BrasileirasPeloMundo.com
França Turismo Pelo Mundo

Como viajar por 1 Euro no sul da França

Como viajar por 1 Euro no sul da França.

Uma das razões pelas quais me animei muito em me mudar para a França foi a possibilidade de estar na Europa e poder conhecer novas cidades e países! Sempre amei viajar, mas as viagens nunca foram na quantidade que eu gostaria, como vim de uma família de classe média e ainda casei cedo (leia-se muitos gastos e nem tanto dinheiro!). Para viajar, sempre precisei de um certo planejamento, todas as férias eram planejadas com uma certa antecedência e, pela minha profissão (trabalhei um tempo em uma clínica psiquiátrica e depois atendia aos sábados), até mesmo viagens de final de semana precisavam ser muito bem programadas. Então, quando meu marido e eu decidimos vir para Montpellier, imaginei que poderíamos viajar com uma frequência maior do que fazíamos no Brasil!

Mas, chegando aqui, vimos que a realidade não seria tão maravilhosa como o que havíamos planejado (afinal de contas, me conte alguém que imigrou e os planos não saíram diferentes do planejado, não é mesmo!?). Na cidade aonde moramos, apesar de ter um aeroporto, existe apenas uma companhia low-cost (de baixo custo) que opera, e ela tem pouquíssimos voos. Os ônibus acabam sendo relativamente baratos, mas as viagens são mais longas o que complica quando falamos de um bate e volta e as passagens de trem, por dentro da Europa, não são lá tão baratas (acabei descobrindo que elas acabam sendo mais viáveis quando a compra é feita com uma certa antecedência). Ou seja, para podermos fazer viagens no esquema bbb (bom, bonito e barato), não daria pra ser tão sem planejamento assim.

Mas, apesar desse pequeno balde de água fria, comecei a pensar em uma forma de me ater ao plano de conhecer uma ou duas novas cidades por mês, tentando gastar o mínimo possível, para tentar aproveitar o tempo em que o marido e eu ainda estamos com a agenda um pouco mais livres, e foi assim que descobrimos um site incrível que existe para a região aonde moramos: a Occitanie.

Depois de um tempo que estávamos por aqui, um outro amigo que adora viajar e também não dispunha de tanto dinheiro assim, nos apresentou o site: “Train à 1 Euro” , em que você tem a possibilidade de comprar passagens por um Euro, por toda a região, porém não são para todos os dias e nem todos os horários. Pelo que está escrito no site, a companhia reserva uma certa quantidade possível de assentos por trem, que podem ser vendidos por um valor mais barato. Por essa razão, é interessante comprar com uma certa antecedência e ir testando datas e horários, até você conseguir encontrar algo que te interesse e, quando encontrar, é importante levar, em mãos, a passagem impressa (eles são bem claros nas instruções, dizendo que não será aceito o ticket no celular ou tablet).

Leia também: custo de vida na França

Para realizar a compra, é necessário um pequeno cadastro e então o pagamento é feito por cartão de débito/crédito. Após a confirmação de compra, você recebe um e-mail, tudo muito simples! Acho importante falar que o site, à primeira vista, pode parecer muito simples, mas, como um amigo disse, um site é comprovadamente francês quando ele é bem simples (parecido com sites bem antigos do Brasil) ou um pouco desorganizado! Mas, fique tranquila! Já comprei por esse site e deu tudo certo! Com as passagens desse site, já conhecemos as cidades de Avignon, Sète e Nîmes, mas como você pode ver nesse link existem muitas outras ainda para conhecermos!

Avignon 

Ao contrário do que muitos podem imaginar, Roma não foi desde sempre a cidade sede da Igreja Católica. Durante o período de 1309-1377 o Palácio dos Papas foi a residência oficial de 7 papas católicos e continua sendo uma obra arquitetônica de suma importância, sendo uma das maiores e a mais importante arquitetura gótica da Europa. O palácio faz parte do Centro Histórico de Avignon, tombado pela UNESCO como Patrimônio Mundial em 1995.

Em Avignon, ainda é possível visitar a famosa (para aqueles que sabem falar francês) Ponte de Avignon, pois ela faz parte de uma das músicas clássicas infantis francesas, daquelas que toda a criança sabe cantar e que todo mundo escuta quando está aprendendo o idioma.

Nîmes

 

 

Apesar de ser uma cidade no sul da França, tenho certeza que as atrações da cidade jamais passariam pela sua cabeça como locais que você poderia encontrar por aqui! A principal atração turística da cidade é uma Arena Romana! Sim, isso mesmo! Ela foi construída em 27 A.C pelo Imperador Augusto. Segundo a visita que fizemos, hoje em dia ela é a Arena mais bem conservada do mundo e, todos os anos, são realizados Jogos Romanos com personagens a caráter, além de peças que remontam histórias da época em que a Arena estava em atividade.

Um outro ponto turístico muito interessante são as ruínas de um templo dedicado à Deusa Diana, situado no Jardim de la Fontaine, um jardim enorme e belíssimo!

Se você gostou desse post com algumas dicas de viagem, aqui nesse post conto um pouco mais sobre outras cidades no Sul da França que são acessíveis de forma simples e nesse outro post apresento a cidade em que moro, Montpellier.

E você? Tem dicas de viagens baratas aonde você mora ou em algum lugar que você já conheceu? Compartilhe nos comentários que eu vou adorar saber!

Related posts

A bela cidade Gent na Bélgica

Ana Elisa Miranda

Eleição presidencial na França

Amy-Carole Diene

Festival de Tulipas em Istambul

Anna Carvalho

2 comentários

Marcella Delfraro Novembro 1, 2017 at 9:02 pm

Adorei a dica do trem a 1 euro ! Vou testar !

Resposta
Júlia Lainetti Novembro 2, 2017 at 10:28 am

Oi Marcella! As vezes pode ser difícil de encontrar passagens disponíveis, mas com certeza vale a pena! 🙂

Resposta

Deixe um comentário

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.

Este site ou suas ferramentas de terceiros usam cookies Aceitar Consulte Mais Informação