto imigrante para um investidor que deseja imigrar permanentemente para os EUA. O visto requer que o investidor faça um investimento capital (sem pegar um empréstimo) de $1.000.000,00 em uma empresa americana. A aplicação deste visto precisa ser preparada com cuidado e com a ajuda de um advogado incluíndo um “business plan” detalhando o plano de ação. Uma das grandes vantagens deste visto é que a família do investidor também terá o mesmo tipo de status imigrante.

Para quem tem o dinheiro, este visto é uma forma de acelerar o rumo a cidadania americana. Depois do investimento o investidor receberá um greencard restrito com duração de 2 anos. Nesses 2 anos o investidor precisa criar (e provar que criou) 10 empregos para americanos nos EUA nessa nova empresa.

Se for comprovado que o investidor de fato criou os 10 empregos, daí então o green card fica sem restrições. O investidor pode aplicar para cidadania 5 anos depois que a restrição do green card for removida.

E quem que tem 1 milhão para investir aqui? Muita gente. Todo ano são permitidos a emissão de 10.000 vistos EB-5, mas em média são emitidos só de 5.000 a 7.000 por ano. Isso porque somente 15% dos que aplicam para esse visto são aprovados.

28cd3fd6-cf45-44ba-82f5-57cd42a25070

Visto EB-2

O visto EB-2 é um visto imigrante com 2 categorias para geninhos brasileiros: 1) para aquele que tem formação de ensino superior avançado, equivalente no mínimo à um mestrado ou superior; ou 2) para o brasileiro que demonstra um habilidade excepcional em ciências, artes, ou negócios/comércio, e demonstre que sua presença nos EUA irá consideravelmente beneficiar a economia, educação, e/ou cultura dos EUA. Que emoção, né? Como eu digo, esses são feras mesmo e vão deixar uma marca onde forem.

Um dos requerimentos deste visto é que a empresa patrocinadora faça uma verificação de que não existem trabalhadores americanos no mercado com o conhecimento e a experiência desejada. Para isso, a empresa tem que até publicar o emprego no jornal para verificar se aparece algum qualificado.

Essa matéria é apenas um resumo. Não explica os detalhes. Evite navegar o processo de imigração sozinho(a). Qualquer erro pode dificultar a saída do seu visto ou mesmo prevenir sua vinda.

Nesses casos, o barato acaba saindo caro. Consulte com um advogado brasileiro nos EUA se estiver pensando em imigrar, para saber qual visto é melhor indicado para sua situação.

Related posts

Onde morar em Los Angeles

Natália Baldochi

Amizade a longa distância

Cristina Wollenberg

Casamento e união estável na Espanha, qual é a diferença?

Susana Sawa Toledo

20 comentários

Paulo Junho 25, 2017 at 2:42 pm

Olá, tudo bem?
Atualmente minha esposa e eu moramos na Austrália e estamos pensando em nos mudar para os EUA. Você teria algum advogado que pudesse esclarecer e auxiliar no processo de aplicação para nos recomendar?
Muito obrigado!

Resposta
Thais Amaral Tellawi Junho 26, 2017 at 2:50 pm

Oi Paulo, obrigado por ler e pelo seu comentário. Te enviei meus contatos por email. Precisando de qualquer outro auxílio, estou aqui! Um grande abraço, Thais

Resposta
Roberto Agosto 22, 2017 at 8:36 pm

Olá Thaís, meu nome é Roberto. Eu e a minha mulher moramos em SP e estamos também estudando há um bom tempo de se mudar para os Estado Unidos. Já conhecemos bem o País viajando de turismo mais de 10 vezes e, procuro advogado de confiança e com muita experiência que possa preparar o processo de aplicação de visto, baseado em nossas habilidades. Você poderia me indicar ? Grato…abs

Resposta
Aneréa Elisa Dezembro 6, 2017 at 10:51 pm

Olá Taís, sou F1 aqui em Miami e gostaria de saber se há algum problema de troca de visto para EB-2 mesmo eu estando aqui nos EUA estudando.

Resposta
Thais Amaral Tellawi Dezembro 8, 2017 at 2:04 pm

Olá, obrigada por ler e comentar. Te enviei um email com meus contatos de advogados de imigração. Eles podem responder sua perguntar melhor que eu. Boa sorte!

Resposta
Leonardo Janeiro 16, 2018 at 4:51 pm

Primeiramente parabéns pelo artigo, foi muito esclarecedor! Gostaria tb que me enviasse por gentileza o contato dos advogados dos quais vc referiu nos comentários acima. Desde já agradeço sua atenção.

Resposta
Thais Amaral Tellawi Janeiro 25, 2018 at 5:13 pm

Oi Leonardo, obrigado por ler e comentar! Estou te enviando a lista de contatos por email. Podendo te ajudar de qualquer outra forma é só entrar em contato.

Resposta
Claudio Müller Fevereiro 5, 2018 at 8:56 am

Thaís, grato pelo artigo. Tem algum e-mail que possa te mandar minhas dúvidas? Referente a EB1, EB2, etc.
Saúde e sucesso a vc e família!

Resposta
Thais Amaral Tellawi Fevereiro 6, 2018 at 10:35 pm

Oi Claudio, obrigado por ler e comentar. Estou te enviando minha lista de contatos de advogados de lei imigratória.

Resposta
daniela matos Fevereiro 9, 2018 at 4:01 am

Ola Thais boa noite! Otima sua abordagem !! Obrigada por compartilhar.
Gostaria também de indicação de profissional de imigração para o caso do visto EB-2.
Desde já obrigada.

Resposta
Thais Amaral Tellawi Fevereiro 12, 2018 at 6:18 pm

Oi Daniela, obrigada por ler e comentar. Estou te enviando um email com meus contatos. Boa sorte!

Resposta
Fernanda Fevereiro 15, 2018 at 11:21 pm

Olá, Thais.
Ótimas informações. Poderia, por favor, compartilhar contatos de advogados de imigração confiáveis?
Obrigada!

Resposta
Elizabeth Abril 10, 2018 at 4:49 pm

Boa tarde, Thaís. Poderia me mandar os contatos de advogados de imigração de sua confiança? Gostaríamos, meu marido e eu, de aplicar para os vistos EB1 ou EB2. Obrigada

Resposta
Liliane Oliveira Abril 11, 2018 at 1:50 am

Olá Elizabeth,
A Thais Amaral Tellawi infelizmente parou de colaborar conosco.
Obrigada,
Edição BPM

Resposta
Alexandre Inácio Da Silva Abril 28, 2018 at 1:52 am

Olá Thaís, me chamo Alexandre, igualmente muitos brasileiros, tenho o sonho de morar nos EUA, porem não tenho nenhuma experiência no exterior. Preciso muito de assessoria para saber como posso fazer para realizar esse sonho. Não tenho uma grande formação escolar tampouco alguma habilidade fora do comum do tipo super inteligente, mas me apego ao sonho que tenho desde jovem que é morar nos EUA e quero muito realizar esse sonho. Será que você poderia me ajudar? Muito obrigado, por enquanto! Li bastante a seu respeito e percebi o quanto você é uma grande profissional e por isso peço sua ajuda. Agradeço novamente e tudo de bom!

Resposta
Liliane Oliveira Abril 30, 2018 at 1:59 pm

Olá Alexandre,
A Thais Amaral Tellawi infelizmente parou de colaborar conosco.
Obrigada,
Edição BPM

Resposta
Gisele Ramos Junho 10, 2018 at 11:47 pm

Oi Taís,

T d Bem? Também tenho interesse no visto EB2. Você poderia me enviar a sua lista de advogados que tratam do assunto?
Obs e parabéns!

Resposta
Liliane Oliveira Junho 11, 2018 at 1:30 pm

Olá Gisele,
A Thais Amaral Tellawi infelizmente parou de colaborar conosco.
Obrigada,
Edição BPM

Resposta
Johnatan da Silva Agripino Cardoso Outubro 27, 2018 at 4:01 am

Ola Thais
Moro no brasil estou pensando em ir morar nos EUA gostaria de informacoes.

Resposta
Liliane Oliveira Outubro 27, 2018 at 3:57 pm

Olá Johnatan,
A Thais Amaral Tellawi infelizmente parou de colaborar conosco.
Obrigada,
Edição BPM

Resposta

Deixe um comentário

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.

Este site ou suas ferramentas de terceiros usam cookies Aceitar Consulte Mais Informação