15 expressões e gírias americanas

2
458
Advertisement

15 expressões e gírias americanas.

Assim como os costumes e tradições assinalam traços históricos, as expressões idiomáticas e gírias refletem as transformações do casamento da linguagem oral com comportamento social.

Quando me mudei para este país não dominava muito bem o inglês de conversação. Se eu tivesse que conversar one-on-one (101), ou seja, com uma ou até duas pessoas eu podia me expressar e entender bem, mas participar de um bate-papo em grupo era um pesadelo. Eu achava que tinha entendido tudo mas bastava alguém me perguntar alguma coisa e eu respondia algo diferente. Boiava como uma garrafa vazia na piscina. Carleara Weiss escreveu no seu lindo texto O que aprendi e perdi em cinco anos nos Estados Unidos, que chegou aqui falando inglês fluentemente mas era engessado. Com o tempo e depois de muitas gafes percebi o quanto as expressões idiomáticas melhoraram minha comunicação.

Leia também: Expressões portuguesas que você precisa aprender

Devido a minha dislexia – descoberta somente depois dos 35 anos – todo processo de aprendizagem de idiomas é um tanto sofrível para mim. Na ocasião, intuitivamente tracei um plano para meus primeiros 6 meses aqui. Ao chegar aqui já ingressei no programa ESL English as a second language (Inglês como segundo idioma) na Universidade de Memphis e minha gramática melhorou nem tanto a fala. Meu propósito era aprender bem o inglês e fiz uma promessa para mim mesma: passar pelo menos 6 meses sem contatar outros brasileiros que moravam na redondeza. Wow! Foi difícil. Sempre nos expressamos melhor no nosso idioma nativo e nada melhor que compartilhar a experiência com os compatriotas. Depois dessa “iniciação”, estava sempre alerta para aprender algo novo e via oportunidades do café às aulas na academia. Tentei absorver o máximo possível. Confesso que no começo dói, parece que falta oxigênio no cérebro mas depois crescemos. Foi só assim para alavancar a fluência. Com o tempo percebi que precisava usar mais expressões idiomáticas e saber gírias locais para dinamizar a comunicação.

Abaixo segue uma lista de algumas expressões idiomáticas e gírias mais usadas. 

  1. Weirdo (gíria): quer dizer que alguém é estranho, pode ser também uma pessoa excêntrica.  
  2. Hipster (gíria): é uma pessoa moderna, atualizada e que se veste bem mas que opta por produtos alternativos e evita o que a massa está consumindo. Estas pessoas estão mais ligadas ao histórico e serventia dos produtos do que a marca.
  3. Dude (gíria): é a maneira de um homem se dirigir ou fazer referencia a outro homem. O significado original no dicionário é um homem muito bem arrumado. Mas, diz a lenda que os surfistas na Califórnia começaram a cumprimentar-se dizendo Dude, Hey Dude! O equivalente na versão brasileira seria E aí, cara!
  4. Redneck: ao contrário de dude, redneck é um termo pejorativo. Muitos acreditam que esse termo descreve o trabalhador e/ou morador do campo, mas a definição correta vai além do perímetro rural e está em toda parte. Na verdade, um redneck define uma pessoa culturalmente atrasada e desinformada.
  5. Piece of cake: provavelmente você já ouviu essa expressão super popular. Piece of cake que significa – literalmente – pedaço de bolo, mas nada tem que ver com o doce. Seu sentido é o equivalente em português a moleza. 
  6. Joint (gíria): é o cigarro da maconha. A lista de gírias para a maconha é imensa por exemplo, grass (grama), weed (joio), pot (panela), etc. Creio que aumentou pois muitos estados como a California e Colorado liberaram o uso, seja medicinal ou para lazer. 
  7. Buzz (gíria): indica que uma pessoa que está tentando relaxar-se através da bebida alcoólica ou maconha.
  8. High é um termo usado para descrever uma pessoa que está sob o efeito de álcool ou droga lícita e/ou ilícita. Geralmente, se fala que alguém está “high on something”.
  9. High & Dry: é outra expressão muito usada para indicar que uma pessoa foi deixada ou abandonada numa situação difícil. Exemplo: Austin foi deixado high & dry. Em português é o equivalente a alguém que foi deixado com uma mão na frente e outra atrás. 
  10. Badass (gíria): essa se refere a um profissional que é o melhor no que faz, que não se intimida facilmente e assume uma postura bastante competitiva. Taylor is a badass.
  11. Howdy (gíria): nasceu no Texas. É a combinação de how + do + you + do? = howdy. 
  12. Cool (gíria): quando uma pessoa concorda ou aprova algo fala cool.  
  13. Attitude: essa expressão se escuta bastante e faz referencia a alguém que está sendo esnobe, arrogante ou mal humorado. Exemplo: she is having an atitude. Ela está sendo arrogante.  
  14. Chill (gíria): indica relaxamento. “I’m chill” (tô tranquilo). Há muitas variações de chill como chill out ou chillax (chill + relax = chillax). Exemplo: Chill out dude!
  15. Plead the Fifth se refere à quinta emenda da constituição dos Estados Unidos, é parte da carta dos direitos. Essa emenda garante que as autoridades estatais não abusem do poder. Quando um cidadão fala “I plead the 5th” significa que ele/a não precisa responder a nenhuma pergunta que um policial ou oficial governamental faça. Adicionei esta expressão por causa do atual contexto político e social. Pode-se usar informalmente também quando alguém prefere não falar sobre um determinado assunto.              

Leia também: Verlan, um jeitinho bem francês de falar

São muitas expressões e gírias existentes. Se você gostou deste texto e quiser mais dicas deixe aqui uma mensagem e escreverei mais. Até breve!

2 Comentários

  1. Oi Alessanda! Concordo contigo, parece que quando passamos a entender as gírias, expressões idiomáticas, etc.é podemos falar que somos fluentes. Algumas já tinha ouvido, mas adorei aprender as novas! Obrigada! Bjs!

Deixe um comentário

Por favor inclua o seu comentário
Por favor escreve o seu nome aqui

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.