BrasileirasPeloMundo.com
Áustria Estudando Pelo Mundo

Estudar na Áustria

Nesse texto procurei abordar o tema da educação em nível superior na Áustria e como fazer para estudar em nível superior no país.

Confira como é e já vá se preparando, caso a sua escolha seja estudar por aqui!

Como é para os austríacos

Para entrar na Universidade aqui, os austríacos precisam passar numa prova que seria equivalente ao nosso ENEM, que chama-se Matura. O interessante dessa prova é que nem todos que fazem necessariamente acabam entrando na Universidade (ou como eles falam aqui, Uni), mas ela é um comprovante de que a pessoa terminou o segundo grau com sucesso (muito importante para conseguir o primeiro emprego aqui, por exemplo).

Na Áustria existem escolas de segundo grau com curso técnico que são muito bem conceituadas, e com o técnico já é possível conseguir um bom emprego com salário muito justo. Uma pessoa que saia do técnico e comece a trabalhar direto, e uma que entre na faculdade, vão ganhar praticamente o mesmo salário quando a que esteve na Uni terminar seu curso, com a vantagem de que quem não fez Uni já pôde economizar muito mais até aqui. Vendo as coisas por esse ponto de vista, muitos preferem trabalhar logo que se formam no segundo grau.

Leia também: Tudo que você precisa saber para morar na Áustria

Outra vantagem que existe por aqui é a Bildungskarenz (lincença para educação). Pessoas que trabalharem 4 anos consecutivos com carteira assinada têm direito a uma ajuda financeira para estudar (tanto na Uni quanto outros cursos de especialização). Por isso, é comum começar a Universidade com mais idade, ao invés de direto do segundo grau.

Como é para os estrangeiros

Os cursos aqui são praticamente todos em alemão para a graduação (bacharelado), mas existem alguns cursos em inglês para o mestrado. Já o doutorado depende muito da área, e pode ser em alemão ou inglês. Mesmo sendo em alemão, o inglês é obrigatório; já o contrário, não necessariamente. Eu moro no Tirol, e aqui os dialetos da língua alemã são algo bem marcante. Apesar da Uni ser um território bem internacional, existem muitos professores que lecionam em dialeto.

Pra quem tem a intenção de estudar por aqui mas ainda não fala alemão, a Uni aqui de Innsbruck oferece curso de alemão, além de outras escolas de línguas que também o fazem. Minha dica é sempre ficar atento se não vale mais a pena ir para algum lugar que realmente fale alemão. O Tirol é lindo e tudo mais, mas entender o dialeto deles aqui é algo que leva tempo (e paciência). Já Viena tem um dialeto mais ameno, por exemplo.

Quanto a visto e outras burocracias, o site da Embaixada da Áustria explica tudo isso direitinho. Para acessar o link da página da Embaixada, clique aqui.

Como é na Uni

Existe uma grande diferença da Uni por aqui quando comparada com as do Brasil. Para a maioria das matérias, não é necessário assistir às aulas novamente quando não passar na prova (ou seja, não existe “dependência”). Os estudantes podem fazer as provas até 5 vezes até passar, e também não precisam fazer a prova no mesmo semestre que fizerem a matéria. Portanto, não basta ir às aulas e fazer as provas para passar de ano, é necessário estudo e dedicação para conseguir passar.

Acontece muito de os estudantes chegarem no final do curso e ainda terem provas de matérias do primeiro semestre pendentes. Nesse aspecto, não vejo muita vantagem nesse sistema, já que depois de tanto tempo tendo visto a matéria, estudar pra prova vai ser muito mais trabalhoso. Mas a vantagem é que as pessoas só fazem a prova se estão realmente preparadas, o que também é vantajoso para os professores, pois não precisam corrigir provas de alunos perdidos no assunto.

Outras dicas

Existem diversos sites que explicam muito bem como fazer para entrar na Uni ou fazer cursos de alemão aqui na Áustria, por isso a intenção desse texto foi de mostrar algumas particularidades de como é estudar na Áustria.

Uma dica importante é verificar se seu diploma do Brasil pode ser reconhecido aqui, no caso de querer começar um mestrado ou doutorado. Isso depende muito do curso, da área de ensino e da Uni. Esse processo pode demorar até 3 meses uma vez que a Uni tenha recebido os documentos, então a segunda dica é: paciência. Não é só no Brasil que as coisas demoram, e burocracia existe em todo lugar.

Para mais informações, deixo aqui um link para um documento muito bom nesse assunto, da Agência Austríaca de Cooperação Internacional em Educação e Pesquisa: clique aqui.

Related posts

Dicas de buscadores de passagens aéreas

Ana Dietmüller

Cidadania se aprende desde pequeno e em casa, na Áustria

Kely Martins

Dica de onde esquiar em Salzburg

Kely Martins

18 comentários

Jane Março 1, 2015 at 5:34 pm

Oi Mari adorei! Pois existem muitas pessoas que não sabe muita coisa sobre o assunto.
Jane

Resposta
Raquel Abril 16, 2015 at 3:22 am

Oi Mariana,
No texto você diz “Existe uma grande diferença da Uni por aqui quando comparada com as do Brasil. Aqui não basta ir às aulas e fazer as provas para passar de ano, é necessário muito mais estudo e dedicação para conseguir passar.”, sugerindo que aqui no Brasil a gente não estuda pra tirar boas notas nas provas das universidades e, mais do que isso, aprender as matérias?
Eu discordo. Não sei você quando estudou aqui, mas eu lia muito (fiz faculdade de Humanas), e até hoje (depois do mestrado) leio livros, revistas, blogs, jornais.
Acho que fica feio para nós falar que tudo daqui é ruim e não funciona. “Complexo de vira-lata”, como dizem… 😛

No mais, você não explicou como é o sistema educacional brasileiro, no teu ponto de vista, apenas fez a crítica. Por isso o meu comentário: senti um vazio…
Um abraço!

Resposta
Mariana Gonçalves Abril 16, 2015 at 7:17 am

Oi Raquel!
O que eu quis dizer é que a carga horária das aulas aqui é menor que no Brasil, e para compensar, é preciso muita dedicacao do aluno para poder passar nas matérias. Eu sou formada em engenharia civil, me dediquei muito (muito mesmo) nos estudos, mas vejo que aqui eles precisam se dedicar ainda mais.
Abracos

Resposta
Raquel Abril 17, 2015 at 12:42 pm

Ahh, acho que entendi: então o aluno teria que aprender muitas coisas sozinho, mais por uma menor dedicação do professor, ou do próprio sistema educacional, que faria o professor agir assim?

Resposta
Mariana Gonçalves Abril 17, 2015 at 12:53 pm

É o sistema educacional da Universidade mesmo que exige que os alunos precisem “correr” mais atrás da matéria.

Resposta
Estudar na Áustria | Volkstanzgruppe Weisser Schwan Maio 22, 2015 at 3:53 pm

[…] Brasileiras pelo Mundo Fotos: Copyright: Universität Innsbruck e […]

Resposta
Ana Paula Novembro 27, 2015 at 8:03 pm

Oi Mariana,
Na Áustria é possível estudar e trabalhar? Estou pensando em fazer um LLM em Vienna, seria ótimo poder trabalhar, mesmo que part time, para ajudar nas despesas. 🙂

Resposta
Rafhael Domingues (@RafhaDomingues) Dezembro 3, 2015 at 4:21 pm

Ola Mariana, tudo bem? Gostaria de saber como funciona os custos para fazer um mestrado na Áustria em uma univesidade de Vienna, a UniVie. Muito obrigado.

Resposta
Pablo Rabelo Maio 8, 2016 at 8:06 am

Olá Raquel!

Parabéns pela matéria, muito bem escrita além de ser um tema que me interessa no momento.

Porém gostaria de uma informação que as vezes você saberia me informar, No texto diz:

“Os cursos aqui são praticamente todos em alemão para a graduação (bacharelado)”

Minha pergunta é se você saberia de nome de faculdades na Áustria que oferecem cursos de bacharelado em inglês?

Obrigado.

Resposta
Rodolfo Rabelo Junho 29, 2016 at 1:29 am

Oi Mariana!

Que alegria imensa ler um post escrito por um colega de profissão!
Muitas vezes tenho dificuldade em ler algo na nossa área da civil. Especialmente na Áustria, sempre tive uma primeira impressão de que a área de TI e biotecnologia fosse o forte.
Enfim, sempre quis estudar na Áustria, acho o país e, especialmente, os austríacos incríveis.
Penso em fazer mestrado em geotecnia ou em matérias de construção (não sei especificamente em que). Também penso em gestão de obras.
Tenho tido dificuldade em achar informações em como me candidatar às bolsas de mestrado e como funcionam aí na Austria. Será que você poderia me dar umas dicas?

Obrigado!

Resposta
Cristiane Leme Julho 1, 2016 at 11:42 pm

Rodolfo, a Mariana parou de colaborar conosco mas temos outras colunistas na Áustria, a Ana e a Kely, que talvez possam lhe ajudar. Procure pelos textos mais recentes publicados sobre o país e deixe seu comentário para que elas respondam.
Obrigada
Edição BPM

Resposta
Kamila Correa Agosto 16, 2016 at 3:52 pm

Boa tarde, onde consigo verificar
se meu curso é validável na Áustria?

é Arquitetura e Urbanismo.

Resposta
Laís Gilioli Setembro 25, 2016 at 10:12 pm

Olá, Mariana. Gostaria de saber como funciona a candidatura para um curso na Universidade de Innsbruck? Acho legal dizer que sou cidadã europeia, porém, não tenho a mínima ideia e tenho muito interesse. Se puder me orientar, ficaria grata.

Resposta
Cristiane Leme Setembro 26, 2016 at 9:38 pm

A Mariana parou de colaborar conosco. Temos outras colunistas na Áustria.
Edição BPM

Resposta
Leonardo Espíndola Abril 10, 2018 at 1:20 pm

Olá. Mariana. tenho um filho de 16 anos que cursou aqui o 1 ano do ensino médio e mandai ele pra ir tentar terminar os estudos por ai, estar também morando ai em Innsbruck, estar tendo dificuldades pra se a aptar no estudo do alemão. que dicas você daria e quais escolas mais adequadas para ele procurar ai em innsbruck, grato pela atenção.

Leonardo Espíndola
Recife – PE

Resposta
Liliane Oliveira Abril 11, 2018 at 1:52 am

Olá Leonardo,
A Mariana Gonçalves parou de colaborar conosco, mas temos outra colunista na Áustria chamada Ana Dietmüller que talvez possa te ajudar.
Você pode entrar em contato com ela deixando um comentário em um dos textos publicados mais recentemente no site.
Obrigada,
Edição BPM

Resposta
Laura Março 26, 2019 at 5:24 pm

Oi Mariana
Sou Gaucha de Porto Alegre e Londres tambem e frio mas estive ai e muito mais frio se puder me ajudar com algumas informacoes ficaria muito agradecida.
Estou querendo mudar de pais e aqui sou babysitter, tenho cidadania Eurpeia,
Gostaria de saber qual a media de aluguel mensal
se e dificil conseguir trabalho na minha area pois so falo o Portugues, english e Italiano e tambem basico em Espanhol.
obrigada
Laura

Resposta
Liliane Oliveira Março 26, 2019 at 10:42 pm

Olá Laura,
A Mariana Gonçalves parou de colaborar conosco, mas temos outra colunista na Áustria chamada Ana Dietmüller que talvez possa te ajudar.
Você pode entrar em contato com ela deixando um comentário em um dos textos publicados mais recentemente no site.
Obrigada,
Edição BPM

Resposta

Deixe um comentário

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.

Este site ou suas ferramentas de terceiros usam cookies Aceitar Consulte Mais Informação