BrasileirasPeloMundo.com
Estudando Pelo Mundo Rússia Universidades pelo Mundo

Curso de Medicina na Rússia

Curso de Medicina na Rússia.

A medicina aqui na Rússia, assim como no Brasil, conta com seis anos de estudo.

Quando cheguei, inicialmente, estudei em Kursk, uma cidade pequena mais afastada. Porém um semestre foi tempo suficiente para que eu me transferisse para São Petersburgo, onde hoje curso o segundo ano na “Pavlov First Saint Petersburg Medical University“. Mais adiante falarei sobre Kursk.

Para os estrangeiros, entrar na faculdade é mais simples do que para os russos. Eles fazem uma prova que é semelhante ao Enem e com a nota dela fazem a aplicação para as faculdades, mas eles também tem a opção de tentar o vestibular da faculdade.

Só que para eles poderem fazer a prova de entrada da faculdade, é necessário que tenham todas as notas do histórico escolar acima de 80%, só assim eles tem a chance de se inscrever.

Existe uma nota estabelecida e os alunos que atingem essa média na prova conseguem estudar de graça, já aqueles que conseguirem apenas a nota mínima, tem que pagar pelo curso.  Para os alunos aprovados, é feita uma cerimônia de recepção de boas vindas, em que o Reitor, a Organização e o Conselho Estudantil da Faculdade os apresentam a faculdade e introduzem como será os seus próximos seis anos.

No caso dos estrangeiros, é necessário apresentar o histórico escolar e vir até a Rússia fazer as provas de entrada, que são 3 matérias: biologia, química e inglês. As aulas são todas em inglês e aprendemos o idioma russo ao longo do curso, é praticamente impossível estudar aqui sem falar inglês fluentemente. Quando eu fiz a prova de entrada vi duas pessoas reprovarem, devido ao inglês não ser suficiente.

Quanto à faculdade, é particular e temos a opção de pagar o semestre ou a anuidade, porém além da mensalidade o aluno precisa arcar com os custos da moradia, alimentação, as passagens aéreas para o Brasil, e todo o resto.

A faculdade oferece um curso para preparar os alunos para as provas de entrada e ensinar o idioma russo. Geralmente quem faz esse curso, que tem duração de um ano, já sai falando bem o idioma, já que eles tem aula de russo diariamente e as outras matérias que estudam também são todas ministradas em russo.

Aula
Aula

O sistema de ensino na Rússia é diferente , nós temos as lectures, que são palestras, e depois a aula prática. Na maioria das matérias em todas aulas práticas temos provas, que são discursivas e orais. Anatomia, por exemplo, tem prova oral em todas as aulas.

As notas também são diferentes, o máximo é 5. O mínimo para passar é 3, se tirar 2 significa que falhou, e 5 é excelente. Os professores são muito rígidos, e é preciso muita dedicação para conseguir atender o que nos é cobrado. Para passarmos em uma matéria, é necessário ter presença em todas as aulas e nota mínima em todas provas. Quando o aluno não passa na prova ele vai ter que repetir essa prova até passar, não importa qual seja o assunto, não é perdoado que nenhum tópico aprendido em sala fique para trás.

E temos os exames, que é uma prova de tudo que aprendemos na determinada matéria durante todo tempo de duração dela, exame é sempre oral.

É fácil entrar na faculdade, porém não é fácil continuar. Diferente do Brasil, eles expulsam sem pena. Quando um aluno falta à aula, ele precisa apresentar a autorização da diretora para o professor para poder comparecer à próxima. Dessa forma a direção tem um controle dos alunos, contando ainda com relatos frequentes dos professores sobre as notas.

Quando eu estava no primeiro ano, no final do primeiro semestre, 4 alunos foram expulsos, porque segundo a faculdade, se um aluno não consegue acompanhar as aulas, ele não tem competência para fazer o curso e se repetir em uma matéria, tem que refazer o ano inteiro novamente. Todas essas informações são equivalentes a faculdade em São Petersburgo.

Como eu falei, eu fiquei em Kursk por seis messes mas não gostei da faculdade, porque não achei que os professores levassem tão a sério os estrangeiros como fazem com os aluno russos. Notando isso pedi transferência, e fui para Moscou e São Petersburg conhecer as faculdades.

Infelizmente tive um problema, o primeiro semestre que eu cursei em Kursk foi “perdido”, uma vez que a faculdade começa o ano letivo duas vezes ao ano: fevereiro e setembro. Todavia o diploma médico é emitido pelo governo russo, e ele segue o sistema europeu em que o início do ano letivo é setembro. Eu tive que começar tudo de novo.

Hospital da Universidade
Hospital da Universidade

Porém quando refiz o primeiro semestre  eu vi quão certa eu fui em tomar a decisão de transferir.  Quando eu cheguei em São Petersburgo com professores ótimos que falam inglês fluentemente, eu vi o que era ter aula de verdade e pude sentir que estava de fato estudando Medicina.

Depois de tudo isso, infelizmente ainda tive mais problemas com a faculdade de Kursk. Eles não queriam me devolver meus documentos, e a embaixada brasileira teve que intervir. Tirando todo o dinheiro que foi gasto.

Depois dos seis anos de faculdade, todos os estudantes que concluem o curso de Medicina na Rússia fazem uma prova e se forem aprovados eles recebem o diploma com o seu CRM. Caso reprovem não serão médicos.

A vida dos estudantes aqui é muito puxada e tendo consciência disso o Reitor tenta fazer com que tenhamos uma vida além dos livros. A faculdade tem clube de teatro,  de línguas, (eu já fui professora de português para os russos por um semestre), complexo de esportes, que oferece natação, yoga, entre outras atividades,  atividades filantrópicas e a Organização Estudantil que cuida de eventos.

Outra medida interessante é que os estudantes são organizados em vários grupos de no máximo 12 pessoas, com isso, além do melhor aprendizado, esse grupo acaba virando quase que uma família.

O Hospital Universitário inclui mais de 100 departamentos, consultas, centros de diagnóstico, serviços de laboratório, maternidade e departamento de transfusão de sangue e há diversos hospitais dentro da faculdade. Tenho aula com professores que falam mais de 5 línguas, e um deles já foi nomeado para receber o Prêmio Nobel de Medicina.

Vários professores já trabalharam nos EUA, ou estudaram lá e também há os que ensinaram em vários outros países pelo mundo.

Eu não tenho nenhuma preocupação quanto à minha volta para o Brasil e a revalidação do diploma, o tanto que eu estudo aqui e que é cobrado me faz ter certeza que sairei formada uma ótima profissional.

A faculdade é cansativa, são muitas provas, estou constantemente estudando, mas para mim vale tudo muito a pena. Eu gosto muito do que eu faço, e com o tempo fico cada vez mais realizada de estar estudando aqui.

É uma experiência única!

Related posts

Comemorando o Centenário da Revolução Russa

Renata Rossi

Dicas para estudar em Praga

Isadora Costa

Universidades americanas para brasileiros

Paula Dalcin Martins

49 comentários

Ana Lucia D'Ascnio Novembro 5, 2014 at 1:21 pm

Paula, sensacional seu depoimento!!!
bjos linda!!!

Resposta
Paula Vieira Fevereiro 26, 2015 at 9:53 pm

Obrigada Ana!! Que bom que gostou. Estou te aguardando aqui na Rússia! beijinhos

Resposta
Maria Albertina Vieira de Souza Novembro 5, 2014 at 2:31 pm

Amor meu você é maravilhosa!

Resposta
Karina Knoploch Novembro 5, 2014 at 3:53 pm

Oi Paula!! Voce pode falar um pouco mais sobre esse ponto da volta pro Brasil + revalidação? Seu depoimento está incrível. Beijos

Resposta
Paula Vieira Fevereiro 26, 2015 at 9:56 pm

Oi Karina! Olha, quanto a volta para o Brasil, qualquer faculdade que tu fizeres fora, independente de pais, tu terás que revalidar o diploma. A revalidação é a prova ” Revalida” que depois de formado tu fazes no Brasil. Eu não me preocupo quanto a volta para o Brasil porque aqui na minha faculdade o ensino é muuito puxado e tenho certeza que sairei daqui com uma bagagem de conhecimento enorme. Não tenho dúvidas quanto a qualidade do ensino e de que serei uma boa médica com a minha formação aqui.

Resposta
Thales Bandeira Novembro 5, 2014 at 7:27 pm

Ótimo depoimento e texto! Ты замечательно всё рассказала!

Resposta
Raphael Frederik Simon Novembro 5, 2014 at 7:58 pm

muito bom

Resposta
Edemar vieira Junior Novembro 10, 2014 at 12:08 am

Parabens Paulinha !! Minha mãe achou ótimo seu depoimento . Continue firme nos estudos.
Abração !!!

Resposta
Hugo Santos Dezembro 1, 2014 at 1:53 pm

gostaria de saber se na prova de entrada existe a possibilidade de reprovação, com exceção do inglês insuficiente, ou seja, caso não tenha domínio de química ou biologia

Resposta
Paula Vieira Fevereiro 26, 2015 at 9:59 pm

Sim, teve um garoto que fez comigo e reprovou em química. Tens que ir bem em todas as materias, mas caso não passes tens a oportunidade de fazer o curso preparatório em que estudas um ano para essa prova. Abraço 🙂

Resposta
João Faustino Jr Fevereiro 18, 2015 at 9:57 pm

Olá, amei seu post. Gostaria de saber se há como começar a cursar medicina diretamente em Saint Petersburg sem passar por Kursk? E se essa Universidade em que você estuda oferece como em Kursk o curso preparatório de Biológicas e Inglês.
Ainda mas, quando você foi para a Rússia o seu Inglês já era fluente?

Resposta
Paula Vieira Fevereiro 26, 2015 at 10:03 pm

Obrigada, que bom que gostou! Sim, tu tens a opção de vim direto para ca – o que é bem melhor, e tem o curso preparatório. Se tu quiseres ajuda eu posso te auxiliar na tua vinda. Quando eu vim eu falava ingles fluente, e não recomendo que venhas sem ingles.. aqui não se aprende. Qualquer dúvida me procura no facebook! beijinho

Resposta
João Faustino Jr Março 11, 2015 at 12:03 pm

Obg por me responder, meu inglês é, bom, posso dizer que intermediário, e vou fazer de tudo para torná-lo melhor até começo do ano que vem.

Resposta
Jaline Dezembro 26, 2016 at 1:49 am

Paula boa noite! Você pode me dar mais informações sobre a faculdade?! Não falo inglês fluente :/

Resposta
Marcela Março 19, 2015 at 3:11 am

Boa noite Paula,

Uma dúvida, o curso em S. Petersburg também é ministrado em inglês?

Obrigada,

Marcela.

Resposta
Paula Vieira Março 22, 2015 at 11:07 pm

Olá, sim, a faculdade oferece o curso em russo e ingles. Temos aula do primeiro ao sexto ano em ingles, e na metade do curso fica a necessidade de saber o idioma russo já que estaremos frequentando hospitais e é preciso se comunicar com pacientes.

Resposta
Claudia A Allendes Valdes Março 22, 2015 at 4:49 am

Oi! Meu filho pretende ir para Kursk. Contudo, ao ler seu depoimento me veio a duvida Qto à faculdade em Kursk ou St. Pitsburgo. A transferencia foi fácil? A Aliança Russa te ajudou? Espero receber uma resposta pois fiquei confusa!!! Abraco!

Resposta
Paula Vieira Março 22, 2015 at 11:04 pm

Olá Claudia! Será muito melhor estudar em São Petersburgo, sem duvidas. Tu podes me adicionar no facebook, que conversamos por lá! OK?
https://www.facebook.com/paulinha.vieira.54

Resposta
Hendres Dezembro 19, 2016 at 7:26 pm

Paula Vieira, pode me dar uma força?Você me permite te adicionar no facebook?Meu filho tem 17 anos e tem boa fluência no Inglês, porém, estou um pouco apreensivo e com algumas duvidas quanto a enviá-lo assim para tão longe…… O curso na Petersburg State University St. Medical é ministrado só em Russo?Ou tem a opção de fazê-lo em Inglês?

O seu depoObrigado!!imento me deixou mais animado!!Parabéns pelo esforço e dedicação!!!

Resposta
Manuella Neves Abril 4, 2015 at 7:53 pm

Olá Paula! Estou amando seus artigos e curti muito seu vídeo na Gazeta Russa. Atualmente moro na frança (sou intercambista) e estou considerando sinceramente continuar meus estudos em St. Petersburg ou Moscow (Não simpatizei muito com Kursk, apesar de ser a primeira escolha dos Brasileiros). Antes de vir para cá eu tinha considerado med na Rússia, inclusive entrei em contato com duas assessorias, mas na época tive medo e vim passar um ano num país mais latino. Agora que passou o medo de sair de casa, estou mais madura pra tomar essa decisão. Tomei a liberdade de te adicionar no face, e se não for te atrapalhar gostaria de conversar sobre o quotidiano e, principalmente, sobre o ensino. Obrigada e continue o bom trabalho, YOU GO, GIRL!

Resposta
Gilson Lopes Abril 8, 2015 at 7:10 pm

Oi Paula lhe adicionei no Facebook para tirar dúvidas. Obrigado. O meu facebook. https://www.facebook.com/gilsonnlopes

Resposta
Thiago Bordoni Abril 9, 2015 at 11:10 pm

Olá Paula. Tudo bem? Te adicionei no Facebook, pretendo tirar algumas dúvidas Ok? Sucesso/Boa sorte na escolha!

Resposta
Coco Brielle Abril 30, 2015 at 9:06 pm

Hallo Paula, espero que esteja bem.
Candidatei-me ao ensino médico russo este ano e gostava de saber qual é o teu feedback sobre estas faculdades,
a) Universidade Estatal Médica de Saratov
b) Universidade Estatal Médica de Nizhny Novogorod
d) Universidade Estatal de Tambov.
Pelo que me foi dito pela a organização, os resultados saem em Junho/Julho.
Gostava também de saber factos sobre o racismo na Rússia, pelos textos teus que li percebi que ainda não passaste por tal, mas mesmo assim pergunto. Gostava de saber o custo de vida, no meu caso eu quero mesmo saber qual é o custo de vegetais e frutos, porque sou vegan!
No plano que me foi enviado pela organização inclui as propinas, seguro de saúde e habitação, para todas elas. Gostava de saber qual é a tua opinião sobre a moradia, acha que é preferível ficar no hostel das faculdades ou arranjar um quarto/apartamento (passado alguns meses para poder dividir com colegas :D).
Bem não a incomodo mais.
Espero que o curso e a experiência estejam a ser impecáveis!

Resposta
Bárbara Maio 24, 2015 at 11:57 pm

Olá Paula! Conheci o blog ha pouco tempo e estou gostando bastante dos seus artigos 🙂
Meu sonho é cursar medicina e há um bom tempo venho analisando as possibilidades de fazer uma faculdade no exterior e realmente me interessei pela Rússia. Se você puder me ajudar, queria saber como funciona mais ou menos o processo seletivo através da Aliança Russa, quais são os fatores determinantes para que eu seja escolhida e aprovada para cursar medicina ai. Ainda tenho 17 anos e estou terminando o ensino médio. Ano que vem pretendo fazer intercâmbio para o Canadá já para aprimorar minha fluência no inglês e logo depois ir pra Russia. Queria saber um pouco mais sobre o que eles cobram na hora de selecionar os brasileiros.
Espero que possa me dar uma ajudinha 🙂
Desde já obrigada!!!

Resposta
Lucas Antonio Junho 19, 2015 at 2:29 am

paula, teria como vc me dizer mais ou menos quanto saia por ano ,ou mes, pra vc estudar la?tenho muito interesse, porem teria q saber os custos pra saber se condiz com as minhas capacidades financeiras.

Resposta
Aline Junho 21, 2015 at 6:19 pm

Olá, parabéns pelo blog e dedicação! Tenho uma dúvida, vc sabe se existe idade limite para iniciar o curso de medicina na Russia? Seu processo foi através da Aliança Russa?

Resposta
Leonardo Oliveira Junho 24, 2015 at 1:53 am

Paula as aulas em São Petersburg são quantos dias na semana ? e quais dias?

Resposta
Catarina Junho 29, 2015 at 7:52 pm

Paula,
Li que você visitou Moscou e São Petersburgo
Por que não optou pelas universidades de Moscou? e por qual razão você escolheu exatamente essa?
Por favor, me responda. Isso é muito importante pra mim.
Obrigada.

Resposta
Victor Cavalcante Agosto 31, 2015 at 3:29 pm

Paula
Bom dia
Qual o custo para cursar na faculdade de São Petersburgo?
e a forma de acesso?
Obrigado

Resposta
milene nunes Setembro 15, 2015 at 1:54 am

Oi Paula tudo bem? Minha filha acabou de embarcar pra Kursk para estudar Medicina, mas pretendo muda la para São Petersburgo, tem hostel igual em Kursk? Quanto vc paga a faculdade e moradia? E quando e feito o vestibular? Brigada

Resposta
Naihana Março 21, 2016 at 11:07 am

Oi Milene, meu nome é Naihana, estou em trâmites para ir pra Kursk, Sua filha ainda está lá? Gostaria de conversar melhor sobre tudo isso, se puderes responder em meu e-mail te agradeço: [email protected]

Resposta
Ariel Henrique olivo Outubro 7, 2015 at 12:36 pm

Bom dia gostaria de saber qual a melhor forma de uma brasileiro conseguir fazer faculdade ai na russia quero cursar medicina? alguem pode me orientar.
mande email pra mim. [email protected]

Resposta
Fillipe Novembro 22, 2015 at 1:45 pm

Olá,estou querendo ir par Kursk fazer medicina,mas me interessei por São Petersburgo dai gostaria de saber como foi o processo de transferencia e como é o custo de vida ai,o curso é bem mais caro?

Resposta
Cristiane Leme Novembro 23, 2015 at 10:32 am

Olá. A Paula deixou a colaboração do blog.
Edição BPM

Resposta
Carolina Agosto 12, 2016 at 9:28 pm

você ainda tem um contato dela ?

Resposta
Cristiane Leme Agosto 17, 2016 at 10:09 pm

O blogue reserva-se o direito de preservar a privacidade das colunistas e os contatos devem ser feitos por comentários no próprio texto.
Nesse caso, temo não poder ajudar.
Desculpe.

Resposta
cecilia netto Dezembro 23, 2015 at 1:02 am

oi Paula Vieira vi seu relato e achei muito interessante, gostaria de mais informações pois meu filho esta interessado em ir estudar medicina na russia e gostou muito da sua universidade, o que temos q fazer?? obrigada espero retorno

Resposta
Cristiane Leme Dezembro 27, 2015 at 8:00 am

Olá. A Paula deixou a colaboração do blog. Por favor entre em contato diretamente com a universidade para obter mais informações a respeito da graduação e requisitos para cursá-la na Rússia.
Edição BPM

Resposta
Aroldo Dezembro 27, 2015 at 11:43 pm

Excelente dica Paula. Muito Bom. Parabéns e sucesso.

Resposta
Vinicius Renna Março 28, 2016 at 3:28 am

Olá Paula!
Me chamo Vinicius, sou aluno do terceiro ano de medicina da universidade de Morón na Argentina.

Estou muito interessado em transferir minha carreira para Russia, porém estou com muitas dúvidas em relação aos requesitos e se eles aceitam transferência.

Resposta
Cristiane Leme Março 28, 2016 at 10:23 am

Olá. A Paula parou de colaborar com o blogue. Por favor procure os textos da Renata, nossa nova colaboradora no país, e deixe sua pergunta em forma de comentário.
Edição BPM

Resposta
Paula Maio 21, 2016 at 12:53 pm

Oi Vinicius, eu nao acho que eles aceitem transferencia aqui vindo de outro pais pois a carga horaria e diferente. Tem pessoas que transferem de outras faculdades da Russia mesmo e acabam tendo bastante problema para quitar todas as materias. O ideal seria começares novamente aqui.
Só que a faculdade onde eu estudo, por exemplo, agora eles não aceitam mais alunos para o primeiro ano, é obrigatório fazer faculdade preparatoria – durante um ano estuda-se russo e outras materias como biologia e quimica.
Essas informações que eu estou te passando são todas a respeito da Pavlov, eu não sei sobre as outras, quem sabe tem alguma que faça essa transferencia. 🙂

Resposta
Lucas Galvão Maio 21, 2016 at 1:19 am

Moça, estou no processo para ir para Kursk, mas desejo muito ir para São Petersburgo. Como faço para transferir? É muito difícil? Por favor, me ajuda. Eu imploro.

Resposta
Paula Maio 21, 2016 at 12:49 pm

Pedro voce pode me manda um email e conversamos.
[email protected]

Resposta
Paloma Agosto 31, 2016 at 5:42 pm

Boa tarde,

Paula, eu também iniciei na KSMU, depois acabei voltando para o Brasil e agora gostaria de retornar para Rússia, só que em St Peter, como faço para fazer a inscrição, pretendo voltar do primeiro semestre.

Resposta
Cristiane Leme Agosto 31, 2016 at 9:21 pm

Paloma, a Paula parou de colaborar conosco.
Edição BPM

Resposta
Mariana Setembro 13, 2016 at 5:21 pm

Oi gostaria de saber mais sobre como vc entrou na faculdade . Como e onde fazer a inscrição para a prova , se é somente medicina. Resumimdo mais a parte burocrática ou se não vc poderia me indicar em qual fonte pegar essas informações.

Resposta
João Dezembro 8, 2016 at 10:03 am

Olá Paula. Primeiramente queria te dizer que adorei o seu post e te agradecer por compartilhar essas valiosas informações conosco. Aproveitando da sua boa vontade..hehe.. Queria tirar umas dúvidas com você. Já sou formado em Comunicação Social e já tenho 25 anos, mas meu sonho desde criança foi cursar Medicina, mas infelizmente não consegui anteriormente. Você acha que ainda tenho chance de concorrer a uma bolsa por já ser formado e está com uma idade um pouco avançada? Você conhece alguém com as mesmas condições que a minha? Muito sucesso pra vc e boa sorte nos estudos! Aguardo sua resposta e te agradeço desde já.

Resposta
Kalan Março 6, 2019 at 2:37 am

Parabéns pelo seu depoimento Paula ! Torço para que realmente torne-se uma excelente profissional Medica e na área da Medicina, e que seja diferente da grande maioria dos estudantes de medicina no Brasil que só se interessam pelo status e pelo dinheiro o que infelizmente é praxe para este tipo de criatura, FELIZMENTE o seu caso é outro e dá orgulho em ver seu esforço e empenho !! PARABÉNS !!!!!

Resposta

Deixe um comentário

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.

Este site ou suas ferramentas de terceiros usam cookies Aceitar Consulte Mais Informação