BrasileirasPeloMundo.com
Curiosidades Pelo Mundo Guatemala

9 Curiosidades sobre a Guatemala

Curiosidades sobre a Guatemala.

1 – Guatemala é considerada o coração da civilização Maia

Até o século 15, os Maias representavam o grupo indígena mais importante da América Central. Era uma civilização muito avançada com conhecimentos de matemática, astronomia, medicina, arquitetura e criaram sua própria escrita através de símbolos, os conhecidos hieróglifos. Dominavam a região sul do México, a Guatemala, Honduras e Belize (que fazia parte da Guatemala), com grande concentração em Tikal, Guatemala.

Tikal, uma das mais majestosas cidades da civilização Maia, fica na atual reserva de El Petén, na parte norte da Guatemala. Conta com um impressionante sítio arqueológico, onde muito pouco foi escavado. Com construções datadas do século VII a IX a região é um dos maiores pontos turísticos do país.

Embora a língua oficial seja o espanhol, ela não é universalmente compreendida
entre a população indígena; ainda são faladas várias línguas maias, em especial em áreas rurais.

Podemos ver as influências Maias na língua, na religião, no vestuário, no artesanato da Guatemala.

2 – Vulcões da Guatemala

A Guatemala possui 32 vulcões segundo o Instituto Geográfico Nacional, sendo que 3 deles estão atualmente ativos:

Pacaya com 2.550 metros, atualmente é um parque nacional de grande atração turística e o preferido dos visitantes que querem ver e fotografar a lava. Sua atividade vulcânica é frequente e, ocasionalmente, faz erupções de grande força.

Vulcão Del Fuego tem 3,820 entrou em uma poderosa erupção em 3 Junho de 2018 deixando mais de 100 mortos e muitos desaparecidos. As cenas de vídeos no YouTube com a parede gigantesca de fumaça parece parte de uma produção fictícia de cinema.

Santiaguito possui em torno de 2,510 altitude. Esse vulcão se formou somente no início de 1900 devido a erupção de outro vulcão, Santa María. Em atividade desde 1922, não se sabe exatamente sua altura pois esta em constante alteração.

A civilização Maia vivia longe dos vulcões, mais ao norte do país, porém devido à produção de café que é feita nas regiões montanhosas, as cidades começaram a crescer cada vez mais em torno dos imprevisíveis vulcões.

Leia também: Primeiras impressões da Guatemala

3 – O criador do aplicativo Duolingo e do captcha é Guatemalteco

Luis von Ahn, nascido na capital em 1978 é empreendedor e professor. É cofundador e CEO da plataforma de ensino de línguas mais famosa do mundo, Duolingo, que tem como objetivo fazer do ensino de idiomas divertido e gratuito. É também o fundador da companhia reCAPTCHA, que foi vendida para o Google em 2009.

Captcha é aquele validador chato que confirma que um usuário não é um robô em diversos sites pela internet, funciona como um validador e precisamos selecionar um botão ou fotos.

4 – Parte do Café da Starbucks é Guatemalteco

De qualidade inquestionável para os coffee lovers, o café da Guatemala é também consumido em boa parte do mundo devido a rede Starbucks que realiza compras de produtores locais na região de Antígua e o distribui para sua rede de lojas pelo mundo.

5 – Guatemala tem praia com areia preta

Ao sul da Guatemala estão as areias das praias brancas cobrindo a Costa do Caribe, enquanto as praias do Oceano Pacífico são cobertas por areia preta.

A paraia e reserva de Monterrico é super popular na Guatemala devido ao belo cenário de areaias preto contrastando coma as ondas de espuma branca. A coloração diferente é formada pelas cinzas vulcânicas que fazem a areia ser escura.

6 – Guatemala é um dos principais produtores de jade do mundo

Há dois tipos de jade, e a jadeíte que o tipo mais denso e duro, e também a mais rara e difícil de se obter é encontrada somente em quatro países em todo o mundo: Rússia, Japão, Myanmar e Guatemala.

Atualmente usada como componente de jóias, é usada há mais de 5 mil anos em armas, ornamentos e ferramentas.

Em Zacapa, um município próximo à capital do país se encontra Sierra de las Minas e Valley of the Motagua River são as principais fontes dessa pedra desde os tempos da civilização Maias até os dias atuais.

Segundo historiadores e cientistas, Jade era símbolo de riqueza, poder, status e principalmente vida na cultura Maia. Era considerada um passaporte para o outro mundo e usada pelos nobres em suas tumbas em forma de anéis, braceletes, máscaras funerárias, entre outros.

O trabalho feito com pedra de jade pelos Maias é impressionante, considerando suas ferramentas rudimentares da época.

Atualmente muitos acreditam que jade é um cristal que promove harmonia entre corpo e mente. É possível encontrar lojas na Guatemala que fazem o trabalho de extração e trabalham com pessoas locais que seguem as tradições de seus ancestrais Maias.

7 – Inspiração para o autor do livro Pequeno Princípe

Em 1938, o avião de Antoine de Saint-Exupéry, autor do livro O Pequeno Príncipe (Le Petit Prince), caiu na Guatemala. Durante a sua recuperação, ele passou algum tempo no Lago Atitlan, um lago vulcânico há cerca de três horas fora da Cidade da Guatemala.

Lá, segundo a lenda, ele viu o Cerro de Oro, “colina de ouro”, que inspirou um desenho e uma cena em O Pequeno Príncipe, publicado em 1943. O morro, sentado à beira do belo lago vulcânico, se assemelha um elefante com uma jiboia se arrastando na cabeça e cauda como se estivesse sendo consumido.

Os baobas, a famosa árvore do livro, paradoxalmente semelhante à Ceiba, é a árvore nacional da Guatemala. Os Maias realizavam ritos sob a copa da árvore sagrada, Ceiba, que chega até 50 metros de altura.

8 – Documentário vivendo com 1 dólar foi filmado aqui

Dois americanos estudantes de economia queriam saber, na prática, como era a vida das pessoas que ganham o equivalente a 1 dólar por dia.

Em 2013 eles passaram 56 dias com outros dois cinegrafistas na Aldeia Pena Blanca no interior da Guatemala. Os quatro passaram pela experiência de como é viver na pobreza a documentaram como foram suas semanas nesse vilarejo afastado do país.

Com avaliação de 7.4 no IMDB, o projeto Living on One Dollar teve o objetivo de mostrar como vivem mais de 1 bilhão de pessoas ao redor do mundo. Há versão em português no You Tube também.

Os autores possuem também palestra no TEDx.

9 – Significados da Bandeira Guatemalteca

A bandeira da Guatemala (imagem acima) é constituída de três faixas: uma branca e duas azuis. A faixa branca simboliza a paz e as azuis representa o fato da Guatemala ser uma terra entre dois oceanos – o Atlântico e o Pacífico. No centro vemos a representação do pássaro quetzal e a data da independência do país: 15 de setembro.

Related posts

A corrida da morte na Ilha de Man

Priscila Valverde

Sexta-feira Negra ou Black Friday

Alessandra Ferreira

A surpreendente Bogotá

Thaís Lima Galetti

Deixe um comentário

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.

Este site ou suas ferramentas de terceiros usam cookies Aceitar Consulte Mais Informação