BrasileirasPeloMundo.com
Custo de Vida Pelo Mundo Portugal

Custo de vida em Lisboa e arredores

Custo de vida em Lisboa e arredores.

Quando pensamos em mudar de país, o primeiro passo é se planejar. Colocar na ponta do lápis todo o planejamento financeiro é tão fundamental quanto comprar a passagem de ida. Hoje vou falar sobre o custo de vida em Lisboa!

Lisboa é considerada uma capital com baixo custo de vida comparada ao restante das capitais da Europa. É importante ressaltar aqui que isso não significa que é barato! Por exemplo, comprar um imóvel para morar numa zona prime de Lisboa custa em torno de €4.000/m2, é barato se comparado à Paris onde é €10.000/m2. Mas é caro se comparado a São Paulo. Para comparações de custo de vida entre cidades você pode usar este simulador aqui.

Ainda comparados ao restante da Europa, os salários oferecidos em Portugal são mais baixos, a média salarial da classe trabalhadora portuguesa é de €914/mês. O que não significa de forma alguma que seja fácil viver em Lisboa com esta renda.

E como o mundo (não só os brasileiros) vêm descobrindo Portugal, e muitos estrangeiros têm se mudado para cá, o custo, principalmente com aluguel, tem aumentado muito e é a principal queixa dos portugueses ultimamente. Até a Madonna decidiu vir morar em Portugal e inflacionar o mercado imobiliário!

Leia também: como abrir conta bancária em Portugal

Impostos

Saber o quanto se paga de imposto antes de distribuirmos as fatias do bolo é fundamental. No site das Finanças de Portugal é possível ver em detalhes todos os impostos. Os dois descontos em folha para um trabalhador registrado (pessoa física) são:

  • IRS (Imposto sobre Rendimento de pessoas Singulares) – equivalente ao nosso imposto de renda, varia de acordo com a renda, estado civil e número de dependentes. Se você é solteiro, sem filhos e recebe um salário bruto de €1.500, por exemplo, terá de pagar ao fisco 18.5%. Tabela completa aqui.
  • Segurança Social – desconto de 11% do salário do trabalhador.

Para trabalhadores autônomos, costuma-se trabalhar com recibos verdes. Para mais informações clique aqui.

Moradia

Para começar seu planejamento, coloque no papel sua renda mensal. E deste montante, a porcentagem gasta com moradia não deve ultrapassar 35%. Já sabe o quanto pode gastar? Agora é escolher onde morar. Existe uma bolha imobiliária em Lisboa e na linha de Cascais, com pouca oferta e muita procura, onde os aluguéis são mais altos. Ter vista para o mar e para o rio Tejo também encarece o preço do aluguel.

A busca é feita pelo número de quartos: T1 para um quarto, T2 para dois, e assim por diante. Segue aqui um site de busca de imóveis para arrendar (alugar).

Abaixo você pode ver onde estão as linhas de trem que partem e chegam à Lisboa:

Fonte: Google maps

O centro de Lisboa possui construções antigas, geralmente sem elevador, sem garagem e com muitos turistas. É onde também o aluguel é mais caro, pela comodidade e proximidade aos pontos turísticos. Outros dos bairros mais caros para se morar em Lisboa são: Parque das Nações, Avenidas Novas, Lapa, Estrela, Santos, Alvalade e Chiado.

Bairros em Lisboa com preços medianos: Lumiar, Telheiras, Benfica, Alta de Lisboa, Campolide, Campo de Ourique, Marvila e Beato.

Para quem procura preços mais baixos, a Margem Sul é uma opção (Barreiro, Seixal, Montijo, Alcochete), região que fica do outro lado do rio Tejo, com acesso à Lisboa de trem.  Outra opção é a região de Loures ao norte de Lisboa.

Leia também: tudo que você precisa saber para morar em Portugal

A linha de Cascais é extensa e com grande variação de preços, abrange além de Cascais, Estoril, Oeiras, Carcavelos, Parede, Caxias, Paço d’Arcos, Algés e Alcântara (Mar). O acesso a Lisboa é pela estrada A5 ou pela Avenida Marginal. Costumam haver congestionamentos na ida para Lisboa nos dias de semana pela manhã e no sentido oposto no fim da tarde. Outra opção de transporte é o trem (comboio) que faz o percurso Cascais-Lisboa (para informações sobre bilhetes clique aqui). Este trajeto dura cerca de 30 minutos e o bilhete mensal é em torno de €70.

Quando se aluga um imóvel em Portugal, costuma-se pagar um aluguel como caução + um mês adiantado + o aluguel do mês. Por exemplo, ao alugar um imóvel por €800 é preciso pagar antes de mudar €800 de caução + €800 referente ao primeiro mês + €800 referente ao adiantamento, num total de 3 aluguéis de uma vez só. Isso tudo antes de mudar, portanto, planeje-se para esse custo. Para quem vem de mudança para Portugal, aconselho reservar um AirBnB por um mês e neste período visitar os imóveis antes de escolher onde morar definitivamente.

Outra dica é sobre mobília: na maioria das casas e apartamentos alugados a cozinha já vem equipada com forno, fogão, micro-ondas, geladeira, freezer, coifa e máquina de lavar roupas. Máquina de lavar louça, máquina de secar roupa e aspiração central são itens muito bem-vindos que encontramos à disposição em algumas casas. Existem muitos grupos no Facebook que vendem itens usados e também o OLX é muito utilizado para compras de itens de segunda mão. Vale à pena também visitar o IKEA onde é possível montar e decorar sua casa com muitas opções e preços amigáveis.

Alimentação

Este tópico é muito subjetivo com relação a custo. Tudo vai depender dos seus hábitos alimentares, lista de mercado, frequência de ida a restaurantes. A única coisa que não precisa se preocupar é com o vinho, pois há aqui uma variedade excelente e com ótimos preços. Para ter uma ideia com custos de mercado, você pode simular uma compra online na rede de supermercados Jumbo , ou Continente ou Pingo Doce e ter uma ideia melhor de quanto gastaria com suas compras do mês.

Em restaurantes os pratos variam, mas é possível um casal sair para jantar bem em restaurantes tradicionais com vinho e tudo por cerca de €50/casal. Um rodízio em churrascaria brasileira em fim de semana custa €21/pessoa, já uma refeição em praça de alimentação num Shopping pode variar de €5-15/pessoa.

Leia também: visto D7 para aposentados morarem em Portugal

Água/ Eletricidade/ Gás

Isso depende do tamanho da casa e número de pessoas. Dentre esses três custos, o mais alto é de energia, por isso se sua casa tiver aquecimento elétrico para o inverno, fique atento! Nosso primeiro inverno em Portugal foi marcado pela conta de luz que ultrapassou os €500, pois deixamos todo o sistema de aquecimento da casa ligado todas as noites, então quando a conta chegou, a dor no bolso foi imensa. Um casal com dois filhos gasta em média €100/mês com essas despesas. É importante dizer que chuveiro com aquecimento a gás é a melhor opção para que a conta de eletricidade não fique tão alta.

Internet/ Telefone/ TV à cabo

Pesquise nos sites das principais operadoras: MEO, NOS e Vodafone que vendem combos com esses três serviços. Esse custo pode variar de €25 a €100/mês.

Esporte

As redes de academia (ginásios, como dizem por aqui) mais conhecidas em Portugal são a Holmes Place, Fitness Hut e Virgin Active. Existem muitas opções para todos os gostos e bolsos. Os preços podem variar de €15 a €100/mês. Existem também muitas opções de aulas na praia como surf, windsurf, kitesurf, stand-up paddle, vela, etc. Outros esportes muito populares na zona de Sintra e Cascais são o hipismo e o golfe, com muitos lugares para a prática dessas modalidades. Para os apreciadores de ciclismo, morar na região de Lisboa é um convite a pedalar, pois existem vários grupos de ciclistas que andam pela rota Lisboa/Cascais/Sintra. Além da possibilidade de correr ao ar livre pelos vários parques e o caminhos beira-mar de Cascais e Oeiras.

Espero que este texto auxilie quem está se planejando para mudar para Lisboa e arredores. O tema custo de vida é complexo e pode variar muito de pessoa para pessoa, por isso incentivo a busca nos sites sugeridos e pesquisas na internet de acordo com seu perfil de consumo. Aqui no BPM temos um texto da Lyria Reis sobre custo de vida em Portugal e da Silvia Macedo sobre estilo de vida em Portugal. Vale à pena também conferir. Boa sorte!

Related posts

Turismo de massa em Lisboa

Cristina Hélcias

Custo de vida no Porto

Priscila Maranhão

Cinco coisas que você DEVE saber antes de mudar de país

Lyria Reis

7 comentários

Vivian Kulpa Novembro 29, 2017 at 5:44 pm

Adorei o texto, Analu!

Beijão!
Vivi

Resposta
Claudia Figueiredo Novembro 30, 2017 at 11:59 am

Que maravilha de texto, obrigada, parabéns!

Resposta
Mel Dezembro 1, 2017 at 1:26 am

Super dicas Aninha!!!

Resposta
Simone Dezembro 18, 2017 at 6:19 pm

Muito bom, super útil. Obrigada

Resposta
Vera Janeiro 9, 2018 at 12:11 pm

muito útil,seu texto,Analu
Obrigada e sucesso

Resposta
Carmem Maio 11, 2018 at 2:10 am

Bem útil suas informações. Mas será que consegue falar mais sobres alguns bairros próximos a Lisboa que sejam mais tranquilos e práticos para morar com crianças. Obrigada

Resposta
adriana melo Junho 13, 2018 at 11:03 pm

Super dicas!!! Obrigada.

Resposta

Deixe um comentário

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.

Este site ou suas ferramentas de terceiros usam cookies Aceitar Consulte Mais Informação