BrasileirasPeloMundo.com
Suécia

Do Brasil para a Suécia: checklist para mudar de país

Como prometido no meu último texto, vim falar sobre todos os procedimentos que tive que fazer para deixar o Brasil e vir para a Suécia. É claro que cada item dessa lista varia de pessoa para pessoa. Quem têm filhos deve se preocupar com escola, tem pessoas que se mudam para estudar e devem se preocupar com matrícula etc. Mas sei falar sobre mim: no meu caso eu recebi uma proposta de emprego para trabalhar em Estocolmo (falo mais sobre isso nesse post). Vamos à lista:

  1. Passaporte: meu passaporte estava vencido já fazia alguns meses e, portanto, tive que renová-lo. Lembrando que para viajar para a Europa é necessário passaporte com pelo menos três meses de validade. Para tirar o passaporte é necessário agendamento prévio pelo site da Policia Federal e pagar uma taxa de aproximadamente R$258.
  2. Visto: Passaporte renovado em mãos, foi a hora de aplicar para o visto. Como o meu era de trabalho, o processo foi iniciado pela empresa. A vaga de emprego deve ser primeiramente anunciada na Suécia, União Europeia (UE) e Suíça por pelo menos 10 dias. Caso ninguém se candidate, a vaga pode ser oferecida para nós, brasileiros. Assim, o primeiro passo foi enviar para a Empresa meus dados pessoais, e cópia de documentos etc. Depois de alguns dias, recebi um e-mail da Migrations Verket (agência de migração sueca) dizendo que a empresa já havia iniciado o processo do visto e assim pude dar continuidade (e, inclusive, adicionar o meu esposo como acompanhante). O valor para nós dois foi de 3 mil coroas suecas (SEK, mais ou menos R$ 1,2 mil) e levou 5 meses para eu receber a decisão.

Para saber mais leia: Permissão para trabalhar na Suécia

  1. Acomodação no novo país: Essa era a parte que eu mais temia, afinal, é superdifícil encontrar acomodação em Estocolmo a longo prazo, ainda mais quando não se está na cidade. A saída foi alugar um apartamento por dois meses, pelo Airbnb. E a dica aqui é: alugue o primeiro que te responder, pois é muito difícil receber até mesmo uma resposta, então se receber já corre pro abraço!
  2. Passagens aéreas: Visto na mão é hora de comprar as passagens aéreas. Você pode procurar passagens aéreas pelo Sky Scanner, Google Flight, Submarino Viagens etc. Dica: nós aproveitamos e fizemos um stop over de três dias em Lisboa. Essa é uma ótima ideia, já que não tem o custo da passagem aérea e você ainda descansa e se acostuma com o jet lag.
  3. Seguro Saúde: é obrigatório para quem visita a Europa, mas para quem tem visto de residência não é obrigatório. Mas se você está chegando na Europa, assim como eu estava, é aconselhável tê-lo, já que você levará pelo menos uns três meses para ter toda documentação em dia e poder acessar o sistema público de saúde.
  4. Saúde: como disse acima, ao mudar de país você provavelmente levará alguns meses até poder acessar o sistema público de saúde, então é bom fazer um check-up antes de cancelar seu plano de saúde. E não se esqueça de ir ao dentista, o que é é muito caro em muitos lugares do mundo, como a Suécia.
  5. Remédios: para se comprar remédio na Suécia é necessário receita (exceto vitaminas e remédios para gripe), e para se conseguir receita é necessário ir ao médico, e para ir ao médico é necessário ter acesso ao sistema público de saúde. A saída foi levar estoque de remédio para pelo menos quatro meses. E se você é como eu que toma remédio controlado, vai precisar levar um estoque. Dica: pedi para que meu médico escrevesse uma receita em inglês com os nomes dos remédios e a dosagem diária para evitar possíveis problemas.
  6. Dinheiro: uma forma de levantar dinheiro é vender seus bens como carro/casa. E foi isso que fizemos, até porquê não da para embarcar com seu carro ou casa hehe. Nós deixamos nossos carros em consignação em uma agência, mas como o dono é muito especial para nós (inclusive foi nosso padrinho de casamento), ele acabou comprando nossos carros antes de viajarmos. Dica: caso você não consiga vender seu carro a tempo, você pode deixar para que alguém de confiança faça o trâmite futuramente, basta deixar uma procuração para essa pessoa.
  7. Bancos: encerrar as contas bancárias que você não irá mais usar (é sempre bom manter pelo menos uma ativa no Brasil) e deixar um responsável legal pela sua conta que ficará ativa no Brasil.
  8. Traduções: nós traduzimos todos os documentos como certidão de casamento, diploma de universidade etc. Para isso, contratamos um tradutor juramentado no Brasil. Dica: Não existe ou é muito difícil encontrar tradutor juramentado em sueco, em inglês é suficiente. O valor é tabelado e custa R$70 cada folha.
  9. Certificado Internacional de vacina: a Suécia não pede obrigatoriedade da vacina contra a febre amarela, mas muitos países pedem e, por isso é aconselhável ter. Mantenha junto ao passaporte, pois nunca se sabe em qual país precisará fazer conexão ou até mesmo visitar.
  10. PID (Permissão Internacional de Direção): não é obrigatório, mas é interessante. Na realidade ainda não usamos para nada mas dependendo pra onde você viajar, é muito importante.
  11. Encerrar contas: é muito importante se lembrar de todas as contas que você tem no seu nome e encerrá-las antes de sair do país. Contas como Sem Parar, Net, Vivo, é importante cancelar todas elas antes de partir.
  12. Procuração: para se resguardar de possíveis problemas futuros, é aconselhável deixar uma procuração com plenos poderes para alguém de sua confiança. O preço é mais ou menos uns R$ 200.
  13. Desapego: uma das partes mais difíceis ao se mudar de país é o desapego. Olhar para todas as coisas e selecionar aquilo que é de fato importante e cabe em no máximo três malas é uma tarefa muito árdua. Dica: não doe tudo o que você não trouxer, lembre-se que você ainda voltará a visitar o Brasil e poderá trazer mais coisas em outras viagens.
  14. Despedida: a parte mais dolorosa, mas aproveita e faça tudo o que deseja. Visite seus avós, seus tios, seus primos, seus amigos, passe muito tempo com todas as pessoas que são especiais para você e vá viajar com o coração cheio de amor!
  15. Malas: compramos passagens para levar cinco malas de 23kg e mais duas malas de mão. Eu só tinha duas malas, então precisávamos comprar malas. O melhor custo benefício que encontrei foi um kit do tipo PMG no site do Carrefour, também haviam outras opções nas Lojas Americanas e no Submarino.

Leia também: De mala e cuia para a Australia: o que levar na mudanca

Documentação em dia, tudo arrumado, passagens aéreas em mãos e…partiu Suécia! Até o próximo post 🙂

Related posts

Mestrado em inglês na Suécia

Joana Pedroso

Como os suecos lidam com a morte

Verônica Ferreira Iwarson

Dicas para morar e estudar na Suécia

Elaine Dali

4 comentários

Sheila Maria Março 4, 2019 at 3:24 am

Olá. Sabe me informar se é preciso apostilar o seguro saúde antes de sair do país? Obrigada

Resposta
Cristiana Judar Março 4, 2019 at 5:21 pm

Olá Sheila,

Acredito que não. Pelo que pesquise, é necessário apostilamento apenas do PB4 (formulario emitido pelo Ministerio de Saude do Brasil que subistitui o Seguro Saúde).
No meu caso, eu fiz o seguro saúde mais por precaução, caso precisasse mesmo de um médico ou algo assim. Se você viaja já com visto de residencia, esse tipo de seguro é suficiente (pelo menos para a Suécia, não sei garantir em todos os Países).
Espero ter ajudado 🙂

Resposta
Viviane Passos trindade Março 9, 2019 at 12:52 pm

Olá Cristiana, tudo bem?
Meu marido acabou de receber uma oferta de emprego para Estocolmo e estou muito receosa com o custo de vida, escola para minha filha de 14 anos e saúde. Será que vc poderia me passar um contato para trocarmos uma ideia ?? Pode ser Facebook, Intagram, e-mail o que vc achar melhor.
De qualquer forma muito obrigada pelo post ele será muito útil.
Abraços
Viviane

Resposta
Cristiana Judar Março 22, 2019 at 7:24 am

Olá Viviane, claro!
Me procure no Instagram: @cristianajn e podemos conversar por lá!! 🙂

Resposta

Deixe um comentário

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.

Este site ou suas ferramentas de terceiros usam cookies Aceitar Consulte Mais Informação