Huntington Beach: a cidade dos cachorros

0
58
Foto: Arquivo pessoal
Advertisement

Huntington Beach: a cidade dos cachorros

Quando eu me mudei para Los Angeles, em 2005, a primeira coisa que pensei em fazer assim que as coisas estivessem mais organizadas era adotar um cão. Eu sempre tive cachorro a minha vida inteira. Já tivemos vários, e essa era uma coisa que eu sentia falta por aqui.

Los Angeles, apesar da fama de que as pessoas levam seus cachorrinhos para qualquer lugar, não é uma cidade muito amigável para eles. A maioria dos apartamentos alugados não aceitam, ou tem restrição quanto a raça, geralmente apenas cachorros pequenos são aceitos.

Gatos, por outro lado, a maioria aceita ou não se importa, por isso é muito comum as pessoas terem gatinhos de estimação. Eu acabei adotando dois, porque meu prédio não aceitava cachorros.

Hoje mudou um pouco, com a chegada do certificado de animais de suporte emocional que é fácil tirar, e quase todo mundo se qualifica. Falarei mais sobre o assunto no próximo mês. 

Leia também: De Los Angeles Para Orange County

Quando eu e meu marido decidimos mudar de Los Angeles para Huntington Beach, a gente tinha acabado de adotar um cachorro. O prédio em que morávamos antes da mudança aceitava este tipo de animal de estimação, mas como já tínhamos dois gatos, o cachorro morou lá uns meses meio que clandestinamente, não avisamos ao prédio porque já estávamos saindo.

Já tínhamos dado entrada na saída, então, não tinha tanto problema. Ele tinha o certificado de animal de suporte emocional, então, pela lei, eles não poderiam fazer nada. Se você tiver um bicho sem aprovação do prédio, pode chegar a ser expulso, e ainda tem que pagar uma multa pelo não cumprimento do contrato. 

Começamos a procura por apartamentos em Huntington Beach bem antes da mudança. Achávamos que seria difícil encontrar um prédio que aceitasse todos os nossos bichinhos, mas o que aconteceu foi o oposto. A maioria dos prédios aceitam, principalmente cachorros, e o melhor, muitos não têm especificação de raças.

O que me impressionou mais foi que os prédios não só aceitavam os animais, como também eles eram muito bem-vindos. O condomínio onde eu moro tem espalhado por seu terreno diversos postos com sacolinhas para recolhimento de fezes animais e lata de lixo específica com tampa, para que não encha de moscas o local.

Fora isso, tem também um parque dedicado apenas para nossos amiguinhos de quatro patas. Eu reparei que no meu condomínio quase todo mundo tem cachorro, e de tudo quanto é raça. Já vi desde de husky e pitt bulls até chihuahuas. 

Leia também:  Diferenças na criação de cachorros no Brasil e os EUA

Mas não pense que são só os condomínios que gostam dos bichinhos. A cidade toda os acomoda muito bem.

Existem diversos parques para os cachorros espalhadas pela cidade, é comum ter nas varandas dos restaurantes um pote para a comida e outra para a água do seu amigo.

Eles têm até uma praia inteira dedicada a eles, a Dog Beach, que fica perto do Píer de Huntington Beach, que é a parte mais famosa e badalada da cidade. 

O amor de Huntington Beach pelos cachorros é tão grande que, em 2009, ela foi apelidada oficialmente de cidade dos cachorros nos Estados Unidos.

A localidade também é oficialmente chamada como a capital do surfe, por ser o ponto de encontro de surfistas no país, e o que será que acontece com a mistura da cidade do surfe com a dos cachorros? Cachorros surfistas, claro!

E eu nem estou mentindo. Há escolinha de surfe pra cachorros em Huntington Beach e todo ano, na época da maior competição deste esporte nos Estados Unidos, os cachorros roubam a cena surfando durante os dias da abertura do campeonato.

Leia também: Visto para morar nos Estados Unidos 

Eu pensei em colocar o meu cachorro para aprender a surfar, mas morro de medo. Obviamente as ondas são pequenas, é na beira, e eles usam colete salva-vidas, mas ainda assim não tive coragem. Mas que é uma graça ver os bichinhos em suas pranchas, isso é. E eles adoram. 

Outro ponto interessante é que a maioria dos hotéis aceitam hóspedes com seus cachorros, mas isso acontece no estado inteiro da Califórnia. Mesmo os hotéis grandes, em sua maioria, aceita os bichinhos.

Existe uma taxa em alguns deles, mas ela é anulada se o seu animal for registrado como suporte emocional ou se for um animal de serviço (geralmente usados para pessoas com deficiência visual).

Mas não ache que a cidade é suja por conta disso. Existem grupo de voluntários dedicados a limpar a praia dos cachorros e seus parques. É tudo superlimpo, aliás, comparado a Los Angeles, Huntington Beach é o paraíso da limpeza. 

A prefeitura exige que todos os animais que moram aqui sejam registrados. O registro pode ser feito on-line, logo após feito um exame veterinário indicando que o animais encontra-se em boa saúde física.

Dentre as exigências está a instalação do chip no animal, esse é feito geralmente durante a cirurgia de castração (normalmente obrigatória na Califórnia). O chip ajuda a localização de seu animalzinho em caso da perda do mesmo.

Com esse equipamento, qualquer veterinário ou abrigo de animais consegue pegar as informações dos donos para que seus bichinhos sejam devolvidos.

Deixe um comentário

Por favor inclua o seu comentário
Por favor escreve o seu nome aqui

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.