BrasileirasPeloMundo.com
EUA Nova Iorque

5 atrações grátis em Nova Iorque, neste inverno

Atrações de graça em Nova Iorque, uma das cidades mais caras do mundo???? Sim, isso é possível!

Com a desvalorização do real perante o dólar americano, com todos os gastos que o final e início de cada ano geram e contando que estamos em Nova Iorque, nada mais justo do que pensar em controlar ao máximo o orçamento de uma viagem e/ou inclusive o orçamento de quem mora na cidade. Não é novidade para ninguém que há, sempre, muitas atrações acontecendo ao mesmo tempo e todos os dias em Nova Iorque e este post é dedicado àquelas atrações bacanas e, claro, de graça!

1)Gaits Soundscape 2017:Comemoração do início do inverno no High Line Park, o parque suspenso em uma antiga linha de trem, com um soundwalk ao longo do parque. Os participantes participam  do espetáculo à medida  que seus passos são transformados em sons, criando  assim uma peça de música coletiva, incluindo diferentes tipos de sons como metálicos, cordas de guitarra elétrica, de água, etc. A participação é totalmente gratuita, para todas as idades, e para participar basta fazer o download do aplicativo, para iPhone ou Android, e ir ao local às 17:30 no dia 21/12/17, pegar os alto-falantes portáteis(apenas para os primeiros 100 participantes usarem durante o evento). A caminhada começará às 18h nas ruas de Gansevoort e Washington, passa pelo High Line parque e termina na West 30th Street. Para mais informações acesse o site do evento.

O High Line Parque. (Foto: arquivo pessoal, reprodução não autorizada)

2) Brooklyn Botanic Garden: Está oferecendo entrada gratuita todos os dias de semana, até o dia 28 de fevereiro de 2018. A entrada no local geralmente custa US$ 15 para adultos e já oferece entrada gratuita às terças e sábados antes do meio dia. De terça a sexta-feira todas as semanas durante esta promoção, os amantes da natureza que procuram um pouco de respiro, da super agitada Nova Iorque, podem abusar do parque nos meses mais silenciosos do ano.

3) Luzes de Natal em Dyker Heights, no BrooklynSão casas típicas americanas, de um bairro residencial, super produzidas para o Natal. Muitos enfeites, luzes, músicas e turístas andando pelas ruas do bairro em busca da melhor foto. É lindo de ver mas o mais bacana é sentir como os americanos vivenciam o Natal. Isso já virou tradição há anos, tanto que tornou-se uma competição amigável entre os moradores do bairro. A dica é ir em um dia que não esteja chovendo pois é tudo ao ar livre e ir após o pôr do sol, quando as luzes ganham vida. O bairro fica tão em evidência nesta época do ano, que algumas agências de turismo até organizam tours para levar os clientes ao local, chama-se   “excursão de luzes de Natal” e cobram cerca de U$60 por pessoa. Minha opinião é que não precisa de tanto, basta pegar seu carro e um GPS para chegar ao local. E lá não se paga nada!  Vai até o dia 4/1/18. As principais ruas que devem ser visitadas ficam na 11th Avenue até a 13th Avenue e também entre as ruas  83rd Street e  86th Street.

Dyker Heights, no Brooklyn. (Foto: arquivo pessoal, reprodução não autorizada)

4)Decoração natalina de Midtown, em Manhattan: Falando de grandiosidade nas decorações de Natal, o bairro de Midtown vai superar sua expectativa. As famosas 5a (quinta) e 6a (sexta) avenidas são praticamente embrulhadas para presente de Natal. Vale muito fazer este passeio com calma, para admirar todo esse capricho, minhas dicas de locais que não podem deixar de serem notados:

  • Bloomingdale’s (Lexington Avenue X 59th Street): Vitrines e o interior da loja são atrações de encher os olhos.
  • Tiffany & Co (5th Avenue X 52nd Street): A famosa loja do filme “Bonequina de Luxo” já é um atrativo por si só, mas na época do Natal ela ganha muitas luzinhas e fica delicadamente iluminada.
  • Saks Fifth Avenue (5a Avenida entre 49th e a 50th Street – em frente ao Rockefeller Center): Muitas luzes e música fazem toda a fachada dessa loja, que já virou ponto turístico nesta época do ano.
  • Lord & Taylor (5a Avenida X 39rd Street): Vitrines animadas, cada uma com uma mágica historinha diferente.
  • Macy’s (6a Avenida X 34th Street): Impossível passar despercebida! Porque além do imenso letreino luminoso com a palavra “Believe” (Acredite) e das vitrines super decoradas, você vai encontrar um tumulto de turistas se espremendo por uma foto.O tema das vitrines deste ano é “O presente perfeito tráz as pessoas juntas”.O interior da loja também vale a penas ser visitado. Há um local com uma vila de Papai Noel para tirar foto com as crianças, mas não é como no Brasil que uma foto com o bom velhinho é  grátis, em Nova Iorque todos (TODOS) os locais que tem Papai Noel tirando foto são (bem $$$) pagos!!! Tudo fica decorado até o dia 1/1/18.
Decoração natalina na 6a avenida, em Manhattan. (Foto: arquivo pessoal, reprodução não autorizada)

5)Bryant Park Village: Quando a Pista de patinação de gelo de 17 mil metros quadrados e mais de 150 quiosques (lojinhas e alimentação) se abrem no Bryant Park, significa que o Natal em Nova York chegou oficialmente. A entrada é grátis, assim como ao acesso a pista de patinação (apenas leve os patins ou alugue no local). Tudo acontece no Parque (41W 40th Street entre a 6a e 5a Avenidas), todos os dias e  funcionará até o dia 4/3/18.

Bryant Park Holiday Village. (Foto: arquivo pessoal, reprodução não autorizada)

Um roteiro de viagem de Nova Iorque é só o começo da sua aventura pela cidade que nunca dorme. Existem inúmeras possibilidade de explorar a cidade, para os mais variados gostos e objetivos. Apesar de nem todas as atrações em Nova Iorque serem gratuitas, existem muitas promoções sazonais que valem a pena serem pesquisadas antes de montar seu roteiro. Caso tenha interesse em um roteiro personalizado, todinho seu, que otimize seu tempo, seu dinheiro e ainda te deixe a certeza de ter aproveitado cada minutinho da sua viagem, fale comigo!!!

Seja em Nova Iorque ou na sua cidade do coração, desejo que você tenha um final de ano de paz, com muita saúde e ao lado das pessoas que te fazem bem!

Boas festas e até 2018!

Related posts

Tempos de mudança: expectativas e angústias

Renata Salas Collazo

Mudança com cachorro para os EUA

Roberta Caraco

Huntington Beach: a cidade dos cachorros

Raiane Rosenthal

Deixe um comentário

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.

Este site ou suas ferramentas de terceiros usam cookies Aceitar Consulte Mais Informação