BrasileirasPeloMundo.com
Áustria

Esportes na Áustria

Esportes na Áustria.

Já que tanto se falou em Copa do Mundo, vamos ser honestos: o Brasil é conhecido mundialmente pelo futebol e seu mais famoso talento, o Pelé. A Áustria não tem nenhum jogador de futebol famoso, mas também tem suas personalidades como o compositor Mozart, o “governador” Arnold Schwarzenegger, a imperatriz Sissi, e pra quem gosta de Fórmula 1, o piloto Niki Lauda.

Bem, deu para ver que não conhecemos nenhum atleta austríaco. Não significa que eles não existam e não sejam famosos por aqui, principalmente dos esportes de inverno (como o esqui e snowboard). A Áustria já sediou 3 Olimpíadas de Inverno e tem mais medalhas nessas modalidades que o Brasil nas olimpíadas “de verão”.

Os austríacos são muito esportistas. A maioria das pessoas que conheço por aqui pratica vários esportes, e é difícil passarem um final de semana sem fazer nada que mexa o corpo. Eles parecem ter uma energia extra, que não sei de onde vem e que precisam desesperadamente liberar.

Leia também: Tudo que você precisa saber para morar na Áustria

Moramos no Tirol e aqui é o paraíso para aqueles que são fanáticos por esportes, pois os Alpes têm o relevo perfeito para a prática de muitos esportes que não se pode praticar em qualquer lugar – alguns exemplos: parapente, esqui, snowboard, escalada, hiking (trilha), montanhismo, via ferrata, caiaque, mountain bike, etc. Particularmente, eu nunca fui uma pessoa muito atleta, mas quando cheguei aqui me vi obrigada a começar a me mexer ou ficaria sozinha nos finais de semana.

Hoje em dia pratico escalada, hiking, corrida e ando de bicicleta (o último mais como meio de transporte mesmo). Mas é uma grande evolução para quem nao fazia praticamente nada no Brasil – além de ir para a praia e dar aquela caminhadinha para tentar pegar um bronze.

IMG_20111002_093420_1

IMG_20131006_130729Praticamente todas as pessoas aqui fazem hiking (ou trilha). As opções de trilhas aqui no Tirol sao incontáveis e podemos encontrar caminhadas de todas os níveis, desde levinhas até super difíceis. Não importa a idade, todo mundo sobe a montanha – desde crianças de colo aos senhores e senhoras de mais idade (que aqui em sua maioria são super fit/saudáveis).

As trilhas normalmente têm um objetivo: chegar ao restaurante que se encontra ao final dela. Isso é realmente algo motivador, já que as comidas oferecidas pelos restaurantes (que normalmente são pequenas cabanas) são bem caseiras e muito saborosas. Os cardápios são bem variados, normalmente contendo verduras/legumes da estação, saladas, comidas bem típicas tirolesa e bolos para quem prefere chegar para o café da tarde.

Voltando o foco para o esporte – apesar que falar de comida é sempre bom – no inverno, quando as montanhas estao cheias de neve, também fazemos trilhas. Mas nesse caso normalmente levamos nossos trenós junto para a descida, o que é super divertido. Como o inverno é bem longo, é bom ter essa motivação para sair de casa – tanto a comida quanto a descida de trenó. O visual que se tem das montanhas também é um caso a parte, e uma das grandes recompensas do esforço.

IMG_20131214_112044

IMG_0418 (2) Outra curiosidade sobre o assunto: roupa de marca, para a maioria dos austríacos, trata-se de marca de esporte. Existem diversas lojas especializadas apenas nisso, algumas são gigantes e têm coisas que nunca imaginei existir (e ainda nao entendi a necessidade da maioria). Como a diferença de temperatura é muito grande entre inverno e verão, quem pratica esportes precisa de roupas apropriadas para os diferentes climas, além de todos os equipamentos.

Related posts

Como tirar visto de turismo para os EUA estando na Áustria

Kely Martins

Alpes austríacos, final de semana com cara de férias

Kely Martins

O que não se deve fazer na Áustria

Ana Dietmüller

3 comentários

Milton Höllerschmid Agosto 30, 2014 at 1:31 am

Mariana,
Sou filho de Austriaco e já estive 4 vezes na Áustria de férias para esquiar e visitar meus parentes.
Acho a Áustria um país fantástico, com uma ótima qualidade de vida e tenho muuuita vontade de morar na Áustria.
Também sou Engº Civil e gostaria de lhe perguntar: como é trabalhar na Áustria? Os brasileiros sofrem algum tipo de preconceito?
Muito Obrigado!

Resposta
Mariana Gonçalves Setembro 1, 2014 at 10:17 am

Olá Milton!
Obrigada pelo comentário!
A carreira na engenharia civil na Áustria para nós (aqui incluo todos que nao falam alemao como língua materna) tem suas dificuldades sim… Quando comecei a procurar emprego aqui já senti isso, e tentei focar nas empresas maiores e internacionais. A dificuldade está no fato de aqui termos vários dialetos, e trabalhar como engenheiro em uma empresa pequena, terá que dialogar com clientes e funcionários, o que em uma língua estrangeira fica bem difícil – imagina entao quando se tem diversos dialetos envolviodos! Se você domina o alemao, nao vejo problema nenhum. O preconceito é uma palavra forte, mas há sim um certo “receio”, digamos assim, no primeiro contato. A principal pergunta que me faziam era se o nosso diploma é reconhecido aqui. Meu diploma foi reconhecido, mas quando trabalhei (por 2 anos) na empresa ILF (www.ilf.com), estava contratada como técnica de desenho – mas realmente por causa da dificuldade com a língua, já que quando comecei a trabalhar ainda tinha dificuldades com a língua.
Espero ter ajudado, e se precisar de mais alguma coisa entre em contato!
Abracos

Resposta
Áustria – Hábitos Alimentares Setembro 24, 2014 at 11:55 am

[…] de semana, faça frio ou calor, por isso acabam comendo muito fora. Como já citei em outro post (Áustria – Esportes), o que é comum aqui é subir a montanha e comer algo no restaurante/cabana que fica no topo. As […]

Resposta

Deixe um comentário

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.

Este site ou suas ferramentas de terceiros usam cookies Aceitar Consulte Mais Informação