Como abrir conta bancária na Bulgária

0
219
Foto: pixabay.com
Advertisement

Como abrir conta bancária na Bulgária.

Para quem acabou de chegar, está de mudança marcada, ou até mesmo pensando em vir para cá, abrir uma conta bancária na Bulgária parece ser uma tarefa complicada, mas ao contrário disso, é uma tarefa bem simples e rápida.

Claro que tudo depende do banco, mas na maioria deles essa operação é bem mais tranquila do que se imagina. Vou contar hoje sobre a minha experiência nesse processo, tirar algumas dúvidas frequentes e também contar algumas curiosidades sobre esse assunto.

Quando cheguei pela segunda vez aqui, tive a necessidade de abrir a minha conta, já que para começar o processo do visto que eu estava tirando, você tem que possuir uma conta aqui, e a conta tem que ter uma quantidade ”X” de dinheiro, para somente depois, os dados serem enviados para a Polícia Federal búlgara.

Atualmente, eu possuo contas em dois bancos diferentes. Quando abri minha primeira conta, eu tinha apenas os seguintes documentos: um visto temporário, meu passaporte, e um comprovante de residência do Brasil; não tive problema algum, foi super rápido e fácil, lembrando que essa primeira conta era uma conta poupança, no banco DSK.

Menos de uma hora depois de chegar ao banco, já possuía minha conta, que ainda por uma taxa anual em média de 20 euros por ano, ainda tinha a opção de ter um cartão para que pudesse realizar saques e compras. Na abertura de qualquer conta, em qualquer banco, é necessário o depósito de um valor mínimo na conta aberta, que geralmente é de pelo menos 50 levas (o equivalente a 25 euros).

No outro banco em que tenho conta, o CCB (Central Cooperative Bank), eu abri uma conta corrente e outra poupança, (depois de 3 anos da abertura da primeira). Abri uma conta nesse banco, pois fui informada que ele é o banco com as melhores taxas na Bulgária. Quando cheguei, a minha gerente me pediu a minha carteirinha de identidade búlgara e um comprovante de residência búlgaro. Aqui na Bulgária, é mais comum as pessoas usarem cartão de débito, os búlgaros raramente possuem cartões de crédito, e quando possuem, geralmente o limite é bem baixo.

Aqui, para você conseguir um cartão de crédito, é necessário todos os documentos que já citei acima para abrir uma conta, e também é necessário você estar trabalhando, levando algum comprovante da sua renda. Outra curiosidade é que em cidades pequenas os restaurantes (e às vezes, até mesmo os hotéis) não possuem a opção de pagar com cartão, apenas com dinheiro. Aqui também não existe compra parcelada no cartão como tem no Brasil, porém algumas lojas oferecem esse serviço (geralmente lojas de eletrodomésticos), mas é realizado com um contrato a parte, não tem nada vinculado com o cartão ou o banco, geralmente são com outras empresas de crédito que oferecem esse serviço.

Leia também: como abrir conta bancária no exterior

Serviços bancários

Quando você abre a conta, para ter algum tipo de serviço, como ter a opção de usar o banco online do computador ou do seu celular (que inclui fazer transferências e pagamentos online, entre outros processos) você tem que pagar um pacote separado; geralmente, esse pacote é anual. Há alguns pacotes que incluem depósitos e transferências no caixa, entre outros serviços, então é melhor tirar a dúvida com o seu gerente, e ver o que melhor se encaixa ao seu dia a dia, e a suas necessidades.

Depósitos em conta e transferências

Todos os bancos cobram para fazer depósitos que, geralmente, são feitos no caixa do banco (eu moro em uma cidade pequena, e aqui não existe a opção de depositar em caixa eletrônico como no Brasil, porém, não sei se em uma cidade maior como Sofia, PlovdivVarna e Burgas, existe essa opção).

Esse depósito geralmente custa por volta de 6 levas (o equivalente a 3 euros). O que geralmente eu costumo fazer é depositar o valor na minha conta e depois transferir para a pessoa, pois fica mais barato (fazendo isso, eu pago menos de 2 levas, se a pessoa possuir a conta no mesmo banco que eu).

Empréstimos

É muito difícil um estrangeiro conseguir um empréstimo aqui, porém se o valor não for muito alto é possível, você deverá estar trabalhando e ter um comprovante de renda.

Espero ter esclarecido algumas dúvidas e ter simplificado esse processo que muitas vezes é complicado. Mas ainda bem que aqui na Bulgária é uma tarefa simples, diferente de vários outros países na União Europeia.

Leia também: Custo de vida na Bulgária e 10 motivos para morar na Bulgária

Deixe um comentário

Por favor inclua o seu comentário
Por favor escreve o seu nome aqui

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.