BrasileirasPeloMundo.com
Curiosidades Pelo Mundo Suécia

20 curiosidades sobre a Suécia

Desde que cheguei na Suécia, algumas coisas me chamaram a atenção e agora vim falar sobre elas.

Aqui estão as 20 curiosidades que eu notei morando em Estocolmo:

  1. Comprar bebidas alcoólicas:  Na Suécia você precisa programar a sua bebedeira enquanto está sóbrio. Basicamente, você só pode comprar bebidas alcoólicas em uma loja específica controlada pelo governo, o SytemBolaget. Ela fica aberta até as 19h durante a semana e aos sábados até as 15h. É, não da pra fazer uma vaquinha no final do churrasco e sair para comprar mais cerveja aqui não. Os supermercados vendem algumas bebidas, mas com no máximo 3,5% de álcool.
  2. Não pode beber na rua: Diferentemente do Brasil, mas como em muitos países da Europa e alguns estados dos EUA, é proibido tomar bebida alcoólica na rua. No início eu reclamei, achei que não fosse me acostumar mas, me adaptei tanto, que quando fui a Berlim achei um absurdo encontrar algumas pessoas bêbadas na rua. Foi uma sensação bem ruim e acabei me dando conta do quanto essa lei é ótima.
  3. Bêbado não entra em casas noturnas: Isso é real! Alguns amigos meus já foram barrados na porta por parecem “alterados”.
  4. Os pants (embalagens de bebida, tais como garrafa pet e latinhas) valem dinheiro. A moeda na Suécia é a Coroa Sueca (SEK), 1 SEK equivale a R$0,40. Ao comprar uma garrafa ou uma lata, além do preço do produto anunciado, você paga o pant (1 SEK por Lata/garrafa 600ml, 2 SEK por garrafa pet 1,5L/2L). Os pants podem ser devolvidos nos supermercados por meio de máquinas que captam as embalagens, somam os valores e te devolvem um voucher, que pode ser usado como desconto em sua compra no supermercado.

    Máquina coletora de garrafas e latinhas. Foto:Arquivo pessoal.
  5. Água da torneira: Aqui a água encanada é limpa e você pode pedir um copo de água da torneira em qualquer lugar. Inclusive, se algum estabelecimento negar água gratuitamente, isso é considerado crime! Alguns restaurantes fazem ainda mais: disponibilizam em um balcão uma torneira e copos para todos se servirem. Por isso, muitas pessoas optam por tomar água durante as refeições.
  6. Vários restaurantes disponibilizam água para os clientes. Foto: Arquivo pessoal.

    Leia também: Alguns Fatos e Curiosidades sobre a Suécia

  7. Caviar é muito barato: Eu paguei o equivalente a R$ 8,00 por um potinho de ovas de esturjão, mas ainda prefiro as de salmão. Dica: coma com torrada, French Cream e limão.
  8. O preço dos frios é bem diferente do Brasil:  salame é “barato” e mortadela é “cara”. O queijo Gouda e o Brie, considerados caros no Brasil, aqui são bem mais baratos que Muçarela.
  9. Os idosos usam uma espécie de andador que parece um carrinho. Assim eles se apoiam para andar, e ainda colocam seus pertences nele e não carregam peso. Eu achei tão prático que queria levar um para minha avó no Brasil!
  10. Tem muito carrinho de bebê em Estocolmo. Muitos. Inclusive carrinhos duplos. No começo eu não entendia o porquê de tanto carrinho mas, com o tempo, compreendi que as pessoas não usam carro por aqui, e é mais fácil você deixar uma criança de 5 anos num carrinho do que andando, principalmente no frio. Além disso, descobri que pessoas com carrinho de bebê não pagam o ônibus (mas não acho que seja por isso que há tantos carrinhos na cidade).
  11. Por falar em carrinhos de bebê, muitos deles são levados por homens. Os pais aqui são bem presentes. Mas não é pra menos, parte da licença maternidade deve ser do pai o que, a propósito, é uma ótima forma de diminuir a desigualdade entre homens e mulheres no mercado de trabalho.
  12. Em alguns shopping centers as lojas são abertas e emendadas uma na outra, sem divisão entre elas, como é comum no Brasil. É como se os shopping centers fossem feitos apenas de quiosques.
  13. Algumas lojas têm o formato de um labirinto, uma espécie de corredor, que te guia para passar por todos os produtos.
  14. A farmácia é controlada pelo governo e chama-se Apotek. Mas nem todas as Apoteks têm o mesmo preço, eles podem variar de uma para a outra.
  15. Restaurantes de Fast Food como McDonald’s, Burguer King e KFC são praticamente frequentados só por imigrantes, é raro encontrar suecos com suas famílias nestes locais.
  16. Por falar em imigrantes, a Suécia está recebendo muitos, principalmente árabes. É possível vê-los em praticamente todos os lugares, inclusive já há muitos supermercados e restaurantes árabes por aqui.
  17. Eu nunca vi um mendigo na Suécia. Já vi pedintes, mas eles estão sempre limpos e arrumados e não dormem na rua.
  18. A Suécia é um país bilingue. 95% da população fala inglês, inclusive os imigrantes. Após fazer o curso de sueco para imigrantes, eles, no caso, nós, podemos ingressar no curso de inglês gratuitamente. Mas, uma vez perguntei a uns suecos como eles aprenderam inglês e a resposta me surpreendeu: “-Assistindo televisão”. Eles me disseram que há diversos desenhos em inglês, com legenda em sueco.
  19. Na Suécia, assim como em outros países da Europa, a maioria dos fogões é de vitrocerâmica. No começo eu queimei várias comidas por não saber lidar muito bem com esse tipo de fogão mas, no final, acabei me acostumando e descobrindo como é ótimo. Além disso, a maioria das casas também tem banheira e máquina de lavar louça.
  20. A água quente que sai da torneira é aquecida por meio de um processo químico. Isso explica porque muitas meninas (assim como eu) têm queda de cabelo ao chegar por aqui.
  21. Eles têm feriados específicos para alguns doces. Por exemplo, o Fettisdagen (na Terça-feira Gorda, ou Terça-feira de Carnaval) é para comer Semla, um pãozinho de creme de cardamomo recheado com pasta de amêndoas e chantilly.

    O delicioso Semla. Foto by Pixabay.

Leia mais em: Curiosidades Suecas

Bem, espero que tenham gostado. Até a próxima!!!

Related posts

Sobrevivendo no trânsito em Tbilisi na Geórgia

Maíra Moscardini

Os franceses não são antipáticos

Ana Guida

5 motivos para morar em Gotemburgo na Suécia

Ana Laura Stål

1 comentário

Monique Garcia Abril 10, 2019 at 2:18 pm

Oi, Cris! Adorei seu texto!!!

Resposta

Deixe um comentário

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.

Este site ou suas ferramentas de terceiros usam cookies Aceitar Consulte Mais Informação