BrasileirasPeloMundo.com
Argentina

Argentina – Política, primavera e fé

A eleição presidencial está chegando e as coisas estão se complicando. O dólar blue já está chegando aos 16$ e isso faz com que a inflação dispare; os preços não param de subir. A caixa do leite que era 15$ há duas semanas, agora custa 18$. Aumentam algumas acusações sobre os candidatos presidenciais e houve um grande escândalo na Província de Tucumán, pois a eleição para eleger o governador teve diversas acusações de roubo de boletas. Muitos filmaram, via celular, pessoas levando sacola de mercado cheia de boletas para dificultar que as pessoas votassem; policiais sofrendo atentados e compra de votos. A população não aceitou o resultado e passou duas semanas indo às ruas, protestando contra o resultado. O clima político esquentou bastante com isso.

Tucumán mobilizou o país e, no último dia 16/09, a Justiça Eleitoral dessa província cancelou a eleição. Contudo, a Justiça Eleitoral Nacional não quer aceitar a decisão. E isso está causando um grande reboliço no país inteiro. A população reagiu e começou a exigir mais transparência em todos os próximos domingos de eleições.

tucuman O tal debate eleitoral ainda não saiu e depois do escândalo de fraude em Tucumán estamos achando que não vai acontecer.

Saindo desse assunto, ainda tivemos um susto na noite de 16/09 com o terremoto do Chile que reverberou em muitos lugares da Argentina, incluindo Buenos Aires. Eu estava no centro da cidade e lá não sentimos nada. No entanto, dez ruas adiante, um amigo que também estava dando aulas teve o prédio evacuado porque estava balançando e o noticiário noturno não falava sobre outro assunto.

O caso Nisman, lembram dele? Pois é, o promotor de Justiça apareceu morto em janeiro com um tiro na nuca e ainda (!!!) não conseguiram definir a causa da morte. Toda semana aparece alguma notícia sobre o caso. Acho que finalmente criaram o crime perfeito, pois nem saber a causa da morte parece ser possível.

O país está se preparando para a primavera. É uma época muito bonita. Todos amam os dias ensolarados, mesmo que na sombra ainda esteja um frio daqueles. Os parques começam a ficar mais cheios, as árvores já estão ficando floridas e o tom violeta começa a tomar conta de muitas ruas da cidade. Porém, nem tudo é somente beleza com a chegada da estação das flores. Algo interessante aqui e que eu nunca tinha visto quando morava no Brasil é a quantidade de pólen. Há dias que caminhamos e vemos os pontinhos voando. Nesta semana, por exemplo, há tanto pólen que podemos vê-los acumulados pelas calçadas, pois tem ventado bastante. O problema é que muitas pessoas têm alergia a ele e, com essa quantidade, fica realmente difícil apreciar a estação com felicidade. Conheço alguns brasileiros que descobriram (morando aqui) que tinham alergia ao pólen. É muita quantidade.

E, com a primavera, chega também a Peregrinação à Catedral de Luján.

peregrinación a lujan 2015_01
Fonte: http://peregrinacionlujan.org.ar/

Já tive curiosidade e vontade de participar, mas confesso que sempre desanimo. São 60 Km. A caminhada tem a duração total de 15h45, saindo de Liniers (bairro da capital) num sábado à tarde e termina um pouco antes das 7h do domingo quando os peregrinos chegam à cidade e na catedral de Luján. Essa peregrinação começou em 1975 e muitos jovens participam. Já tive diversos alunos, ao longo dos anos, que se preparam e vão com amigos ou família para essa caminhada. Há postos de auxílio espalhados pelo caminho, onde as pessoas descansam um pouco enquanto comem e bebem água. Há diversos banheiros químicos. Os moradores também oferecem seus banheiros aos peregrinos. Outros pedem para não trabalhar na segunda-feira porque as pernas estão como geleias ou os pés com bolhas.

peregrinación a lujan 2015_02
Fonte: www.chacabuconoticias.com.ar

É considerado hoje o maior evento massivo do país por causa do número de pessoas que participam todos os anos. Acontece no primeiro sábado de outubro. Neste ano, a 41ª Peregrinação Juvenil de Luján será no sábado 03 e já está sendo organizada. Quem quiser participar tem que obter todas as informações necessárias na paróquia mais próxima e também no site oficial.

 

Related posts

STS: Saudade, Tristeza e Solidão

Ina de Oliveira

Dá para comprar casa em Buenos Aires?

Fabi Lima

O dia em que eu saí de casa

Alice Trindade

Deixe um comentário

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.

Este site ou suas ferramentas de terceiros usam cookies Aceitar Consulte Mais Informação